Controle de Daninhasna cultura do Cafeeiro

Download Controle de Daninhasna cultura do Cafeeiro

Post on 24-Mar-2016

215 views

Category:

Documents

2 download

DESCRIPTION

Controle de Daninhas na cultura do Cafeeiro

TRANSCRIPT

  • 06/09/2011

    1

    Controle de Daninhas

    na cultura do Cafeeiro

    Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Departamento de Produo Vegetal

    LPV 672 Biologia e Manejo de Plantas Daninhas

    Airton N. Domingues Jr. Gabriel N. P. Kors Richard V. D. Broek

    Arbustos Perenes

    103 espcies so conhecidas

    Duas principais espcies

    Coffea arabica

    Coffea canephora

    Precisa de altas temperaturas e muita umidade

    Produo:

    Amrica Latina e Caribe, frica Equatorial, ndia e Sudeste da sia

  • 06/09/2011

    2

    Regies tropicais favorecem o aparecimento de plantas daninhas

    Luz, calor, umidade e nutrientes

    COMPETIO COM O CAF

    gua, nutrientes

    Sombreamento

    Nutriente Quantidade extrada (Kg/ha)

    N 96

    P2O5 7

    K2O 60

    CaO 42

    MgO 9

    Fonte: Miguel et alli.

    Tratamento (Capina) % de perda de produo Sempre limpo 0

    Capina out. a fev. 7

    Capina dez a abril 12

    Capina dez a set 13

    Capina dez a fev 18

    Capina maio a set 37

    Sempre no mato 43

    Fonte: Miguel et alli.

    Tipos de controle

    Manual

    Mecanizada

    Qumica

    Combinao de processos

    Animais

    Capina Manual

    Sem muitas exigncias topogrficas e da cultura

    Mo-de-obra

    Cuidados com

    Tamanho do mato, presena de sementes, eliminao de focos, plantas que pegam com facilidade, dias de chuva e afiao das ferramentas

    No realizar a capina rapada

  • 06/09/2011

    3

    Capina mecanizada

    Maior rendimento

    Revolvimento do solo

    Tipos

    Roa-carpa, grade carpideira, roadeira e trincha (triton)

    Capina qumica

    Rapidez, rendimento, pouca mo de obra, sem revolvimento do solo, cobertura no solo, sem limitaes em perodos de chuva.

    Necessita de produtos e equipamentos adequados, mo de obra especializada, fitotoxidez.

    Tipos e doses

    Pr-emergncia

    Triazinas, Diuron, Metribuzin, Oxifluorfen, Azafenidin

    Diuron e Oxifluorfen 4 L/ha

    Ps-emergncia (Jato dirigido)

    Glyphosate, Paraquat, MSMA e 2,4-D

    Glyphosate 3 a 5 L/ha

    Misturas prontas de pr e ps

    Paraquat + Triazina ou + diuron,

    Ampliar espectro de ao

    Herbicidas especficos

    Cafeeiros mais jovens, devido a fitotoxidez

    Cethoxidin, Fluazitopbutil, Fenoxaprop-p-etil e acetochlor

    Acetochlor 2 a 4 L/ha

    Mistura de tanque

    Maior espectro de ao ou a residualidade dos produtos

    Mais usado o Glyphosate + 2,4-D

    Modo e poca

    Pr-emergentes

    Solo limpo e mido

    Ps inicial

    Ervas em estgio inicial

    Ps-emergentes

    Aplicado sobre o mato em franca vegetao

    Melhor absoro e translocao

  • 06/09/2011

    4

    poca de aplicao

    Pr-emergentes

    Aps a arruao em invernos midos

    Aps esparramao no incio das chuvas

    Ps-emergentes

    No h poca fixa (levar em conta o tamanho do mato)

    Duas pocas bsicas Nov/Dez Aps emergncia das daninhas

    Mar/Abr Final do perodo chuvoso

    Cuidados no uso de herbicidas

    Regulagem do pulverizador

    Deriva

    Vento e UR

    Chuvas

    EPI

    Cuidados com embalagens usadas

    Aplicar a calda logo aps o preparo

    Combinao de processos Capina na linha e roada/herbicida (ps) na

    rua

    Capina manual na linha e mecanizada na rua

    Herbicida na linha e roada/capina na rua

    Capina seguida de pr na linha e roada /ps/capina na rua

    Roadas combinas com capinas ou herbicidas para eliminar o mato rasteiro

    Aplicao de herbicida ps (novembro), 2,3 roadas at fevereiro e outra aplicao de ps em maro

    Animais

    Consrcio com pastejo

    Carneiros (ervas, capins e folhas largas)

    Ovelhas

    Boas, pois no se alimentam das folhas do caf

    Bovinos

    Galinhas caipiras

    Processo Operaes e / rendimentos/ha

    Custo mdio (R$/ha)

    Manual com enxada 4-5 capinas 50 homens/dia

    750,00

    Herbicidas (manual) 2-3 aplicaes/ano 4-5 litros de herb.

    9 homens/dia

    207,00

    Roadas e capinas mecaniz. E repasse manual

    3 roadas 6 ht 3 capinas 10 ht

    3 repasses 6 homens/dia

    430,00

    Herbicida de aplicao tratorizada

    2-3 aplicaes/ano 5-6 ht

    4-5 litros de herb. 2-3 homens/dia repasse

    manual

    252,00

    Roada na rua e herbiida na rua/linha

    3 roadas 6 ht 2 apl. de herb. na linha

    1 apl. De herb. na rua 4 ht 3-4 litros de herb.

    1-2 homem/dia para repasse

    316,00

    Referncias bibliogrficas

    Cultura de caf no Brasil

    Matiello, Santinato, Garcia, Almeida e Fernandes

    2005

    FAO, 2006

  • 06/09/2011

    5

    OBRIGADO

Recommended

View more >