CONTRATO DE GARANTIA - media. ?· b) Cabeçote: dispositivos internos do cabeçote: cabeçote, junta…

Download CONTRATO DE GARANTIA - media. ?· b) Cabeçote: dispositivos internos do cabeçote: cabeçote, junta…

Post on 22-Nov-2018

215 views

Category:

Documents

0 download

TRANSCRIPT

  • ADMINISTRAO

    CONTRATO DE GARANTIA (6 Meses).

    Modelos de veculos de OUTRAS MARCAS MODELOS PASSEIO NACIONAL (CMBIO MECNICO) UTILITRIO PEQUENO

    SUV (MECNICA / AUTOMTICO / AUTOMATIZADO)

    4X4 (MECNICA / AUTOMTICO / AUTOMATIZADO)

    PICKUP PEQUENA

    FURGO PEQUENO

    OUTROS UTILITRIOS (MECNICA/AUTOMTICO/AUTOMATIZADO)

    OUTRAS PICKUPS (MECNICA/AUTOMTICA/AUTOMATIZADO)

    FURGO (GASOLINA)

    MODELOS PASSEIO NACIONAL (CAMBIO AUTOMTICO/AUTOMATIZADO)

    MODELOS COM MOTORIZAO DIESEL IMPORTADOS (DIESEL) MODELOS IMPORTADOS

    SUV (MECNICA/AUTOMTICO/AUTOMATIZADO) 4X4 (MECNICA/AUTOMTICO/AUTOMATIZADO)

    0

  • ADMINISTRAO

    CONTRATO DE GARANTIA (6 Meses).

    ndice

    1 DEFINIES

    2 OBJETO DA ASSISTNCIA MECNICA

    3 VECULOS COBERTOS

    4 INCIO E DURAO DA ASSISTNCIA MECNICA

    5 INAPLICABILIDADE DA ASSITNCIA MECNICA

    6 TRANSMISSO DA ASSISTNCIA MECNICA

    7 COBERTURA

    8 COMPONENTES INCLUDOS E NO INCLUDOS NA REPARAO

    9 COMPONENTES EXCLUDOS DA PRESENTE ASSISTNCIA MECNICA

    10 OUTRO COMPONENTES FORMALMENTE EXCLUDOS

    11 LIMITES DA ASSISTNCIA MECNICA

    12 CAUSAS DA NO EXECUO DO CONTRATO

    13 OBRIGAES DO PROPRIETRIO DO VECULO

    14 PROCEDIMENTOS EM CASO DE AVARIA

    15 ASSISTNCIA DE ATENDIMENTO E GUINCHO

    16 ABRANGNCIA DE VIGNCIA

    17 DISPOSIES COMPLEMENTARES

    18 FORO

  • 1 CLUSULA PRIMEIRA DEFINIES

    1.1. Os termos e expresses utilizados no presente contrato tero as seguintes definies:

    a) LOCADORA/LOJISTA/DISTRIBUIDOR: Entidade vendedora do veculo;

    b) BENEFICIRIO: O proprietrio do veculo adquirido;

    c) GESTORA: Empresa responsvel pelo planejamento, organizao, controle e execuo das obrigaes estipuladas neste

    instrumento;

    d) OFICINA TCNICA ou ASSISTNCIA TCNICA: o servio de reparos de defeitos das peas danificadas (sem nus para o

    proprietrio) prestado pela Gestora, nos casos de avaria de peas mencionadas neste contrato, nas oficinas autorizadas

    da marca ou nas oficinas credenciadas pela GESTORA;

    e) ASSISTENTE TCNICO: Funcionrio responsvel pela execuo do servio de reparo de defeitos das peas mencionadas

    no presente contrato;

    f) AVARIA: Entende-se por avaria mecnica ou eltrica, a incapacidade de uma pea garantida de funcionar conforme as

    especificaes do fabricante, resultante de uma falha mecnica ou eltrica. No considerada avaria a reduo

    gradual do rendimento de uma pea devido idade, uso e quilometragem do veculo, o mau uso, atos da natureza ou

    acidente e demais casos especificados no presente instrumento;

    g) FABRICANTE: Aquela que realizou e criou o veculo acabado ou de parte(s) componente(s) do mesmo, adquirida pelo

    beneficirio e objeto da presente assistncia mecnica;

    CONDIES GERAIS DA ASSISTNCIA MECNICA PREMBULO

    Pelo presente instrumento particular, de um lado:

    a) EDEGA-SNG AMERICA LATINA LTDA, Rua Dona Elisa Flaquer 70, Conj. 95, Edifcio Azimute, Centro, Santo Andr, SP, CEP

    09020-160, CNPJ/MF 13.536.626/0001-69, doravante simplesmente designada como GESTORA, e do outro lado;

    b) O Proprietrio do veculo abrangido pela assistncia mecnica, doravante simplesmente designado como BENEFICIRIO.

    CONSIDERANDO

    a) Que a GESTORA empresa atuante no ramo de prestao de servio de gesto do contrato de assistncia mecnica,

    administrao de servios terceirizados de manuteno e reparao mecnica para veculos automotores terrestres e,

    nessa qualidade, gestora dos contratos de assistncia mecnica aos veculos comercializados pela CONCESSIONRIA

    RENAULT;

    b) Que o BENEFICIRIO adquirente de veculo automotivo comercializado pela CONCESSIONRIA RENAULT. As partes, de

    comum acordo, tm entre si justo e contratado o quanto segue:

    2 CLUSULA SEGUNDA OBJETO DA ASSISTNCIA MECNICA

    2.1. Pelo presente contrato a GESTORA assume o compromisso de mandar reparar nas oficinas credenciadas pela GESTORA

    ou na oficina de assistncia tcnica autorizada da marca mais prxima e mais vivel para execuo do processo de

    reparao, provocadas por uma avaria mecnica ou eltrica de origem fortuita de uma ou mais peas contempladas

    neste instrumento contratual, na forma definida pela Clusula 7 do presente contrato.

    2.2. Tratando-se de uma assistncia mecnica, em caso de dvida sobre a sua definio, aplicar-se-: Responsabilidade da

    GESTORA pelos custos decorrentes da eventual e fortuita avaria das peas de rgos mecnicos ou eltricos de veculos

    automotores terrestres, descritas na clusula 7 do presente contrato, assegurando o pagamento, at ao limite necessrio

    substituio da pea avariada, OFICINA TCNICA.

    2.3. A GESTORA poder, a seu exclusivo critrio, substituir a pea avariada por uma pea nova. O BENEFICIRIO, ao assinar e

    receber os termos e condies do presente contrato autoriza a utilizao da pea escolhida pela GESTORA.

    2.4. Entende-se por avaria mecnica ou eltrica, a incapacidade de uma pea garantida de funcionar conforme as

    especificaes do fabricante, resultante de uma falha mecnica ou eltrica. No considerada avaria a reduo

    gradual do rendimento de uma pea devido idade, ou seja, devido ao seu desgaste com o decorrer do tempo, uso e

    quilometragem do veculo.

    2.5. O presente contrato tem como nica finalidade permitir a entrega do veculo garantido no mesmo estado de

    funcionamento anterior avaria. No est prevista neste contrato a cobertura de quaisquer danos e prejuzos diretos ou

    indiretos, mesmo que sejam causados por uma avaria coberta pela assistncia mecnica.

    3 CLUSULA TERCEIRA VECULOS COBERTOS

    3.1. O presente certificado aplicvel a todos os veculos automotores terrestres nacionais, contendo as seguintes

    caractersticas:

    a) Peso bruto inferior a 4,0 toneladas, at 5 anos de idade e com menos de 100.000 km na data da venda;

    b) Estejam em conformidade com as normas de circulao de veculos previstas pela Legislao Brasileira vigente;

    c) Tenham sido objeto de um Check List Inspeo Tcnica de 100 itens antes da venda, nomeadamente a verificao dos

    nveis de leo, filtros, sistema de direo, sistema de freio, sistema de suspenso e amortecedores, faris, sistema eltrico e

    pneus;

    3.2. Esto excludos do presente contrato os veculos destinados ao uso profissional, tais como veculos de aluguel, txis,

    ambulncia, auto escola, veculos de conduo e de transporte de passageiros ou mercadorias, os veculos utilizados

    para fins desportivos ou de competio, veculos modificados, com a exceo de blindados, bem como veculos

    vendidos a lojistas e frotistas.

    4 CLUSULA QUARTA INCIO E DURAO DA ASSISTNCIA MECNICA

    4.1. Incio e durao - O presente contrato de assistncia mecnica ter incio na data da venda e entrega efetiva do veculo

    ao BENEFICIRIO, vigorando a partir da data de ativao do mesmo no Portal Renault Selection

    http://sngbrasil.com.br/Renault/Cura/login.aspx, sendo este procedimento acima, de inteira responsabilidade do

    CONCESSIONRIO, entidade vendedora do veculo, para emisso da Proposta de adeso / Aplice de Seguro, sob a

    condio dessa Proposta de adeso / Aplice de Seguro ser enviado GESTORA nos 10 dias imediatos data da venda.

    4.2. A durao do presente contrato e a cobertura esto identificadas na Proposta de adeso / Aplice de Seguro e nas

    Condies Gerais do Contrato Assistncia Mecnica, sob reserva da sua validao e do pagamento efetivo do presente

    contrato nos termos acordados.

    http://sngbrasil.com.br/Renault/Cura/login.aspx

  • 5 CLUSULA QUINTA INAPLICABILIDADE DA ASSISTNCIA MECNICA

    5.1. Nos casos de a Proposta de adeso / Aplice de Seguro no ser recepcionada pela GESTORA nos 10 dias seguintes

    data da venda do veculo.

    5.2. Em caso de falsas declaraes, omisses e/ou inexatides nas declaraes feitas na subscrio e no decurso do contrato.

    5.3. A GESTORA reserva-se ao direito de no aceitar o contrato de assistncia mecnica, desde que explique o motivo ao

    BENEFICIRIO. Nestes casos, ser enviada ao cliente uma carta registrada no prazo de 10 dias teis aps a concluso da

    anlise.

    5.4. Caso o veculo no esteja em conformidade com qualquer disposio aplicvel, nomeadamente sobre inspees

    peridicas, ambientais ou alteraes das suas caractersticas tal como definidas pelo fabricante.

    5.5. Caso o hodmetro tenha sido desligado ou alterado, sem que tenha sido dado conhecimento GESTORA.

    5.6. No caso da realizao de qualquer reparao no veculo do BENEFICIRIO sem que tenha dado conhecimento

    GESTORA.

    5.7. A inaplicabilidade do presente contrato de assistncia mecnica, na forma dos casos supracitados, ter efeito na data

    do acontecimento que a motivou. A GESTORA no proceder nestes casos a qualquer reembolso.

    6 CLUSULA SEXTA TRANSMISSO DA ASSISTNCIA MECNICA

    6.1. O presente contrato poder ser transmitido a um novo beneficirio no seguimento da venda do veculo, sem nenhum

    custo adicional.

    7 CLUSULA STIMA - COBERTURA

    7.1. ESTO COBERTAS PELA PRESENTE ASSISTNCIA MECNICA AS PEAS DOS SEGUINTES DISPOSITIVOS DO VECULO:

    a) Motor: dispositivos internos do bloco: pistes, bielas, bronzinas de bielas, anis, pinos e travas, camisas do cilindro,

    virabrequim, bronzinas de mancal, bomba de leo, corrente de comando e engrenagens.

    b) Cabeote: dispositivos internos do cabeote: cabeote, junta e parafusos do cabeote, rvore de comando de vlvulas,

    mancais, tuchos hidrulicos e mecnicos, balancins, eixo dos balancins, vlvulas e guia de vlvulas.

    c) Caixa de Cmbio Manual: dispositivos internos: eixo primrio, secundrio e intermedirio, rolamentos, engrenagens, anis

    sincronizadores, garfos seletores, guias e calos.

    d) Caixa de Cmbio Automtica: conversor de torque, cintas, corpo de vlvulas, bomba de leo, planetria, engrenagem,

    estator e turbina.

    e) Caixa de Transmisso (4x4): todos os dispositivos internos lubrificados e moveis, exceto o dispositivo "crter do motor", na

    forma descrito imediatamente abaixo.

    f) Crter do Motor: o crter do motor somente estar garantido na hiptese de ser danificado por outro dispositivo que

    esteja coberto pela presente contrato de assistncia mecnica.

    g) Crteres: Bloco do motor, caixa de velocidades, ponte, estaro unicamente cobertos se danificados por um rgo interno

    e abrangido pela garanta.

    h) Diferencial: pinho, coroa, rolamentos e planetrias.

    i) Transmisses: luvas dos cardans e junta da homocintica, rolamentos de apoio e eixo de transmisses.

    8 CLUSULA OITAVA COMPONENTES INCLUDOS E NO INCLUDOS NA REPARAO

    8.1. Componentes includos em todas as reparaes/substituies das peas mencionadas:

    a) Consumveis (leos): os consumveis esto cobertos unicamente os necessrios para a reparao/substituio de uma

    pea mencionada neste contrato.

    b) Mo de obra: tendo como base a tabela do fabricante, unicamente para a substituio das peas acima referidas. A

    mo de obra necessria para determinar a avaria unicamente das peas contempladas.

    c) Peas: Unicamente as peas identificadas, e unicamente em caso de avaria fortuita.

    8.2. Componentes no includos em todas as reparaes/substituies:

    a) A assistncia no cobre os pequenos fornecimentos, consumveis no necessrios reparao de uma pea coberta, as

    afinaes no originadas por uma avaria mecnica bem como todos os elementos inerentes manuteno/reviso do

    veculo.

    9 CLUSULA NONA COMPONENTES EXCLUDOS DA PRESENTE ASSISTNCIA MECNICA

    9.1. Componentes excludos, em todas as reparaes/substituies das peas antes mencionadas:

    a) Todas as avarias com origem anterior assinatura do presente contrato de assistncia mecnica, incluindo defeitos de

    fabrica.

    b) Todas as avarias resultantes de uma causa externa, nomeadamente pela coliso de corpos estranhos, bem como as

    resultantes de corroso.

    c) Desgaste normal que caracterizado pela comparao entre o estado constatado das peas danificadas, sua

    quilometragem, seu tempo de uso determinado e o potencial mdio de funcionamento que lhe conferido.

    d) Qualquer pea que no figure na relao de peas cobertas identificadas na clusula 7.

    e) Avarias causadas por peas no cobertas, mesmo que venham a afetar peas cobertas.

    f) Componentes que normalmente necessitem de substituio peridica.

    g) As avarias decorrentes de dolo ou negligncia do condutor.

    h) As avarias causadas por uma utilizao anormal/abusiva do veculo ou no conforme com as recomendaes feitas pelo

    fabricante.

    i) Reparaes de avarias causadas por terceiros, fornecedores de peas e mo de obra, e etc., que no momento da

    interveno junto ao veculo enquanto e/ou outro tipo de interveno no observar as regras mecnicas), as avarias

    decorrentes de condies climatricas (frio/calor), imobilizao prolongada do veculo e catstrofes naturais.

    j) Acidentes, furto ou roubo, incndio interno ou externo, transporte ou remoo por autoridade pblica, requisio ou outro

    acontecimento que tenha ocorrido no momento em que o veculo no esteja guarda ou posse jurdica do proprietrio.

    k) As avarias originadas por utilizao de combustvel ou lubrificante no adequado, conforme indicados pelo fabricante.

    l) As avarias originadas pela participao do veculo em qualquer tipo de prova ou competio desportiva, mesmo no

    oficial.

    m) Quando tenham sido montadas peas ou realizadas modificaes e transformaes no veculo sem a autorizao prvia

    da GESTORA ou do fabricante.

  • n) Todas as avarias que surjam, depois do veculo circular, com os indicadores de presso de leo ou temperatura indicando

    qualquer falha no funcionamento destes sistemas.

    o) Todos os danos causados a terceiros, resultantes ou no de acidente de trnsito e que seja consequncia direta ou

    indireta de uma avaria de uma pea abrangida pela assistncia mecnica.

    p) As consequncias indiretas de uma avaria, nomeadamente danos morais ou patrimoniais (danos emergentes ou lucros

    cessantes).

    q) As operaes de lavagem, polimento ou limpeza, estacionamento do veculo, nomeadamente por paralisao na

    oficina, bem como quaisquer danos consequentes.

    r) Acessrios instalados no originais de fbrica (vidros eltricos, travas eltricas, mdulo de subida de vidros, ar

    condicionado e direo hidrulica).

    s) Dos dispositivos dos seguintes componentes do veculo:

    I Motor: Correias, rolamentos, tensores e quebra dos mesmos e derivadas consequncias esto excludas.

    II Cmbio Automtico: Carter, mdulo eletrnico do cmbio automtico e discos composite.

    III Sistema de Direo: Alinhamento, balanceamento, terminal, bieleta e fluido.

    IV Sistema de Ignio: Velas, cabos de velas e bateria.

    V Embreagem: Plat, disco, rolamento/atuador, cilindro e cabo de embreagem.

    VI Suspenso: Rolamentos de rodas, amortecedores, piv/bandejas, buchas, molas, braos oscilantes, batentes e coxins: de

    motor e cmbio.

    VII Circuito Eltrico: Telecomando de travamento das portas, chaves, lmpadas e fusveis.

    VIII Sistema de Freio: Pastilhas, lonas, discos, tambores, cilindros de roda traseira, vlvula de frenagem traseira e pinas,

    calos/sapatas.

    IX Sistema de arrefecimento do motor: mangueiras, reservatrio de expanso completa, limpeza do sistema.

    X Sistema de Climatizao: mangueiras, anis, oring e carga de gs do ar condicionado, limpeza, desobstruo dos dutos

    de ventilao e de drenagem de gua causados por agentes externos (folhas, papis, insetos, etc.).

    XI Acabamento e Carroceria: todas as borrachas, canaletas, pestanas, frisos, vidros, maanetas, fechaduras e jogo de

    cilindros.

    XII Catalisador e Sistema de Escapamento: abafador, silencioso e juntas.

    XIII Superalimentao: tubos, vedantes, juntas, estator e rotor.

    t) A assistncia mecnica no fornece veculo reserva.

    10 CLUSULA DCIMA OUTRO COMPONENTES FORMALMENTE EXCLUDOS

    10.1. Todas as declaraes de avaria, nas quais se verifique que foi comunicada uma quilometragem incorreta,

    voluntariamente, bem como todas as percias cuja realizao no foi possvel pelo fato de o veculo no se encontrar na

    oficina, ou cuja reparao foi realizada antes da passagem do perito. Ser da responsabilidade do reparador ou do

    proprietrio do veculo o reembolso GESTORA dos custos relativos deslocao do perito.

    11 CLUSULA DCIMA PRIMEIRA LIMITES DA ASSISTNCIA MECNICA

    11.1. Cada reparao/interveno est sujeita aos seguintes limites:

    a) Veculos at 5 anos e com menos de 100.000 km na data da venda.

    b) A soma de todas as intervenes no pode ser acima do preo de Nota Fiscal do veculo (quando da efetivao da

    garantia).

    11.2. O total das reparaes pagas no poder ultrapassar o limite do valor da Nota Fiscal do veculo.

    11.3. Qualquer aumento dos montantes autorizados atravs do presente contrato, ser de inteira e exclusiva

    responsabilidade do cliente.

    11.4. A GESTORA reserva-se ao direito de aplicar sobre as peas garantidas (peas novas) o desconto acordado em

    negociao realizada diretamente entre Seguradora e Concessionria.

    11.5. A presente assistncia mecnica no afeta a assistncia garantia legal prevista, observando-se as disposies legais

    vigentes.

    12 CLUSULA DCIMA SEGUNDA CAUSAS DA NO EXECUO DO CONTRATO

    12.1. A GESTORA compromete-se a mobilizar todos os meios de ao que dispe para efetuar o conjunto das prestaes

    previstas no presente contrato. Contudo, a GESTORA no poder ser responsvel pela no execuo do contrato, nem os

    atrasos provocados por:

    a) Atos de vandalismo, danos causados por queda de aeronaves, catstrofes naturais, guerra civil ou com o estrangeiro,

    mobilizao geral, a requisio civil de homens e de material pelas autoridades, atos de sabotagem ou terrorismo

    cometidos num quadro de aes organizadas, conflitos sociais, tais como greves, "lock-out", motins, movimentos

    populares, etc., efeitos da radioatividade, desintegrao do tomo e os efeitos dessa desintegrao, incndio, raio e

    exploso, acidentes diversos, mesmo sucedidos em oficinas reparadoras e casos de fora maior.

    13 CLUSULA DCIMA TERCEIRA OBRIGAES DO PROPRIETRIO DO VECULO

    13.1. O proprietrio do veculo compromete-se a respeitar os procedimentos em caso de avaria tal como descritos na

    clusula 14 do presente contrato, sob pena de no ser comprovada a avaria e da perda dos direitos da presente

    assistncia mecnica.

    14 CLUSULA DCIMA QUARTA PROCEDIMENTOS EM CASO DE AVARIA

    14.1. O veculo dever estar parado em local seguro e desligado aps os primeiros sintomas de avaria. No sendo

    respeitado este procedimento, em caso de agravamento da avaria, as consequncias sero de responsabilidade do

    condutor do veculo.

    14.2. O condutor dever entrar em contato atravs do nmero do SAC 24h 0800-727-9415 (Atendimento ao

    Cliente/Dvidas/Reclamaes) fornecido no ato da compra do veculo ou para o Servio SINISTRO, atendimento, exceto

    feriados, de segunda quinta das 8:00hrs s 18:00hrs e sexta das 8:00hrs s 17:00hrs, nos telefones: 3003-3829 (Capitais e

    Regies Metropolitanas) e 0800-200-0456 (Demais Localidades) ou para Servio de Assistncia 24h no telefone: 0800-200-

    0314.

  • 14.3. Caso o veculo se encontre paralisado devido a avaria causada por itens cobertos pelo contrato, o veculo ser

    rebocado at as oficinas credenciadas pela GESTORA, ou ao local de guarda de veculos com avarias indicados pela

    GESTORA, o mais prximo e vivel das localidades anteriormente mencionadas.

    14.4. A oficina dever, antes de qualquer desmontagem ou reparao, contatar o Departamento Tcnico da SNG BRASIL,

    para os telefones indicados em 14.2..

    14.5. Todas as informaes obtidas desde o incio da avaria devero ser transmitidas GESTORA no prazo de trs dias

    seguintes avaria, para anlise prvia de todo o processo de avaria, contendo as seguintes informaes:

    a) Nmero da Proposta de adeso;

    b) Quilometragem do veculo na data da avaria;

    c) Comentrios gerais sobre a ocorrncia da avaria.

    14.6. A deciso sobre a realizao ou no da reparao da avaria dever ser comunicada pela GESTORA por escrito ao

    ASSISTENTE TCNICO da oficina. Em caso de autorizao de reparao, ser enviado um Nmero de Autorizao que

    dever ser mencionado na fatura de reparao.

    14.7. Qualquer reparao ou interveno efetuada no veculo antes da prvia autorizao por escrito, enviada pelo

    Departamento Tcnico da GESTORA, no ser aceita.

    14.8. No caso de percia, devero o proprietrio e o assistente tcnico da oficina aguardar a visita do perito antes do incio

    de qualquer interveno.

    14.9. O veculo dever ser colocado disposio do perito nomeado pela GESTORA, bem como o presente contrato de

    assistncia mecnica, assim como as faturas referentes manuteno/reviso do veculo e os respetivos documentos do

    veculo.

    14.10. O aumento irregular dos valores orados ou a utilizao voluntria de demonstrativos ou documentos falsos, bem

    como a utilizao de meios fraudulentos por parte do proprietrio do veculo, conduziro todo o processo de avaria a

    perda, cancelamento e anulao de todos os direitos previstos no presente contrato.

    14.11. A GESTORA poder solicitar ao ASSISTENTE TCNICO da oficina o envio dos demonstrativos da compra das peas

    substitudas no veculo ou proceder ao recolhimento das peas com avaria. Cabe ao ASSISTENTE TCNICO respeitar este

    pedido.

    14.12. Caso a solicitao descrita na clusula acima mencionada seja descumprida pelo ASSISTENTE TCNICO, o Nmero de

    Autorizao de reparao ser considerado invlido, e o ASSISTENTE TCNICO da oficina dever proceder emisso de

    nota de crdito da fatura da reparao respectiva em favor da GESTORA, para possibilitar o reembolso da quantia total

    despendida para a execuo do servio, que ficar a cargo, solidariamente, entre o ASSISTENTE TCNICO e o

    BENEFICIRIO.

    15 CLUSULA DCIMA QUINTA ASSISTNCIA DE ATENDIMENTO E GUINCHO

    15.1. A presente conveno de assistncia determina as prestaes que sero fornecidas ao BENEFICIRIO do presente

    contrato de assistncia mecnica.

    15.2. A assistncia ser disponibilizada unicamente nos casos de paralisaes dos veculos decorrentes de defeitos que

    surjam no seguimento de uma avaria coberta pelo presente contrato de assistncia mecnica.

    15.3. A assistncia em viagem cobre, at aos seguintes limites, as seguintes situaes:

    a) Reparao e/ou reboque do veculo em decorrncia de avaria. Este procedimento est limitado ao percurso de 100 km.

    b) No caso de pane que impea o veculo circular por meios prprios, a GESTORA se encarregar de retirar e rebocar o

    veculo em guincho tipo plataforma at oficina ou assistncia tcnica indicada pela GESTORA. Este procedimento est

    limitado ao percurso de 100 km. A GESTORA no se responsabiliza pelo transbordo, guarda ou ainda danos relativos

    objetos transportados pelo BENEFICIRIO.

    15.4. Transporte dos ocupantes do veculo avariado:

    a) Ficando o veculo paralisado no municpio de residncia do BENEFICIRIO, a GESTORA providenciar um txi a partir do

    local da pane at a sua residncia ou local de trabalho.

    15.5. Excluses de carter geral:

    a) No ficam garantidas por este contrato as prestaes que no tenham sido solicitadas aos Servios de Assistncia, e que

    no tenham sido efetuadas mediante o seu de acordo, salvo nos casos de fora maior ou de impossibilidade material

    demonstrada;

    b) Encontram-se ainda excludos do presente contrato, no caso de ocorrncia da hiptese prevista na clusula acima, todos

    os gastos com combustvel, pedgios, alojamento, refeies, txi, multas, furto ou roubo do veculo, seus acessrios,

    bagagens e objetos pessoais.

    16 CLUSULA DCIMA SEXTA ABRANGNCIA DE VIGNCIA

    16.1. O presente contrato de assistncia mecnica vlido somente em territrio Brasileiro.

    17 CLUSULA DCIMA STIMA DISPOSIES COMPLEMENTARES

    17.1. Em qualquer avaria, a GESTORA reserva-se o direito de:

    a) Examinar o veculo por um perito em automvel, cujo relatrio ser definitivo, final e vinculando todas as partes ao seu

    cumprimento, devendo o veculo ser colocado disposio do perito, assim como o presente contrato de assistncia

    mecnica, a fatura de aquisio do veculo, os justificativos de revises e os documentos do veculo. O BENEFICIRIO

    aceita admitir como prova o contedo do relatrio de percia ao veculo, cabendo-lhe a ele inverter o nus da prova em

    caso de discordncia.

    b) Mandar reparar o veculo numa oficina sua escolha.

    c) No efetuar qualquer tipo de reembolso.

    d) Efetuar todas as diligncias judiciais para aferir da existncia de fraude ou falsas declaraes e, bem assim, reclamar o

    reembolso de todas as reparaes que haja pagado indevidamente.

    17.2. Caso qualquer das clusulas do presente contrato venha a ser julgada invlida ou no oponvel parte ou partes

    obrigadas ao seu cumprimento, seja por que razo for, o presente contrato permanecer vlido e em vigor relativamente

    s demais clusulas que foram acordadas, substituindo-se a clusula ou clusulas julgadas invlidas ou inoponiveis, pela

    clusula ou clusulas que mais adequadamente reflitam a vontade das partes, os fundamentos essenciais da vontade de

    contratar, a economia geral do presente contrato e que melhor e mais equitativamente permitam cumprir as suas

  • disposies essenciais. O no respeito das clusulas deste contrato retira SNG, a responsabilidade no cumprimento das

    obrigaes inerentes presente assistncia mecnica.

    18 CLUSULA DCIMA OITAVA FORO

    18.1. Em caso de litgio emergente do presente contrato, bem como qualquer dificuldade de interpretao ou execuo

    do mesmo, elegem as partes o foro da comarca de So Paulo, com expressa renncia a qualquer outro, por mais

    privilegiado que seja.

Recommended

View more >