Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São ... ?· Medicina Veterinária do Estado…

Download Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São ... ?· Medicina Veterinária do Estado…

Post on 20-Nov-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

TRANSCRIPT

  • EDITAL n 01/2009 DO CONCURSO PBLICO 01/2009 CRMV-SP, DE 07 DE ABRIL DE 2009 Abertura PGINA 1 DE 13

    EDITAL n 01/2009 DO CONCURSO PBLICO 01/2009 CRMV-SP, DE 07 DE ABRIL DE 2009 ABERTURA Francisco Cavalcanti de Almeida, presidente do Conselho Regional de Medicina Veterinria do Estado de So Paulo CRMV-SP, no uso de suas atribuies legais, mediante as condies estipuladas neste Edital, em conformidade com a Constituio Federal e demais disposies atinentes matria, TORNA PBLICA a realizao do CONCURSO PBLICO, sob regime da Consolidao das Leis Trabalhistas, para provimento de vagas do Quadro de Pessoal do Conselho Regional de Medicina Veterinria do Estado de So Paulo. 1. DAS DISPOSIES PRELIMINARES 1.1. O Concurso Pblico ser executado pelo Instituto Quadrix de Tecnologia e Responsabilidade Social. 1.2. A seleo destina-se ao provimento das vagas existentes no quadro de empregados do CRMV-SP, de acordo com a Tabela do item 1.7. e, ainda, das que surgirem no decorrer do prazo de validade do Concurso Pblico, que de 2 (dois) anos, prorrogvel por igual perodo, a contar da data de homologao do certame. 1.3. A seleo para os cargos de que se trata este Edital compreender exame intelectual, de carter classificatrio e eliminatrio, para aferir conhecimentos e habilidades, mediante aplicao de prova objetiva para o cargo de nvel fundamental; prova objetiva e de redao para os cargos de nvel mdio; e prova objetiva, de redao e de ttulos para o cargo de nvel superior. 1.4. A contratao para todas as vagas informadas no item 1.7. ser feita de acordo com as necessidades e a convenincia de contratao do CRMV-SP. 1.5. Alm das vagas ofertadas abaixo, o presente Concurso Pblico servir para formao de cadastro reserva sem oferecimento de vagas, sendo a contratao e o preenchimento de vagas decorrentes de sua vacncia durante o perodo de validade referenciado no item 1.2. 1.6. Os requisitos para investidura nos cargos esto relacionados no Anexo I. 1.7. Tabela de cargos, locais de trabalho, jornada de trabalho, salrios, vagas, escolaridades e taxas de inscrio:

    Nvel Fundamental Salrio Jornada de Vagas(**) Taxa Cod Cargo

    Cidade de Lotao Inicial(*) Trabalho Efetiva Reservas Inscrio

    100 Servios Gerais So Paulo R$ 900,00 40h 10 R$ 20,00 101 Contnuo So Paulo R$ 900,00 40h 10 R$ 20,00

    Nvel Mdio Salrio Jornada de Vagas(**) Taxa Cod Cargo

    Cidade de Lotao Inicial(*) Trabalho Efetiva Reservas Inscrio

    200 Auxiliar de Servio de Apoio So Paulo 40h 6 30 201 Auxiliar de Servio de Apoio Ribeiro Preto 40h 1 20 202 Auxiliar de Servio de Apoio Taubat 40h 1 20 203 Auxiliar de Servio de Apoio Bauru 40h 20 204 Auxiliar de Servio de Apoio Campinas 40h 20 205 Auxiliar de Servio de Apoio Santos 40h 20

    206 Auxiliar de Servio de Apoio para Delegacias Regionais e Sede So Paulo

    R$ 1.283,18

    40h 2 20

    R$ 30,00

    207 Analista Contbil So Paulo R$ 1.532,19 40h 1 10 R$ 35,00 208 Assistente de Setor de Pessoal So Paulo R$ 1.283,18 40h 10 209 Fiscal So Paulo R$ 1.283,18 40h 10 210 Motorista So Paulo R$ 1.283,18 40h 10 211 Tcnico de Informtica So Paulo R$ 1.361,33 40h 10

    R$ 30,00

    Nvel Superior Salrio Jornada de Vagas(**) Taxa Cod Cargo

    Cidade de Lotao Inicial(*) Trabalho Efetiva Reservas Inscrio

    300 Analista de Sistemas So Paulo R$ 2.120,91 40h 10 301 Contador So Paulo R$ 2.120,91 40h 10

    302 Mdico Veterinrio Araatuba, Presidente Prudente, Marlia e regies

    R$ 3.304,31 40h 1 10

    303 Mdico Veterinrio Botucatu, Sorocaba e regies R$ 3.304,31 40h 1 10

    304 Mdico Veterinrio Ribeiro Preto, So Jos do Rio Preto e regies

    R$ 3.304,31 40h 1 10

    R$ 50,00

    * Benefcios: vale-transporte, vale-refeio e plano de sade (com co-participao). ** Cadastro Reserva: havendo necessidade e a critrio do CRMV-SP, sero convocados mais candidatos por ordem de classificao, durante o perodo de validade do processo.

    2. DAS INSCRIES 2.1. A inscrio no Concurso Pblico implica, desde logo, o conhecimento e a tcita aceitao pelo candidato das condies estabelecidas neste Edital. 2.2. As inscries para o concurso do CRMV-SP podero ser realizadas SOMENTE via internet. 2.3. Da Inscrio via Internet 2.3.1. Perodo: das 10h de 08/04/2009 s 12h de 14/05/2009, considerando-se o horrio de Braslia.

    2.3.2. Site: www.quadrix.org.br 2.3.3. O INSTITUTO QUADRIX no se responsabiliza por solicitao de inscrio via internet e no recebida por motivos de ordem tcnica dos computadores, falhas de comunicao, congestionamentos das linhas ou outros fatores de ordem tcnica que impossibilitem a transferncia de dados. 2.3.4. Aps o preenchimento do formulrio eletrnico, o candidato dever imprimir o documento correspondente ao

    Conselho Regional de Medicina Veterinria do Estado de So Paulo CRMV-SP

  • EDITAL n 01/2009 DO CONCURSO PBLICO 01/2009 CRMV-SP, DE 07 DE ABRIL DE 2009 Abertura PGINA 2 DE 13

    pagamento da taxa de inscrio. Este ser o seu registro provisrio de inscrio. 2.3.5. O pagamento da taxa de inscrio feita pela internet dever ser efetuado em qualquer banco da rede bancria, no horrio de expediente bancrio, at o dia 14 de maio de 2009, com o boleto bancrio impresso (no ser aceito pagamento por meio de depsito em conta ou agendamento). 2.3.6. O INSTITUTO QUADRIX, em nenhuma hiptese, processar qualquer registro de pagamento com data posterior ao dia 14 de maio de 2009. 2.3.7. As solicitaes de inscries realizadas com pagamento aps esta data no sero acatadas. 2.3.8. O candidato ter sua inscrio homologada somente aps o recebimento, pelo INSTITUTO QUADRIX, atravs do banco, da confirmao do pagamento de sua taxa de inscrio, no valor estipulado no item 1.7. 2.3.9. Para efetivar sua inscrio, imprescindvel que o candidato possua nmero de Cadastro de Pessoa Fsica (CPF) regularizado. 2.3.10. O candidato que no possuir CPF dever solicit-lo nos postos credenciados: Banco do Brasil, Caixa Econmica Federal, Correios ou Receita Federal, em tempo de conseguir o registro e o respectivo nmero antes do trmino do perodo de inscries. 2.3.11. Ter sua inscrio cancelada e ser automaticamente excludo do Concurso Pblico o candidato que utilizar o CPF de outra pessoa. 2.3.12. O candidato inscrito via internet NO dever enviar cpia de documento de identidade, sendo de sua exclusiva responsabilidade a informao dos dados cadastrais no ato de inscrio, sob as penas da lei. 3. DA INSCRIO PARA PORTADOR DE NECESSIDADES ESPECIAIS 3.1. Aos portadores de necessidades especiais, assegurado o direito de inscrio no presente Concurso Pblico, para o cargo cujas atribuies sejam compatveis com a deficincia de que so portadores. Para tais pessoas so reservadas 5% (cinco por cento) do total das vagas oferecidas, de acordo com o item 1.7. do quadro de vagas do presente Edital, em conformidade com o disposto no art. 37, inciso VIII, da Constituio Federal, de 05 de outubro de 1988, na Lei Federal n 7.853, de 24 de outubro de 1989, regulamentada pelo Decreto Federal n 3.298, de 20 de dezembro de 1999. 3.2. Para concorrer a uma dessas vagas, o candidato dever, no ato da inscrio, declarar-se portador de deficincia. Os candidatos que no se declararem com deficincia participaro do Concurso Pblico em igualdade de condies com os demais candidatos. 3.3. As vagas destinadas aos portadores com necessidades especiais que no forem providas por falta de candidatos, por reprovao no Concurso Pblico ou na percia mdica, sero preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de classificao. 3.4. Os portadores de necessidades especiais, resguardadas as condies especiais previstas na legislao prpria, participaro do Concurso Pblico em igualdade de condies com os demais candidatos, no que se refere s provas aplicadas, ao contedo das mesmas, avaliao e aos critrios de aprovao, ao horrio e local de aplicao das provas e nota mnima exigida para todos os demais candidatos. 3.5. A publicao do resultado final do Concurso Pblico ser feita em uma lista, contendo a pontuao de todos os candidatos, inclusive a dos portadores de necessiades especiais. 3.6. Os portadores de necessiades especiais, aps efetivada a inscrio via internet, devero postar at 14 de maio de 2009, via SEDEX, ao endereo do INSTITUTO QUADRIX DE TECNOLOGIA E RESPONSABILIDADE SOCIAL: CLN 113, Bloco C, Salas 105 e 110, Asa Norte, CEP 70.763-530 Braslia-DF, os seguintes documentos:

    a) laudo mdico original (ou cpia autenticada), expedido no prazo mximo de 90 (noventa) dias antes do trmino das inscries, atestando a espcie e o grau de deficincia, com expressa referncia ao cdigo correspondente da Classificao Internacional de Doena (CID), bem como provvel causa da deficincia de que so portadores; e b) requerimento, solicitando vaga especial, constando o tipo de deficincia e a necessidade de prova especial, se for o caso (conforme modelo Anexo III deste Edital). Caso o candidato no encaminhe o laudo mdico e o respectivo requerimento, at o prazo determinado, no ser considerado como deficiente apto para concorrer s vagas reservadas, mesmo que tenha assinalado tal opo na Ficha de Inscrio. 3.7. O envio da documentao incompleta, fora do prazo acima definido ou por outra via diferente do SEDEX, causar o indeferimento do seu pedido de inscrio como portadora e necessiades especiais e far com que o candidato participe do Concurso Pblico em igualdade de condies com os demais candidatos. 3.8. Os candidatos que se declararem com deficincia e forem convocados para a comprovao de requisitos, devero submeter-se percia mdica promovida por equipe multiprofissional designada pelo CRMV-SP, que ter deciso sobre a sua qualificao como portador de necessidades especiais ou no, bem como sobre o grau de deficincia incapacitante para o exerccio do cargo. 3.9. Os candidatos devero comparecer percia mdica, munidos de laudo mdico que ateste a espcie e o grau ou nvel de deficincia, com expressa referncia ao cdigo correspondente da Classificao Internacional de Doenas (CID), bem como provvel causa da deficincia. 3.10. O candidato portador de necessidades especiais poder solicitar atendimento especializado para a realizao das provas, conforme previsto no artigo 40, pargrafos 1 e 2 do Decreto Federal n 3.298 de 20 de dezembro de 1999, devendo solicit-lo, por escrito, no ato de inscrio. 3.11. No sero considerados como deficincia os distrbios de acuidade visual passveis de correo simples do tipo miopia, astigmatismo, estrabismo e congneres. 4. DAS DISPOSIES GERAIS SOBRE A INSCRIO 4.1. Antes de efetuar o recolhimento da taxa, o candidato dever certificar-se de que possui todas as condies e pr-requisitos para concorrer s vagas disponveis. Em nenhuma hiptese haver devoluo da taxa de inscrio, salvo se for cancelada a realizao do Concurso Pblico, no todo ou em parte, por motivos relevantes, quer por deciso do CRMV-SP, quer por deciso judicial. 4.1.1. Na eventualidade de cancelamento do certame, pelos motivos referidos no item 4.1., o CRMV-SP e o INSTITUTO QUADRIX no sero responsabilizados por eventuais prejuzos causados aos candidatos. 4.2. No haver iseno total ou parcial do valor da taxa de inscrio, exceto para o candidato que se declarar impossibilitado de arcar com o pagamento dessa taxa e comprovar renda familiar mensal igual ou inferior a R$ 930,00 (novecentos e trinta reais). 4.2.1. O interessado que preencher os requisitos do subitem anterior e desejar iseno de pagamento da taxa de inscrio nesta Seleo Pblica dever preencher o requerimento de Declarao de Hipossuficincia Financeira disponibilizado no site do Instituto, juntamente com cpia autenticada dos documentos comprobatrios de sua condio, citados no subitem 4.2.2 e 4.2.3 e encaminhar todos os documentos, impreterivelmente de 15 a 22 de abril de 2009, por meio de carta registrada com Aviso de Recebimento (AR), ao Instituto Quadrix de Tecnologia e Responsabilidade Social: CLN 113, Bloco C, Salas 105 a 113, Asa Norte CEP: 70.763-530 Braslia-DF, mencionando SOLICITAO DE ISENO CONCURSO PBLICO 01/2009 CRMV-SP.

  • EDITAL n 01/2009 DO CONCURSO PBLICO 01/2009 CRMV-SP, DE 07 DE ABRIL DE 2009 Abertura PGINA 3 DE 13

    4.2.2. Devero ser entregues como comprovantes de renda os seguintes documentos: a) comprovar condio de desempregado e no estar recebendo seguro-desemprego, por meio da apresentao de cpia autenticada, em Cartrio, da pgina de identificao da Carteira de Trabalho e Previdncia Social (CTPS), com n e srie, e cpia da pgina de contrato de trabalho que identifique as datas de admisso e de demisso do ltimo emprego; b) comprovar consumo mensal de energia eltrica domiciliar que no ultrapasse 100 (cem) kWh, mediante a apresentao de cpia autenticada das ltimas trs contas, as quais devero apresentar o mesmo endereo do candidato, conforme indicado no formulrio de solicitao de inscrio on line; c) no caso de servidores pblicos: contracheque atual; d) no caso de autnomos: declarao de prprio punho dos rendimentos correspondentes a contratos de prestao de servio e/ou contrato de prestao de servios e recibo de pagamento autnomo (RPA). 4.2.3. Alm da apresentao dos documentos necessrios comprovao da renda familiar, o candidato dever entregar cpia autenticada dos seguintes documentos: a) documento de identidade do requerente; b) Cadastro de Pessoa Fsica (CPF) do requerente; c) comprovante de residncia (conta atualizada de energia eltrica, de gua ou de telefone fixo); d) certido de bito de pai(s) e(ou) mantenedor(es), quando for o caso. 4.2.4. As informaes prestadas no requerimento de iseno e a documentao apresentada sero de inteira responsabilidade do candidato, respondendo este por qualquer falsidade. 4.2.5. No ser concedida iseno de pagamento de taxa de inscrio ao candidato que: a) omitir informaes e/ou torn-las inverdicas; b) fraudar e/ou falsificar documentao; c) pleitear a iseno, sem apresentar cpia autenticada, ou cpia simples acompanhadas dos originais, dos documentos previstos nos subitens 4.2.1, 4.2.2 e 4.2.3; e d) no observar o local, o prazo e os horrios estabelecidos no subitem 4.2.1. 4.2.6. No caso da alnea b do item 4.2.5, o candidato ter sua situao informada autoridade policial competente para as providncias cabveis. 4.2.7. No ser permitida, aps a entrega do requerimento de iseno e dos documentos comprobatrios, a complementao da documentao, bem como reviso. 4.2.8. No ser aceita solicitao de iseno de pagamento de taxa de inscrio via postal, via fax ou via correio eletrnico. 4.3. Ao trmino da apreciao dos requerimentos de iseno de taxa de inscrio e dos respectivos documentos, o Instituto Quadrix de Tecnologia e Responsabilidade Social divulgar, no endereo eletrnico: www.quadrix.org.br, em 04 de maio de 2009, a partir das 12h, a listagem contendo o resultado da apreciao dos pedidos de iseno de taxa de inscrio Os candidatos que no tiverem seu pedido atendido tero do dia 05 de maio at o dia 14 de maio de 2009, para confirmar seu interesse em permanecer inscrito na Seleo Pblica e efetuar o pagamento referente taxa de inscrio em qualquer banco da rede bancria. 4.3.1. O interessado que no tiver seu pedido de iseno de taxa de inscrio deferido e que no efetuar a inscrio na forma estabelecida no subitem 4.3 deste Edital estar automaticamente excludo do Concurso Pblico. 4.4. So considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pela Secretaria da Justia e Segurana (SJS) e/ou Secretaria de Segurana Pblica, pelos Ministrios Militares e pelos Corpos de Bombeiros Militares; carteiras expedidas pelos rgos fiscalizadores de exerccio profissional (Ordens, Conselhos); passaporte, certificado de reservista, carteiras funcionais do Ministrio Pblico e da Magistratura, carteiras funcionais expedidas por rgo pblico que, por lei federal, valem como identidade; carteira de trabalho, carteira nacional

    de habilitao (somente no caso do modelo novo, aprovado pelo artigo 159 da Lei n 9.503, de 23 de setembro de 1997). 4.5. No sero aceitos como documentos de identidade: CPF, certido de nascimento, ttulos eleitorais, carteiras de motorista (modelo antigo), carteiras de estudante, carteiras funcionais sem valor de identidade, nem documentos ilegveis, no-identificveis ou danificados. 4.6. vedada a inscrio condicional, extempornea, via fax, via postal ou via correio eletrnico. 4.7. O candidato dever efetuar uma nica inscrio no Concurso Pblico. Em caso de mais de uma inscrio, ser considerada a mais recente. 4.8. As informaes prestadas na solicitao de inscrio via internet sero de inteira responsabilidade do candidato, dispondo ao INSTITUTO QUADRIX o direito de excluir do Concurso Pblico aquele que no preencher o formulrio de forma completa e correta. 4.9. O candidato dever obrigatoriamente preencher de forma completa o campo referente ao nome e endereo, bem como dever informar o CEP correspondente sua residncia. 4.10. O candidato que necessitar de qualquer tipo de cuidado especial para a realizao das provas dever solicit-la, por escrito, no ato da inscrio, indicando claramente na solicitao de inscrio via internet quais os recursos especiais necessrios (materiais, equipamentos). 4.11. A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realizao das provas dever levar um acompanhante, que ficar em sala reservada para essa finalidade e que ser responsvel pela guarda da criana. A candidata que no levar acompanhante no far as provas. 4.12. A solicitao de condies especiais ser atendida obedecendo a critrios de viabilidade e de razoabilidade. 4.13. O comprovante de inscrio estar disponvel no site: www.quadrix.org.br, a partir de 19 de maio de 2009, sendo de responsabilidade exclusiva do candidato a obteno desse documento. 4.13.1 Em caso de no confirmao de inscrio, o candidato dever entrar em contato com o Instituto Quadrix por meio do telefone: (61) 3963.4717, de segunda sexta-feira, no horrio das 9h s 17h. 4.14. A confirmao de inscrio ter a informao do local e o horrio de realizao das provas, o que no desobriga o candidato do dever de observar o edital a ser publicado. 4.15. A confirmao de inscrio recebida pelo candidato meramente informativa e, ainda que extraviada ou por qualquer motivo no recebida, no desobriga o candidato do dever de acompanhar a convocao para as provas no site: www.quadrix.org.br. 4.16. Os eventuais erros de digitao de nome, nmero de documento de identidade, sexo, data de nascimento e outros devero ser corrigidos somente no dia das respectivas provas em formulrio especfico, que ser entregue na sala de prova. 4.17. No sero fornecidas, por telefone, informaes a respeito de datas, locais e horrios de realizao das provas. O candidato dever observar rigorosamente os editais e os comunicados a serem divulgados no site: www.quadrix.org.br. 5. DAS PROVAS 5.1. Ser realizada prova objetiva composta de questes de mltipla escolha, cada uma com 5 (cinco) alternativas para escolha de uma nica resposta correta, em grau de dificuldade compatvel com o nvel de escolaridade mnimo exigido (Anexo I) e o contedo programtico (Anexo II), e de acordo com as especificaes a seguir:

    5.1.1. Nvel Fundamental DISCIPLINA N Questes Peso Pontos Lngua Portuguesa 10 2 20 Matemtica 10 2 20 Conhecimentos Especficos 20 3 60 Total da Prova Objetiva 40 100

  • EDITAL n 01/2009 DO CONCURSO PBLICO 01/2009 CRMV-SP, DE 07 DE ABRIL DE 2009 Abertura PGINA 4 DE 13

    5.1.2. Nvel Mdio DISCIPLINA N Questes Peso Pontos Lngua Portuguesa 10 2 20 Raciocnio Lgico 10 2 20 Informtica 10 1 10 Legislao 10 2,5 25 Conhecimentos Especficos 10 2,5 25 Total da Prova Objetiva 50 100 Redao 2 20

    5.1.3. Nvel Superior (cargos: Contador e Mdico Veterinrio)

    DISCIPLINA N Questes Peso Pontos Lngua Portuguesa 10 2 20 Raciocnio Lgico 10 2 20 Informtica 10 1 10 Legislao 10 2,5 25 Conhecimentos Especficos 10 2,5 25 Total da Prova Objetiva 50 100 Redao 20 Ttulos 20

    5.1.4. Nvel Superior (cargo: Analista de Sistemas)

    DISCIPLINA N Questes Peso Pontos Lngua Portuguesa 1

Recommended

View more >