Comunicando com Maria-jun 2013

Download Comunicando com Maria-jun 2013

Post on 09-Mar-2016

219 views

Category:

Documents

4 download

DESCRIPTION

Informativo da Parquia N. S. de Ftima So Jos dos Campos-SP

TRANSCRIPT

Informativo da Parquia Nossa Senhora de FtimaAltos de Santana - Diocese de So Jos Dos CamposAno 8 - n 82 - Junho de 2013Romaria Paroquialpgina 8Festa de Corpus ChristiPgina 82MariaComunicandocom Ano 8 - n 82Junho de 2013Palavra do ProcoEditorialPe. Thiago DiasExpediente Comunicando com Maria - Distribuio Gratuita Publicao mensal da Parquia Nossa Senhora de Ftima - Rua Serra Dourada, 180 - Altos de Santana - So Jos dos Campos - SP - CEP: 12214-130 - Telefone: (12) 3942-4226 Jornalista Responsvel: Ana Cristina da Costa Silveira MTB(PA): 1.317 - Reviso: Pe. Thiago Dias - Edio, Projeto Grfico e Editorao: Ana Cristina da Costa Silveira Colaboram nesta edio: Mrio Santos, Rogria Machado e Luizinho. Impresso: Jac Editora (12) 3928 1555 - Tiragem: 1.500 exemplaresA hora da JuventudeAgende-seFesta de Nossa Senhora dos Mon-tes ClarosData: 23 de junho - Hora: 11h Local: Comunidade Montes ClarosJornada de Valorizao da VidaData: 23 a 26 de junhoHora: 19h30Local: MatrizFesta JuninaData: 29 e 30 de junho noiteLocal: MatrizFesta de SantAna - JaguariTrduo: 4 a 6 de julho - Hora: 19hFesta: 7 de julho - Hora: 11hSemana Missionria JMJData: 15 a 20 de julho Mais uma vez a Festa de Maria aconteceu. Nos perguntamos o que ficou? Penso que ficaram graas, vida, uma f mais madura e comprometida. Atravessamos a Porta e adentramos no Corao Eucarstico de Jesus. Corao este que emana vida e es-perana. E para aprofundar nossa f con-to-lhes uma histria: Um homem havia pintado um lindo quadro. No dia da apresentao ao pblico, con-vidou vrias pessoa para v-lo. Com-pareceram as autoridades do local, fotgrafos, jornalistas, enfim, uma multido. Afinal, o pintor alm de um grande artista era tambm muito famoso. Chegado o momento, tirou-se o pano que velava o qua-dro. Houve caloroso aplau-so. Era uma impressionante figura de JESUS batendo su-avemente porta de uma casa. Com o ouvido junto porta, ELE parecia querer ouvir se l dentro algum respondia. Houve discursos e elogios. Todos admiravam aquela obra de arte. Po-rm, um curioso observador, achou uma falha no quadro. A porta no tinha fechadura. E intrigado, foi per-guntar ao artista... - Sua porta no tem fechadura? - Como se far para abri-la? Respondeu-lhe o artista: - assim mesmo. - Esta a porta do corao huma-no, s se abre pelo lado de dentro. Queridos amigos, muitas vezes o que mais precisamos, est bem den-tro de ns mesmos. Pare um pou-quinho... Preste ateno. Oua o que seu Esprito tem a dizer. E escute no com os ouvidos, mas sim com o corao. A partir desta escuta iremos nos comprometer com o que Deus realmente quer de ns. Agradecemos mais uma vez a todos que se empenharam, participaram da Festa a Maria, pois foi atravs de Nossa Se-nhora que abrimos a porta do Cora-o de Jesus.A porta do corao A coroao da imagem de Nossa Senhora, no dia 26 de maio, na igreja Nossa Senhora Auxiliado-ra foi um momento de muita emoo. Devido a Campanha da Fraternidade tratar o tema da Juventude e tambm a JMJ RIO 2013, ento a ideia foi mos-trar o rosto jovem da parquia e dizer aos pais e mes que ainda h esperan-a, que a juventude no esta perdida, que temos que acreditar e investir no jovem. Fazer com que jovens de va-rias realidade sociais, afetivas e nacio-nalidades participassem da coroao da Me de Deus, unindo tudo isso s apresentaes nas novenas, dos anjos levando at Maria as realidades que precisam de sua intercesso. Explica o seminarista Ricardo Leite que orga-nizou as coroaes da Festa de Maria deste ano. A festa de Nossa Senhora Auxiliadora o destaque desta edio, nas pginas 4 e 5.Noticiamos tambm, na pgina 8, a Festa de Corpus Christi e a Romaria Paroquial a Aparecida.Estamos a um ms da Jornada Mun-dial da Juventude no Rio, a expectativa grande para os inscritos. Mas uma semana antes da partida para o Rio de Janeiro, nossa diocese receber cerca de 2 mil jovens de diferentes naciona-lidades, que vivero dias inesquecveis com uma programao que envolver momentos de espiritualidade, cultura e experincia missionria. Ser a Semana Missionria que acontecer de 15 a 20 de julho. Ento vamos nos preparar-mos para acolh-los bem.MariaComunicandocom3Ano 8 - n 82Junho de 2013O Dicono Entre NsO reino de Deus est prximoNs nos enganamos, quando pensamos que impossvel ser feliz, vivendo num mundo to cheio de turbulncias. Quando pensa-mos assim, sinal de que estamos de-positando a nossa confiana somente no potencial humano, esquecendo de que ao nosso alcance, existe uma fora maior que ultrapassa toda potencia-lidade humana, a fora que nos vem do alto. Somos seres terrenos que s se realizam plenamente se ligados ao Divino.Do encontro entre humano e Di-vino, abrem-se novas perspectivas, amplia-se a viso humana, passamos a enxergar possibilidades que antes no vamos. Jesus que vem possibilitar este encontro transformador entre humano e Divino, Ele que vem nos mostrar o rosto do Pai. Portanto, a felicidade que tanto almejamos possvel sim, e est ao nosso alcance, basta estarmos em sintonia com o Pai, na pessoa de Jesus.O nosso encontro com Jesus nos transforma por inteiros, assim como transformou a vida dos seus primeiros discpulos, homens simples que deixa-ram tudo para segui-lo.Quando Jesus dizia: O reino de Deus est prximo Ele falava de si mesmo, pois a sua pessoa a prpria presena do Reino Deus. Jesus conti-nua a nos falar deste Reino de amor e de justia.Quando acolhemos a sua mensa-gem, ocorre uma mudana radical em (Lc 10,9)Dicono Joo Mateus de Oliveirans, ficamos parecidos com Ele, passa-mos a olhar o irmo com o olhar Dele, a fazer o que Ele fazia.As aes de Jesus em favor do ou-tro passam atravs de ns, de den-tro do nosso corao que Jesus chega ao irmo que sofre e so muitos, os irmos necessitados das mos Jesus em nossas mos, das Suas palavras na nossa boca.Jesus nos convida desafiante mis-so de ser no mundo uma presena viva do seu amor. urgente a necessidade de operrios corajosos, dispostos a lan-ar as redes em guas mais profundas, a plantar a semente da esperana nos coraes abatidos pelo desnimo.A nossa misso, deve desenvolver-se em clima de gratuidade, de humil-dade e de desprendimento e a nossa recompensa ser a alegria de poder servir. a certeza da presena de Jesus que nos motiva a confiar e a assumir com mais empenho e alegria o anuncio de todas as propostas do Reino.A todo instante, somos chamados a sermos discpulos e missionrios do Senhor. Todos so chamados, Jesus no faz restries de pessoas. Para ser um anunciador da Boa Nova de Jesus, no preciso possuir cursos acadmi-cos, basta anunci-La no silncio do nosso testemunho de vida. A caminha-da do discpulo que se faz missionrio rdua, mas gratificante, pois regida o tempo todo pela lei do amor.Se quisermos ser felizes, deixemos que Jesus seja tudo em ns.QuermesseClic na4MariaComunicandocom Ano 8 - n 82Junho de 2013BICICLETARIADOALEXANDREDedicao total em qualidade a voc!!! Bicicletas novas e usadasem geral Peas e acessrios ServiosAv. Pico das Agulhas Negras, 600 - Altos de Santana - SJC - SPFone: (12) 3913-1757 / 9764-3695DEPSITO DO LUIZODEPSITO DO LUIZOMateriais para ConstruoVila Unidos:Vila So Geraldo:Rua Jaguari, 1210Estrada Juca de Carvalho, 1049Fones: 3921-0136 e 3922-9125Fone: 3922 7419Celebraes e homenagens a Nossa Senhora AuxiliadoraFeliz Aquela que Acreditou (lc 1,45)Na manh do dia 26, uma carreata percorreu as principais ruas de nossa parquia.A novena de Nossa Senhora Auxiliadora, no Telespark, comeou no dia 17 de maio e seguiu at o dia 25. No dia 26, a festa da padroeira da comunidade teve incio s 16h com missa celebrada pelos padres da Parquia, seguida da procisso pelas ruas do bairro e da coroao da imagem de Nossa SenhoraNo dia 19 de maio, na Solenidade de Pentecostes, que aconteceu dentro da novena, padre Thiago fez um momen-to de orao com os jovens que iro participar da JMJ RIO, antes de apagar o crio pascal.PentecostesAlguns dos pedidos de intercesso a Nossa Senhora levados pelos anjos que participaram todos os dias da novenaO oratrio de Nossa Senhora Auxiliadora que visitou as famlias noveneiras e a homenagem das Marias Me de DeusA coroao da imagem de Nossa Senhora Auxiliadora contou com a participao de diversos jovens engajados no servio pastoral da parquiaMariaComunicandocom5Ano 8 - n 82Junho de 2013Celebraes e homenagens a Nossa Senhora AuxiliadoraA novena de Nossa Senhora Auxiliadora, no Telespark, comeou no dia 17 de maio e seguiu at o dia 25. No dia 26, a festa da padroeira da comunidade teve incio s 16h com missa celebrada pelos padres da Parquia, seguida da procisso pelas ruas do bairro e da coroao da imagem de Nossa SenhoraA igreja lotada no encerramento da festaAlguns dos pedidos de intercesso a Nossa Senhora levados pelos anjos que participaram todos os dias da novenaA procisso aps a missa festiva e o momento inicial da coroao: o anjo d uma mensagem de esperana s mesA coroao da imagem de Nossa Senhora Auxiliadora contou com a participao de diversos jovens engajados no servio pastoral da parquia66MariaComunicandocom Ano 8 - n 82Junho de 2013Obra de Ao Social N. Sra. de FtimaCNPJ 07.756.782/0001-32Utilidade Pblica Lei 7.176/06 de 29/09/06Rua das Araras, 15 - Bairro Altos de SantanaSo Jos dos Campos - So PauloTelefone: (12) 3942-7118Relatrio das Atividades do ms de Maio/2013ATIVIDADES ATENDI-MENTOSArtesanato 06 pessoasAtendimento social 10 pessoasMassoterapia 09 pessoasPsicloga 28 pessoasIoga 04 pessoasAula de Violo 06 pessoasDoao (alimentos em geral) 08 pessoasDoao (roupas, fraldas e mveis) 02 pessoasVagas em aberto:Massagem teraputica e AcupunturaYogaPintura em tecidoPsiclogaMais informaes pelo telefone 3942 7118 das 13h s 17h30.Comunicado da Obra SocialQuermesseClic na+Caminhar, eis a oportunidade que concedida aos jovens em Julho no Rio de Janeiro, onde se espera reunir cerca de 2 milhes de peregrinos provindo de inmeros pases. Nossa parquia se prepara com um grupo de 54 pesso-as. Mas o que significa caminhada? sair do lugar e ir em direo a algo, caminhar locomover-se. Ns j nos deslocamos como, por exemplo: Ca-minhamos nos estudos para ser um profissional, caminhamos no traba-lho para conquistar nossos bens, ca-minhamos com a Igreja para intensi-ficar nossa f. Caminhamos rumo a JMJ, momento de encontramos com outros jovens e partilhar sonhos, de-safios, fragilidades, esperanas. Pensemos em nossa caminha-da... O que mais trazemos? O que Mochila de um Peregrinohistria e memria (trago comigo minha famlia e os valores atribu-dos por aqueles que nos precedem, por isso trago fatos e fotos) e a f (a Bblia, os sacramentos, minhas ora-es, meu catecismo e meu dilogo com Deus. E neste tempo forte de caminhada em preparao para ca-minhar rumo ao Rio nos movemos linguagem do amor. Agradecemos a todos os paro-quianos que tem nos ajudado a co-locar em nossa mochila esperana e vida. Que sejamos jovens que faam a diferena.colocamos em nossa bagagem? Penso que na mochila do peregrino devem ir: gratuidade na juventude (realizan-do de maneira espontnea e solidria nossas aes), esperan-a (queremos ser jovens que acredita, busca e alcana), de-terminao (com meu esforo sou convidado a fa-zer a diferena) Parquia na JMJ 20137MariaComunicandocom7Ano 8 - n 82Junho de 2013Espao da SobriedadeA maior parte das suas dores acontece porque voc esconde alguns sentimentos. Quando voc sente medo, seja l do que for, os outros podem saber, sim. No vergo-nhoso sentir medo: ele s um sinal de autoproteo.Quando voc sente raiva, expres-se-a! Ela um sentimento to natural quanto a afeio. Se voc pode dizer a algum que o quer bem, por que no pode dizer-lhe que sente raiva tam-bm?Se no seu corao existem mgo-as, lave-o! Fale sobre elas com quem magoou voc. No deixe que elas cor-roam sua alma e seu esprito. Muitas vezes a pessoa nem sabe o quanto ma-goou e, se voc lhe disser, talvez vo-cs tenham a chance de, em conjunto, esclarecer algo pequeno que pareceu to grande.Se ressentimento o que sente, por que esconde-lo?O ressentimento, depois de ex-pressado, fica mais leve para quem o sente e, um dia, desaparece. Quando menos esperar voc notar que veio o perdo em seu lugar.Se h depresso, h outros cami-Mostre-senhos diferentes da opo pelo isola-mento. Escolha ouvidos amigos, fale e abra-se para ouvir as respostas, sejam elas quais forem. Mesmo que venham palavras pouco agradveis de ouvir, elas podem ser o gancho para trazer-lhe de volta a alegria de viver, a capaci-dade para enxergar que nem tudo so trevas.Amigo no s aquele que lhe empresta o ombro para chorar:Muito mais amigo aquele que traz o tapa que desperta, que o faz acordar para a Vida. No h ningum neste mundo que nunca foi ferido, ma-goado, machucado. E tambm no h quem no conhea a alegria de retor-nar ao porto da felicidade. Voc ser entendido e compreendido.Esteja voc como estiver, no se esconda! Mostre-se! Todo sentimen-to tem seu prprio e real valor. Ponha a boca no mundo! No h barreiras que possam impedi-lo de encontrar AMOR!8888MariaComunicandocom Ano 8 - n 82Junho de 2013 ChristiA Solenidade de Cor-pus Christi, no dia 30 de maio, teve incio na Matriz, s 15h, com adorao ao Santssimo Sacramento. s 16h, o padre Chico conduziu o ostensrio, acompanhado por centenas de paroquianos em procisso pelas ruas do bairro Altos de Santana. O trajeto da procisso foi enfeitado por tapetes, confeccionados por agen-tes de pastorais, movimentos e repre-sentantes de setores, com desenhos religiosos feitos de serragens coloridas, flores, tampinhas de garrafas, entre outros objetos.Aps a procisso a missa foi cele-brada na Matriz, com uma expressiva participao dos fiis.9 Romaria ParoquialCorpusDiversos paroquianos visitaram o Santu-rio Nacional de Aparecida na 9 edio da romaria paroquial, no dia 9 de junho. Na Baslica os devotos participaram da missa das 8h, juntamente com o Padre Chico.