como escrever uma tese - sônia vieira - corrigida

Click here to load reader

Post on 07-Jun-2015

19.677 views

Category:

Documents

24 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Ateno o texto no compreende a 5 ed.

AGRADECIMENTOS obrigao do autor agradecer s pessoas que o ajudaram em seu trabalho. No caso deste livro, agradecer no apenas uma obrigao, mas tambm um prazer. Pois foi um prazer discutir este texto com os alunos dos cursos de ps-graduao da FOPUNICAMP. Interrompendo minha exposio repetidas vezes, eles comentaram, argiram, criticaram, aplaudiram e repudiaram posies - sempre com muita vontade de ajudar. Mas tambm com prazer que registro meus agradecimentos a Jos Merzel, Hlio Frota Vieira, Ivany Aparecida Lombardo, Maria Ignez Guerra Molina, Thomas Joseph Burke e Francisco Gomes de Mattos - professores que leram meus manuscritos, para dar as impresses de quem trabalha do lado de l. Deles ouvi, em conversas compridas, a crtica justa e perspicaz que s pode ser feita por quem entende do riscado. A lista de agradecimentos no ficaria, porm, completa se eu no agradecesse, com satisfao, a ilustrao do livro, feita com muita criatividade por Mrcio Vieira Hoffmann, e os servios de processamento de texto, feitos com a competncia de sempre por Ives Antonio Corazza. As pessoas que concluem o curso de terceiro grau ou "curso superior" recebem um diploma que lhes confere o direito de exercer a profisso que escolheram. Algum tempo atrs o formando recebia, alm do diploma, um "anel de formatura" com a pedra especfica de sua profisso, e passava a ser chamado de "doutor". Hoje, recebem o tratamento precpuo de "doutor" apenas os mdicos e menos comumente - advogados e engenheiros. J as carreiras mais modernas, como Computao e Estatstica, no merecem do pblico tal distino. Tambm no so chamados de "doutor" os profissionais de carreiras antigas como Farmcia, Enfermagem e Pedagogia. Mas quem deve ser considerado doutor, hoje, no Brasil? Na universidade, doutor quem defendeu tese de doutorado. E o ttulo de doutor vale para qualquer carreira acadmica: Medicina, Estatstica, Direito ou Psicologia. Em outros pases, no entanto, e nos Estados Unidos, em particular, distinguem-se os doutores de reas como Biologia, Arqueologia, Economia e Matemtica, que recebem o ttulo de PhD (Philosophiae Doctor ou Doctor of Philosophy) dos doutores da rea mdica que recebem o ttulo de MD (Medicinae Doctor ou Doctor of Medicine). Mas o que significa "defender" uma tese? Tendo terminado o curso de graduao, o formando ou mesmo o profissional mais antigo - pode candidatar-se a um curso de ps-graduao. No existem vestibulares. Os cursos mais procurados tm, no entanto, um sistema prprio para a seleo de alunos'. So candidatos naturais os professores universitrios e os pesquisadores em incio de carreira, alm de estudiosos, em geral. Mas podem candidatar-se aos cursos de ps-graduao todos aqueles que pretendem aperfeioar-se em ramos especficos do conhecimento. Na escolha do curso, o candidato precisa levar em conta a prpria formao. Por exemplo, s fazem ps-graduao em Ortodontia os dentistas, e em Fitopatologia os engenheiros-agrnomos ou profissionais de reas muito afins. Certos "cruzamentos" so, no entanto, interessantes: um mdico pode fazer psgraduao em Bioqumica; um engenheiro-agrnomo, em Economia; um administrador de empresas, em Estatstica. E esses profissionais "cruzados" so extremamente teis, porque tm viso de duas carreiras. De qualquer forma, convm saber que existem cursos de ps-graduao em dois nveis, isto , ao nvel de mestrado e ao nvel de doutorado. Os cursos de mestrado do ttulo de mestre. Em geral, exigem que os alunos cursem algumas disciplinas e defendam uma dissertao. J os cursos de doutorado que so em menor nmero, do o ttulo de doutor. Em geral exigem que os alunos sejam

portadores do ttulo de mestre, cursem algumas disciplinas e defendam uma tese.l.l - O que uma tese? Tese o trabalho apresentado universidade pelo candidato ao ttulo de doutor, para a obteno do ttulo. O trabalho ..... J existem at exames de seleo. Na rea de Economia a seleo dos alunos feita atravs de exame nacional, a cargo da ANPEC - Associao Nacional de ps-graduao em Economia. Mas na maioria dos cursos a seleo dos alunos ainda feita dentro do prprio departamento em que o curso ministrado. Os critrios de seleo variam, mas em geral se baseiam em notas de provas e entrevistas, alm de cartas de recomendao. AS QUESTES BSICAS 3feito sob a orientao de um pesquisador experiente, denominado orientador. A tese escrita de maneira convencional e impressa em formato padro. Depois, submetida apreciao de uma comisso julgadora e defendida publicamente. Durante a defesa de tese, cada componente da comisso julgadora faz objees ao trabalho do candidato, que ento se defende, contra-argumentando. Depois, a comisso avalia a atuao do candidato e d o veredicto: a tese est ou no aprovada. Nas universidades brasileiras, convencionou-se usar o termo tese para designar apenas trabalhos de doutorado. Os trabalhos feitos com a finalidade de obter o ttulo de mestre - embora sigam o mesmo padro das teses recebem o nome de dissertao. Mas nem toda tese melhor do que qualquer dissertao. Existem teses ruins, que parecem ter sido escritas para irritar quem as l, e existem dissertaes excelentes, que demonstram trabalho meticuloso e inteligente. 1.2 - Em quanto tempo se escreve uma tese : No se escreve uma tese em menos de seis meses. Tampouco preciso mais de dois anos, para escrever uma tese. Se voc est trabalhando h mais de dois anos e ainda no conseguiu escrever sua tese, faa uma avaliao honesta da situao. O calcanhar de Aquiles ser identificado se for dada resposta negativa a uma das seguintes questes: a) voc sabe fixar limites razoveis para seu prprio trabalho? b) voc tem boa redao? c) voc tem gosto e aptido para o trabalho acadmico? 2. O orientador precisa ser credenciado pela coordenadoria do curso. Para isso, precisa ser doutor e j ter publicado alguns trabalhos. Na maioria dos cursos, apenas os professores so credenciados. No se credenciam profissionais de outros departamentos ou instituies porque o servio de orientao no pago. Ento, orientar trabalho dos prprios professores do curso. Por outro lado, voc s conseguir defender uma tese de bom nvel em perodo curto se tiver: a) acesso a uma boa biblioteca b) domnio do idioma em que esto publicados os principais trabalhos sobre o tema c) redao fcil d) conhecimentos bsicos sobre metodologia de pesquisa e) boa vontade do orientador f) pessoal auxiliar (datilgrafos, desenhistas, encadernadores).

1.3 - Como se escolhe o tema da tese? Quem escreve uma tese , quase sempre, jovem - por voltados 30 anos - e tem alguma ambio acadmica. Por conta dessas caractersticas, s vezes so propostos temas muito difceis. Por exemplo, um estudante poderia pensar em escrever uma tese intitulada "A Economia brasileira hoje". O tema seria excelente para um livro, mas ambicioso demais para uma tese. Ento, seja razovel: escolha um tema delimitado e especfico ou - que o mesmo siga este conselho, escrito em um livrinho destinado aos pesquisadores das reas de cincias e relatado por Umberto Ecco: O tema "Geologia" muito amplo. "Vulcanologia", que um ramo da Geologia, ainda por demais extenso. "vulces do Mxico" seria melhor, mas o trabalho resultaria superficial. J "A histria de Popocatepell" - o vulco que provavelmente foi escalado por um dos homens de Cortez em 1519 e teve erupo violenta em 1702 - daria-tese de maior valor. No entanto, melhor seria um tema limitado a um perodo mais curto, como por exemplo, "O nascimento e a morte aparente de Parucutin", pois Parucutin um vulco que s durou de 1943 a 1952 3.Tambm importante que o tema da tese esteja enquadrado na linha de pesquisa do orientador. Se seu orientador trabalha em gentica de milho, no insista em estudar gentica de abelhas. Voc pode at achar que o tema , basicamente,o mesmo. No entanto, voc no teria as mesmas facilidades de financiamento, bibliografia e laboratrio, mesmo que seu orientador superasse a si mesmo, ou que voc superasse as deficincias dele. Para no arriscar o certo pelo duvidoso, escolha um tema de tese no mbito de conhecimentos do seu orientador 4.Depois de escolher o tema, verifique se, pelo menos em linhas gerais, suas posies coincidem com as do seu orientador. Profissionais de reas distintas tratam o mesmo tema sob aspectos distintos, mas profissionais da mesma rea podem tratar o mesmo tema sob pontos de vista totalmente divergentes. Por exemplo, o tema "O menino de rua" seria visto sob aspectos diferentes por psiclogos, mdicos e advogados, mas poderia ser tratado sob perspectivas ideolgicas diferentes por dois socilogos da mesma instituio 5. Ento, escolhido o tema da tese se voc achar que seu orientador tem opinies opostas s suas, talvez seja melhor mudar de orientador .3. Diz Umberto Ecco que aconselharia o ltimo tema desde - claro que o aluno escrevesse tudo que se sabe sobre o "maldito vulco". In: ECCO, V. Como se faz uma tese. So Paulo, Perspectiva, 1983. 4. O processo de designar o aluno para o orientador, ou o orientador para o aluno,varia de instituio para instituio, mas em geral o aluno no escolhe - escolhido, por critrios dos mais diversos: ao acaso, por recomendao ou por simpatia pessoal. S algumas vezes leva-se em considerao, nesse processo, o tema que o aluno gostaria de desenvolver. 5. Em reas tcnicas tambm ocorrem discordncias. Por exemplo, na rea de Odontologia um orientador pode sugerir um projeto cientificamente correto, porm no-tico do ponto de vista do aluno. Mas o aluno s deve fazer o que pode e quer defender. 6. Embora o aluno

possa pedir mudana de orientador, convm avaliar a atitude com cuidado. Em alguns departamentos acirram-se disputas internas, que podem prejudicar o aluno. E, para terminar, um conselho que vale o preo deste livrinho: se voc quer escrever uma tese, escolha um tema limitado,um orientador razoavelmente competente e medianamente equilibrado, e trabalhe com afinco, mas sem muita pretenso. Afinal, voc vai apenas escrever uma tese - no vai abalara cincia, nem salvar o mundo. 1.4 - De que partes se com