clinica medica popular

Download Clinica Medica Popular

Post on 02-Mar-2016

331 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    www.intercriar.com.br 2011 falecom@intercriar.com.br Fone: 11 7417 2155

    1

    Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

  • Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    www.intercriar.com.br 2011 falecom@intercriar.com.br Fone: 11 7417 2155

    2

    Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    Selecionamos os nossos principais artigos publicados sobre implantao de clnica mdica popular e compilamos este e-book inteiramente gratuito para voc conhecer melhor o mercado mais lucrativo do segmento de sade no Brasil. Tenha boa leitura e sucesso.

    Artigos:

    01 - Introduo e histria das clnicas mdicas populares

    02 - Clnicas Mdicas Populares. O porqu do sucesso no Brasil.

    03 - 05 Passos para criar uma clnica mdica popular de sucesso

    04 - Clnica Mdica Popular - Alguns fatores determinantes 01.

    05 - Preos mdios de consultas mdicas em clnicas mdicas populares

    06 - Especialidades mdicas mais procuradas em clnicas populares no Brasil

    07 - Clnica Mdica Popular - Registro no Conselho Regional de Medicina

    08 - Os 05 principais erros nas implantaes de clnicas mdicas populares.

    09 - As clnicas mdicas populares no Distrito Federal.

  • Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    www.intercriar.com.br 2011 falecom@intercriar.com.br Fone: 11 7417 2155

    3

    01 - Introduo e histria das clnicas mdicas populares no Brasil.

    Nos ltimos anos o mercado de sade tem assistido profundas e fundamentais mudanas em nosso pas. Antes polarizado entre os precrios servios pblicos e os caros planos de sade, esse mercado viu surgir diversas inovaes e surpreendentes transformaes mercadolgicas. Uma dessas inovaes mais surpreendente foi estruturao das chamadas clnicas mdicas populares. Antes disso, os servios mdicos particulares estavam todos focados nas parcelas das populaes que podiam pagar por consultas que representavam valores mdios com preos de um tero do salrio mnimo vigente. Dessa forma ter acesso as consultas e aos servios mdicos particulares estava concentrado em apenas 08% da populao humana do Brasil. Algo em torno de 15,2 milhes de brasileiros.

    Quem no tinha os valores para pagar por esses servios mdicos sofria nas imensas filas do atendimento pblico de sade do Brasil, esses oferecidos pelos SUS (Sistema nico de Sade). Outra parcela da populao brasileira, - algo em torno de 42 milhes de pessoas -, era formada por usurios de planos de sade ou convnios mdicos. Esses recebiam servios mdicos nos mesmos patamares de qualidade dos servios particulares ou similares.

    Num pas de 190 milhes de pessoas, se viu ento que simplesmente mais de 100 milhes de brasileiros no tinham nenhum tipo de assistncia mdica. Ou seja, essas pessoas viviam - quanto aos aspectos de sade -, entregues as suas prprias sortes.

    Nesse universo de oportunidades mercadolgicas se descobriu que muita gente no queria utilizar os pfios servios do SUS e que essas pessoas podiam pagar valores superiores aos pagos pelo SUS aos seus prestadores de servios mdicos. Nesse caso, com uma grande diferenciao na qualidade dos servios mdicos oferecidos. Dessa profuso de alternativas e interesses surgiram as chamadas clnicas mdicas populares que atendiam (e atendem) exatamente essa parcela da populao brasileira que no quer ser usurio do SUS nem tem disposio financeira para pagar por servios mdicos particulares.

    A partir do ano de 1996 as clnicas populares surgiram em todos os cantos do Brasil, - com nfase maior nas periferias das grandes cidades -, e logo se tornaram grandes sucessos no mercado de sade nacional.

    As pessoas (clientes/usurios) que procuravam os postos de atendimento do SUS para marcar consultas ou exames, recebiam a triste notcia que esses atendimentos e exames seriam agendados para trs, quatro ou at seis meses -

  • Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    www.intercriar.com.br 2011 falecom@intercriar.com.br Fone: 11 7417 2155

    4

    Qui no h mais tempo! Diante desses fatos lamentveis e corriqueiros e por se tratar de sade, muitas pessoas passaram a procurar as clnicas mdicas populares. Nesses estabelecimentos essas pessoas eram atendidas no mesmo dia e faziam os seus exames clnicos, pagando por esses valores bem menores que os comumente cobrados em nosso pas por servios mdicos particulares.

    Esses valores de servios mdicos, - por serem pequenos e teoricamente baratos -, passaram a ser chamados de preos populares. Diante disso, as clnicas mdicas populares se tornaram sucesso nacional e passaram a concorrer com as demais empresas mdicas que cobravam o que se conheciam historicamente como os caros servios mdicos particulares do Brasil.

    Enquanto uma consulta mdica particular custava nesse perodo 1/3 do salrio mnimo, essa mesma consulta custava nas clnicas particulares em mdia 10% do salrio mnimo. Isso, obviamente, gerou uma debandada geral da clientela das clnicas particulares e um estupendo aumento de clientes de clnicas mdicas ditas populares.

    Porm, houve o outro lado da moeda. Isso porque muitas empresas ditas como clnicas mdicas populares no se atentaram para a necessidade de manterem a qualidade do padro de atendimento similar ao servio particular. E, alm disso, muitas dessas empresas copiaram e implantaram em suas estruturas o pssimo modelo de atendimento do SUS.

    Houve ainda a queda de receitas financeiras das empresas de planos de sade que viram muitos dos seus clientes debandarem para o modelo alternativo de clnica mdica popular. Por razes at hoje obscuras surgiu nesse perodo tambm uma grande difamao das chamadas clnicas mdicas populares em todo o Brasil. Essas empresas foram taxadas de no terem qualidade ou prestarem servios mdicos aqum dos exigidos como elementares pelos rgos regulamentadores da sade no Brasil.

    Nesse cenrio, alguns planos de sade e convnios mdicos, - camuflados em propagandas maliciosas -, se encarregaram de propalar as ms notcias e preconceitos contra as clnicas mdicas populares brasileiras.

    Em pouco tempo muitos mdicos brasileiros foram proibidos por alguns planos de sade de prestarem servios nessas clnicas mdicas populares. Por conta disso, houve o decrscimo das clnicas populares no Brasil e obviamente, uma marginalizao desse tipo de servio mdico. Esse fato foi mais agravante nas clnicas ligadas rea de odontologia, onde o termo popular passou a significar servios de baixa qualidade.

  • Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    www.intercriar.com.br 2011 falecom@intercriar.com.br Fone: 11 7417 2155

    5

    Mas o mercado dinmico e altamente atuante em todo o mundo. Em pouco tempo, - isso, a partir do ano de 2002 -, as clnicas mdicas populares se reestruturaram e por fim tomaram conta do mercado de sade privada do Brasil. Hoje existem clnicas mdicas dessa categoria em muitas cidades brasileiras e muitas dessas empresas tm enorme clientela e geram receitas financeiras bastante expressivas. Em muitos casos, uma pequena clnica popular de apenas cinco consultrios tm atendimentos mdicos dirios de 80 consultas o que perfaz o total mensal de 1.920 atendimentos e consequentemente a mdia mensal de 384 atendimentos por consultrios. Isso representa 16 atendimentos/dia/consultrio.

    Esses nmeros so muitos superiores aos atendimentos de um simples consultrio que age isoladamente nos centros das grandes cidades brasileiras. Se colocarmos sobre esses nmeros o valor de R$ 50,00 por consulta mdica, veremos o expressivo montante financeiro desse negcio.

    Diante desses nmeros, da primazia das localizaes estratgicas e principalmente do foco nas carncias de servios mdicos de qualidade, as clnicas mdicas populares se tornaram sucesso de pblico e de receitas financeiras.

    Muitos mdicos que antes se aventuravam na cara implantao de consultrio prprio viram que atender em clnicas mdicas populares era e um excelente negcio devido s seguintes vantagens:

    Baixos custos de implantao de uma clnica popular. Devido s localizaes, esses custos so no mnimo 40% menores que uma clnica mdica instalada nos grandes centros sociais brasileiros;

    Grande predisposio da clientela para pagamentos de valores menores em servios de sade;

    80% dos pagamentos dos servios mdicos em clnica popular so das formas de dinheiro (a vista) e carto de dbito. O restante feito em cartes de crdito, boletos bancrios e cheque.

    Baixssimos custos operacionais de uma clnica popular;

    Infraestrutura adequada para um bom atendimento mdico;

    Pagamentos/recebimentos dirios ou semanais pelos servios prestados;

    Nmeros de atendimentos dirios muito acima dos vistos em clnicas particulares;

  • Clnica Mdica Popular E-book Grtis Artigos Selecionados.

    www.intercriar.com.br 2011 falecom@intercriar.com.br Fone: 11 7417 2155

    6

    Processo de administrao bastante enxuto.

    Grande ndice de retorno de investimentos;

    Valores lquidos recebidos por consultas mdicas em mdia 30% superior aos valores pagos pelos planos de sade e convnios mdicos;

    No h existncia de glosas e prejuzos e, principalmente:

    Ticket mdio de atendimento em torno de R$ 384,00 por ano.

    Diante desses dados, as clnicas mdicas populares so hoje sucessos em todo o Brasil e so ainda grandes coadjuvantes dos servios pblicos de sade do nosso pas, uma vez que essas empresas atendem mais de 40% das pessoas que vo buscar servios mdicos no SUS e no foram ali atendidas. No caso especfico das clnicas odontolgicas populares o sucesso ainda mais revelador, uma vez que anteriormente os servios odontolgicos no Brasil eram entendidos como caros e s cobriam 06% da nossa populao.

    Hoj