checklist nr 31

Download Checklist Nr 31

Post on 08-Aug-2015

218 views

Category:

Documents

34 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

CHECKLIST DE VERIFICAO DA CONFORMIDADE LEGAL EM SEGURANA E SADE DO TRABALHO RURALBASE DE REFERNCIA NR 31

A lista de verificao da conformidade legal em segurana e sade do trabalho, apresentada a seguir, baseada na regulamentao mandatria contida na NR 31. Para todo item apontado como no conforme deve ser feita uma breve descrio e, ao final da auditoria, elaborado um relatrio com o resumo das no conformidades encontradas em cada rea e as recomendaes de medidas corretivas. Para facilitar o registro de campo e a posterior elaborao do relatrio, para cada no conformidade encontrada pode ser atribudo um nmero seqencial (1, 2, 3...) e anotado no rodap da prpria pgina a que se refere. No texto original, alguns itens esto grafados na cor preta, outros na cor vermelha e outros na cor azul. Esta diferenciao tem o seguinte significado: VERMELHO = ATRIBUIO DO SESTR PRETO = ATRIBUIO DOS GESTORES AZUL = ATRIBUIO DE AMBOS A idia aqui facilitar o trabalho de avaliao de cada rea de responsabilidade e poder atribuir-se valores de desempenho quantitativos, conforme se ver na parte final da lista. A denominao SESTR, na verdade, engloba a Segurana e Medicina do Trabalho e as reas de Administrao de Pessoal e Treinamento. O termo GESTORES denomina todo aquele que tem subordinado.

OBRIGAO 1 OBRIGAES E RESPONSABILIDADESEfetuar os levantamentos qualitativo e quantitativo dos agentes ambientais, e riscos ergonmicos e mecnicos, elaborar relatrio (Laudo) detalhado e recomendar medidas corretivas, quando for o caso; Cadastrar em base de dados, ou emitir relao por rea e atividade, com os agentes qumicos e fsicos, suas concentraes ou intensidade, e disponibilizar para o Mdico do Trabalho, para estabelecimento dos exames clnicos e complementares; Indicar os meios de controle adequados para cada agente; Encaminhar recomendaes de medidas de controle para as reas avaliadas e acompanhar execuo; Manter documentao relativa aos levantamentos e recomendaes arquivada por ordem cronolgica, por tempo indeterminado; Avaliar as recomendaes, elaborar cronograma de execuo e executar as medidas conforme o planejado; Revisar as avaliaes, informar e estudar mudanas de instalaes, processos e produtos; Elaborar manual com Instrues Gerais de Segurana da empresa, utilizando linguagem e ilustraes que permitam maioria compreender os assunto, imprimir e entregar a cada funcionrio; Colher assinaturas em folha de presena integrao e manter arquivo; Revisar pelo menos uma vez ao ano o contedo do manual de instrues gerais; Identificar todas as atividades onde exigida habilitao formal e treinamento de capacitao, assegurar que todos os trabalhadores possuam as habilitaes exigidas e promover os treinamentos de capacitao (operador de guincho, trator, nibus, caminho, aplicador de defensivos...); Colher assinaturas em folha de presena aos treinamentos e manter arquivo; Elaborar instrues especficas de segurana para as atividades desenvolvidas nas reas, atualizar sempre que houver mudanas e revisar anualmente; Treinar os trabalhadores em procedimentos operacionais e de segurana especficos da rea; Colher assinaturas em folha de presena aos treinamentos e manter arquivo; Implantar rotina na rea de pessoal para assegurar que todo funcionrio contratado passe pela integrao e receba o manual de instrues gerais, antes de iniciar o trabalho na empresa; Implantar rotina na rea de pessoal para assegurar que todo funcionrio receba todos os treinamentos exigidos, antes da mudana de funo. Aplicar punies e advertncias cabveis a todo trabalhador que no obedecer as regras de segurana da empresa, gerar e manter documentos comprobatrios arquivados no pronturio individual; Assegurar que os prestadores de servio ou parceiros intra-muros obedeam as regras de segurana e sade da empresa contratante ou lder.

CONFORME SIM NO

OBRIGAO 2 PRESERVAO TRABALHADORES DA SADE OCUPACIONAL DOS

CONFORME SIM NO

Contratar Mdico do Trabalho prprio ou externo e estabelecer suas atribuies como coordenar do controle da sade ocupacional dos trabalhadores; Levantar, a partir da Avaliao de Riscos Ambientais, as necessidades de controle mdico e de sade ocupacional e definir os tipos e freqncia dos exames; Realizar os exames clnico e complementar na admisso, mudana de funo, retorno ao trabalho, peridico e demissional na forma e periodicidade compatvel com os riscos a que esto expostos os trabalhadores; Entregar para todo trabalhador examinado a cpia do Atestado de Sade Ocupacional (ASO), com todos os campos preenchidos, na realizao do exame mdico e manter cpia assinada anexada ao pronturio; Assegurar o acesso dos trabalhadores aos rgos de sade para imunizaes e profilaxia contra doenas endmicas e ttano; Controlar a qualidade dos instrumentos mdicos sujeitos aferio peridica, e dos servios prestados por terceiros - exames complementares; Gerar e manter documentao do controle de qualidade dos instrumentos e prestadores de servio mdico externo; Gerar e manter arquivada no pronturio clnico e guardar por 20 anos aps a demisso do funcionrio toda a documentao relativa ao controle mdico e de sade ocupacional; Criar rotina na rea de administrao de pessoal de forma que toda admisso, mudana de funo, retorno de afastamento, demisso e poca de renovao de exame peridico sejam notificadas os funcionrio, sua chefia e servio mdico para os controles necessrios; Comunicar todos os casos de acidente do trabalho e doena ocupacional, atravs de CAT, previdncia social e ao SUS e manter cpias; Especificar os materiais de primeiros socorros a serem instalados nas reas; Adquirir e/ou montar e instalar os materiais de primeiros socorros nas reas indicadas; Treinar os socorristas nas tcnicas de atendimento de acidentados; Manter nos locais de trabalho material necessrio prestao dos primeiros socorros em perfeita ordem de funcionamento chuveiros, lava-olhos, macas etc. Comunicar mudanas de funo/atividades, para reavaliao da exposio e/ou tipo de exame.

OBRIGAO 3 SERVIO ESPECIALIZADO EM SEGURANA E SADE DO TRABALHO RURAL (SESTR)Estruturar o SESTR Prprio ou Externo com o nmero de profissionais habilitados, de acordo com o nmero de trabalhadores; Montar o processo de registro do SESTR Prprio, encaminhar ao Ministrio do Trabalho, obter o registro e manter atualizado; Obter e manter cpia da documentao dos profissionais e/ou empresa caracterizada como SESTR Externo e Coletivo; Obter e manter cpia da documentao de Acordo Coletivo homologatrio de SESTR nico atendimento de empresa urbana e rural; Definir as atribuies do SESTR (ver obrigaes descritas em vermelho e azul nos demais campos do checklist); Assegurar que o SESTR atue conforme previsto na lei e normas internas e impedir que os profissionais da rea atuem fora da atividade.

CONFORME SIM NO

Quadro das exigncias da NR 31 para dimensionamento de SESTR prprio e/ou externo e coletivo.N Trabalhadores 51 a 150 151 a 300 301 a 500 501 a 1.000 Acima de 1.000 Nmero de Profissionais Legalmente Habilitados Eng. Seg. Md. Trab. Tc. Seg. Enf. Trab. Aux. Enf. A B A B A B A B A B 1 1 1 2 1 1 1 1 1 2 1 1 1 1 1 1 2 2 1 1 1 1 1 1 1 2 3 1 1 1 2 1 2 1 2 3 4 1 2 2 3 A = SESTR Prprio; B = SESTR Externo e Coletivo

OBRIGAO 4 COMISSO INTERNA DE TRABALHO RURAL (CIPATR) PREVENO DE ACIDENTES DO

CONFORME SIM NO

Convocar eleies 45 dias antes do trmino do mandato em curso, atravs de edital distribudo em locais de fcil acesso e visualizao; Enviar para os sindicatos dos empregados e dos empregadores cpia do edital de convocao do processo eleitoral; Assegurar e processar o registro de candidatos por um perodo mnimo de 15, dias antes da eleio; Confeccionar cdulas com os nomes dos candidatos; Realizar eleies at 30 dias antes do trmino do mandato em curso, atravs de voto secreto, em dia normal de trabalho, acompanhando os horrios de turno; Apurar os votos imediatamente aps a eleio, em horrio normal de trabalho, e permitir o acompanhamento de um representante dos trabalhadores e outro do empregador; Divulgar os resultados da eleio, atravs de lista de apurao relacionando todos os candidatos e suas votaes e a indicando os nomes dos eleitos para o mandato seguinte, de acordo com o nmero de empregados contratados por tempo indeterminado no estabelecimento; Elaborar ata de eleio; Indicar os representantes do empregador; Promover curso de formao, de acordo com a carga horria e contedo mnimo estabelecido na lei, para todos os membros eleitos pelos trabalhadores e indicados pelo empregador e fornecer Certificado aos participantes o curso deve abranger todos os titulares e suplentes; Elaborar e manter Ficha de Controle de Treinamento com as datas, carga horria, assuntos ministrados, nomes e assinaturas dos participantes e dos instrutores do curso de formao dos membros da CIPATR; Dar posse aos membros da CIPATR no primeiro dia do novo mandato; Manter cpias da convocao de eleio, comunicado aos sindicatos, lista de apurao e divulgao de resultados, atas de eleio e posse e calendrio de reunies anual pelo prazo de 5 anos; Destinar meios para o funcionamento da CIPATR, atravs da liberao dos membros e fornecimento de local e apoio para treinamentos e reunies; Atender as recomendaes recebidas, dando destino e resposta ao solicitado e cumprir dentro do previsto; Indenizar o perodo de estabilidade de titular eleito dispensado sem justa causa e manter documentao comprobatria.

Quadro das exigncias da NR 31 para dimensionamento da CIPATR.N de Trab. N de Membros Representantes dos trabalhadores Representantes do empregador 20 a 35 1 1 36 a 70 2 2 71 a 100 3 3 101 a 500 4 4 501 a 1000 5 5 Acima de 1000 6 6

OBRIGAO 5 AGROTXICOS, ADJUVANTES E PRODUTOS AFINSAdquirir e aplicar somente para os fins previstos produtos registrados nos rgos oficiais federal e estadual; Obter Receita Agronmica de profissional habilitado (com CREA + ART) e manter em arquivo; Armazenar os produtos atendendo o seguinte: Depsito exclusivo e afastado pelo menos 30 metros de edificaes