cemec lei rouanet - aula 4 - aline akemi freitas - fechamento da produção

Download Cemec   lei rouanet - aula 4 - aline akemi freitas - fechamento da produção

Post on 07-Jun-2015

1.357 views

Category:

Education

2 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

AULA 4 | Fechamento da Produção | Aline Akemi Freitas | Como planejar e gerir um projeto cultural de olho na prestação de contas. Polêmica, combatida por alguns, defendida por outros, a Lei Rouanet é o mais importante mecanismo de financiamento à cultura do país. Despeja mais de um bilhão de reais todos os anos no mercado cultural. Apesar de muito concentrada, faz movimentar cerca de 150 mil empresas culturais no Brasil, segundo dados do Ministério da Cultura. Isso faz com que se torne o motor para o desenvolvimento de negócios criativos e impulsione a produção cultural, sobretudo aquelas mais afeitas a parcerias com o universo corporativo. O curso Lei Rouanet não quer discutir as possíveis disfunções e problemas do mecanismo em uma perspectiva de política pública. Quer apresentar o mecanismo como oportunidade de negócios, apresentando sua funcionalidade para produtores e profissionais de cultura a utilizarem da melhor maneira possível, ampliando suas possibilidades de atuação em favor do setor cultural brasileiro.

TRANSCRIPT

  • 1. Lei Rouanet: Execuo e gesto de projetos Aline Akemi Freitas

2. Lei Rouanet Etapas do Projeto Cultural PROCESSO ADMNINISTRATIVOPropositura do Projeto - Abertura de Processo AdministrativoExame documentalParecer Tcnico (interno ou externo)Reunio de aprovao (CNIC)Publicao de AprovaoCAPTAO DE RECURSOS (Patrocnio, doao ou investimento).PROPONENTEGESTO DE RECURSOS INCENTIVADOSFINALIZAOPRESTAO DE CONTASAPROVADA Arquivamento do Processo1NO APROVADA Encaminhamento De Tomada de Contas (TCU ou outro) 3. Lei Rouanet - Acompanhamento PROPONENTEInformar n da conta de captao aos incentivadoresInformar ao MinC quando a captao atingir 20% do valor aprovadoExecutar projeto de acordo com cronograma e oramento aprovadoRegularizar situaoNOReadequao oramentria? SIM Requisitar readequao via ofcioSEFIC/ MINCReceber e analisar requisioInformar proponente para regularizarPublicar deciso no DOUNO Abertura das contas captao e movimentoVerificar regularidade dos depsitosSituao Regular?SIMRealizar primeira liberao de recursosSomente a primeira liberao. As demais so automticas e realizadas pela instituio Regular? Situao financeiraENTIDADE VINCULADAPARECERISTA VINCULADOSIM Encaminhar para entidade vinculadaReceber projeto e encaminhar para pareceristaDecidir pela aprovao ou indeferimento do pedidoNOSubmeter CNIC?Encaminhar para apreciao da CNIC Avaliar parecer e encaminhar para SEFICElaborar parecer tcnico ParecerCOMPONENTE CNICElaborar parecer com sugesto da deciso Parecer Acompanha parecerista?SIMSubmete Plenria?NONO SIMPLENRIA CNICAvaliar projetos submetidos PlenriaSIM Alterao na sugesto da deciso?Registrar alterao da sugesto de deciso no SalicNOSubmeter sugesto de deciso Sefic 4. Lei Rouanet - Acompanhamento (cont.) PROPONENTE Requisitar prorrogao do prazo de captao? SIMNORequisitar prorrogao do prazo de execuo?Publicar deciso no DOU Decidir pela aprovao ou indeferimento do pedidoAnalisar pedido e informar proponente da decisoAnalisar pedido e comunicar proponente por ofcioPARECERISTA VINCULADOCOMPONENTE CNICPLENRIA CNICAps encerrado o prazo da execuo, elaborar relatrio de execuo fsica no Salic e anexar documentosRequisitar prorrogao via SalicPublicar deciso no DOUAcompanhar execuo do projetoProjeto executado?SIM O acompanhamento poder ser realizado distncia ou por meio de vistoria in locoENTIDADE VINCULADAElaborar, trimestralmente, relatrio de execuo fsica no Salic e anexar documentosSIMRequisitar prorrogao via SalicSEFIC/ MINCNONO 5. Lei Rouanet Prestao de Contas PROPONENTE1 Aps encerrado o prazo da execuo, elaborar relatrio de execuo fsica no Salic e anexar documentosSEFIC/ MINC Projeto executado? SIMRecolher recursos captados ao FNCNONotificar Arquivar projeto e proponente com requisitar aviso de recolhimento dos recebimento e recursos captados Situao Regular? publicar no D.O.U. NOElaborar parecer de avaliao tcnica quanto ao objeto e objetivo do projetoPARECERISTA VINCULADO COMPONENTE CNIC PLENRIA CNICCompor Laudo Final de AvaliaoPublicar resultado do parecer de avaliao tcnica no D.O.U.ENTIDADE VINCULADARecolher recursos captados ao FNC e ressarcir danoElaborar resultado do parecer conclusivo quanto regularidade financeira e contbilNotificar proponente da inabilitao com aviso de recebimento e publicar no D.O.U.Inabilitar proponente e arquivar projeto SIMExigncias cumpridas?NOComunicar rgo de controle interno para instaurao do TCESIM PC aprovada?SIMNO Com ressalvas?Publicar no D.O.U. e notificar proponente via email e SalicArquivar projeto1FIM 6. Lei Rouanet Captao de Recursos Abertura das contas de captao e movimentao especficas para o projeto:- iniciar a captao dos recursos e solicitar ao MinC a transferncia para a conta movimento quando atingidos 20% do valor aprovado;- mesmo aps a ativao da conta movimento todos os recursos captados devem ser depositados na conta de captao; - necessidade de aplicao financeira dos recursos recebidos; - iseno de taxa de manuteno nas duas contas (DOC E TED no).5 7. Lei Rouanet Captao de Recursos Aps a primeira captao de recursos deve-se comunicar ao MinC, por meio de um Recibo de Mecenato:- o recibo deve ser emitido em trs vias com os dados do projeto e do patrocinador/doador, demonstrando a cronologia da captao; - se o patrocnio for em numerrio, os campos dos valores devem ser devidamente preenchidos para que a pessoa fsica ou jurdica efetue o correto lanamento em sua contabilidade e declarao do imposto de renda; - se o patrocnio ou doao se der na forma de bens e servios, estes devem estar previstos no oramento aprovado (observar o ramo de atividade do incentivador e o valor atribudo ao bem ou servio).6 8. Lei Rouanet Prazo de Captao O prazo de captao dos projetos culturais incentivados ter a durao apenas dentro do exerccio fiscal:- caso seja necessrio solicitar prorrogao de prazo de captao poder haver a prorrogao por at 2 exerccios fiscais posteriores ao de sua aprovao; - a solicitao deve ser feita pelo sistema do MinC (prorrogao da execuo por ofcio); - o pedido deve ser feito com 30 dias de antecedncia da data de encerramento; - deve conter informaes das metas e dos itens do oramento j realizados, bem como os que sero realizados durante o novo perodo; - justificativa da necessidade de prorrogao; No pode haver depsito realizado fora dos prazos de captao. Nesses casos o incentivador no ser contemplado pelo abatimento fiscal.7 9. Lei Rouanet Utilizao das Marcas do Ministrio da Cultura e Governo Federal Utilizao das marcas do Ministrio da Cultura e do Governo Federal:- todo material de divulgao e produtos do projeto ser submetido anlise prvia e aprovao da Sefic, que ter 05 (cindo) dias teis para avaliar a insero das marcas do Ministrio da Cultura e do Governo Federal; - os arquivos sero encaminhados para Sefic atravs de campo especfico no Salicweb; - aps avaliao, o Ministrio da Cultura pode indicar alteraes ou aprov-los expressamente; - caso no haja manifestao da Sefic neste prazo, a aprovao tcita.*Manual de Uso das Marcas do PRONAC: http://www.cultura.gov.br/documents/10883/12519/manual-Lei-deIncentivo.pdf/19f0f0ba-ce27-4b74-a99e-8e1a807d0ca2 8 10. 9 11. Lei Rouanet Alteraes no Projeto Alteraes de projetos aprovados pela Lei Rouanet:- aps aprovao do projeto, o proponente dever executa-lo de acordo com o que foi apresentado e aprovado pelo MinC; - toda e qualquer alterao do projeto aprovado dever ser solicitada, com 30 dias de antecedncia, e aprovada pelo rgo;- as alteraes no podero atingir o objeto do projeto, nesse caso novo projeto dever ser apresentado; - alteraes da mesma natureza somente podero ser solicitadas uma vez; - para os pedidos de alterao necessria captao de no mnimo 20% do valor aprovado, salvo os projetos contemplados em selees pblicas ou respaldados por contrato de patrocnio; exceo tambm nos pedidos de complementao quando exige-se a captao mnima de 50% do valor do projeto total.10 12. Lei Rouanet Alteraes no Projeto Remanejamento de despesas:- ser permitido o remanejamento de despesas entre os itens aprovados no oramento; - no pode haver aumento nos valores de itens relativos a despesas administrativas, mdia e publicidade e captao; - no pode haver remanejamento para itens que tenham sido retirados do oramento quando da analise e aprovao do projeto; A legislao permite que novos itens oramentrios sejam includos no oramento do projeto, desde que necessrios execuo do projeto cultural aprovado e faam parte da lista fornecida pelo MinC. * No haver necessidade de solicitao de remanejamento dentro da faixa de 20%, desde que no altere o valor total do projeto.11 13. Lei Rouanet Alteraes no Projeto Complementao do valor autorizado para Captao:- o proponente pode solicitar a complementao do valor inicialmente aprovado para captao de recursos, desde que: comprove a sua necessidade; j tenha captado 50% do valor aprovado; o valor solicitado para a complementao no exceda 25% do valor j aprovado; - o pedido dever apresentar: justificativa, detalhamento das etapas e dos custos que sero complementados - impossibilidade de ampliao de itens retirados do oramento.12 14. Lei Rouanet Alteraes no Projeto Reduo do valor do Projeto:- permitido ao proponente solicitar a reduo do valor do projeto aprovado; - a reduo no poder comprometer a execuo do projeto; - no poder ser superior a 40% do valor inicialmente aprovado; - o pedido dever apresentar: justificativa para reduo do valor; detalhamentos dos itens a serem reduzidos ou retirados redimensionamento do escopo do projeto.13 15. Lei Rouanet Alteraes no Projeto Alterao do local de realizao do Projeto:- o proponente poder solicitar a alterao do local de realizao do projeto desde que apresente: (i) anuncia dos patrocinadores;(ii) anuncia do responsvel pelo novo local de realizao; (iii) planilha oramentria adequada, quando for o caso; (iv) cronograma de execuo atualizado;(v) captao mnima de 20%.14 16. Lei Rouanet Alteraes no Projeto Alterao do Proponente:- mediante pedido do proponente atual e anuncia do substituto, desde que: no caracterize, ainda que potencialmente, a intermediao; no decorra de inadimplncia do titular; e seja o pedido submetido anlise tcnica quanto ao preenchimento dos requisitos subjetivos do substituto. OBSERVAO: Quando j houver ocorrido captao de recursos, a alterao do proponente depender, ainda, da anuncia dos patrocinadores ou doadores.15 17. Lei Rouanet Prestao de Contas Finalizao do Projeto:- a Lei Rouanet possui formulrios prprios de prestao de contas, disponveis em seu site, no sistema Salicweb - www.cultura.gov.br; - a IN n 01/2013 prev relatrios trimestrais que devero ser encaminhados, mas hoje isso ainda no possvel (http://novosalic.cultura.gov.br/); - aps finalizao das atividades previstas no projeto, o proponente dever apresentar prestao final de contas no prazo de 30 dias.16 18. Lei Rouanet Prestao de Contas Aspectos Gerais:- para uma prestao de contas correta necessria a organizao do proponente, para que todos os documentos compr