CANVAS –O modelo do Business Model Generation ?· CANVAS O modelo do Business Model Generation Qual…

Download CANVAS –O modelo do Business Model Generation ?· CANVAS O modelo do Business Model Generation Qual…

Post on 08-Dec-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<p>15/09/2015</p> <p>1</p> <p>PSI 2617Inovao em Engenharia</p> <p>Fernando Josepetti Fonseca</p> <p>CANVAS O modelo do Business Model Generation</p> <p>Universidade de So Paulo Escola PolitcnicaDepartamento de Engenharia de Sistemas Eletrnicos</p> <p>Como apresentar uma inovao?</p> <p>um Plano de Negcios!</p> <p>Uma Inovao precisa de </p> <p>Duas Inovaes precisam de </p> <p>dois Planos de Negcios!</p> <p>E cinco Inovaes precisam de </p> <p>cinco Planos de Negcios !?!?!??</p> <p>15/09/2015</p> <p>2</p> <p>CANVASO modelo do Business Model Generation</p> <p>Qual o meu modelo de negcio?</p> <p>Por muitos anos o termo modelo de negcios foi usado sem um consenso na sua definio. Muitos autores o mencionavam sem explicitar do que exatamente falavam.E foi exatamente pensando nisso que o consultor suo Alexander Osterwalder comeou a desenvolver sua tese de doutorado.Junto com Yves Pigneur, Alexander escreveu o livro</p> <p>Business Model Generation.</p> <p>15/09/2015</p> <p>3</p> <p>O Business Model Canvas uma ferramenta de gerenciamento estratgico, que permite desenvolver e esboar modelos de negcio novos ou existentes. </p> <p>Existem vrias conceitualizaesdiferentes de negcio. </p> <p>Com seu padro de design de modelo de negcios, uma empresa </p> <p>pode facilmente descrever seu modelo de negcios.</p> <p> um mapa visual pr-formatado contendo nove blocos do modelo de negcios. As descries formais do negcio se tornam os blocos para construir suas atividades. </p> <p>O CANVAS serve para que voc tenha uma VISO GERAL do Negcio</p> <p>Ao abrir um negcio, voc deve ter em mente a necessidade de abrir a sua mente e ter uma viso geral e bem ampla de tudo o que estiver fazendo, sendo assim a nica forma de poder se prevenir das inmeras armadilhas causadas por falta de planejamento e ateno existentes em algum empreendimento como este.</p> <p>Alexander, tendo isto em mente, conseguiu projetar um modelo </p> <p>que fosse coerente com a proposta de todas as empresas e teve xito em aplicar um mtodo que </p> <p>conseguisse abranger as reas necessrias de toda e qualquer startup. </p> <p>15/09/2015</p> <p>4</p> <p>Em resumo, o Canvas :</p> <p>Um modelo de negcios que permite que todo o negcio seja visualizado em uma nica pgina (ou slide). </p> <p>Isso significa que no mais necessrio percorrer um documento pgina aps pgina para compreender as diferentes estratgias definidas.</p> <p>15/09/2015</p> <p>5</p> <p>O modelo divido em 9 partes: Segmentos de clientes: esta parte diz respeito ao pblico para o qual voc </p> <p>vai dirigir os seus servios e produtos, para quem voc estar fazendo negcios. Oferta/Proposta de valor: nesta fase voc ir se questionar e descobrir </p> <p>aquilo que voc vai oferecer a este pblico, elucidando-se sobre qual problema do consumidor voc quer resolver.</p> <p> Os canais: aqui a hora de decidir por quais canais voc vai fazer o marketing, se relacionar com os clientes e, claro, fazer negcios.</p> <p> Relacionamento com o consumidor: voc ir estabelecer qual tipo de relacionamento ser o usado entre sua empresa e os clientes, e como isso vai interferir no modelo de negcios.</p> <p> Fontes de receita: o valor em comum que os clientes querem pagar pela sua proposta ser avaliado e qual ser a maneira mais fcil deste pagamento ser realizado tambm.</p> <p> Recursos-chaves: estes so os recursos imprescindveis para fazer o seu negcio andar.</p> <p> Atividades-chaves: e estas so as atividades importantssimas tambm para o seu negcio andar.</p> <p> Parcerias-chaves: esta parte refere ao ponto 2, se perguntando quais parcerias sero necessrias para por em prtica sua proposta de valor.</p> <p> Estrutura de Custos: e, por fim, os custos que sero tomados com a projeo de fato do modelo de negcios.</p> <p>15/09/2015</p> <p>6</p> <p>Segmento de ClientesO primeiro passo no desenvolvimento de um modelo de negcios o bloco do segmento de clientes. Precisamos destacar dois aspectos importantes que justificam isso:</p> <p>i) A palavra segmento possui implcita que se trata da escolha de uma fatia do mercado. Em outras palavras, necessrio que voc defina um nicho de clientes. A famosa afirmativa quem vende para todo mundo, no vende para ningum levada a srio no desenvolvimento de um modelo de negcios.</p> <p>ii) Um negcio deve ser desenvolvido a partir da perspectiva do cliente. Percebeu que o bonequinho olha para o modelo? Pois , de nada adianta ter uma boa idia se voc no enxerga por meio dos olhos de quem vai pagar pelo produto / servio que voc ir entregar.</p> <p>Oferta/proposta de Valor</p> <p>O segundo passo definir a oferta de valor do seu negcio. Entenda que valor neste caso significa benefcio. </p> <p>Portanto, fundamental que voc saiba explicitar quais so estes benefcios que seus produtos (ou servios) entregam para os seus clientes.</p> <p>15/09/2015</p> <p>7</p> <p>Canais</p> <p> Os canais podem ser de comunicao, vendas e distribuio do produto. Ou seja, qualquer tipo de interface da empresa com o cliente. Servem para que o segmento definido possa tomar conhecimento e avaliar a proposio de valor do produto, efetuar a compra e uso do mesmo.</p> <p>Canais descrevem quais os caminhos pelos quais a empresa comunica e entrega valor para o cliente.</p> <p>Relacionamento</p> <p> Muitas empresas start-upsadotam um relacionamento baseado em auto-atendimento, pelo qual o cliente resolve quase tudo sozinho. No entanto, algumas empresas j perceberam que investir num alto nvel de</p> <p> atendimento garante destaque e maior lucratividade.</p> <p>O bloco do relacionamento descreve estratgias que evitam que seus clientes corram para o concorrente por questes como preo mais baixo. Definir boas estratgias de relacionamento difcil, porm fundamental para a reteno de clientes.</p> <p>15/09/2015</p> <p>8</p> <p>Fluxo/fonte de receitas</p> <p>H uma srie de modelos de receita que podem ser adotados. Alguns exemplos so: venda de produtos, assinatura, aluguel, licena, leilo, etc.</p> <p>Para fechar o lado direito do modelo de negcios, o fluxo de receitas o bloco que determina a maneira como o cliente pagar pelos benefcios recebidos.</p> <p>O fluxo de receitas atualmente uma das grandes fontes de inovao.</p> <p>Recursos - chaveO primeiro bloco do lado esquerdo o de recursos-chave, que so os ativos fundamentais para fazer o Modelo de Negcios funcionar. Alis, todo o lado esquerdo est relacionado parte operacional do negcio.</p> <p>Esse bloco deve ser limitado a descrever o que realmente importa dentro dos ativos de sua empresa. Por exemplo, em uma siderrgica os recursos-chave so o forno (caldeira) e o laminador.</p> <p>Alguns exemplos de recursos so: ativos fsicos, como mquinas ou instalaes, intelectuais, como patentes,recursos humanos, como equipe de programadores ou atendimento, etc.</p> <p>15/09/2015</p> <p>9</p> <p>Atividades - chaveDe forma complementar ao recursos-chave, as atividades devem tratar das atividades mais importantes que aempresa deve fazer de forma constante para que o Modelo de Negcios funcione corretamente.</p> <p>Se uma empresa possui uma plataforma web como recurso-chave, muito provavelmente ter como atividade-chave a manuteno desta plataforma.</p> <p>Alguns exemplos de atividades so: Produo de Bens, Resoluo de Problemas, Gesto de Plataformas,Vendas Consultivas, Desenvolvimento de Produtos, etc.</p> <p>Parcerias - chaveParceiros-chave em um modelo de negcios refere-se primordialmente a terceirizaes (fornecedores).Como dito anteriormente, o lado esquerdo trata de quesitos operacionais, portanto o bloco parcerias lista outrasempresas que ajudam seu negcio a entregar a oferta de valor.</p> <p>Qualquer tipo de tarefa ou matria-prima essencial fornecida por outra empresa e que garante o funcionamentodo Modelo de Negcios deve ser listada neste bloco.</p> <p>15/09/2015</p> <p>10</p> <p>Estrutura de custosO ltimo bloco do modelo descreve todos os principais custos que tm peso no financeiro e so derivados da operacionalizao do Modelo de Negcios.</p> <p>Eles sero provavelmente </p> <p>oriundos dos blocos de recursos, </p> <p>atividades e parcerias-chave. Porm, tambm </p> <p>serpossvel que custos </p> <p>de canais sejam considerados </p> <p>como, por exemplo, comisso </p> <p>de vendedores.</p> <p>15/09/2015</p> <p>11</p> <p>CANVAS on line</p> <p>CLANDEVELOP BUSINESS MODEL CONTROL (CLAN-BMC)</p> <p>http://clanbmc.sistemaesite.com.br/</p> <p>http://www.sebraepr.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/Canvas:-como-estruturar-seu-modelo-de-neg%C3%B3cio</p>