caldeiras godoy

Download Caldeiras godoy

Post on 09-Feb-2017

794 views

Category:

Services

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • REAS DE ATUAOSENAC EM JUNDIA Inspees Internas

    Joo Gama Godoy Tcnico de Segurana do

    TrabalhoSenac - 2009

    proibida a reproduo do contedo desta apresentao em qualquer meio de comunicao, eletrnico ou impresso, sem autorizao escrita do autor.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso As primeiras aplicaes

    prticas ou de carter industrial de vapor surgiram por volta do sculo 17.

    O ingls Thomas Savery patenteou em 1698 um sistema de bombeamento de gua utilizando vapor como fora motriz.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso Em 1711, Newcomen

    desenvolveu outro equipamento com a mesma finalidade.

    A caldeira de Newcomen era apenas um reservatrio esfrico, com aquecimento direto no fundo, tambm conhecida como caldeira de Haycock.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    James Watt modificou um pouco o formato em 1769, desenhando a caldeira Vago, a precursora das caldeiras utilizadas em locomotivas a vapor.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso Todos estes

    modelos provocaram desastrosas exploses, devido a utilizao de fogo direto e ao grande acmulo de vapor no recipiente.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Stephen Wilcox, em 1856, projetou um gerador de vapor com tubos inclinados, e da associao com George Babcock tais caldeiras passaram a ser produzidas, com grande sucesso comercial.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de PressoEm 1880, Alan Stirling

    desenvolveu uma caldeira de tubos curvados, cuja concepo bsica ainda hoje utilizada nas grandes caldeiras de tubos de gua.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso Caldeiras a vapor

    so equipamentos destinados a produzir e acumular vapor sob presso superior atmosfrica, utilizando qualquer fonte de energia.

    So classificadas como:

    1) Quanto posio dos gases quentes e da gua:

    - Aquatubulares (Aquotubulares)

    - Flamotubulares (Fogotubulares, Pirotubulares)

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Caldeira Aquatubolar fixa Vertical

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Caldeira aquatubular: chamadas caldeiras de paredes de

    gua ou de tubos de gua. So as mais comuns em se tratando de plantas termeltricas ou gerao de energia eltrica em geral.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Termel%C3%A9tricahttp://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_el%C3%A9trica

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    CALDEIRA AQUATUBULAR

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Caldeira aquatubular de grande porte.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Caldeira Flamotubular: Tambm conhecidas como

    Pirotubulares, Fogotubulares ou, ainda, como Tubos de Fumaa, so aquelas nas quais os gases da combusto (fumos) atravessam a caldeira no interior de tubos que se encontram circundados por gua, cedendo calor mesma.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Caldeira Flamotubular

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Caldeira Flamotubular:

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Existem vrios mtodos de classificao das caldeiras flamotubulares (segundo o uso, a capacidade, a presso, a posio da fornalha, a posio dos tubos, os tamanhos, etc.).

    Podemos dividi-las em:

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Verticais Com fornalha externa Com fornalha interna

    Horizontais Com fornalha externa Multitubulares Com fornalha interna Com uma tubulao central

    (Cornovaglia) Com duas tubulaes

    (Lancashire) Locomotivas e Locomveis Escocesas Martimas Estacionrias Compactas

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Considera-se "Profissional Habilitado" aquele que tem competncia legal para o exerccio da profisso de engenheiro na atividades referentes a projeto de construo, acompanhamento operao e manuteno, inspeo e superviso de inspeo de caldeiras e vasos de presso, em conformidade com a regulamentao profissional vigente no Pas.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Presso Mxima de Trabalho Permitida - PMTP ou Presso Mxima de Trabalho Admissvel - PMTA o maior valor de presso compatvel com o cdigo de projeto, a resistncia dos materiais utilizados, as dimenses do equipamento e seus parmetros operacionais.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    a) vlvula de segurana com presso de abertura ajustada em valor igual ou inferior a PMTA; b) instrumento que indique a presso do vapor acumulado; c) injetor ou outro meio de alimentao de gua, independente do sistema principal, em caldeiras combustvel slido; d) sistema de drenagem rpida de gua, em caldeiras de recuperao de lcalis; e) sistema de indicao para controle do nvel de gua ou outro sistema que evite o superaquecimento por alimentao deficiente.

    Constitui risco grave e iminente a falta de qualquer um dos seguintes itens:

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    a) vlvula de segurana com presso de abertura ajustada em valor igual ou inferior a PMTA;

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    b) instrumento que indique a presso do vapor acumulado;

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    c) injetor ou outro meio de alimentao de gua, independente do sistema principal, em caldeiras combustvel slido;

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    d) sistema de drenagem rpida de gua, em caldeiras de recuperao de lcalis;

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    e) sistema de indicao para controle do nvel de gua ou outro sistema que evite o superaquecimento por alimentao deficiente.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Toda caldeira deve ter afixada em seu corpo, em local de fcil acesso e bem visvel, placa de identificao

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Toda caldeira deve possuir, no estabelecimento onde estive instalada, a seguinte documentao,

    devidamente:

    "Pronturio da Caldeira "Registro de Segurana "Projeto de Instalao "Projetos de Alterao ou Reparo "Relatrios de Inspeo

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Para os propsitos desta NR, as caldeiras so classificadas em 3 (trs) categorias, conforme segue:

    a) A so aquelas cuja presso de operao igual ou superiora 1960 KPa (19.98 Kgf/cm2);

    b)C so aquelas cuja presso de operao igual ou inferior a 588 KPa (5.99 Kgf/cm2) e o volume interno igual ou inferior a 100 (cem) litros;

    c) B so todas as caldeiras que no se enquadram nas categorias anteriores.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    As caldeiras de qualquer estabelecimento devem ser instaladas em "Casa de Caldeiras" ou em local especfico para tal fim, denominado "rea de Caldeiras".

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    As caldeiras classificadas na categoria A devero possuir painel de instrumentos instalados em sala de controle, construda segundo o que estabelecem as Normas Regulamentados aplicveis.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Toda caldeira deve possuir "Manual de Operao" atualizado, em lngua portuguesa, em local de fcil acesso aos operadores,

    contendo no mnimo:

    a) procedimentos de partidas e paradas;b) procedimentos e parmetros operacionais de rotina;c) procedimentos para situaes de emergncia;d) procedimentos gerais de segurana, sade e de preservao do meio ambiente.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    Para efeito desta NR, ser considerado operador de caldeira aquele que satisfizer pelo menos uma das seguintes condies:

    a) possuir certificado de "Treinamento de Segurana na Operao de Caldeiras" e comprovao de estgio prtico;b) possuir certificado de "Treinamento de Segurana na Operao de Caldeiras" previsto na NR 13;c) possuir comprovao de pelo menos 3 (trs) anos de experincia nessa atividade, at 08 de maio de 1984.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    O pr-requisito mnimo para participao como aluno, no "Treinamento de Segurana na Operao de Caldeiras" o atestado de concluso do 1 grau.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    O "Treinamento de Segurana na Operao de Caldeiras" deve, obrigatoriamente:

    a) ser supervisionado tecnicamente por "Profissional Habilitado";b) ser ministrado por profissionais capacitados para esse fim;c) obedecer, no mnimo, ao currculo proposto no Anexo I-A desta NR.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de PressoTodo operador de caldeira deve cumprir um estgio

    prtico, na operao da prpria caldeira que ir operar, o qual dever ser supervisionado, documentado e ter

    durao mnima de:

    a) caldeiras da categoria A: 80 (oitenta) horas;b) caldeiras da categoria B: 60 (sessenta) horas;c) caldeiras da categoria C: 40 (quarenta) horas.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de PressoTodos os reparos ou alteraes em caldeiras devem respeitar o respectivo cdigo do projeto de construo e as prescries do

    fabricante no que se refere a:

    materiais; procedimentos de execuo; procedimentos de controle de qualidade; qualificao e certificao de pessoal.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    As caldeiras devem ser submetidas a inspees de segurana inicial, peridica e extraordinria, sendo considerado condio de risco grave e iminente o no atendimento aos prazos estabelecidos nesta NR.

  • NR 13 - Caldeiras e Vasos de Presso

    A inspeo de segurana inicial deve ser feita em caldeiras novas, antes da entrada em funcionamento,