caderno linha azul 15 de agosto 2014

Download Caderno Linha Azul 15 de agosto 2014

Post on 02-Apr-2016

227 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Jornal O Estado (Ceará)

TRANSCRIPT

  • Linha Azul FORTALEZA - CEAR - BRASILSexta-feira, 15 de agosto de 2014

    Ora, sem f impossvel agradar-lhe; porque necessrio que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que galardoador dos que o buscam

    (HEBREUS 11 : 6)

    LANAMENTO

    Paulo Matta, que no clic aparece com o cantor Marcos Lessa, lanou a oc-togsima sexta edio da Revista Revista Exotic - Vip & Gourmet e o anurio.

    Pg. 5

    ALMOO SKAL

    Em mais um almoo realizado pelo SKAL, o Cel. Francisco Austrgsilo, a pre-sidente do SKAL, Priscila Cavalcanti, e Valmir Torres. O encontro animado pelo show man Guilherme Silva, teve muitas homenagens e aconteceu no Centro de Eventos dentro da feira empreender do SEBRAE. Pg. 2

    MESA AO VIVONo coquetel de lanamento do reality show gastronmico Mesa Ao Vivo,

    as presenas de Ricardo Castilho, Luiz Gasto Bittencourt (anfitrio), Georges Schynid e Ana Cludia Martins. Pg. 4

  • 2LINHA AZUL

    E D I TO R A: Wanda Palhano C O O R D E N A O G E R A L :

    Soraya de Palhano COLABORAO: Iratu Freitas PROJE TO: Kelton Vasconcelos DIAGRAMAO E ARTE FINAL: Wevertghom e J. Jnior.

    EXPEDIENTE

    IAN GOMESian.gomes2008@gmail.com

    Faz parte da caminhada de todos buscar uma forma tranquila de conduzir o cotidiano. Li esse texto no site Pprica Doce, de Brah-ma Kumaris e, acredito faz todo o sentido. Leia: Sem qualquer aviso prvio, testes e obstrues surgiro para aqueles que esto arrumando a casa interior. No fi que surpreso com os acontecimentos. No tenha medo. Continue caminhando com coragem, voc no est sozinho. Para cada passo que... d, voc recebe milhes de passos de ajuda. Se at o solo infrtil pode produzir frutos aps uma boa adubao, por que voc, mestre autoridade todo-poderosa, no poderia transformar qualquer difi culdade no trampolim da vitria?. Eis, portanto, um empurro pra quem pensa que no vale a pena viver.

    CONVERSANDO A GENTE SE ENTENDE

    MATUSAHILA SANTIAGOmatusahilasantiago@hotmail.com

    Hoje, peo permisso ao leitor para falar so-bre um amigo, fugindo um pouco da etiqueta social, embora que sendo a amizade um tema universal, cabe em qualquer crnica e ele-gante destacar a nobreza dos nossos amigos.

    E agora Jos? No existe dor, no exis-te saudade, no existe ausncia, no existe nada... S existe um vazio imenso e dentro deste vazio a procura por algum to amado e que inesperadamente partiu. E agora Jos? Foi esta frase to desprovida de resposta a nica que me chegou lembrana para pran-tear tua partida.

    Frase sem argumento, desguarnecida de propostas, implicando em incgnita e total-mente sem sada.

    Sinto-me beira de um abismo, cabea to-talmente vazia, almejando uma gota por menor que seja de sabedoria e no consigo porque no tenho como tambm no possuo lgrimas para prantear esta ferocidade que tal qual um meteoro privou-te de nosso afeto e de tua pre-sena to querida para sempre.

    Lembro-me de nosso primeiro dia de aula na Faculdade de Direito. Sentaste ao meu lado e perguntaste: posso fi car ao teu lado?

    To jovem! Quase um menino. Sorriso fcil. Inteligncia frtil. Conselheiro nato procurava a lgica de tudo. Vaidade inexistia em tua pessoa, s a famlia e os amigos alimentavam teu ser.

    Criana com alma de velho. Amavas antigui-dades e derivaste para o antiquariato, amavas a tradio, a realeza, tudo que se relacionava com a histria e com a marcha do tempo que qual um carro de boi segue para frente, porm na poeira da estrada vai deixando sua histria.

    E agora nem tua pessoa to cativante, fazer o qu? H pouco quando perdeste (o pai que conheceste) disseste-me: eu nunca pensei que amava tanto o Osmar e jamais pensei que iria sentir esta falta to grande. E agora, como suportarmos tua falta? Ainda eras quase uma criana, era cedo demais para deixares teus familiares a quem tanto amavas.

    Fiquei rf de um amigo querido, quase um irmo, de corao puro que no se contaminou com a maldade, cobia e inveja do mundo.

    Continuo com a mesma pergunta sem ob-ter resposta: E agora Jos? Perdi meu amigo, conselheiro, minha criana querida!

    ROCHA NETO (ROCHINHA)

    Variedades

    Toque Social

    A tua salvao espero, SENHOR!GNESIS 49 : 18

    FORTALEZA - CEAR - BRASILSexta-feira, 15 de agosto de 2014

    SKAL EMPREENDEDORPriscila Cavalcanti, presidente do SKAL Fortaleza, recebeu seus associados e convidados vips dentro do megaevento Feira do Em-

    preendedor em parceria com o Sebrae-CE. A programao frum espetculo com apresentao do mgico Efl em, atrao musical do show man Guilherme Silva e muitas homenagens com o trofu SkalAes35. Vamos ao zoom fotogrfi co do Carlos Bentivi.

    ARTE - Arte - O projeto A Escola Vai ao Cinema lana hoje, dia 15, a sua stima edio na cidade de Sobral. Desde 2007, mais de mil sesses j foram lanadas com um pblico de 80 mil jovens.

    OPORTU-NIDADE - Com o tema, No existe um caminho para a paz. A paz o caminho, o 1 Concurso de Fotografi a da Mostra Brasileira de Teatro Transcendental pror-rogou inscrio at hoje pelo site www.teatrotranscendental.com.

    LUTA - Para lanar o Outubro Rosa 2014, que acontecer no dia

    19 de outubro, a Associao Cearen-se das Mastectomi-zadas -Toque de Vida promoveu desfi le De bem com a vida, na semana passada.

    CHANCE - O Tribunal de Contas do Estado do Cea-r (TCE-CE) realiza-r concurso pblico para 47 vagas. O lanamento do edital deve acon-tecer ainda neste semestre.

    APRENDER - A Comisso de festas juninas do Conjunto Cear promove curso em capacitao profi s-sional para jovens a partir de 16 anos. Patrocnio do BNB. Grtis. Informaes 997766520.

    Fenelon Gonalves recebendo a comenda Ska-lAes35

    P.C entregando o trofu a Selma Cabral, repre-sentando o deputado Antnio Balhmann

    Cantor internacional show man Guilherme Silva

    Ftima Duarte, Selma Cabral, Silvana Frota e Juniar Ellyan

    Epitcio Vasconcelos, Circe Jane, Fernando Castro Alves e Fernanda Gomes

    Valmir Rosa Torres, coronel Austregsilo e Lda Maria

    Neidiana e Marcos Valle, P.C e Cludio Ary

    P.C entregando o trofu SkalAes35 para a presidente do SINDIEVENTOS-CE, Circe Jane

    Priscila Cavalcanti entregando o trofu SkalA-es35 para o deputado Srgio Aguiar

    Discurso da presidente do SKAL Fortaleza

    Epitcio Vasconcelos e Edmilson Rodrigues

    P.C, Ivana Bezerra e Montiele Arruda

    Solange Palhano e Regina Mindelo Jereissati

    Coronel Austregsilo, Priscila Cavalcanti (P.C) e Valmir Rosa Torres

    Apresentao do mgico Efl em

    Evelyne Barbosa recebendo mimo da presidente P.C e da skalega Selma CabralParabns dos aniversariantes do ms

    Selma Cabral, Rgis Medeiros e P.C

    Srgio e Mnica Aguiar e Priscila Cavalcante

    P.C, Luclia Loureiro, Virgnia Barbosa, Lda Maria e Selma Cabral

    Ftima Duarte, Montiele Arruda, P.C e Selma Cabral

    P.C, Rgis Medeiros, Ivana Bezerra e Darlan Leite

    Selma Cabral, Edgar S, Pedro Carlos Fonseca e P.C.

    P.C entregando o trofu a Marta Campelo

    P.C entregando a comenda SkalAes35 ao cantor internacional show man Guilherme Silva

  • 3FORTALEZA - CEAR - BRASILSexta-feira, 15 de agosto de 2014LINHA AZUL

    A quem tenho eu no cu seno a ti [Deus]? E na terra no h quem eu deseje alm de ti (SALMOS 73.25)

    O presente enviado pelo advogado e pianista Ricardo Bacelar de seu espetacular CD, IN Natura, fez com que a tristeza de meu mago amenizasse nestes dias

    Eduardo Campos uma jovem liderana que partiu e deixa o vcuo em nossa poltica

    n NOS LTIMOS dias do ms de julho em um bate-papo com meu filho afirmei: Vai comear o ms de agosto, um ms pesado, no gosto dele, na mesma hora ele me levando na brincadeira afirmou: Me deixa de besteira, agosto um ms como outro qualquer, acontecem tragdias e morre gente durante todo o ano. Como estava apressada, no fundamentei minha assertiva, ouvi, dei uma risadinha sem graa e pensei: fazei-me que no acontea nada neste ms.

    No fao parte da turma de Roberto Carlos, que no gosta de gato preto, no passa de baixo de uma escada... e s usa roupa branca e azul, o cantor altamente supersticioso. Porque no gosto de august? Vivenciei tragdias e grandes aconteci-mentos que marcaram minha infncia, juventude e no me sinto nada bem neste perodo. Procuro es-quecer estes meus pensamentos, pois tenho pavor de gente pesada. Vivo meus dias normalmente neste perodo do ano, mas sempre acontece o fato que comprova minha afirmao.

    Apesar de no ter nascido na poca de alguns fa-tos que marcaram a vida dos brasileiros, e meu pai, minha me terem falado muito sobre estes momen-tos, em minha infncia, acabei sentindo de verdade as mortes de grandes lderes que fizeram histria como tambm personalidades do mundo artstico: O suicdio do presidente Getlio Vargas, no Palcio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, no dia 24 de agosto de 1954; a renncia do presidente Jnio Quadros, em agosto de 1961; a morte de Juscelino Kubitschek (sou uma de suas grandes admiradoras), em agosto de 1976; no mundo da msica, o desaparecimento, em 16 de agosto, do adorado cantor Elvis Presley; O desaparecimento do poltico Miguel Arraes, em 13 de agosto de 2005, (av de Eduardo Campos); o suicdio recente de um dos mais brilhantes ar-tistas de sua gerao Robin Williams e agora, em 13 de agosto, desaparece em um trgico acidente de avio, a jovem liderana poltica pernambucana e candidato presidncia da Repblica, Eduardo Campos, junto com mais quatro assessores e dois comandantes da aeronave.

    No me sai da cabea os olhos azuis de Eduardo

    NotasSOLANGE PALHANO

    solangepalhano@oestadoce.com.br

    MORTE DE EDUARDO CAMPOS

    VALE A PENA LER

    CONTRA A LEGALIZAO DA MACONHA

    MS DE AGOSTO

    n OS CANDIDATOS, em respeito morte e ao sen-timento dos brasileiros e familiares de Eduardo Campos, paralisaram suas campanhas, mas o que me deixou per-plexa foi o comportamento de alguns jornalista