caderno linha azul 11 de julho 2014

Download Caderno Linha Azul 11 de julho 2014

Post on 01-Apr-2016

229 views

Category:

Documents

13 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Jornal O Estado (Ceará)

TRANSCRIPT

  • Linha Azul FORTALEZA - CEAR - BRASILSexta-feira, 11 de julho de 2014

    Ora, sem f impossvel agradar-lhe; porque necessrio que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que galardoador dos que o buscam

    (HEBREUS 11 : 6)

    POSSE SINDIGRFICA

    Em solenidade que aconteceu no Auditrio Lus Esteves da FIEC, foi empossada a nova diretoria do SINDIGRFICA para o binio 2014 - 2016.

    Pg. 5

  • 2LINHA AZUL

    E D I TO R A: Wanda Palhano C O O R D E N A O G E R A L :

    Soraya de Palhano COLABORAO: Iratu Freitas PROJE TO: Kelton Vasconcelos DIAGRAMAO E ARTE FINAL: Wevertghom e J. Jnior.

    EXPEDIENTE

    IAN GOMESian.gomes2008@gmail.com

    A semana foi de muita expectativa em relao ao jogo. O resultado foi frustrante. No entanto, creio que o Brasil campeo, sim. Quem consegue viver com um salrio mnimo e sustentar a famlia, campeo. Quem espera mais de trs meses por uma consulta mdica, campeo. Quem anda em nibus lotado, campeo. Quem no tem gua, luz, esgoto em casa, campeo. So muitos os campes des-se Pas. Pena que ningum quer ver. Ningum levanta bandeira ou pinta a cara para vibrar por eles. Ningum lota estdios pagando fortu-nas para torcer por eles. Mesmo assim, eles seguem driblando os obstculos. Estes sim tm raa e coragem. No fogem luta. Eles conse-guem manter um sorriso de esperana acima de qualquer difi culdade. Pena que a maioria passa despercebida. So invisveis.

    CONVERSANDO A GENTE SE ENTENDE

    MATUSAHILA SANTIAGOmatusahilasantiago@hotmail.com

    De h muito sabemos que a primeira im-presso a que fi ca para sempre! Creio eu, que esta afi rmativa possui um cunho de vera-cidade muito grande, mas, ontem, assistindo a uma entrevista de um formador de opinio, ele haja dito que j se surpreendeu muitas vezes, por ver que muita cousa muda ao convivermos mais amide com esta mesma pessoa que na primeira impresso decepcionou-o.

    Continuo, porm, com a assertiva dos nos-sos ancestrais: a primeira impresso a que fi ca, por isso, vale a pena capricharmos quan-do formos conhecer algum que nos interessa continuar a termos como amigos. A primeira cousa que vo observar a nossa educao: nosso modo de falar, de agir, de nos portar-mos mesa, se fi camos procurando o melhor pedao, como tratamos as outras pessoas, enfi m, nosso comedimento, nosso comporta-mento de um modo geral.

    Muito embora a juventude diga que estas regras de civilidade estejam defasadas, no verdade; agora mesmo assistimos a barbrie ocorrida no estdio com os jogadores passan-do do profi ssional para o pessoal, como se de repente virassem gladiadores e estivessem na arena do Coliseu.

    Tudo isto, por conta da falta de civilidade no trazida da famlia. Dizem que a criana deve ser educada ao nascer a me da crian-a, apura-se da que a educao ancestral, tradicional!

    Hoje, mais do que nunca no s os nossos rapazes esto sofrendo a infl uncia brutal que assola o mundo, o ambiente vai se incrustando de perverso destruindo assim as caractersti-cas de delicadeza e bons modos. Infelizmen-te tudo isto est culminando no contgio das jovens que iro preparar quem um dia ir co-mandar o Pas.

    Dessa forma, volta a afi rmar: a primeira im-presso de suma importncia. Tansitar com seriedade, dominar os mpetos de revolta, de dio, de crueldade faz parte dos ensinamen-tos familiares. Lembro-me que meu pai dizia: Tu s responsvel at pela grama que pisas sem necessidade. Se machucas as plantas e maltratas os animais, que podemos esperar de pessoas deste nvel?

    Dominar os talheres aperfeioamento so-cial. Dominar nossos atos, este sim, o nosso carto de visitas.

    A PRIMEIRA IMPRESSO

    Variedades

    Toque Social

    A tua salvao espero, SENHOR!GNESIS 49 : 18

    FORTALEZA - CEAR - BRASILSexta-feira, 11 de julho de 2014

    ARRAI OABA Ordem dos Advogados do Brasil, Seo Cear (OAB-CE), promoveu, no Nutico, mais uma edio do

    tradicional arrai junino. A festa caipira aconteceu no dia em que foi realizado o jogo das Oitavas de Final da Copa do Mundo. A dupla Srgio & Leo animaram o arrai. Antes do forr p de serra animar a festa, advogados

    e advogadas acompanharam o jogo pela televiso de LED que foi instalada no local.

    VOTO - Apren-der - Na quarta edio do programa Grandes Nomes, pro-movido pelo Instituto FA7, palestra do profes-sor e consultor Edison Henriques, nos dias 18 e 19 deste ms sobre Liderana Resiliente.

    ELEIES - O clima na cidade j respira poltica. Afi nal, so 553 candidatos a deputado estadual e mais 195 a deputa-do federal, segundo dados do Tribunal Regional Eleitoral.

    MODA - Eu amo promoo Kokid com descontos de at 70% at o fi nal do ms em todas as lojas da marca.

    AGENDA - Cora e Adlia, receita de poesia em um dedo de prosa (foto) atra-o no Espao Cultural Correios, de 17 a 19 deste ms a partir das 19h, entrada grtis.

    CHANCE - O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) lanou edital de seleo de projetos cultu-rais 2014/2015. As inscries podero ser realizadas at 31 de agosto deste ano pela internet: www.bnb.gov.br/edital/progra-masccbnb.

    FOTOS: IRATU FREITAS

    Alberto e Luiza Perdig o

    Auxiliadora e Sabino Henrique Anne Kelly Chaves

    Apresenta o da Quadrilha Santa Terezinha

    Marcelo e Renata Mota

    Bruno Queiroz, Raphael Pessoa Mota, Leandro Vasques, Valdet rio Monteiro e J lio Ponte

    Rossana Kopf

    Aline Ferreira Gomes Vasques e Leandro Vasques

    Rildson Martins

    Csar e Cristina Bertozzi Renata Mota e fi lhasBruno Queiroz, Renan Viana, Leandro Vasques e Alfredo Marques

    Manuella Leite e Cludia Helena CsarFabiana Freitas, Thiago Morente e BrendaLeticia Karla, Antonella Campos e Jorge Augusto

    Cl udia Helena Csar Gutemberg Figueiredo e Karine Maia

    Patrcio de Sousa Almeida Pblico assistindo ao jogo

  • 3FORTALEZA - CEAR - BRASILSexta-feira, 11 de julho de 2014LINHA AZUL

    O SENHOR a minha fora, e o meu cntico; ele me foi por salvao; este o meu Deus, portanto lhe farei uma habitao; ele o Deus de meu pai, por isso o exaltarei. (XODO 15 : 2)

    Quem aniversariou, ontem, foi meu amigo-irmo Valdetrio Monteiro, inteligente, bom carter, bom marido e bom pai

    Manuela Cysne e Madalena Feij o Simone Mello e Glorinha Cysne Leo, Sanzia Montenegro e Maf Holanda Princesa

    Solange Palhano

    M rio Salinas, V nia Franck e Maf Holanda

    Enzo Agresti, F bio Franck, M rio Salinas e Tahip Becca

    Leo Flecheiras e V nia Franck Lina Franck, Everardo Oliveira e Victor Oliveira

    Manuela Cysne e Armando Campos Elisa Oliveira, Maf Holanda e Madalena Feij o

    V nia e Clara Franck

    n QUALQUER PESSOA que queira entrar na poltica tem que saber diante mo que ser um soldado do partido. Para qualquer ato que seja chamado, mesmo que v para o sacrifcio, tem que estar sempre disposio. Os donos dos partidos mexem as peas de acordo com suas conveni-ncias e s permanecero nele at o dia em que forem teis. Se no, ser descartado. Como no existe ideologia partid-ria no Brasil, nesta histria no existe nenhum santo, nem o chefe e nem o parlamentar, ou gestor. um usando o outro.

    n QUALQUER PESSOA que pblica no Brasil tachada: Se for mulher na boca do povo rapa ou sapato e se for bonita trai o marido; j homem corno, gay, cheirador de cocana ou la-dro. A inveja mata e triste quem difama as pessoas gratuitamen-te. Aviso no tenho homofobia, estou s mostrando a realidade.

    n QUEM TEM e divide com ou outros nunca fi car sem nada;Quem guarda raiva e alimenta problema adoece;Triste a pessoa que no sabe chorar e nem rir;Nada justifi ca voc descarregar seus problemas em cima

    dos outros;O pior sentimento que podemos sentir por um semelhante

    pena ou desprezo;Se algum dia uma pessoa lhe fez mal, perdoe uma vez, duas

    vezes, trs vezes, mas no a quarta: voc no Deus. me-lhor descart-la de sua vida e nunca mais ela lhe far mal;

    Ser miservel, mesquinho e invejo um dos piores defeitos que o ser humano pode ter;

    O invejoso nunca cresce;Nunca julgue as pessoas porque um dia poder passar pela

    mesma situao e fazer o mesmo que est condenando;Tudo que voc faz aqui nesta vida voc paga aqui mesmo,

    no acredito que possa haver outra;Infelizmente, no se entregue totalmente no incio de um relacio-

    namento: temos que esconder nossos sentimentos. S quando a histria tiver andando e sentir que h reciprocidade, a relaxe;

    Nunca diga nunca farei isto;No seja impaciente com uma pessoa idosa, se conseguir

    viver muitos anos ser igualzinha a ela;Dinheiro chama dinheiro, falsos amigos e, muitas vezes,

    proporciona momentos felizes para ns e para quem ns aju-damos ou realizamos ou sonho, mas no evita de voc morrer, s retarda a sua morte e d paz de esprito para as pessoas honestas que sempre querem manter suas contas em dia;

    Querer poder. Se voc no conseguiu, porque no queria;As relaes no se perpetuam, porque no respeitamos a

    individualidade do outro;Para ter amor de um fi lho, de um amigo, de um companhei-

    ro, devemos sempre estar aguando a sementinha. A rotina desgraa qualquer relacionamento;

    Pai e me no so aqueles que botam no mundo, mas os que criam;

    Nem sempre a sogra chata, existe muita norinha insu-portvel por a;

    Voc colhe o que planta;Nem toda mulher nasceu para ser me, por isto devemos

    respeitar aquelas que no querem ser;Feliz a pessoa que se conhece;Temos momentos de felicidades, porm a vida seria chata,

    montona se no tivssemos problemas;A autoestima tudo na vida. De nada adianta ser bela se sua

    autoestima baixa;Se conheces algum que vive humilhando os outros, pode ir

    atrs que ele um complexado;Ser muito comunicativa, simptica show, mas temos que,

    NotasSOLANGE PALHANO

    solangepalhano@oestadoce.com.br

    POLTICO

    AQUI NO BRASIL

    A CADA DIA QUE VOU AMA