Biologia - Caderno de Resoluções - Apostila Volume 1 - Pré-Vestibular bio1 aula02

Download Biologia - Caderno de Resoluções - Apostila Volume 1 - Pré-Vestibular bio1 aula02

Post on 06-Jun-2015

884 views

Category:

Documents

0 download

TRANSCRIPT

<p>Biologia 1COMENTRIOS ATIVIDADES1.</p> <p>Mdulo 2PARA</p> <p>COMENTRIOS ATIVIDADES PROPOSTAS1. A co-evoluo pode ser definida como evoluo simultnea de duas ou mais espcies que tm um relacionamento ecolgico prximo. Atravs de presses seletivas, a evoluo de uma espcie torna-se parcialmente dependente da evoluo de outra.Resposta correta: C</p> <p>SALA</p> <p>Estruturas homlogas so aquelas que se assemelham, pois derivam de estruturas presentes em um mesmo grupo ancestral comum, refletindo, portanto, parentesco evolutivo. Essas estruturas tm a mesma origem embrionria e podem ou no apresentam as mesmas funes. Ex: pata dianteira do cavalo e asa do morcego. Estruturas anlogas so aquelas que se assemelham simplesmente por exercerem a mesma funo e no derivam de modificaes de estruturas semelhantes j existentes em um ancestral comum exclusivo. Essas estruturas no possuem a mesma origem embrionria. Ex.: asa de inseto e asa de morcego.Resposta correta: D</p> <p>2. A variabilidade gentica traduz-se nas diferentes combinaes com que o material gentico repassado aos descendentes. Podemos citar a mutao, a segregao independente dos cromossomos e a permutao cromossmica, gerando a recombinao gnica.Resposta correta: C</p> <p>2.</p> <p>Segundo a Panspermia, a vida na Terra teve origem a partir de seres vivos ou de substncias precursoras da vida provenientes de outros locais do cosmo, tendo sido trazidas Terra pr meteoritos, cometas, ou ento pela poeira espacial.Resposta correta: E</p> <p>3. As freqncias dos genes em uma populao podem variar devido a inmeros fatores, como migraes, mutaes, seleo natural, desastres ambientais, isolamento etc.Resposta correta: E</p> <p>3.</p> <p>Durante as dcadas de 1930 e 1940, os conhecimentos genticos foram incorporados s idias darwinianas em uma sntese evolucionria, da qual resultou uma teoria mais abrangente e mais consistente, que ficou conhecida como Teoria Moderna da Evoluo ou Teoria Sinttica da Evoluo. Segundo Ernst Mayr, a expresso sntese evolucionria foi introduzida pelo bilogo ingls Julian Huxley, em 1942, para designar a aceitao de duas concluses: 1 - a evoluo pode ser explicada pelas mutaes e pela recombinao gnica, orientada pela seleo natural; 2 - o fenmeno evolutivo pode ser explicado de maneira consistente com base nos mecanismos genticos conhecidos. Assim, a Teoria Moderna da Evoluo incorpora ao conceito de seleo natural, ponto central do darwinismo; as explicaes genticas para a origem da diversidade das caractersticas nos indivduos de uma populao.Resposta correta: C</p> <p>4. A criao de variantes genticas, ou seja, a variabilidade gentica decorrente principalmente das mutaes aleatrias e da recombinao gnica que ocorre por ocasio da reproduo.Resposta correta: C</p> <p>5.</p> <p>De acordo com a sntese moderna, como estabelecida nas dcadas de 30 e 40, a variao gentica em populaes surge aleatoriamente atravs de mutao (atualmente sabemos que isto pode acontecer devido a erros na replicao do DNA) e recombinao gentica (cruzamento de cromossomos homlogos durante a meiose). A evoluo consiste primariamente em modificaes na freqncia dos alelos entre uma e outra gerao como um resultado de deriva gentica (genetic drift), fluxo gnico (gene flow) e seleo natural. A especiao ocorre gradualmente quando populaes so isoladas reprodutivamente, por exemplo, por barreiras geogrficas.Resposta correta: D</p> <p>4.</p> <p>Migrao, mutao e oscilao gnica influenciam na composio gnica de uma populao.Resposta correta: C</p> <p>6.</p> <p>Nas idias neodarwinistas, ocorre a associao das idias de mutaes e recombinaes para o aparecimento da variabilidade juntamente com as idias de seleo natural propostas por Darwin.Resposta correta: A</p> <p>5.</p> <p>A analogia reflete as semelhanas entre estruturas unicamente pelo fato de exercerem a mesma funo, mas que no derivam de um ancestral comum exclusivo. As estruturas anlogas no refletem parentesco evolutivo e so conseqncia da evoluo convergente.Resposta correta: A</p> <p>7.</p> <p>A reproduo assexuada responsvel pela mesclagem de materiais genticos de seres distintos, favorecendo a recombinao e o aparecimento de mutaes que aumentam a variabilidade dos genes. | BIOLOGIA 1 1</p> <p>PR-VESTIBULAR</p> <p>|</p> <p>VOLUME 1</p> <p>Resposta correta: C</p> <p>8.</p> <p>A cladognese corresponde a um processo evolutivo que gera ramificaes nas linhagens de organismos ao longo de sua histria evolutiva e implica obrigatoriamente em especiao biolgica. A anagnese a evoluo progressiva de espcies que envolve uma mudana na freqncia gentica de uma populao inteira em oposio a um evento de ramificao cladognese. Quando um nmero suficiente de mutaes atinge a fixao numa populao de tal maneira que existe uma diferena significativa em relao populao ancestral, uma nova espcie pode ser designada.Resposta correta: E</p> <p>9. Todos os itens citados remetem a processos de intercruzamento, o que no ocorre nesses seres. A nica exceo a mutao, que ocorre independente do tipo de reproduo da espcie.Resposta correta: B</p> <p>10. A teoria sinttica da evoluo combina elementos do darwinismo (seleo natural) com modernos conhecimentos sobre gentica e reproduo dos seres (recombinao gnica e mutaes).Resposta correta: A</p> <p>2</p> <p>PR-VESTIBULAR</p> <p>|</p> <p>VOLUME 1</p> <p>|</p> <p>BIOLOGIA 1</p>

Recommended

View more >