Aula M2 - Amor Sublime Amor

Download Aula M2 - Amor Sublime Amor

Post on 29-Jun-2015

416 views

Category:

Spiritual

3 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. Amor, Sublime Amor O amor a alma de Deus, porque Deus a alma do amor. (Joana DAngelis).</li></ul> <p> 2. Amor, Sublime Amor Aula com msicas para tocar o corao. Gilda O que queremos e o que no queremos. J no queremos ser trados, ou ter um parceiro ciumento, calado ou falante demais. Por outro lado, quando um namoro demora a acontecer como queremos, comeamos a nos sentir s. Foi assim tambm, provavelmente, com nossos avs. E a soltamos aquelas frases imortais: Acho que nunca vou encontrar algum!, Acho que nunca vou ser amado! ou ainda Vou terminar s!. No amor, no fique esperando acontecer, no tora para acontecer, apenas esteja atento quando acontecer. No namoro, como em tudo, somos atrados pelo que somos. Se magoamos os sentimentos dos outros, nesta ou em outras vidas, responderemos por esse ato. So as chamadas expiaes: as energias que liberamos magoando ou ferindo algum so nossas e cedo ou tarde as encontraremos. Ficar. Causa e efeito. 3. Amor, Sublime Amor Carnaval e Camisinhas. A msica interfere no equilbrio sexual?Rock Metal produz grandes descargas de adrenalina, tendncia a violncia, e no d tempo de absorvero Cortisol que a substncia que acalma. H uma certa idade para comearmosa namorar? [ &gt; Quem inventou o amor, explica por favor ]Nos climas frios, a adolescncia e a erupo dos hormnios: entre 12 a 14 anos.Nos climas tropicais: entre 11 a 13 anos por conta da influncia solar. Nos pases tropicais o estmulo dosexo muito maior. Crianas.Pessoas acham sensacional, uma criana de 4 a 7 anos, com jeito de gente grande, perguntando-se cad onamoradinho?. 4. Amor, Sublime Amor Se namorando, no gostamos certas atitudes...Na fase de namoro ns temos que mostrar o que somos, o que gostamos, discutir o nosso futuro. Mscaras. [ &gt; O nosso amor uma mentira, que a minha vaidade quer ] Quando algum est sempre de acordo, noest mostrando amor, ele est se submetendo. Faa da briga (ajustes sem ofensas), umencontro fascinante.[ &gt; Se de dia a gente briga... ] O companheiro ideal... Emoo x Sensao. 5. Amor, Sublime Amor O auto-amor pode ser confundido comegosmo?O egosmo querer coisas e pessoas para si. O auto-amor um despertar da conscincia para eleger o melhorpara si. Quando a pessoa se auto-ama ele trabalha pelo seu aprimoramento moral, ele estuda, cresce intelectuale moralmente, evita vcios. O egosta no se ama, ele ama a posse, gosta das coisas e das pessoas paraatender suas paixes e necessidades desequilibradas. Quem no se ama, no ama ningum.Porque se eu no cuido de mim, como poderei amar a outrem? A couve e a mangueira. 6. Amor, Sublime Amor Dois seres que se conheceram e se amaram podem encontrar-se em outras existncias corpreas e reconhecerem-se? No nos reconhecemos, mas somos atrados. [ &gt; Exagerado ] Espritos afins, buscam afinidades. Por isso no conseguimos ficar muito tempo nos relacionando com algum que tenha uma vibrao muito diferente da nossa, a no ser, nos casos de: - Resgate de antigos compromissos. A alma afim no quer dizer que est sempre de acordo. Desajustes e ajustes. 7. Amor, Sublime Amor O primeiro olhar sempre para si mesmo. No adianta querer que a sua namorada seja como a sua amiga, ou a atriz da novela. Voc est crescendo? 8. Amor, Sublime Amor Quanto mais libertamos, mais temos. Cobranas: Ningum tem a obrigao de atend-lo. No me decepcione, pois ficarei magoado!. O que seria decepcionar? No atender um capricho? Liberte. No carregue mgoas. Sentimento de inferioridade. [ &gt; Deixe de ser feliz por ela ] 9. Amor, Sublime Amor A paixo!A paixo est no excesso provocado pela vontade, pois o princpio foi dado ao homem para o bem e as paixespodem conduzi-lo a grandes coisas. O abuso a que ele se entrega que causa o mal. O foguete! Conduz a grandes coisas. A falta de controle e o abuso.As paixes so como um cavalo, que til quando governado e perigoso quando governa. Reconhecei pois queuma paixo se torna perniciosa no momento em que deixais de governar e quando resulta num prejuzo para nsou para outros. A paixo descontrolada pode viciar.Um banho qumico no apaixonado: Dopamina, Norepinefrina eFeniletilamina. Geram descontrole e euforia e podem viciar.[ &gt; Lulu Santos Mondocane ] 10. Amor, Sublime Amor CUIDADO! Isso est em sua mente? No aguento ficar longe dele(a)! Sinto cimes quando ele(a) d ateno para outra pessoa! Ele(a) tudo para mim! Algumas vezes no consigo comer, nem dormir por causa do meu amor. Por ele(a), fao qualquer coisa, mesmo que fuja aos meus princpios. Ele(a) no sai da minha cabea o dia todo. [ &gt; Pare! ] Obsessivo(a), possessivo(a) e ciumento(a). Saber controlar a paixo transferir a outros sentimentos a fora que voc sente, levando a nobres objetivos. Inicie tudo com paixo, mas no faa tudo s pela paixo! 11. Amor, Sublime Amor Levar-se pela emoo, sem nenhuma barreira na sua mente. A atrao vira paixo quando a pessoa se deixa levar pela emoo, quando nutre o sentimento, quando no coloca nenhuma barreira para ele em sua mente. Da fica difcil romper e administrar esse afeto to forte, que pode virar uma obsesso. O amor de longo relacionamento: sentimentos de calma, segurana, conforto social e unio emocional. 12. Amor, Sublime Amor S desejos ou objetivos? O momento do vazio. Estamos sozinhos de novo.[ &gt; Quando se aprende a amar, o mundo passa a ser seu] 13. Amor, Sublime Amor O amor: [ &gt; o amor... ] conhecer melhor a si mesmo e o outro. o carinho, a confidncia, o respeito. tudo que lhe leva ao crescimento. Para o amor, tudo NS. Diga: Eu te amo!. [ &gt; Amor I love You ]Eu sou to feliz, a sua companhia preenche os meus vazios existenciais Ame, ao invs de querer ser amado.Maturidade psicolgica e crianas caprichosas.Quando ns amamos, temos maturidade psicolgica. Quando queremos ser amados somos crianascaprichosas, toda criana caprichosa sempre quer mais, porque insacivel, porque a pessoa tem egosmo eegocentrismo, a pessoa o centro do universo.[ &gt; Monte Castelo ] 14. Amor, Sublime AmorA vendedora de Acarajs.Encerramento.</p>