assistencia de enfermagem ao rn

Download Assistencia de enfermagem ao RN

Post on 30-Jan-2016

63 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Cuidados mediatos e imediatos de enfermagem ao recém-nascido.

TRANSCRIPT

  • Assistncia ao RN

    Prof. Enfer. Emlia Rosendo de Sousa Pinto

  • O nascimento o evento mais perigoso com o qual o ser humano se defronta durante toda a sua existncia. neste contexto que as consideraes sero colocadas, trazendo as renovaes com embasamento cientfico para substituir as velhas prticas (Guinsburg R, 2006)

    Assistncia ao RecmNascido

  • CONCEITOS IMPORTANTESRN: do nascimento at 28 dias de vida.

    LACTENTE: 29 dias de vida at 24 meses. Tambm chamado de primeira infncia. Ocorrem as maiores modificaes no desenvolvimento da criana.MS, 2002.

  • Assistncia Imediata ao RNPara a assistncia ao recm-nascido normal, que constitui a maioria das situaes, nada mais deve ser feito alm de se enxugar, aquecer, avaliar e entregar me para um contato ntimo e precoce.

    Em toda sala de parto deve estar presente pelo menos um profissional capacitado a reanimar de maneira rpida e efetiva, mesmo quando se espera um RN saudvel.

    (Ministrio a Sade, 2001)

  • Classificao do RN em relao a IG

    RNPT: 37 semanas

    RNT: 38-42 semanas

    RN ps-termo: + 42 semanas

  • SALA DE PARTO: Avaliao da vitalidade do recm - nascido: realizada pela escala de Virginia APGAR, no primeiro e quinto minuto de vida.

    SINAIS012PULSO(freqncia cardaca)AusenteMenos que 100Mais que 100RESPIRAO(esforo respiratrio)AusenteLento irregularChoro forteATIVIDADE(Tnus muscular)Dbil (debilitada)certa flexo dasextremidadesMovimentaoativaIRRITABILIDADEREFLEXA1.Resposta a palmada na sola do p 2.Resposta ao cateter na narinaNenhuma respostaCaretaChoroAPARNCIA(cor )Azul - plido-cianticoCorpo rseo;extremidade azulTotalmenterseo

  • 7 a 10 = o RN est bem

    4 a 6 = RN requer vigilncia, talvez reanimao

    < 4 = reanimao imediata para o RN

  • Identificao A identificao deve ocorrer antes da me e do RN serem transferidos da sala de parto Nome completo da me;Hora e data do nascimento;Sexo do beb;Colocar fitas de identificao no pulso da me e do RN;

  • Jucille Menezes, 2011

  • Jucille Menezes, 2011

  • Incentivar o Aleitamento Materno em Sala de PartoJucille Menezes, 2011

  • *MATERIAL

  • Jucille Menezes, 2011

  • Assistncia ao RecmNascido Margotto PR

  • ESTAR ATENTO A:Temperatura da sala de parto;Ter a disposio bero aquecido;Recepcionar o Rn em campo aquecido;

  • Assistncia ao RN

    Preencher a ficha do RN com dados da histria familiar e materna, pregressos e atuais, e do trabalho de parto; Dispor sobre a mesa de atendimento do RN o seguinte material:Uma sonda ou pra de aspirao traqueal para cada RN;Soro fisiolgico;Luvas;Gaze esterilizada, anel de borracha e/ou de plstico (dispositivo especfico) e material para ligadura de cordo (pinas e tesoura); eManter disponvel, para qualquer emergncia, o material e medicao para reanimao;

  • Receber o RN, sec-lo e colocar em campo estril e aquecido sob o calor radiante;Levar o RN me;Identificar o RN com uma braadeira, com o nome da me, no antebrao e tornozelo;Aspirar boca e depois narinas;Passar a sonda nasogstrica para excluir atresia de coanas e esfago;Verificar a vitalidade atravs do Apgar;

    Assistncia ao RN

  • Laquear o cordo a uma distncia de 2cm do anel umbilical e verificar a presena de uma veia e duas artrias;Pingar nitrato de prata a 1% (preparar diariamente em frasco escuro), uma gota em cada olho;Lavar o estomago, se o lquido amnitico for meconial, sanguinolento ou purulento, com gua destilada ou soro fisiolgico;Colocar o RN para mamar logo que finalizar as medidas de atendimento aps o nascimento;Prescrever e administra Vitamina K, 1mg IM;Registrar na ficha do RN impresso plantar e do polegar direito do RN e da me;Examinar a placenta;Colher amostras de sangue do cordo ;Assistncia ao RN

  • O mecnio a primeira eliminao do neonato, composta de lquido amnitico, secrees intestinais, clulas mucosas descamativas e as vezes sangue (sangue materno ingerido ou sangramento de algum vaso do trato alimentar).Tem aspecto verde escuro e bem viscoso.

    DEVE OCORRER DENTRO DAS PRIMEIRAS 24 HORAS.

    Assistncia ao RN

  • Fezes de transio: aparecem em torno do 2 ou 3. Dia. A colorao amarela esverdeada e menos viscosa.

    Fezes lcteas: aparecem em torno do 4. Dia. Se em aleitamento materno: fezes amareladas e pastosas.Se leite artificial: fezes amarelo plido ou castanho claro. So mais firmes e o odor mais intenso.

    Assistncia ao RN

  • O volume da urina por 24 horas de aproximadamente 200-300ml ao trmino da primeira semana e pode resultar em at 20 mices /dia.

    DEVE OCORRER NAS PRIMEIRAS 24 HORAS DE VIDA.

    Assistncia ao RN

  • FONTANELASFontanela (do latim fontanella -pequena fonte), popularmente denominada moleira, na anatomia humana, o espao macio e membranoso que separa os ossos do crnio dos recm-nascidos. O RN possui duas principais fontanelas a fontanela anterior ou bregmtica e a fontanela posterior ou lambdidea.

  • Avaliar e classificar o RN segundo peso e idade gestacional Pesar

    Assistncia ao RN

  • Verificar medidas antropomtricas (estatura ,PC, PT)Estatura: 48 a 52 cmPC: 32 a 35 cmPT: cerca de 2 cm menor que o PC.Assistncia ao RN

  • 25000 g a 3500 Normal

    Acima de 3500 - acima do peso

  • *22

  • No exame fsico realizada uma avaliao verificando os SSVV, medida de peso, estatura e PC, PT, PA, reflexos transitrios, alm da avaliao das condies de cicatrizao do coto umbilical.

    SSVV: FR (40-60irpm), FC (120-160 bpm), Temp (36,5C - 37,5 C)

    Assistncia ao RN

  • Apresenta comportamento de alerta e fcil de controlar quanto irritado, seu choro forte, mexe-se pouco, dorme a maior parte do tempo e apresenta tnus aumentado.A pele normalmente rosada com presena de cianose de extremidades logo ao nascer (devido a m circulao perifrica), mas com o aquecimento do bebe a cianose desaparece. Assistncia ao RN

  • Vernix Caseoso: Substncia sebcea espessa, branco-amarelada, recobre o corpo do RN.

  • Mancha monglica

    reas irregulares de pigmentao azul profunda, geralmente nas regies sacra e gltea.

    So causadas por clulas cromatforas grandes e ramificadas.

    So mais comuns em crianas asiticas e negras.

    Desaparecem gradualmente nos 2 primeiros anos de vida

  • Eritema txicoErupo papular rsea com vesculas superpostas no trax, ndegas, abdomen, rosto.

    Podem aparecer em 24 48 horas.

    A causa desconhecida, mas suspeita-se que seja uma sensibilidade ao meio ambiente.

  • Lanugem

    Crescimento de plos finos e macios que pode ser visto nos ombros, costas e testa do RN;Desaparece aps algumas semanas.

  • Capacidade gstricaCapacidade gstrica: 40 a 60 ml - 1 dia; Esvaziamento gstrico: 2 a 4 horas; Regurgitam: 1 a 2 ml Alimentao precoce: 1 hora evita hipoglicemia;

  • Jamais considere seus estudos como uma obrigao, mas como uma oportunidade invejvel para aprender a conhecer a influncia libertadora da beleza do reino do esprito, para seu prprio prazer pessoal e para proveito da comunidade qual seu futuro trabalho pertencer (Albert Einstein)

    **