aspectos do licenciamento ambiental e produ†ƒo de energia...

Download ASPECTOS DO LICENCIAMENTO AMBIENTAL E PRODU‡ƒO DE ENERGIA ...uece.br/mag/dmdocuments/ivan_botao_de_

Post on 16-Dec-2018

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEAR

PR-REITORIA DE PS

DEPARTAMENTO DE PS

ASPECTOS DO LICENCIAMENTO AMBIENTAL E PRODUO DE ENERGIA ELICA NO LITORAL DO ESTADO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEAR

REITORIA DE PS-GRADUAO E PESQUISA -

DEPARTAMENTO DE PS-GRADUAO EM GEOGRAFIA

IVAN BOTO DE AQUINO

ASPECTOS DO LICENCIAMENTO AMBIENTAL E PRODUO DE ENERGIA ELICA NO LITORAL DO ESTADO DO CEAR

FORTALEZA

2014

- PROPGPQ

GRADUAO EM GEOGRAFIA - PROPGEO

ASPECTOS DO LICENCIAMENTO AMBIENTAL E PRODUO DE DO CEAR

IVAN BOTO DE AQUINO

ASPECTOS DO LICENCIAMENTO AMBIENTAL E PRODUO DE ENERGIA ELICA NO LITORAL DO ESTADO DO CEAR

Dissertao apresentada ao Programa de Ps-Graduao em Geografia PROPGEO, da Universidade Estadual do Cear, como requisito parcial para obteno do Ttulo de Mestre em Geografia.rea de Concentrao: Anlise Geoambiental e Ordenamento de Territrios de Regies Semiridas e Litorneas. Orientador: Prof. Dr. Fbio Perdigo Vasconcelos

FORTALEZA

2014

A657a Aquino, Ivan Boto de

Aspectos do licenciamento ambiental e produo de energia elica no litoral do Estado do Cear / Ivan Boto de Aquino. Fortaleza, 2014. 99f. : il. Color. Dissertao (Mestrado) Universidade Estadual do Cear. Centro de Cincia e Tecnologia. Programa de Ps- Graduao em Geografia. rea de Concentrao: Anlise Geoambiental e ordenamento de territrios de regies semiridas e litorneas. Orientao: Prof. Dr. Fbio Perdigo Vasconcelos 1. Energia elica. 2. Meio ambiente. 3. Licenciamento ambiental. 4. Impactos ambientais. 5. Estudos ambientais. I. Vasconcelos, Fabio Perdigo (orient.). II. Ttulo. CDD: 621.45

Dados internacionais de Catalogao na Publicao

Universidade Estadual do Cear

Sistemas de Bibliotecas

minha esposa Narda, aos meus filhos, Mariana, Leonardo e Rafael e ao meu neto Ravi, pelo que eles representam para mim.

AGRADECIMENTOS

minha esposa Narda, pelo incentivo, pacincia, amor compartilhado, meu ponto de

apoio, dando-me foras nas horas de dificuldade e em todas as minhas buscas.

Aos meus filhos, Mariana, Leonardo e Rafael e ao meu neto Ravi, pelo que eles

representam para mim.

Aos meus queridos pais, Aurlio Ucha de Aquino (In Memorian), pelo exemplo de

coragem que me deixou, e Maria Hilza Boto de Aquino, pela bondade e dedicao infinitas.

Aos meus irmos e irms pelo apoio e carinho que sempre me dispensaram.

Ao meu orientador Prof. Fbio Perdigo, pela dedicao, incentivo e pacincia em

todas as etapas deste trabalho.

Aos servidores da ADECE, pela disponibilidade, sempre que foi preciso.

Aos meus amigos que sempre acreditaram na concluso desse trabalho. Pela fora

espiritual nos momentos de fraqueza, pelo carinho e amizade sempre presentes na hora certa.

A todos que acreditaram e juntos torceram, onde, mesmo em silncio, pude confirmar a fora

de quem acredita.

s amigas Eng. de Pesca Ldia Torquato, e Biloga Isabel Oliveira pelo apoio durante

o mestrado.

s colegas Bibliotecrias Zuleide Leandro, responsvel pela biblioteca da SEMACE, e

Maria Luzineide Andrade pela preciosa contribuio no processo de normalizao desta

dissertao.

Aos professores e funcionrios do PROPGEO, especialmente Maria Julia Ribeiro de

Oliveira e Adriana Livino dos Santos, pela dedicao e ateno em todos os momentos.

Existem trs tipos de homens: os vivos, os mortos e os que vo para o mar.

(Victor Hugo)

Os tristes acham que o vento geme; os alegres acham que ele canta.

(Lus Fernando Verssimo)

RESUMO

As formas tradicionais de gerao de energia causam os mais variados impactos ao meio

ambiente e por isso vrios pases tm investido em fontes alternativas de gerao de energia

limpa, renovvel e abundante. A energia elica tem se apresentado como essa alternativa.

Atualmente, a energia elica ocupa a 5 posio na matriz energtica brasileira, que

composta, essencialmente, por fontes renovveis de energia. No Cear, o marco na explorao

de energia elica se deu com o projeto Mapeamento Elico do Estado do Cear, que teve

como objetivo avaliar os recursos elicos disponveis e identificar as reas potencialmente

favorveis implantao de parques elicos. Com a criao do Conselho Nacional do Meio

Ambiente (CONAMA), foi introduzido, no pas, o licenciamento de empreendimentos com

aes impactantes no meio ambiente. Dessa forma, o objetivo deste trabalho analisar os

procedimentos de licenciamento aplicados ao setor de energia elica no litoral do estado do

Cear, questionando se so um instrumento eficiente de proteo ambiental. Foram utilizados

mtodos de pesquisas exploratrias, a fim de fazer levantamentos da legislao pertinente aos

processos de licenciamento ambiental, bem como a situao dos empreendimentos na zona

litornea do estado. Foram consultados, principalmente, o rgo ambiental do estado do

Cear, bem como outros rgo oficiais. Alm disso, inspees tcnicas e audincias pblicas

foram acompanhadas, a fim de identificar os impactos desta atividade sobre as comunidades

locais. Foram analisados trs tipologias de licenas ambientais: Licena Prvia (LP), Licena

de Instalao (LI) e Licena de Operao (LO). O licenciamento de parques elicos procede

de maneira diferente no estado. Para participar dos leiles de energia elica, faz-se necessria,

apenas, a apresentao do Relatrio Ambiental Simplificado (RAS), sendo exigido o Estudo

de Impacto Ambiental/Relatrio de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) somente aps a

habilitao do projeto no leilo. O Cear possui at o momento 32 usinas elicas instaladas e

em operao, somando uma capacidade de 923,23 MW, correspondendo a cerca de 10% da

demanda atual do estado. At 2018, a capacidade instalada ter um acrscimo de cerca de

60%. Apesar do grande potencial do estado, h uma diversidade nos impactos gerados pelos

parques elicos, os quais nem mesmo os Estudos de Impacto Ambiental conseguem

dimensionar com exatido, gerando demandas judiciais junto ao Ministrio Pblico.

Palavras-chave: Energia elica. Meio ambiente. Licenciamento ambiental. Impactos

ambientais. Estudos ambientais.

ABSTRACT

Traditional forms of energy generation cause the most diverse impacts on the environment

and so many countries have invested in alternative sources of clean, renewable and abundant

energy generation. Wind energy has emerged as such an alternative. Currently, wind power

occupies the fifth position in the Brazilian energy matrix, which consists essentially of

renewable energy sources. In Cear, the landmark exploitation of wind energy occurred with

the "Wind Mapping of Cear" project, which had the goal to evaluate the available wind

resources and identify potentially suitable areas for the deployment of wind parks. With the

creation of the National Environmental Council (CONAMA), the licensing of ventures with

impactful actions to the environment was introduced in the country. Thus, the objective of this

paper is to analyze the licensing procedures applied to the wind power industry on the coast of

Cear State, questioning whether they are an effective tool for environmental protection.

Explanatory research methods were used in order to draw down the relevant procedures for

environmental licensing legislation and the situation of the enterprises in the coastal area of

the state. Were mainly consulted the environmental agency of the state of Cear, as well as

other official bodies. In addition, technical inspections and public hearings were followed in

order to identify the impacts of this activity on local communities. Three types of

environmental permits were analyzed: Preliminary License (LP); Installation License (LI);

and Operating License (LO). The licensing of windfarms works differently in the state. To

participate in the auctions of wind energy, it is only necessary the presentation of the

Simplified Environmental Report (RAS), while the requirement of an Environmental Impact

Study/Environmental Impact Report (EIA/RIMA) happens only after the approval of the

project in auction. Cear State has so far installed 32 wind farms in operation and, adding a

capacity of 923.23 MW, corresponding to about 10% of the current demand of the state. By

2018, the installed capacity will have increased by about 60%. Despite the great potential of

the state, there is diversity in the impacts generated by wind farms, which not even the

Environmental Impact Studies themselves can evaluate precisely, generating judicial demands

to the Public Ministry.

Keywords: Wind energy. Environment. License. Environmental impacts. Environmental

studies.

LISTA DE FIGURAS

Figura 1 Capacidade Mundial Instalada 2011-2012 (MW) .................................................. 20

Figura 2 Matriz Energtica Brasileira .................................................................................. 22

Figura 3 Terminologia dos perfis de praias .......................................................................... 24

Figura 4 Estratificao cruzada em Morro Branco, no municpio de Beberibe ................... 26

Figura 5 Dunas parcialmente fixadas por vegetao, no municpio de Trairi ...................... 27

Fig

Recommended

View more >