as missÕes franciscanas na guinÉ (sÉculo xvii)  · as missÕes franciscanas na guinÉ (sÉculo...

Download AS MISSÕES FRANCISCANAS NA GUINÉ (SÉCULO XVII)  · AS MISSÕES FRANCISCANAS NA GUINÉ (SÉCULO XVII)

Post on 11-Nov-2018

215 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • AS MISSES FRANCISCANAS NA GUIN (SCULO XVII)

    Carlene Recheado

    ___________________________________________________

    Dissertao apresentada para cumprimento dos requisitos necessrios obteno do

    grau de Mestre em Histria, especializao em Histria Moderna e dos

    Descobrimentos, realizada sob a orientao cientfica do Prof. Doutor Joo Paulo

    Oliveira e Costa

    SETEMBRO DE 2010

  • Dissertao apresentada para cumprimento dos requisitos necessrios obteno do

    grau de Mestre em Histria, especializao em Histria Moderna e dos

    Descobrimentos, realizada sob a orientao cientfica do Prof. Doutor Joo Paulo

    Oliveira e Costa

    ii

  • [DECLARAES]

    Declaro que esta tese/ Dissertao /Relatrio /Trabalho de Projecto o resultado

    da minha investigao pessoal e independente. O seu contedo original e todas as fontes

    consultadas esto devidamente mencionadas no texto, nas notas e na bibliografia.

    O candidato,

    ____________________

    Lisboa, .... de ............... de ...............

    Declaro que esta Dissertao / Relatrio / Trabalho de Projecto se encontra em

    condies de ser apreciado pelo jri a designar.

    O(A) orientador(a),

    ____________________

    Lisboa, .... de ............... de ..............

    iii

  • Aos meus avs Lus e Justina,

    por tudo

    iv

  • Agradecimentos

    Primeiramente, queria agradecer ao meu orientador, Prof. Doutor Joo Paulo

    Oliveira e Costa, pelo muito que aprendi durante a elaborao do trabalho, pela

    pacincia e dedicao com que acolheu o meu projecto. Aos meus colegas do projecto

    Resgate de Documentao Histrica Baro do Rio Branco no Arquivo Histrico

    Ultramarino em especial a Bertelina pela amizade ao longo desses e pelas muitas horas

    de estudo em conjunto e aos restantes funcionrios do Arquivo pela disponibilidade que

    tive da parte deles para ter acesso documentao que me foi muito til.

    minha famlia, as minhas irms de sangue e corao, e ao ngelo pelo apoio e

    pela pacincia demonstrados durante esta caminhada. Ainda agradeo a muitas outras

    pessoas que ao longo desta etapa ajudaram de uma forma ou de outra.

    v

  • Resumo

    Durante a centria de Seiscentos, dois ramos da famlia franciscana missionaram

    na Guin. Os capuchinhos franceses e espanhis trabalharam sob a gide da rcem

    criada Congregao para a Propaganda Fide, por sua vez os capuchos foram enviados

    pelo padroado portugus. Foi durante este sculo que se deu o apogeu missionrio na

    Guin. Estabeleceram-se na regio essas duas esferas missionrias que se demarcaram

    entre si pelas instituies europeias que as dirigiam e tambm pelos objectivos que

    procuraram atingir. Neste mbito, analisamos a dimenso poltica da evangelizao da

    Guin do sculo XVII. Um territrio com uma realidade tnico-religiosa complexa,

    onde Portugal disputava o monoplio mercantilista com outras monarquias europeias.

    Atravs dos relatos e correspondncias dos missionrios, do oficialato rgio na

    Guin, das autoridades da corte e da Propaganda Fide, estudamos este perodo da

    histria da igreja na Costa Ocidental Africana, procurando compreender a dinmica

    missionria, as relaes sociais entre os missionrios, os habitantes locais e as entidades

    portuguesas, a misso apostlica e as converses ao catolicismo.

    Palavras-chaves: sculo XVII; Guin; Missionao; Padroado; Propaganda

    Fide, Franciscanos.

    vi

  • Abstract

    During the seventeenth century to century, two branches of the family

    Franciscan missionary in Guinea. The French and Spanish Capuchins worked under the

    aegis of the newly formed Congregation of the Propaganda Fide, in turn hoods were

    sent by the Portuguese patronage. It was during this century that gave the peak

    missionary in Guinea. They settled in the region that these two spheres missionary

    distanced themselves from each other by the European institutions and also directed that

    the objectives they sought to achieve. In this context, we analyzed the political

    dimension of evangelization Guinea seventeenth century. This territory consists of an

    ethnic-religious complex reality, where Portugal was playing the mercantilist monopoly

    among other European monarchies.

    Through the reports and correspondence of the missionaries, the royal officer

    corps in Guinea, the court officials and the Propaganda Fide, we studied this period of

    church history in the West African coast, trying to understand the dynamics missionary,

    social relations between the missionaries, the inhabitants natives and the Portuguese

    authorities, the apostolic mission and conversion to Catholicism.

    Keywords: seventeenth century; Guinea; Missionary Work, Patronage, Propaganda

    Fide, the Franciscans.

    vii

  • NDICE GERAL

    Introduo.1

    Parte I: A diocese de Cabo Verde: Da Descoberta do arquiplago Presena

    Jesuta ......................................................................................................................6

    Captulo I: A Diocese de Cabo Verde: Contexto Histrico ...7

    Captulo II: Organizao poltica das Misses.19

    Captulo III: Antecedentes da Missionao Franciscana...24

    Parte II: As Misses Franciscanas na Guin........................................................31

    Captulo I: Franciscanos Capuchinhos e Capuchos e a evangelizao

    da Guin. 32

    Captulo II: Misses da Congregao para a Propaganda.36

    2.1 Missionrios Estrangeiros nos Rios da Guin - O Caso dos Capuchinhos

    Franceses....36

    2.2- Os Capuchinhos Espanhis e a Misso dos Reinos dos Negritas.....45

    2.2.1- Segunda Leva de Missionrios Espanhis 52

    2.2.2- Misso Conjunta: Capuchinhos Espanhis e Capuchos Portugueses.56

    Captulo III: Franciscanos do Padroado Portugus....................................................64

    3.1- Franciscanos da Provncia da Piedade. ..............................................................65

    3.1.2- Segunda Misso dos Franciscanos Capuchos da Piedade...............................71

    3.2- Os Franciscanos da Provncia da Soledade.........................................................82

    3.3. Bissau: Reino Cristo ..........................................................................................89

    viii

  • Consideraes Finais.....93

    Bibliografia ......94

    Lista de Figuras ..... 107

    Lista de Tabelas..108

    Apndices ..109

    ix

  • x

    Siglas e Abreviaturas

    AHU Arquivo Histrico Ultramarino

    DHRP- Dicionrio de Histria Religiosa de Portugal

    Doc.- Documento

    HGCV- Histria Geral de Cabo Verde

    HGCV-CD- Histria Geral de Cabo Verde - Corpo Documental

    MMA- Momumenta Missionaria Africana

    Vol.- Volume

  • Introduo

    No decorrer do sculo XVII, uma acentuada presena de missionrios

    franciscanos marcou a histria religiosa dos Rios da Guin. Trabalharam na regio

    capuchinhos franceses e espanhis e capuchos portugueses. Os primeiros, foram

    enviados pela Congregao para a Propaganda Fide, enquanto os capuchos estavam ao

    servio do padroado portugus.

    A criao da Propaganda Fide em 1622, congregao que trouxe para a

    subordinao do papado numa parte do trabalho missionrio, dentro e fora da Europa,

    impondo limitaes aos monoplios ibricos no campo da evangelizao no ultramar,

    conferiu um novo impulso evangelizao em frica1. Neste contexto, em 1633,

    chegou Guin o primeiro grupo de religiosos franceses; depois de fracassada esta

    misso, em 1646, chegam os primeiros capuchinhos espanhis. A missionao dos

    religiosos espanhis foi prolongada, tendo sido que mais obreiros teve na Guin. Depois

    da Restaurao da independncia portuguesa, a dinastia de Bragana organizou alguns

    grupos missionrios para a regio, os primeiros, foram os capuchos da provncia

    portuguesa da Piedade, que chegaram em 1646. Na dcada de 70, com a criao da nova

    provncia de capuchos da Soledade, o trabalho apostlico na regio ficou a seu cargo.

    H que se salientar e distinguir os dois universos missionrios franciscanos que

    coexistiram na Guin, para percebermos a difuso do Cristianismo.

    O presente trabalho pretende analisar a problemtica da missionao franciscana

    nesta regio. A delimitao do espao a ser estudado a regio dos Rios da Guin. Na

    medida que foi a rea continental do bispado de Cabo Verde, que compreendida uma

    faixa territorial de cerca de 320 lguas, que se iniciavam no rio Gmbia e iam at ao rio

    de Santo Andr, actualmente Sassandra na Costa do Marfim; a encontravam-se os

    povos no cristos da diocese, objecto da aco missionria. preciso, no entanto,

    realar que os franciscanos s missionaram at a Serra Leoa, e nunca transpuseram os

    1 Existe estudos sobre a aco dos capuchinhos noutras partes do continente africanos ver:

    Rosana Andra Gonalves, frica Indmica: missionrios capuchinhos no reino do Congo (sculo XVII), dissertao de mestrado em Histria, Departamento de Histria da Faculdade de Filosofia, Letras e Cincias Humanas da Universidade de So Paulo, 2008.

    1

  • limites daquele territrio.

    Contrariamente, no arquiplago de Cabo Verde, por ser uma sociedade nova

    que nasceu sombra do Cristianismo, os africanos residentes nas ilhas, eram

    essencialmente escravos que no dispunham da faculdade de fazer escolhas religiosas.

    Eram baptizados ou ladinizados, no constitui