apresentação1- teresa

Download Apresentação1- teresa

Post on 12-Jul-2015

100 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Sistemas CelosKaio Csar S. Nery Karyn Frichis Nascimento Karolinne Teixeira Leanderson Barreto Louise Gomes Passos Teresa Freitas-Discentes da disciplina Silvicultura II - Docente da disciplina Silvicultura II

INTRODUO

O Sistema Celos foi desenvolvido nas florestas Tropicais

do Suriname pela Universidade de Wageningen na Holanda, tendo incio no ano de 1965; No Brasil vem sendo aplicado em escala experimental

por instituies de pesquisa e tambm em escala empresarial por diversas empresas do setor;

INTRODUO

Ajustes devem ser feitos obedecendo a caractersticas

especficas da rea de manejo, das espcies manejadas, buscando sempre a sustentabilidade da floresta e a economicidade da atividade. O SMC composto pelo Sistema Celos de Explorao e

Sistema Silvicultural Celos.

SISTEMA CELOS DE EXPLORAO

Consiste no planejamento e organizao da atividade

utilizando tcnicas de inventrios florestais que permitem a localizao das rvores a serem exploradas, caractersticas do terreno, reas de preservao permanente, rvores matrizes (porta-sementes), que so mapeadas de forma a proporcionar o planejamento e abertura de trilhas para a explorao, reduzindo os danos floresta remanescente.

SISTEMA SILVICULTURAL CELOS O Celos um sistema policclico que se caracteriza pela

explorao de baixo impacto e tratamentos silviculturais baseados na regenerao natural, garante futuras colheitas e o fornecimento de matria prima em longo prazo. O Sistema Silvicultural Celos, implementado aps a

explorao, consiste no uso de tratamentos silviculturais de refinamento visando aumentar o desenvolvimento das espcies comerciais remanescentes;.

SISTEMA SILVICULTURAL CELOS O sistema Celos compreende trs tratamentos com

intervalos de 7 a 8 anos e um ciclo de corte de aproximadamente 20-25 anos. (Graaf, 1986). primeiro refinamento: logo aps a explorao, reduzindo a rea basal de 28 para 12 m/ha; segundo refinamento: oito anos aps a explorao, reduzindo a rea basal, que atingira 20 m2/ha, para 10 m/ha; terceiro refinamento: 16 anos aps a explorao, reduzindo a rea basal, que j atingira 18 m2/ha, para 15 m/ha.

SISTEMA SILVICULTURAL CELOS Neste sistema segundo Jonker (1987) e Louman et al. (2001) o refinamento deve ser feito a indivduos com dap a partir de 40cm. Esta medida permite manter sempre alguma cobertura de copas e assim evita o ingresso de espcies helifitas efmeras, afeta pouco o ciclo de nutrientes e quase no acelera a eroso

Sequncia do sistema Celos1. Floresta antes do aproveitamento

2. Floresta aproveitada

3. Floresta dois anos depois do refinamento (todas rvores sem valor comercial com dap maior que 30, foram envenenadas)

4. Floresta multinea, constituda maioritariamentepor espcies de valor comercial (rvores sombreadas). 1 e 2 so rvores a explorar no segundo aproveitamento (Extrado de Louman et al, 2001).

Concluso O sistema CELOS um dos mais estudados hoje

em dia, apesar de ser aplicado mais escala experimental que escala comercial.

Referncias Bibliogrfica GRAAF, N.R. A silvicultural system for natural regeneration

of tropical rain forest in Suriname. Wageningen, Agricultural University, 1986. 250p. Ribeiro et al. 2002- MANUAL DE SILVICULTURA TROPICAL; http://www.cta-acre.org/download/resumo_pmfs_amarca.pdf : acessado em 22/10/2011; SISTEMAS SILVICULTURAIS APLICADOS S FLORESTAS TROPICAIS: ftp://www.ufv.br/def/disciplinas/ENF642/PROVA_2/SISTSILV.pdf - acessado em 22/10/2011 http://www.preciouswoods.com/dmdocuments/pdf/Resumo_Pu blico_PWA.pdf : acessado em 22/10/2011