apresentação pdca

Download Apresentação pdca

Post on 24-May-2015

13.429 views

Category:

Documents

5 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. Ciclo de Deming ouCiclo PDCAAna Paula Nogueira Kerly Elliz ProdcimoLaurence Andr Cocareli Paulo BodnarYerec Pereira da Silva

2. IntroduoO ciclo PDCA, foi desenvolvido por Walter A. Shewartna dcada de 20, mas comeou a ser conhecido comociclo de Deming em 1950, por ter sido amplamentedifundido por este. uma tcnica simples que visa o controle do processo,podendo ser usado de forma contnua para ogerenciamento das atividades de uma organizao. 3. Definies PDCA Insere qualidade ao produto final (Suzuki, 2000); Caminho para se atingir a meta (Campos, 1996); No existe metodologia PDCA sem definio de umameta a ser atingida; Valioso Mtodo de controle e melhoria dos processosorganizacionais, que para ser eficaz deve estardisseminadoedominadoconceitualmenteoperacionalmente por todos os colaboradores daorganizao ( Souza e Mekbekian,1993) 4. PDCAOs Japoneses modificaram o ciclo de DEMING,transformando-o no ciclo de PDCA. Mtodo de controle de processos; Para melhoria da qualidade; Visa minimizar ou at mesmo eliminar os problemasnuma organizao.. 5. Ciclo PDCA um mtodo gerencial de tomada de deciso e que visaresultados de excelente padro para todos os que, diretaou indiretamente, tomam parte nas decises ouresultados da organizao.Baseia-se no princpio de que necessrio entendertotalmente um processo, antes que se possa promover seuaprimoramento ou adoo. 6. Ciclo PDCA A - ACTION ( Agir ) P - PLAN ( Planejar )Definir AtuarMetas (P) corretivamente (A) Definir Verificar Mtodos (P) Resultado (C)Educar (D)Treinar Executar Tarefa (D)C - CHECK ( Verificar ) D - DO ( Executar ) 7. P = plan (planejar)Nesta etapa so definidas as metas que se deseja atingir,geralmente, anuais. Asmetas devem relevar pontosimportantes como as tendncias de mercado, osfornecedores, a situaopoltica do pas e do mundo.Aps definidas as metas, deve-se buscar os meios e osprocedimentos para alcan-las. 8. D = do (fazer)Aqui todos os envolvidos com as aes so treinados nosprocedimentos que tm como base as metas estabelecidas,realizam as atividades e colhem dados, para a fase deverificao. a fase de implantao do planejamento. 9. C = check (verificar)Esta uma etapa puramente gerencial, verificando seas aes executadas esto de acordo com as metasestabelecidas. Os dados utilizados so aqueles coletadosna etapa anterior, que so analisados e comparadoscomo planejado (faseplanejar).Normalmente, so empregados as ferramentas daqualidade. 10. A = action (agir)Nesta etapa, a atuao corretiva, ou seja, caso aoperao realizada no esteja de acordo com oplanejado, deve-se atuar corretivamente atravs deplanos de ao para correo de rumo visando a metaestabelecida.A melhoria contnua feita a partir do momento emque as metas estabelecidas sejam atingidas. Neste caso,deve-se voltar fase planejar e revisar as metas jatingidas traando novos desafios, procedimentos, etc. 11. O Mtodo de Soluo de ProblemasPDCA Fluxograma Fase Objetivo 1Identificao do Definir claramente o problema eProblema reconhecer sua importncia 2Observao Investigar as caracterstica P especificas do problema com uma viso ampla e sistmica 3AnliseDescobrir as causas fundamentais 4Plano de AoConceber um plano para bloquear as causas fundamentais 5Ao Bloquear as causas fundamentais D 12. O Mtodo de Soluo de ProblemasPDCA FluxogramaFaseObjetivo 6Verificao Verificar se o bloqueio foi efetivo C ?(Bloqueio foiefetivo) 7PadronizaoPrevinir contra o reaparecimento do Aproblema 8Concluso Recapitular todo o processo desoluo do problema para trabalhofuturo. 13. Ciclo PDCA para melhorias 14. Melhoramento contnuo 15. Processo PDCA pode ser utilizado em qualquer processo Relacionamento Causa / Efeito Sempre que algo ocorre (fim, efeito, resultado) existe sempre um conjunto de causas (meios) que podem ter influenciado 16. Ferramentas Fluxograma 5W2H Diagrama GravidadeUrgnciaTendncia Diagrama de Causa e Efeito (Ishikawa) Tempestade de Idias Busca de Referencial (Interno e Externo) Axioma de Pareto 17. Processo Ferramenta Diagrama de ISHIKAWACONCEITO DE CONTROLE DE PROCESSOMATRIA-PRIMAMQUINAMEDIDA EFEITO MEIO MO-DE-OBRAMTODO AMBIENTECAUSAS 18. Controle de processo Estabelecer diretriz de controle (Planejamento) Objetivos e Metas Mtodo Manuteno do nvel de controle Atuar no resultado Atuar na causa Alterao da diretriz de controle (Melhorias) 19. Diretrizes da alta administraoProblema Metascrnicosprioritarios MelhoraReviso periodica dosproblemas crnicosPadronizao Ao corretiva Mantm 20. Focos no PDCA Melhoria de resultados Processo no repetitivo Meta com valor definido Procedimentos prprios para alcanar meta nfase na chefia Descrito pelo Mtodo de soluo de problemas Manter resultados Processo repetitivo Meta com faixa varivel de valores Mtodo com procedimentos-padro nfase no operador 21. Processo EstratgicoMissoDiagnstico InstitucionalProcessosEstratgicoDefinio deEstratgiasCenrios MtodosObjetivos eMetasPolticasPDCA 22. Diagnstico Estratgico Imagem Institucional Necessidades dos Cidados e demais elos de legitimao Clima Organizacional Variveis Internas Variveis Externas 23. CenriosSo construes projetadas a partir de situaes presentes(Diagnstico Estratgico), desenvolvidas atravs da anlisede tendncias poltico-legais, econmico-financeiras,tecnolgicas, scio-ambientais, geogrficas ou culturais,que permitiro facilitar a deciso em situaes deincertezas.Os cenrios podem ser construdos de forma projetiva ouprospectiva. 24. Objetivos e MetasOBJETIVOS: Refletem-se na determinao e qualificaode todas as situaes a atingir, definidas de acordo com asnecessidades.METAS: So os desdobramentos dos objetivos. 25. Metas METAS SMART So os alvos S ESpecficaque se procuraatingir. M MensurvelDevem,sempre, ser A Atingvel devidamente R Realizvel aprazadas equantificadas. T Temporal 26. Misso InstitucionalDefine a razo de ser da organizao, seu norte, porque elaexiste e, se possvel, em que tipos de atividades poder seconcentrar no futuro, atividades essas que visam superar asnecessidades e expectativas dos clientes.Representa, ainda, o horizonte no qual a instituio iroperar, respeitados os seus vrios aspectos internos eexternos e a fundamentao legal pertinente. 27. EstratgiaEstratgia uma deciso institucional e envolve adeclarao de futuro desejado.Fixa limites ao empresarial, somando esforos ereorientando investimentos, permitindo assim a aonecessria para obteno de metas de valor previamentedefinidas.As estratgias devem refletir todos os grandes negcios dainstituio. 28. PolticasSo os desdobramentos das estratgias j definidas,constituindo-se em regras, diretrizes, parmetros ouorientaes que buscam encaminhar a tomada de decisopelo gestor do processo.Estabelecem coordenadas estratgica estabelecida eorientam a gesto para obteno dos objetivos e metas. 29. ProcessosConjunto de atividades seqenciais s quais se agregamvalores de forma constante e progressiva, com o objetivode obter determinados resultados e atender s expectativasde clientes internos e externos.Toda atividade realizada em um trabalho qualquer semprefaz parte de um processo.A viso por processos fornece o aspecto dinmico quepermeia toda Organizao. 30. Definio de MtodosSequncia de atividades que permitem a melhor relaorecursos utilizados-benefcios auferidos, tendo seu escopodefinido com base em todas as variveis at ento aferidasno planejamento estratgico.A metodologia utilizada na definio de mtodos deverestar presente em todos os processos de trabalho dainstituio. 31. Procedimentos Finais Divulgao ampla dos novos padres na empresa Reeducao e treinamento dos funcionrios Comunicao deve ser clara, expondo as razes dasmudanas Os padres devem ser acompanhados regularmente 32. Referncias Bibliogrficas CAMPOS, V. F. TQC Gerenciamento da Rotina doTrabalho do Dia-a-Dia, UFMG, Rio de Janeiro: Bloch,1994, 274 p. http://paginas.terra.com.br/negocios/processos2002/ciclo_pdca.htm http://professores.unisanta.br/ricardo.oi/downloads/Apostilas%20das%20Aulas/Apostila%203.ppt#13 http://www.cin.ufpe.br/~processos/TAES3/slides/TQC-Caps1a4_Karine_190504.ppt#26 http://www.rio.rj.gov.br/fjg/publique/media/sergio_correa_forum271004.pps#4 http://www.prd.usp.br/disciplinas/docs/pro2304-2005-Muscat(clovis)/PRO%202304-06.pdf