apresentação do powerpoint - sigas.pe.gov.br .-história do brasil –boris fausto-história...

Download Apresentação do PowerPoint - sigas.pe.gov.br .-História do Brasil –Boris Fausto-História Econômica

Post on 18-Jan-2019

214 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Secretaria de Desenvolvimento Social, Criana e JuventudeSecretaria Executiva de Assistncia Social

Gerncia de Gesto do Trabalho e Educao PermanenteCentro Universitrio Tabosa de Almeida ASCES/UNITA

CapacitaSUAS/PE

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

CURSOATUALIZAO SOBRE A ORGANIZAO E OFERTA DOS SERVIOS DA PROTEO

SOCIAL ESPECIAL

Foco: Referncia e Contra referncia

Facilitador(a): Brgida Taffarel

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Apresentaes (INDIVIDUAIS): nome, municpio e servio

Vamos nos conhecer?

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Mdulos Unidades Temas

Mdulo I:8h Concepo Proteo Social

1

1.1 Introduo histrica e conceitual sobre a proteo social

1.2 Proteo social e Assistncia Social no Brasil

1.3A NOB SUAS e as seguranas afianadas pela Poltica de Assistncia

Social E Nveis de proteo social (Bsica e Especial)

1.4 As equipes de Referncia no SUAS

1.5Trabalho social: Aportes ticos polticos, terico metodolgicos e

tcnicos-operativos

Mdulo II: 8hProvises e Gesto da PSE

2

2.1 O papel do rgo gestor e da Coordenao das Unidades de PSE

2.2rea de Gesto da PSE Planejamento das Unidades e Servios da

PSE

2.3PSB e PSE: atuao integrada da Rede Socioassistencial e com as

polticas setoriais

2.4A estruturao dos servios de Proteo Social Especial de Mdia e

alta complexidade

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Vdeo 1Discurso ONU

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

- Porque alguns tem que andar descalos para que poucos possam viajar em luxuosos automveis?

- Porque uns tem que viver 35 anos, para que outros vivam 70?

- Porque uns tem que viver miseravelmente pobres, para que outros exageradamente ricos?- Crianas sem um pedao de po- Doentes sem acesso medicina

- Pessoas que vivem sem dignidade- Pessoas que no tiveram direito vida

- Pessoas que morrem de fome

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

- Porque para que alguns consumam outros devem ser explorados e expropriados (privado) do consumo?

- Porque a concentrao de renda to extrema que coloca pessoa em um fosso de excluso e outros no

topo do privilgio??- Porque as pessoas no tm acessos que lhe permitam

ter vida longa e com dignidade?- Quais os mecanismos na luta de interesses que tm

impacto sobre as polticas de proteo social?

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

- Essa diviso de privilgios entre poder ser e existir e entre ter negado seu direito de ser existir novo no

Brasil?

- Essa diviso esteve presente a partir de que momento na histria do Brasil?

- Seria essa a origem da questo social que impe uma agenda de reajustes e subjuga um modelo de

sociedade (branco, rico, patriarcal, machista, misgino e excludente) a outro e gera a violao de direitos?

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE A PNAS e a Tipificao / formas de violao de direitos:

Violncia fsica / psicolgica; Negligncia Maus tratos; Violncia Sexual (abuso e/ou explorao sexual); Afastamento do convvio familiar devido aplicao de medida socioeducativa ou medida de proteo; Trfico de pessoas; Situao de rua; Abandono; Vivncia de trabalho infantil; Discriminao orientao sexual e/ou raa/etnia; Descumprimento de condicionalidades do PBF em decorrncia de violao de direitos.

Seriam essas as expresses da questo social???

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Sabemos explicar as situaes com as quais trabalhamos?????

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

O que queremos dizer quando afirmamos que o problema no est no sujeito?????

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Como tratamos a integralidade na perspectiva de compreender a origem do problema?????

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE Bibliografia

-Fundamentos tico-polticos e rumos terico-metodolgicos para fortalecer o Trabalho Social com Famlias na Poltica Nacional de Assistncia Social MDS. Disponvel em: https://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Cadernos/TrabalhoSocialcomFamilias.pdf-Poltica Nacional de Assistncia Social / 2004. Disponvel em: http://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Normativas/PNAS2004.pdf- Protocolo de Gesto integrada. Disponvel em: http://www.assistenciasocial.al.gov.br/sala-de-imprensa/arquivos/Protocolo%20de%20Gestaa3o_internet.pdf-NOB SUAS/2012 Disponvel em: https://www.mds.gov.br/webarquivos/arquivo/assistencia_social/nob_suas.pdf- Lei orgnica da Assistncia Social. Disponvel em: http://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Normativas/LoasAnotada.pdf

https://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Cadernos/TrabalhoSocialcomFamilias.pdfhttp://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Normativas/PNAS2004.pdfhttp://www.assistenciasocial.al.gov.br/sala-de-imprensa/arquivos/Protocolo de Gestaa3o_internet.pdfhttps://www.mds.gov.br/webarquivos/arquivo/assistencia_social/nob_suas.pdfhttp://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Normativas/LoasAnotada.pdf

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Bibliografia

- Caderno de Orientaes Tcnicas PAIF I. Disponvel em: http://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Cadernos/Orientacoes_PAIF_1.pdf

- Caderno de Orientaes Tcnicas PAIF II. Disponvel em: https://craspsicologia.files.wordpress.com/2012/04/orientac3a7c3b5es-tc3a9cnicas-sobre-o-paif.pdf

- Referncias Tcnicas para Construo Plano de Acompanhamento familiar. Disponvel em: https://craspsicologia.files.wordpress.com/2012/04/referc3aancias-tc3a9cnicas-para-construc3a7c3a3o-de-plano-de-acompanhamento-familiar.pdf

http://www.mds.gov.br/webarquivos/publicacao/assistencia_social/Cadernos/Orientacoes_PAIF_1.pdfhttps://craspsicologia.files.wordpress.com/2012/04/orientac3a7c3b5es-tc3a9cnicas-sobre-o-paif.pdfhttps://craspsicologia.files.wordpress.com/2012/04/referc3aancias-tc3a9cnicas-para-construc3a7c3a3o-de-plano-de-acompanhamento-familiar.pdf

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Fernandes, Florestan. A Sociedade de Classes sob o Capitalismo Dependente in: Sociedade de Classes e Subdesenvolvimento. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1975, 3. edio.

Singer, Paul. Dominao e Desigualdade: Estrutura de classes e repartio da renda no Brasil. Rio de Janeiro: Paz & Terra, 1981.

Ribeiro, Darcy. O Povo Brasileiro: formao e sentido do Brasil. So Paulo: Companhia das Letras, 1995.

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

Bibliografia

Filmes:- Desmundo Alain Fersnot. Brasil 2003- Chico Rei Walter Lima Jr. Brasil 1985.- Terra para Rose.

Livros:- Questo Social particularidades no Brasil Josiane Soares Santos.- Histria do Brasil Boris Fausto- Histria Econmica do Brasil Caio Prado Jnior- Formao Econmica do Brasil Celso Furtado.- Os despossudos: crescimento e pobreza no pas do milagre Srgio Henrique

Abranches.- O que Questo Social? Brs Edimar Pinto, in:

http://assistentefac4.blogspot.com.br/2011/05/o-que-e-questao-social.html

http://assistentefac4.blogspot.com.br/2011/05/o-que-e-questao-social.html

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PE

BibliografiaQUESTO SOCIAL:

CASTELL, Robert. As metamorfoses da questo social. Uma crnica do salrio. 6 ed. Petrpolis, 1998.IAMAMOTO, M.V. O Servio Social na Contemporaneidade: trabalho e formao profissional. 7 ed. So Paulo, Cortez, 2004.NETO, J. P. Cinco Notas a Propsito da Questo Social . In: Revista Temoralis n 3. ABEPSS, 2003.PEREIRA, Potyara, A. Perspectivas tericas sobre a questo social no servio social. In: Revista Temoralis CFESS,2003.ARCOVERDE, Ana C.B. Questo Social no Brasil e Servio Social.Capacitao em Servio Social e poltica Social , Braslia, EAD 1999.CASTELL, Robert. As metamorfoses da questo social. Uma crnica do salrio. Editora vozes, 6 ed. 1998.

Ministrio doDesenvolvimento

Social

GovernoFederal

CapacitaSUAS/PEBibliografia

NETTO, Jose Paulo; Braz, Marcelo. Economia Poltica: uma introduo critica. 3 ed. So Paulo, Cortez, 2007.PASTORINI, Alejandra. A categoria questo social em debate. So Paulo, Cortez, 2004.STEIN, R. A (nova) questo social e as estratgias de seu enfrentamento. Ser Social n 6. Revista do programa de Ps Graduao em Poltica Social. UNB.DF, Jan a jun. 2000, p. 133-168.YASBEK, Maria Carmelita. Pobreza e excluso social: expresses da questo social no Brasil. In: Revista Temoralis n 3. ABE