Apresentação apimec 2011 v4

Download Apresentação apimec 2011  v4

Post on 22-May-2015

561 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. APIMEC 2011</li></ul> <p> 2. Aviso LegalEssa apresentao faz referncia aos termos recursos potenciais e recursos contingentes para descrever quantidades de leopotencialmente recuperveis de acumulaes a serem descobertas. Devido incerteza de comercialidade e ausncia deatividades exploratrias de perfurao, os recursos potenciais no devem ser classificados como reservas. Recursos potenciaistm alto grau de incerteza em relao sua existncia. No h certeza de que recursos potenciais sero descobertos e, sedescobertos, se eles podero ser desenvolvidos economicamente. Portanto, investidores so aconselhados a no assumir que atotalidade ou qualquer parte dos recursos potenciais da OGX exista, ou possa ser desenvolvida economicamente.Algumas informaes e concluses aqui disponibilizadas so baseadas em projees. Estas projees foram preparadas com opropsito nico de analisar os riscos e benefcios potenciais para um investimento em ativos, levando em consideraodeterminadas premissas. Alm disso, devido a julgamentos subjetivos e incertezas inerentes a essas projees e devido ao fatodessas projees serem baseadas em hipteses, que por sua vez esto sujeitas a incertezas significativas e contingncias queesto alm do controle da OGX, no existe nenhuma garantia de que as projees ou concluses destacadas aqui serorealizadas. Sob nenhuma circunstancia essas projees devem ser consideradas como uma representao, garantia ou previsode que a OGX atingir ou susceptvel a atingir um determinado resultado futuro. No existe nenhuma garantia de que osresultados futuros da OGX ou suas projees no se diferenciaro significativamente daqueles apresentados aqui.Assim, investidores podem perder todos os seus investimentos caso essas projees e concluses no se realizem.Esta apresentao tambm contm afirmaes prospectivas, que podem ser identificadas por conter algumas palavras como"acreditar", "prever", "esperar", "contemplar", "provavelmente resultar" ou outras palavras ou expresses de acepo semelhante.Tais afirmaes esto sujeitas a uma srie de expressivos riscos, incertezas e premissas.Diversos fatores importantes podem fazer com que os resultados reais divirjam de maneira relevante dosplanos, objetivos, expectativas, estimativas e intenes expressos nesta apresentao. Em nenhuma hiptese a Companhia ouseus conselheiros, diretores, representantes ou empregados sero responsveis perante quaisquer terceiros (inclusiveinvestidores) por decises ou atos de investimento ou negcios tomados com base nas informaes e afirmaes constantesdesta apresentao, e tampouco por danos indiretos, lucros cessantes ou afins. A Companhia no tem inteno de fornecer aoseventuais detentores de aes uma reviso das afirmaes ou anlise das diferenas entre as afirmaes e os resultados reais. recomendado que os investidores analisem detalhadamente o prospecto da OGX, incluindo os fatores de risco identificados nomesmo. Esta apresentao no contm todas as informaes necessrias a uma completa avaliao de investimento naCompanhia. Cada investidor deve fazer sua prpria avaliao, incluindo os riscos associados, pra tomada de deciso deinvestimento.2 3. Evoluo da OGXBlocos Exploratrios no Portflio Poos Perfurados e Sondas em perfuraoColmbia N de Poos 73Brasil 3435N de Sondas 29552229 2930 9 711 2009 2010 2011 2009 2010 2011Nmero de Colaboradores Nmero de Investidores6,0 mil36,0 milDiretos4,9 milIndiretos 20,0 mil3051881,7 mil 117 2,3 mil200920102011200920102011Nota:1 Referentes s reunies APIMEC realizadas em out/09 , out/10 e nov/113 4. Portflio OGX 35 blocos: 30 blocos nas 5 bacias sedimentares brasileiras e 5 blocos terrestres em 3 bacias sedimentarescolombianas Portflio nico com potencial de 10,8 bilhes de barris recuperveis de leo equivalente Plano de negcios da OGX baseado em 4,1 bilhes de barris j descobertos em guas rasas na Bacia de CamposPortflioguas rasasguas rasas~120m~150mguas rasas guas profundas~60m ~1,000m 4 5. Bacia de Campos: Campanha Exploratria Bem Sucedida 2010 2011 16 poos perfurados 51 poos perfurados Nenhum poo horizontal 5 poos horizontais Diversos testes de formao Foco na campanha de delimitao para acelerar desenvolvimento da produo 5 6. Bacia de Santos: Resultados Positivos de TestesRecentFormao Wells Tested de Horizontal Campanha Exploratria Testes de Formao Realizados Macei (OGX 47) Gs e condensado (~20% com aprox. 50 API) Poo horizontal: 2,5M m/dia de gs (AOF) Natal (OGX-11D) Gs e condensado (~25% com aprox. 47 API) Poo horizontal: 5,0M m/dia de gs e 6 mil bbl/dia de condensado (AOF) 10 poos perfurados ndice de sucesso maior que 65% Resultados positivos de 2 testes de formao confirmam a existncia de um novo plo de gs e condensado na regio6 7. Bacia do Parnaba: Importantes Descobertas e Teste de FormaoCampanha ExploratriaTeste de formao do primeiro poo produtor Caractersticas Chama: 23m 0% areiaCampo de Gavio 0% lquido Real (poo GVR-1) 5,0 M m/dia de gs (AOF)Gavio Azul GavioReal UTEs (Unidade termoeltrica)OGX Poos de delimitaoOGX Poos pioneiros ~1.200 MW contratados pela MPXNova aquisio(Set/11) 4 acumulaes j descobertas das quais 2 foram declaradas comerciais 7 8. Bacia do Esprito Santo: Incio dasAtividades em guas ProfundasDestaques1 Poo emperfurao rea de fronteira comimportantes descobertasrecentes em blocos vizinhos Sistema petrolfero ativocomprovado na regio Operador e parceiro: Perenco 2 locaes de poo acordadas: Moriche OGX Poos pioneiros GuarapariDescobertas Primeiro poo sendo atualmenterecentes de outrascompanhiasperfurado em guas profundas(~1,100m)Iniciada a campanha de perfurao em uma nova bacia com locaes de 2 poos j definidas para esse ano8 9. Colmbia: Incio da Campanha Ssmicanos Prximos Meses Mar do CaribeBaa de MaracaiboMARACAIBO Panam BASIN VenezuelaRioMagdalenaOceanoPacficoColmbia LegendaBlocos OGX Incio da campanha ssmica no Vale Inferior Madalena e primeira perfurao em Cesar Ranchera em 2012 9 10. Atualizao do Portflio Abertura do portflioPortflio Potencial OGX (1)OGXbilhes de boe (7) Net (6) 19%CAMPOS5,7 Terrestre Contingente (2)3,0 Delineao (3) 1,38%73%guasguas Prospectivo (PoS = 56,2%)1,4profundasrasasSANTOS (4) (PoS = 27,0%)1,8ESPRITO SANTO(4)(PoS = 32,6%)0,8PAR-MARANHO(4) (PoS = 21,3%)0,4PARNABA1,0 Contingente (2)0,121% Convencional Prospectivo (PoS = 16,5%) (4)0,6Gs No Convencional Prospectivo (PoS = 18,2%)(4)0,4COLOMBIA1,179% leo Prospectivo (PoS = 10,4%)(4) 0,1 Quantidades potenciais de petrleo(5)1,0Portflio OGX10,8Nota: PoS definida como probabilidade geolgica de sucesso(1) O potencial do portflio da OGX foi calculado pela OGX baseado nas estimativas de volume contidas nos relatrios da DeGolyer and MacNaughton(2) Consideramos recursos contingentes 3C na soma aritmtica do potencial do portflio baseado na premissa de que esses recursos sero convertidos em recursos 2C e 1C aps a campanha de delimitao e que sero convertidos em reservas aps a remoo das contingncias(3) Consideramos a estimativa alta e no-riscada para os recursos prospectivos em rea de delineao por acreditar que a rea de delineao seja rea 3C(4) Recursos prospectivos lquidos riscados (estimativa mdia). Para Colmbia foram consideradas as bacias de Vale Mdio e Inferior Madalena(5) Inclui quantidades potenciais de petrleo na bacia colombiana de Cesar-Rancheria(6) Participaes lquidas da OGX nessa tabela no so as mesmas contidas no relatrio da DeGolyer and MacNaughton de setembro de 2009, devido ao fato de que a OGX possui atualmente 100% de participao nas concesses includas nesse relatrio(7) Volumes de gs foram convertidos pela OGX para barris de leo, usando a taxa de converso de 5.615 ps cbicos de gs natural para um barril de leo equivalenteDescobertas em guas rasas na bacia de Campos de 4,1 bilhes de barris, com base nos modelos geolgicos da companhia, j em desenvolvimento da produo 10 11. Equipamentos ContratadosExploraoProduo Ocean Ambassador Ocean LexingtonOSX-1 Chegada Out/11OSX-2 Contratado pela OSX com a SBM Ocean QuestOcean StarOSX-3 Contratado pela OSX com a ModecOSX-4 e OSX-5 Cascos comprados em ENSCO 5002 ENSCO 5004novembro de 2010 pela OSX a (Ensco)serem convertidos para FPSOsWHP-1 QG-1 BCH-05E (BCH)Equipamento em produo at o final de 2013Contratada com a TechintWHP-2Equipamento em produo at o incio de 2014Contratada com a Techint Terceira sonda terrestre j contratadaTodos equipamentos de explorao e de incio da produo assegurados 11 12. Produo Comear na Acumulao de WaimeaConceito de Produo 1 leoOSX-1 BiaPrincipaiscaractersticas: Risers e Potencial de umbilicaisproduo de at20mil bpd leo de 20 APIrvore de Linhasnatal flexveis Lmina dgua demolhada140 metros 2 poos adicionaisEstacas eem produo emBombaamarrascentrfuga2012submersa Primeiro leo da OGX se dar atravs de Teste de Longa Durao (TLD)Foto Ilustrativa12 13. Bacia de Campos: Passos at o 1 leoRecebimento dasIncio da instalao dosprimeiras licenasequipamentos Instalao da Bia(LP e LI) submarinosAudincia Pblica: 16/07/1110 Estacas Mobilizao dos equipamentos na Licena Prvia (LP): 08/09/11 Amarras locaoLicena de Instalao (LI): 16/09/11 MWA (Arco Flutuante Submerso) Instalao da bia em andamento 13 14. Bacia de Campos: Passos at o 1 leo Lanamento das linhasFPSO OSX-1 1 leoInstalao das linhas flexveis e umbilicaisChegada ao Brasil em 06/10/11 Recebimento da Licena de Operao(LO) Conexo rvore de natal molhada Conexo ao sistema de produoIncio de produo 14 15. Bacia do Parnaba: ltimos Eventos eDesenvolvimento do Projeto Aquisio de participao de 50% no bloco PN-T-102 3 sonda terrestre contratada e incio da operao esperado para 4T11 Perfurado e testado o primeiro poo de produo na bacia, GVR-1 (Campo de Gavio Real) EPC contratado para construo da planta de processamento de gs Contrato assinado com Valerus-Geogas (Companhia brasileira de engenharia) EPC contratado pela MPX para os projetos: UTE Maranho III (A-3) 517 MW UTE Maranho IV + V (Bertin) 676 MW 15 16. Metas de ProduoMetas de produo OGXEm kboepd1.380 Desenvolvimento das descobertas de Campos e Parnaba 73016550 202011 2012 2013 2015 2019Equipamentos offshore essenciais para produo inicialj assegurados (OSX-1, 2 e 3 e WHP-1 e 2) Descobertas em Campos e Parnaba (4,2 bi boe) podem sustentar nvel de 730 mil boepd de produo Demanda esperada de 48 unidades offshore16 17. Venda do 1 leo para a Shell Contrato de venda assinado para as 2 primeiras cargas totalizando volume de 1,2 milhes de barris (600 mil barris por carga) Precificao com desconto mdio de US$5,50 para o Brent (referncia GoM) Transao confirma a qualidade do leo da acumulao de Waimea e a capacidade de execuo das equipes da OGX Assinado ainda LOI para explorar futuras oportunidades de negcios com a Shell 17 18. Slida Posio de CaixaEvoluo da Posio de Caixa Alocao por InstituioR$ bilhes US$ bilhesCS Outros4%3%6, 06, 0 Votorantim 5%Santander 8%4, 04, 0Bradesco BTG Pactual37% 8%2, 02, 0Itau Unibanco0, 00, 0 36% 2 T 11JU LA GOSETC aixa em R$ C aixa em US$Slida posio de caixa de R$6,7 bilhes, ou US$3,6 bilhes, para suportar os compromissos exploratrios, o desenvolvimento e o incio da produo ~80% da posio de caixa protegida contra variaes cambiais 18 19. Eventos Subseqentes Incio da produo na acumulao de Waimea (OGX-26HP) Perfurao do segundo poo e resultados de perfurao na bacia do EspritoSanto Continuao das campanhas exploratria e de delimitao nas bacias deCampos, Parnaba e Santos Novos testes de formao nas bacias de Campos, Santos e Parnaba Declaraes de comercialidade na Bacia de Campos Comeo da campanha exploratria na Colmbia com aquisio de dadosssmicos e perfurao de poo Participao em prximas rodadas de licitao da ANP 19</p>