anurio litrgico metodista 2015

Download Anurio Litrgico Metodista 2015

Post on 11-Nov-2015

107 views

Category:

Documents

35 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Anuário Litúrgico Metodista 2015 - Calendário Litúrgico

TRANSCRIPT

  • Anurio Litrgico

    2015

  • Catalogao na Fonte

    Bibliotecria responsvel: Maria de Ftima Almeida CRB8/7111

    264.07 Anurio litrgico 2015. / Organizado por Jonadab Domingues de An89 Almeida. So Bernardo do Campo: Editeo, 2015.

    288p. : il. ISSN: 2176-3054 1. Liturgia 2. Igreja Metodista 3. Anurio litrgico 4. Homiltica 5. Plano Nacional Missionrio 6. nfases missionrias I. Ttulo CDD 18ed.

    Anurio Litrgico2015

    Faculdade de TeologiaIgreja Metodista

    www.metodista.br/fateo editeo@metodista.br

    As leituras bblicas indicadas neste Anurio so apresentadas com base no Revised Common Lectionary 1992 Consultation on Common Texts. Todos os direitos reservados Consultation on Common Texts. Usado com permisso.

    Diretor da Faculdade de Teologia Paulo Roberto Garcia Reitor da Universidade Metodista de So Paulo Marcio de Moraes Conselho Diretor Paulo Dias Nogueira (Presidente) Lia Eunice Hack da Rosa (Vice-Presidente) Cludia Maria Silva Nascimento (Secretria) Wesley Gonalves dos Santos (Vogal) Almir Lemos Nogueira (Vogal) Paulo Tarso de Oliveira Lockmann (Bispo Assistente) Comisso Editorial Jos Carlos de Souza Blanches de Paula Trcio Machado Siqueira Helmut Renders (Coordenador da Editeo)

    Assistente Editorial Fagner Pereira dos Santos Editor do Anurio Jonadab Domingues de Almeida Reviso Jos Carlos de Souza e Adi ber Pereira Borges Capa e diagramao Marcos Brescovici Foto Capa Vitor Chaves de Souza

    EditEo Editora da Faculdade de Teologia da Igreja Metodista

    Rua do Sacramento 230 Rudge Ramos 09640-000 So Bernardo do Campo, SP

    ***

    Para adquirir esta obra ligue para (11) 4366-5787 Informaes sobre as recentes publicaes da Editeo, com os respectivos preos, podem ser obtidas por meio da pgina eletrnica da Faculdade

    de Teologia da Igreja Metodista/Umesp: http://www.metodista.br/fateo [clicar no menu Editeo] ou pelo e-mail livrariaediteo@metodista.br

  • Dados pessoais

    Nome

    Endereo

    Telefone(s)

    E-mail

    Outras informaes importantes

    Faculdade de Teologia da Igreja MetodistaRua do Sacramento 230 Rudge Ramos 09640-000 So Bernardo do Campo, SP

    (11) 4366-5971E-mail: confateo@metodista.br

    www.metodista.br/fateo

    Universidade Metodista de So PauloRua Alfeu Tavares, 149 Rudge Ramos 09641-000 So Bernardo do Campo, SP

    Grande So Paulo (11) 2464-2222Para outras localidades 0800-889 2222

    www.metodista.br

    2015

    Di

    rio

    Lit

    rgic

    o"Senhor: No eterno ciclo

    dos tempos, ensina-nos a

    viver bem os nossos dias,

    com coraes sbios."

    (Salmo 90.12)

  • 52015

    A Faculdade de Teologia, com alegria, apresenta o Anurio Litrgico 2015. O tema que nos motiva a misso. Para tanto, tomamos como base um documento da Igreja Metodista, mais especificamente o tema e as nfases missionrias que desafiam, no s o Metodismo brasileiro, como tambm outras igrejas do Brasil, de Angola e Moambique, dentre outros: o Plano Nacional Missionrio da Igreja Metodista PNM.

    Um documento que apresenta os alicerces, os compromissos, as nfases e prioridades que devem estar na mente e no corao da igreja em sua ao missionria, e que busca ser instrumento motivador e facilitador da igreja em todos os seus nveis, como comunidade missionria a servio do povo, espalhando a santidade bblica por toda terra (PNM, 2011, p.3).

    Ao descrever as Marcas do tempo presente afirma:

    O momento atual est profundamente permeado pelas foras do mercado, em especial, o globalizado. O individua-lismo justifica a indiferena. A busca do lucro a qualquer preo passa a ser parte fundamental da ideologia dos gru-pos religiosos de sucesso. A excluso social das multides, sem acesso ao mercado, ao lado da valorizao do sucesso pessoal de quem sabe competir ou gozar as vantagens do oportunismo, agravam a violncia social. O quadro religioso se tornou confuso com a emergncia dos novos critrios, distantes dos valores ticos fundados na valorizao da vida, da solidariedade e do amor (PNM, 2011, p.8/9).

    Reflete sobre a realidade que as igrejas vivem de forma dramtica, na qual se busca a Deus constantemente, mas com o foco no sobrenatural, no mstico e no mgico. Mostra que:

    Perdeu-se o equilbrio entre ortodoxia e ortopraxia: no se pensa a f, vive-se uma f. Cresce o divrcio com a natureza, a racionalidade, sem falar na tradio e outros elementos fundamentais para entender e viver a experin-cia religiosa crist. Vive-se uma conturbao religiosa na qual [...] somos visivelmente afetados/as. As pessoas so, em grande nmero, levadas por todo o vento de doutrina, agitadas de um lado para outro. Na verdade, h uma busca intensa por esperana e vida (PNM, 2011, p.9).

    As seis nfases Missionrias do PNM, destacadas na parte interna da capa desta edio e que inspiram os breves textos que abrem cada bimestre do calendrio, indicam um olhar sobre a realidade e os desafios do tempo presente, bem como perspectivas de aes missionrias a serem desenvolvidas por cada segmento das igrejas a partir de suas comunidades locais.

    Oramos com a esperana de que os esforos e investimentos feitos para produzir o Anurio Litrgico da Faculdade

    Apr

    esen

    ta

    o

  • 6de Teologia da Igreja Metodista/UMESP, j na 13. edio, continuem sendo bem aproveitados.

    Registramos aqui o reconhecimento e gratido ao estimado professor e Rev. Luiz Carlos Ramos que, alm ser o principal idealizador, tambm foi editor das 12 edies anteriores.

    Que o Anurio Litrgico continue sendo importante referncia de apoio litrgico, homiltico, didtico e administrativo no dia a dia de muitas pessoas e comunidades.

    Jonadab Domingues de Almeida Editor

  • 7O Lecionrio Comum RevisadoRev. Jonadab Domingues de Almeida

    O Lecionrio Comum Revisado uma publicao que contm as lies ou leituras indicadas para as celebraes litrgicas semanais ou dirias no contexto das comunidades crists. Uma publicao que se reporta ao Sculo IV, quando se percebeu a necessidade de sistematizao das leituras bblicas e, ao Sculo VI, quando foi estabelecido como um guia ou ordem para as leituras bblicas no contexto das celebraes litrgicas na Igreja Crist.

    De incio contemplava trs leituras principais: Profetas, Apstolos e Evangelistas, sendo que a leitura de Salmos foi incorporada posteriormente como uma quarta leitura.

    Trata-se de uma seleo de textos organizada tematicamente com o objetivo de possibilitar que, seguindo-se o Calendrio Litrgico, a histria da Salvao seja visitada em um ano e, em trs anos, seja feita leitura panormica da de toda a Bblia. Nas palavras do estimado rev. e professor Luiz Carlos Ramos, idealizador e editor do Anurio Litrgico desde a sua primeira edio em 2003 at a edio de 2014:

    A organizao em Ano A, B e C, na observncia do Lecionrio Comum Revisado como plano estruturador da pregao e do ensino na comunidade de f, se articula da seguinte forma: O Ano A organiza as leituras tomando como referncia o Evan-gelho segundo So Mateus; O Ano B, o Evangelho segundo So Marcos; e o Ano C, o Evangelho segundo So Lucas. O Evangelho segundo So Joo lido em ocasies festivas do calendrio litrgico, tal como o Tempo Pascal. Isso feito de tal forma que, ao longo de trs anos, todos os Evangelhos so revisitados, tendo como fio condutor a Histria da Redeno e a Vida e Paixo de Cristo (RAMOS, 2014, p.24/25).

    Dentre os diversos benefcios do uso regular do Lecionrio, so destacados os seguintes: Evita a omisso de partes importantes da Revelao; Facilita a preparao de sermes; Orienta na elaborao da ordem litrgica das celebraes; e Garante uma abordagem completa de toda a Histria da Salvao.

    Tais benefcios so reforados pela observncia do Calendrio Litrgico Cristo.

    Outro elemento de grande valor que no pode ser desconsiderado o fato de que em todo o mundo habitado, igrejas crists se renem semanalmente ao redor da Palavra de Deus e, num sinal de unidade e comunho universal, lem, refletem e pregam sobre os mesmos textos bblicos (RAMOS, 2007, p.24).

    De forma prtica, significa que as celebraes e as pregaes de cada Domingo so organizadas a partir dos textos bblicos do Lecionrio, os quais foram separados de forma temtica e

    Anu

    rio

  • 8observando-se o Calendrio Litrgico Cristo. Os textos indicados para cada Domingo encontram-se listados no canto superior direito da pgina do dia: um texto do Primeiro Testamento, um texto dos Salmos, um texto das Cartas e um texto do Evangelho. Geralmente as pregaes so preparadas a partir do texto do Evangelho, mas tambm podem ser preparadas a partir de um dos outros textos indicados.

    Por reconhecer o Lecionrio Comum Revisado como um instrumento de grande valor na prtica litrgica e homiltica crist, que ele consta como parte integrante do Anurio Litrgico da Faculdade de Teologia da Igreja Metodista/UMESP desde a sua primeira edio.

    O Lecionrio que consta nesta edio do Anurio comea com o primeiro domingo do Advento, em dezembro de 2014, e termina com o Domingo do Cristo Rei, celebrado em novembro de 2015 e tem como referncia o Ano B Evangelho segundo Marcos. Como auxlio homiltico na preparao das celebraes e das pregaes, contempla uma breve introduo ao Evangelho de Marcos, preparada pelo professor de Novo Testamento, Rev. Paulo Roberto Garcia (pginas 9/10).

    Texto adaptado de RAMOS, Luiz Carlos. Anurio Litrgico de 2014. Editeo, So Bernardo do Campo, 2014, por Jonadab Domingues de Al