administrao pblica aula 01 - s3. cespe - 2010 - mps – administrador - com referncia aos modelos de...

Download ADMINISTRAO PBLICA Aula 01 - s3. CESPE - 2010 - MPS – Administrador - Com referncia aos modelos de administrao pblica, julgue os seguintes itens. Raymundo Faoro, em sua clssica obra

Post on 29-Apr-2018

241 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    ADMINISTRAO

    PBLICA

    Aula 01

  • 2

    EVOLUO DOS MODELOS DE

    ADMININSTRAO PBLICA

    partindo-se de uma perspectiva histrica, verifica-se que a administrao pblica evoluiu atravs de trs modelos bsicos: a administrao pblica patrimonialista, a burocrtica e a gerencial.

  • 3

    EVOLUO DAS

    FUNES DO ESTADO

    clssicas

    segurana

    Interna e defesa

    sec xviii

    proteo

    economia

    interna

    sec xix

    assistncia

    (ddiva

    patriarcal)

    1 guerra

    interveno

    na

    economia

    a partir

    De 40

    funo

    social

    ps 2a

    guerra

    oferta de bens

    servios sociais

  • 4

    EVOLUO DAS

    FUNES DO ESTADO

    clssicas

    segurana

    Interna e defesa

    sec xviii

    proteo

    economia

    interna

    sec xix

    assistncia

    (ddiva

    patriarcal)

    1 guerra

    interveno

    na

    economia

    a partir

    De 40

    funo

    social

    ps 2a

    guerra

    oferta de bens

    servios sociais

    Aumento de gastos Pblicos:

    Polticas Pblicas

    Mquina Administrativa

  • 5

    FUNES CONTEMPORANEAS DO ESTADO

    Defesa e segurana:

    interna/externa soberania nacional

    Estabilizao interna:

    econmica

    poltica

    Distributiva/alocativa

    assegurar distribuio

    compensar imperfeies

    Relaes externas:

    Pases/blocos econmicos

    Organismos multilaterais

    Regulao:

    defesa dos direitos

    Infr. ordem econmica

    Corrigir falhas do mercado Estimular/desincentivar

    externalidades

    Prom. igualdade de oportunidade

    Prof Silvestre

  • 6

    FUNES CONTEMPORANEAS

    DO ESTADO

  • 7

    Fazer o que deve ser feito

    Com capacidade de

    formulao e implementao

    Otimizando os recursos

    Com transparncia, participao

    e responsabilizao

    Deficit Institucional

    Governana

    Eficincia

    Democracia

    REQUISITOS DA BOA GESTO PUBLICA

  • 8

    EVOLUO DOS MODELOS DE

    ADMININSTRAO PBLICA

    GERENCIAL 1970

    PATRIMONIALISTA Ate inicio do sc. XIX

    BUROCRTICA Inicio do sc.XIX

  • 9

    PATRIMONIALISTA Ate inicio do sc. XIX

    Modelo de AP tpico dos

    estgios primitivos da

    sociedade.

    Incapacidade de distino entre

    o pblico e o privado.

  • 10

    partindo-se de uma perspectiva histrica, verifica-se que a administrao pblica evoluiu atravs de trs modelos bsicos: a administrao pblica patrimonialista, a burocrtica e a gerencial. Nenhuma delas foi inteiramente abandonada.

  • 11

    CARACTERISTICAS DA ADMINISTRAO

    PATRIMONIALISTA

    baseado em relaes de lealdade pessoal

    ausncia de limites entre os bens e recursos

    pblicos e privados

    clientelismo, corrupo, nepotismo

    Feudalismo, sultanismo, Patriarcalismo,

    Gerontocracia.

    o centro do modelo era o chefe poltico

    ausncia de carreiras e critrios de promoo

    funo do Estado e do servo pblico era dar

    emprego, favorecer aliados

  • Cont...

    As nomeaes baseavam-se em critrios pessoais, trocas de favores. So utilizados os termos sinecura e prebenda para descrever os empregos pblicos, j que significam ocupao rendosa de pouco trabalho. Ao grupo que dominava o poder no Estado patrimonialista, Raymundo Faoro denominou de Estamento Burocrtico. O estamento se diferencia da classe social porque, nessa, o critrio de pertencimento o econmico, enquanto no estamento social, de status, prestgios.

    12

  • 1 CESPE - 2008 - TCU - Analista de Controle Externo - Planejamento e Gesto - Prova 2 - Com referncia aos conceitos e situaes aplicveis administrao pblica, bem como experincia e legislao brasileira nesse setor, julgue os itens. O clientelismo e o corporativismo so padres institucionalizados de relaes que estruturam os laos entre sociedade e Estado no Brasil. O clientelismo, que faz parte da tradio poltica secular brasileira, est associado ao patrimonialismo e ao fisiologismo. O corporativismo emergiu nos anos 30, sob o governo de Getlio Vargas. Essas caractersticas passaram, ento, a inter-relacionar-se, e constituem instrumentos de legitimao poltica.

    13

  • 2 CESPE - 2010 - MPS Administrador - Com referncia aos modelos de administrao pblica, julgue os seguintes itens. Raymundo Faoro, em sua clssica obra Os Donos do Poder, ao confrontar o Estado patrimonial com o feudal, j se referia ao sistema patrimonial como aquele que, ao contrrio dos direitos, dos privilgios e das obrigaes fixamente determinados do feudalismo, prende os servidores em uma rede patriarcal, na qual eles representam a extenso da casa do soberano.

    14

  • 15

    BUROCRTICA Inicio do sc.XIX

    Surge no final do Sec. XIX com o objetivo de frear a expanso patrimonialista, a partir dos estudos de Weber sobre as formas de dominao. Se prope implantar um sistema racional-legal

    Atributos do Modelo racional- legal

    IMPESSOALIDADE

    ESPECIALIZAO

    HIERARQUIA

    NORMATIZAO

    MERITOCRACIA

  • 16

    Para Reflexo

    muito caro para a sociedade investir

    recursos humanos e financeiros na

    gerao de informaes que cumprem

    a legislao, mas que ningum utiliza

    para tomada de deciso

    Paulo Henrique Feij

    BUROCRTICA Inicio do sc.XIX

  • 17

    CARACTERISTICAS

    Diviso de trabalho definida em

    cargos hierarquizados

    Elimina variabilidade de resultados

    Elimina julgamentos subjetivos

    Autoridade reside na posio e no na

    pessoa

    Prof Silvestre

  • 18

    CARACTERISTICAS

    Carreiras, competncias fixas,

    cargos padronizados

    Reduz a desintegrao dos rgos. Funcionrios devem obedincia s

    definies do cargo.

    Organizados em carreiras e promovidos por

    tempo de servio ou mrito.

    Contratados com base na qualificao

    profissional

    Prof Silvestre

  • 19

    CARACTERISTICAS

    Controle por procedimentos e

    regras

    desempenho eficiente da rotina

    Impede tratamento diferenciado. Garante neutralidade

    Foco na tarefa

  • 20

    CARACTERISTICAS

    Confiabilidade e confidencialidade

    Separa trabalho intelectual do operacional

    Separao entre administrao/tcnica e

    poltica

    Normalizao segue a risca regras e rotinas

    reduz o risco de decises discricionrias

    padroniza comportamentos

  • 4 CESPE - 2012 - Polcia Federal - Agente da Polcia Federal - Se adotar a abordagem burocrtica, o gestor, com o objetivo de definir as futuras promoes na organizao, avaliar seus subordinados considerando aspectos relacionados ao mrito.

    21

  • 22

    (CESPE/STM/2004) Burocracia um sistema social racional, ou um sistema social em que a diviso do trabalho racionalmente realizada tendo em vista os fins visados.

    Se adotarmos uma definio curta e perfeitamente enquadrada dentro dos moldes da filosofia aristotlica, diremos que uma organizao ou burocracia um sistema social racional, ou um sistema social em que a diviso do trabalho racionalmente realizada tendo em vista os fins visados. (Bresser Pereira com o Fernando Prestes Motta. )

  • 23

    PRINCIPAIS DISFUNES Centralizao, verticalizao das estruturas

    nfase na posio e no na pessoa

    Formalismo e ritualismo - nfase na disciplina e

    controles,

    Privilegio da norma em detrimento da busca a de

    resultados

    Flexibilidade limitada: morosidade e lentido

    do processo decisrio.

    Ignora a importncia das pessoas e das relaes

    interpessoais - organizao informal

  • 24

    PRINCIPAIS DISFUNES Administrao autoritria - acmulo de poder. Regras tornam-se fins em si mesma.

    Administrao auto referenciada voltada para si mesma

    tica da obedincia dificuldade de responsabilizao Sndrome do eu sou meu cargo Lgica da dupla desconfiana Do servidor

    Do cidado

  • 25

    5 CESPE - 2011 - EBC - Tcnico Administrao - Tendo o fragmento de texto acima como referncia inicial, julgue os prximos itens, referentes a noes de administrao pblica. Getlio Vargas, na dcada de 30 do sculo passado, teve um papel importante na evoluo da administrao pblica no Brasil, ao promover a racionalizao burocrtica do servio pblico, por meio da padronizao, normatizao e implantao de mecanismos de controle.

  • 26

    7 CESPE - 2004 - STM - Analista Judicirio - rea Judiciria - A dcada de 30 do sculo passado caracterizou-se por uma significativa centralizao no nvel poltico e econmico. Nesse perodo, assistiu-se ao fortalecimento do Estado intervencionista, cuja expanso se deu mediante trs linhas de ao: criao de rgos e departamentos formuladores de polticas pblicas; expanso dos rgos da administrao direta; e expanso empresarial do Estado.

  • 27

    18 CESPE - 2011 - CNPQ - Analista em Cincia e Tecnologia Jnior Acerca de gesto pblica, julgue os itens a seguir.

    O modelo gerencial de gesto foi inserido no Brasil a partir das reformas ocorridas na dcada de 90 do sculo passado, tendo como inspirao os modelos institudos, nos Estados Unidos da Amrica, por Ronald Reagan e, na Inglaterra, por Margareth Tatcher.

  • Globalizao:

    - Enfraquecimento do Estado nacional;

    - Dificuldade de promover a equidade e justia social

    - Perda da capacidade de controlar o fluxo de informaes entre os cidados;

    - Perda de atividade e f

Recommended

View more >