a qualidade na educaÇÃo infantil - tede2.pucsp.br  · ao grupo de estudos e pesquisa sobre...

Download A QUALIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL - tede2.pucsp.br  · Ao Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Sociologia…

Post on 17-Nov-2018

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • PONTIFCIA UNIVERSIDADE CATLICA DE SO PAULO

    PUC-SP

    Bruna Ribeiro

    A QUALIDADE NA EDUCAO INFANTIL:

    Uma experincia de autoavaliao em creches da cidade de So Paulo

    MESTRADO EM EDUCAO: CURRCULO

    SO PAULO

    2010

  • PONTIFCIA UNIVERSIDADE CATLICA DE SO PAULO

    PUC-SP

    Bruna Ribeiro

    A QUALIDADE NA EDUCAO INFANTIL:

    Uma experincia de autoavaliao em creches da cidade de So Paulo

    MESTRADO EM EDUCAO: CURRCULO

    Dissertao apresentada Banca Examinadora da Pontifcia Universidade Catlica de So Paulo, como exigncia parcial para obteno do ttulo de MESTRE em Educao: Currculo, sob orientao da Prof.(a) Doutora Maria Machado Malta Campos.

    SO PAULO

    2010

  • Banca Examinadora

    ________________________________________

    ________________________________________

    ________________________________________

  • minha me, que ao me possibilitar uma infncia feliz e digna, me

    fez optar por dedicar a minha vida luta para que um dia todas as

    crianas tambm possam vir a ser respeitadas.

  • AGRADECIMENTOS

    Maria, Maria

    um dom, uma certa magia ...

    A todas as Marias que tanto me ensinam:

    Prof Dr Maria M. Malta Campos... Antes de ser minha orientadora, j me ensinava

    atravs de seus livros... Agradeo pela rigorosidade, apontamentos, sugestes e respeito ao

    trabalho que tanto me fizeram crescer e pelo privilgio de poder ter trilhado este caminho

    tendo ao meu lado este exemplo de pessoa e profissional.

    Prof Dr Maria Lucia de A. Machado (Maua)... como definir? Ela acreditou em

    mim... antes de eu mesma acreditar... Agradeo pelo apoio, carinho e por me fazer acreditar

    que uma educao infantil de qualidade possvel.

    Sr Maria Ins de Paula Eduardo, por abrir as portas da Associao, a qual preside, de

    forma to generosa e entusiasta.

    Prof Dr Maria Letcia B. P. Nascimento... por me acolher no Grupo de Estudos e

    Pesquisa sobre Sociologia da Infncia e Educao Infantil (GEPSI) da Universidade de So

    Paulo/USP.

    E claro, Maria Augusta... exemplo de me, de parceira, de amiga, de profissional,

    revisora... No h palavras capazes de expressar o meu amor e gratido a ela. Sem seu apoio e

    incentivo no seria possvel chegar at aqui.

    E a todas as outras Marias, que sem serem Marias, tambm tm

    essa estranha mania de ter f na vida...

    Prof Dr Ana Paula Soares da Silva e prof Dr Vera Masago Ribeiro, pelo olhar

    atento e as valiosas contribuies em minha banca de qualificao.

    Prof Ms. Telma Vitria... pela curta, mas to rica convivncia, que deixar para

    sempre uma marca em minha prxis de educadora e pesquisadora.

    Prof Ms. Clia R. B. Serro... quem me mostrou, ainda na graduao, os desafios e

    encantamentos do trabalho com as crianas pequenas.

  • Prof Dr Ani Martins da Silva, que com sua rigorosidade e competncia me iniciou

    nos caminhos da pesquisa acadmica.

    Ao Prof Ms. Sergio dos Santos Clemente Jr, por ter me aturado praticamente

    morando em sua casa, por ocasio da reviso do texto ... Obrigada pela rigorosa reviso, mas

    tambm pelo carinho e incentivo.

    Associao Santo Agostinho/ASA, sua coordenadora geral, diretoras,

    coordenadoras pedaggicas, pais e profissionais, sem os quais esta pesquisa no seria

    possvel.

    Ao Instituto Girassol de Educao e Pesquisa por ter viabilizado este estudo e sua

    equipe tcnica pelas nossas instigantes manhs de quarta-feira.

    A todos os professores do Programa de Mestrado em Educao: Currculo da PUC/SP.

    Ao Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Sociologia da Infncia e Educao Infantil

    (GEPSI/USP), pelo aprendizado, pela compreenso das ausncias e por partilharmos do ideal

    de uma infncia mais digna para todas as crianas.

    s crianas e aos profissionais do CEI Lar Infantil, que tanto me ensinaram.

    jornalista e fotgrafa Mariana Raphael e diretora Zlia Rosa de Jesus, pelo valioso

    auxlio atravs dos registros fotogrficos e de suas observaes.

    Aos companheiros de jornada da PUC/SP: Viviane Aparecida, Sillas Cezar e Tereza,

    por deixarem esse caminho mais suave...

    Adriana, por dividir a casa, as angstias e as alegrias de uma mestranda, e ter

    sempre estado l quando precisei, sem nunca perder o bom humor.

    Michele e Camila, amigas de todas as horas...

    minha famlia... a quem devo tudo que sou.

    E finalmente, Coordenao de Aperfeioamento de Pessoal de Nvel Superior

    (Capes) e ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientfico e Tecnolgico (CNPq) pela

    concesso das bolsas de pesquisa, sem as quais este sonho no seria possvel...

    A todos a minha gratido.

  • Ela sua chefe, no ?

    Perguntou Jonathan, 5 anos, diretora quando esta visitava sua sala acompanhada da supervisora, demonstrando que as crianas tambm percebem as relaes de poder que permeiam as relaes dos adultos.

  • RESUMO

    RIBEIRO, B. A Qualidade na Educao Infantil: Uma experincia de autoavaliao em creches da cidade de So Paulo. So Paulo: 2010. Dissertao de Mestrado apresentada ao Programa de Ps Graduao em Educao: Currculo, Pontifcia Universidade Catlica de So Paulo.

    A dissertao descreve e analisa uma experincia de autoavaliao em quatro creches conveniadas do municpio de So Paulo, realizada com a aplicao da metodologia e do roteiro de questes propostos no documento Indicadores da Qualidade na Educao Infantil, publicado pelo Ministrio da Educao em 2009. O trabalho parte da discusso sobre o tema da qualidade da educao infantil, no mbito das polticas pblicas no Brasil, baseando-se na literatura especializada atual, bem como nas publicaes dos rgos oficiais, desde a Constituio Federal de 1988. O estudo procura compreender de que forma os diferentes segmentos presentes na creche - direo, coordenao pedaggica, professores, funcionrios e pais - participam e contribuem para o processo de construo da qualidade atravs da autoavaliao. A experincia foi realizada no segundo semestre de 2009, em Centros de Educao Infantil CEIs, que atendem crianas na faixa etria de 0 a 4 anos, em perodo integral, mantidos por uma entidade filantrpica tradicional conveniada com a Secretaria Municipal de Educao de So Paulo. A autoavaliao foi realizada durante um dia inteiro de trabalho de grupo em cada uma das unidades. As reunies foram registradas em gravaes, fotos, por meio de anotaes da pesquisadora e os materiais utilizados foram recolhidos e organizados para a anlise. Os resultados da avaliao, obtidos pelos grupos em cada unidade, esto includos nesse conjunto de resultados. As categorias utilizadas para a anlise foram baseadas principalmente em dois autores: em Joo Formosinho (1980), que definiu uma tipologia de poder das instituies educacionais que influenciam diretamente o envolvimento/participao de cada individuo/grupo, e na tipologia da participao de Licnio Lima (2008). Com base nesses autores e nos estudos de Thurler sobre a influncia do ambiente e das interaes na avaliao de qualidade, o estudo conclui que, em um processo autoavaliativo como proposto pelo documento utilizado, o poder no distribudo e sim disputado, sendo que os consensos ora so negociados, ora so frutos do prevalecimento da ideologia de um grupo sobre os demais, atravs do uso de diversos tipos de poder, como o autoritativo, cognoscitivo, normativo ideolgico e pessoal que influenciam diretamente na maneira como os indivduos/grupos participam do debate, gerando participaes ativas, reservadas ou passivas. Nesse sentido, a avaliao realizada permitiu a expresso de denncias, sonhos, anseios e desejos de diversos atores, mas tambm evidenciou processos de autoritarismo, excluso e silenciamento.

    Palavras-Chaves: Educao Infantil, Qualidade, Indicadores da Qualidade, Autoavaliao,

    Creche Conveniada.

  • ABSTRACT

    RIBEIRO, B. Quality in Early Childhood Education: An experience of self-assessment in day care centers in the city of So Paulo. So Paulo: 2010. Dissertation submitted to the Master Degree Program in Education: Curriculum, Pontifcia Universidade Catlica de So Paulo. The dissertation describes and analyzes an experience of self-assessment in four day care centers in So Paulo, performed with the application of the methodology and a schedule of issues proposed in the document Quality Indicators in Early Childhood Education, published by the Ministry of Education in 2009. The job comes from the discussion about the issue of quality early childhood education in the context of public policies in Brazil, based on current literature and publications of official offices, since the 1988 Federal Constitution. The study seeks to understand how the different segments present in the day care centers - principal, teaching coordination, teachers, staffs and parents - participate and contribute to the process of building quality through self assessment. The experiment was performed in the second half of 2009 in Child Education Centers - CEIs that serve children aged 0-4 years, full time, kept by a traditional philanthropic contracted by the City Department of Education of So Paulo . Self-assessment was performed during a full day of group work in each unit. The meetings were recorded on tapes, photos, notes by the researcher and the materials were collected and organized for analysis. The evaluation results obtained by groups in each unit are included in this set of results. The categories used for analysis were based mainly on two authors: in Joo Formosinho (1980), which defined a typology of power of educational institutions that directly influence the involvement / participation of each individual / group, and type of participation by Licinio Lima (2008). Based

Recommended

View more >