a música está muito presente nas nossas vidas. a vida em si mesma é movimento e o movimento gera...

Download A música está muito presente nas nossas vidas. A vida em si mesma é movimento e o movimento gera som. Então, a vida também é som e, num certo sentido,

Post on 07-Apr-2016

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • A msica est muito presente nas nossas vidas. A vida em si mesma movimento e o movimento gera som. Ento, a vida tambm som e, num certo sentido, tudo msica .

  • Existem momentos da vida em que ...Nossa nica e fiel companheira a msica.E que a msica marca um perodo de nossa vida, deixando apenas...

  • Lembranas!

  • Quem nunca lembrou de um grande amor??? Ou de uma grande dor???

  • De momentos de tristeza, solido ou at mesmo de revolta???

  • O grande problema que para muitas pessoas os jovens so apenas seres sem personalidade e sem valores...

  • ...e o que diferencia a educao musical das outras formas de ensinar a mgica de provar que essas afirmaes no so verdadeiras

  • Qual a importncia da msica no processo de construo eresgate de valoresem um adolescente?A msica tem grande influncia no processo de construo dos adolescentes, entretanto tudo que se preocupa em resgatar valores torna-se um trabalho bem mais complicado e que provavelmente necessita de um cuidado especial e uma pacincia redobrada, pois resultados, em grande parte dos casos, s notam-se em longo prazoQuesto Principal

  • A msica uma linguagem universal e um meio de se atingir ao jovem.

  • Qual a importncia da msica no processo de construo eresgate de valoresem um adolescente?A msica tem grande influncia no processo de construo dos adolescentes, entretanto tudo que se preocupa em resgatar valores torna-se um trabalho bem mais complicado e que provavelmente necessita de um cuidado especial e uma pacincia redobrada, pois resultados, em grande parte dos casos, s notam-se em longo prazoQuesto Principal

  • uma forte influncia tanto positiva quanto negativa no mundo adolescente. meio de se atingir ao jovem. capaz de marcar uma determinada situaopor toda a vida.Atravs de aes que aparentemente parecem muito simples, conseguimos responder as nossas certezas provisrias.Podemos citar, por exemplo, uma professora que se dispe a organizar um coral em sua escola. A mesma torna-se referncia para os alunos, algum que eles confiam e demonstram amizade e carinho.Outro exemplo quando um professor (a) prope um trabalho que deve ser apresentado de maneira criativa. Os alunos, ou grupos que se destacam nessa apresentao, na maioria das vezes, so os que organizam sua apresentao utilizando msica.Existem professores que para ensinar utilizam esse meio para alcanar seus objetivos de maneira eficiente, e o interessante analisar que eles aprendem mesmo com esse mtodo.At ento s falamos de aprendizagem escolar, e no citamos os principais contedos da vida, ou seja, os valores e os princpios.

  • Dvidas Provisrias

    possvel, atravs da msica, resgatar / construir qualidades em um jovem, como auto-confiana, perspectiva de futuro, carter, honestidade, respeito, responsabilidade, pacincia, persistncia, concentrao, criatividade?

    Atravs dos resultados obtidosat o momento com a aplicao deste projeto, pode-se que possvel sim, auxiliar na construo de valores trabalhando com jovens.

  • Justificativa:

    Considerando que a escola na qual se pretende desenvolver este trabalho situa-se no bairro Canudos, visto como um dos mais violentos da cidade de Novo Hamburgo-RS, de extrema necessidade ampliar estratgias que tenham como objetivo orientar os jovens na direo de aes mais cidads perante as situaes de vida.Assim, este projeto torna-se importante na vida dos participantes, por possibilitar uma aproximao e dilogo atravs da msica como forma de manifestar emoes (colocar pra fora) dvidas e incertezas que as questes da adolescncia trazem, buscando um crescimento e amadurecimento interior.Ao mesmo tempo, a instituio qual se destina a aplicao desta proposta, obtm como retorno deste trabalho, ter disposio um recurso para utilizar no resgate e valorizao do talento destes jovens, desenvolvendo e fortalecendo as qualidades internas: auto-estima, reconhecimento, respeito e trabalhando algumas dificuldades, como por exemplo a timidez.Ao retratar o panorama destes jovens, vemos muitas vezes que em boa parte dos casos, seus cotidianos so permeados por violncia, falta de perspectiva de vida, poucas referncias positivas tanto na comunidade, como na prpria famlia, poucos espaos pblicos destinados a essa faixa etria, vulnerabilidade destes que se tornam alvos fceis frente ao problema das drogas.Estudos mostram que mesmo as crianas e adolescentes que moram com as famlias esto em situao de risco pois h fatores como violncia familiar, prostituio, maus-tratos, drogas, dificuldades de aprendizagem.Nota-se que os reais problemas das crianas e adolescentes passam, na maioria das vezes, despercebidos pela escola e pelos acadmicos/professores do projeto, havendo poucas aes efetivas nesse sentido.

  • Objetivos:Oportunizar ao jovem e adolescente um espao de reconhecimento e aprimoramento de seus talentos artsticos.Proporcionar momentos de reflexo sobre as situaes da vida, debatendo os temas tratados em algumas msicas que possibilitam a discusso.Prevenir os fatores de risco.Oferecer uma possibilidade de trabalho em conjunto com outras instituies.Descobrir o que, e de que forma esse meio de comunicao influencia os adolescentes contemporneos.

  • EstratgiasFormao no curso "Adolescncia na contemporaneidade"Pesquisas em pginas da internetEntrevista com especialista na reaLeitura de materiais relacionados ao temaContato virtual com autor de estudo semelhante

  • MetodologiaO projeto ser realizado atravs de encontros que devero ocorrer pelo menos duas vezes por semana, com os grupos de jovens, que traro seus instrumentos ao ambiente escolar, orientadas pelo responsvel. Segue planejamento de oficinas...Cada encontro dever durar pelo menos duas horas, perodo este destinado aos ensaios, incluindo os momentos de seleo e preparao do material a se utilizar, como letras de msicas, partituras, cifras, tablaturas, alm de um breve estudo terico na primeira meia hora inicial.Ao longo do desenvolvimento do projeto, constando-se que o grupo encontra-se devidamente ensaiado, partiremos para etapa seguinte, que consiste na apresentao do trabalho ao pblico para apreciao deste, ao mesmo tempo divulgando e promovendo a ampliao do mesmo.As apresentaes podero ser tanto em ambiente interno escola como ao pblico externo, podendo este ser outras escolas, comunidade, durante eventos especficos e previamente programados, bem como demais instituies culturais que venham a se interessar e convidar o grupo.O grupo tambm poder vir a se inscrever em outros eventos, inclusive concorrendo a prmios,

  • Atividades (cronograma)

    Entre as atividades a serem realizadas durante a aplicao do projeto, esto previstos encontros semanais destinados a ensaios das msicas que forem escolhidas para serem trabalhadas, alm de debates a respeito dos temas tratados nas letras dessas msicas;Outra atividade prevista a apresentao dentro e fora da escola, das msicas ensaiadas. A seguir, alguns eventos previsto para o grupo participar:- Aniversrio da escola- Festa Junina da escola- Semana Literria- Semana da criana- Dia da famlia- Dia Mundial do Meio Ambiente- Dia de Ao de Graas- Semana Farroupilha- Semana da PtriaDois exemplos de atividades que podero ser realizadas com msicas.1 atividade: "Que pas esse?"2 atividade: Perfeio"

  • Recursos:Para a realizao deste projeto, prev-se a necessidade de um espao adequado para se realizar os encontros e poder ter boa qualidade nos ensaios, tal como uma sala bem iluminada e ventilada, que comporte confortavelmente at umas 15 pessoas.Entre os materiais necessrios lista-se: folhas de ofcio, canetas, se possvel uma impressora para se obter letras e cifras de msicas da internet, bem como conexo rede. Tambm necessrio: um aparelho de som com cd.Mesas e cadeiras para acomodar os participante, e um armrio para guardas alguns objetos a serem utilizados.

  • Avaliao:

    At o momento, a avaliao que se pode fazer do projeto positiva, tendo em vista os resultados j alcanados nos momentos iniciais deste.Durante o ano de 2007 e 2008 foram realizados alguns encontros semanais, formando um grupo de adolescentes, os quais executavam osinstrumentos: Violo, teclado, flauta, alm de ter a participao de duas vocalistas. Durante o perodo em que foi trabalho com estes jovens, pode-se perceber uma melhor rendimento sob vrios aspectos: participao durante as aulas, concentrao e cumprimento das tarefas, desinibio frente ao pblico que os prestigiaram.Alm disso, a escola teve representao por parte destes jovens no evento que ocorre anualmente no municpio, chamado "Rodeio Escolar", obtendo a 2 colocao na categoria da msica, com interpretao vocal, apresentando uma releitura de "Vento Negro".

    ************************

Recommended

View more >