a caneca mágica

Download A caneca mágica

Post on 23-Jul-2016

220 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Banda desenhada infantil

TRANSCRIPT

  • VolerumahistriaQueopovojliaRecordandoavelhaGrciaEasuamitologia

  • Hmuitosemuitosanos,numaantigaregiodaGrcia,viviaumpovocruelesemcorao.Elesdesconheciamcompletamenteosdeveresdehospitalidadeparacomosestrangeirosquechegavamcansadosdeviagem.

    Estouexaustoefaminto;osenhor

    poderiaarranjarmeumpedaodepopara

    matarafomeeumpoucodeguaparabeber?

    Nadatemosparamendigoscomotu.Vaiteembora,antesqueeumeaborrea.

    Atrsdele,Hector,vamos!

    Assim dizendo, ainda teve a crueldade deinstigaroscescontraopobreforasteiro.

    As crianas, seguindo o mau exemplo dospais,saramemperseguiodopobrehomemque, apavorado, fugiu da cidade para nuncamaisvoltar.

    Muitobem,meufilho!

  • No alto do monte Olimpo, vivia um velhochamado Filmon e a sua mulher de nomeBucis.Ambospossuam excelente corao etinhamgrandeprazeremajudaraquelesquedelesnecessitavam.Dessemodo

    Vcomoladram osces!Osnossosmausvizinhosdevemestaraexpulsaralguminfelizforasteiro.

    Noseiporquesoassimtocruis!

    Quelhescustariarecebercombondadeospobresestranhosquechegamcansadosefamintos?

    V, Filmon!Elesvmpara

    cSim,tambmtenhoaimpressodequetomamorumoda

    montanha;aguardemos.

  • Defactoosdoisforasteiroserampersonagensbemdiferentesdasdemaiscriaturas.Umdeles,omaisvelho, possua uma fisionomia serena, altaneira,que lhe dava um ar de dignidade ao mesmotempo.O outro, jovem ainda, era belo, jovial e,coisa extraordinria,quando andava, os seuspsnotocavamnocho

    Olha;atmetadedocaminhosoperseguidospor

    homens,crianaseces.

    Quantamaldade!

    Sim,masObserva:ningumconseguiuatagoraalcanlos!estranho

    Ah!Ah!Ah!Desistam!Jamaisconseguiro

    tocarnos!

  • DessemodoFilmondesceusozinhoamontanhaafimde receber os estranhos personagens que seaproximavam.

    Bemvindossejam!Venhamat

    minhapobrecasa!Lencontraro

    alimentoeumaboacamapararepousarda

    viagem.

    Poisaminhamodestacabanaestinteiramentevossadisposio!

    Vamosreceblos!Elesestoaaproximarse!

    No.Vaitu.Euficoparalhesaquecerumpoucodeleiteelhesprepararumleito.Elesdevemestaranecessitarderepouso.

    Obrigado,amigo!Foibomtloencontrado.Nsestamosrealmente

    cansados!

  • Assim, Filmon conduziu os dois estrangeiros suacabananoaltodamontanha.

    Gostariadesaberdequemodoestejovemconsegueandarsemtocarcomos

    psnocho!

    Queestranhascriaturas!Jamaisviiguaisnaminhavida!

    Comocaminhaligeiro,amigo!Quasenoconsigoacompanhar

    lheospassos!

    SimsimNadamelhordoqueumbombastoparanosajudarnas

    grandesjornadas.

  • curiosoestebasto.Sermgico?

    Oh!Masincrvel!Estascobrasparecemter

    vida!

    Sorealmenteestranhosestesforasteiros.

  • Entretanto,minutosdepois,chegaramcabanaonderesidiaFilmon.

    Ossenhoresdevemestarcansadosefamintosvoudizerminhaesposaque

    seapresseaservirlhesojantar.Sentemseenoreparemnasimplicidadedaminhahumilde

    cabana.Obrigado,bomhomem.

    Quodiferentesdetodososteusvizinhos!.

    Mais tarde, enquanto os hspedesdescansavam da viagem, Filmon foi at aoquintal, onde ficara o basto, a fim de vlomaisdeperto.

    De facto, diante dos olhos espantados de Filmon, obastomudavadeposio,colocandoseverticalmentedeencontroparede.

    Cus!Eleestaerguersesozinho!

  • Mais tarde, o estranho hspede convidou ovelhinhoadarumasvoltasaoredordacabana.

    Simsimpormissocoisamuitoantiga

    Nodomeutempo.Dizme,bomamigo:

    tujouvistefalardeumlagoqueexistiuoutroranestaregioonderesidemagoraosteusvizinhos?

    Nesse momento, o cu escureceu e uma pesadanuvemanunciavaumprximotemporal.

    Osmeuspaisfalavamdesselagoquedeveterexistido

    hmuitosemuitosanos

    verdade.Eleexistiu

    exactamentenestelocal

  • V!Comoocusetornou

    escurorepentinamente!Hpoucootempoapresentavasetoclaroe

    bonito

    Assim dizendo, o velhote e Filmon afastaramselentamenteemdirecocabana.

    Hcoisasmisteriosasquetujamaispodersentender,amigo.

    So,defacto,extraordinriasestas

    personagens.

  • No entanto, a curiosidade de Filmon no tinhalimites.Assim.

    Diz,jovemamigo;comotechamas?

    Ora!Eusoulivreeligeirinhocomov;portanto,quetalchamarme

    Pirilampo?

    Pirilampo?Bemissonopropriamenteumnome

    Entretanto, o cu tornavase cada vezmais escuroe ventos fortes anunciavam um grandetemporal.

    Onomedomeucompanheiro?!

    Noseicomofazlocompreender

    umnometobeloegrandiosoquedificilmente

    compreenderia.

    Quemserorealmenteestesestranhospersonagens?

    Eoteucompanheiro?Quenometem?

  • Alm disso,comoapetitequetemos,oquenosservirserumafestaparans!

    Nesse momento, ouvem a voz de Bucis chamandoosparaojantar.

    Entremporfavor!Ojantarestnamesa.SpeoquenoreparemPoucacoisatemosparalhesoferecer

    Nosepreocupe,boasenhora!

    Estamosencantadoscomasuahospitalidade!

    Assimdizendo,Pirilampoeovelhocompanheiroentraram na cabana,mas o basto ficou c fora.Porm.

    Cus!Obastoestamoversesozinho!

    Sim!Evaitercomorapaz!

    V!

  • Jlhedisse,boasenhora:istoparansumverdadeirobanquete.

    Nosepreocupe.

    Nohdvida;elestmpoderesextraordinrios!Vsqueojovempareceterasasnospseno

    chapu,consegueandarsemtocarnochoepossuiumbastoque

    caminhasozinho?Eovelho?Esse,ento,nemsefala!ComaquelearsoleneparecedominarcomosolhosaprpriaNatureza!Quemseroestas

    pessoasestranhasemisteriosas?

    Cheios de espanto, os velhos entraram na cabana eencontraram o jovem Pirilampo sentado, tendo a seu lado obastomgico.

    Eunotedisse?Elealiest,apoiadomesa,

    aoladododono!

    Emborabastantesurpresoscomascoisasqueacabavamde presenciar, Bucis e o seu marido resolveramsentarsemesa.

    Perdoemnopodermosoferecerlhescoisamelhor.Sirvamse,porfavor.

  • Querservirmeumpouquinhodeleite?

    Todavia, quando Bucis despejou oleitenastigelas

    Oh!Quevergonhavoupassar!Esteleitemuitopoucoparaos

    doisQuefareiagora?

    Perdoemeestesdeuparaencherumatigela

    Nosobrouumgotasequer

    Ouvindoisso,Pirirlampoagarrounacaneca e

    Ora!Entoacabouseoleite?

    Asenhoraestenganada!Acanecaaindaestcheia!

  • Estareiasonhar?Comoconseguiramelesfazeristo?

    Excelente,minhaboasenhora!

    Jamaisproveioutroigual!Podefazerofavordeme

    encheratigelanovamente?

    Oh!Perdoeme!Osenhorjobebeutodo.Nohumagotasequernacaneca.

    De facto. Como por milagre, a caneca estava novamentecheiadeleite

    Oh!Acanecatornousemgica!Eutenhoacertezadequenohavia

    maisleitenenhum!

  • E,paraprovaroqueacabavadedizer,Bucis viroude uma vez a caneca sobre a tigela, echeia de leite Oh!!!

    Oleitecaiucomtalviolnciaquetransbordoue,nessemomento, as cobrinhas do basto de Pirilampo noperderamtempo

  • Vi,sim!Defacto,estoaacontecercoisasincrveisnanossacasa!Atpensoque

    estouasonhar!

    Porfavor,senhora,querservirnosum

    deliciosopedaodepo?

    Comtodooprazer!

    Cus!Viste?

    Todavia

    Oh!Esteponoeratograndecomocresceuassim

    derepente?

    Nemeraassimtogostoso

  • No!No!Eunotinhatantocreme!Alataestavaquasevazia!

    Oh!Quedelcia!Jamaisproveiumcremetogostosonaminhavida!

    MaridoQuediamaravilhosoestamos

    hojeaviver!

  • E, para finalizar a refeio, Bucis ofereceu aoshspedesumpequenocachodeuvas.

    Aquitmestasuvas.Sopequenasepoucodoces;porm,soasnicasquetenho

    paraoferecerlhes.

    E para maior espanto de Bucis, as uvasapresentavamseagoramaioreseapetitosas.

    Entretanto

    Como?Asenhoradissepequenasepoucodoces?Estcompletamenteenganada!Estasuvassoasmelhoresquejprovei

    naminhavida!

    Puxa!!!Hbempoucosinstanteselaseramfeiase

    pequenas!Comopodeser?

    Oh!Sorealmentedeliciosas!

  • Noestranhe,senhora,masascobrinhasdomeubasto

    costumamtomarleite.Querservirlhesumpouco,

    porfavor?

    Impossvel!Oleite,destavez,acaboumesmo!Veja!

    Oh!Apareceu,derepente!Acanecaestcheiadenovo!!!

    De facto, a caneca transbordava de leite fresco eapetitoso!

  • Comoconseguemossenhorestamanhamaravilha?

    Notepreocupescomisso;nssomosapenasteusamigos.

    Portanto,onossodesejoqueestacanecajamaistenegueleitefrescoe

    abundante.Atietuabondosamulher.Noseassuste,

    caroFilmon.Istoqueestaversoastravessurasdomeubasto.Elegostamuitodebrincar!

    Oh!Acanecaestatransbordar!

  • Mais tarde, o velhote e a sua mulher foram dormir.Todavia, como eram muito pobres e no tinham cama,deitavamsenochojuntolareira.Demadrugada

    Oh!Queh?

    Filmon!Filmon!Acorda!

    Noestsaouvirumfortebarulhocomoseumagrandequantidadedeguaestivesse

    ajorrar?

    Sim.TensrazoQueestaraacontecer?

    Deveseratempestadequeseanunciavadesdeontemtarde.

  • Oh!Aviladesapareceu!

    Nessecaso,vouacompanhlosatvila.Nodesejoqueosnossosvizinhososmolestemnovamente.No,meubomvelho!

    Jmuitotarde.Nstemosquecontinuar

    aviagem.

    Jdesada,amigos?Noesperampelocaf?

    Sim!Enoseulugarsurgiuumlago.Omesmodeque

    outrorafalavamosnossosavs

    Demanh

    Entretanto

  • Nesse momento, Filmon e Bucis aocontemplarem a fisionomia do forasteiro,notaramqueelaapresentavaumaexpressocelestial.

    Issomesmo!Estanoite,enquantodormias,asguascaramcomtalfora,queoantigolagoapareceudenovo.

    Masdiganos,porfavor,quefoifeitodosnossospobresvizinhos?

    Anossacabana?!!

    Sim!Nsouvimosobarulhoduranteanoite!

    Dizesbem.Pobresvizinhos

    Eleserammausesemcorao!Eramfriose

    indiferentescomopeixes,portanto,estotransformadosempeixes,eassimficaropara

    orestodassuasvidas.

    Todoohomemdeveamareajudaroseuprximo,principalmenteosfracosehumildes.ACaridade,aBondadeea

    Justiasoesero,eternamente,ocaminhocertoquelevapazeventura!

    Entretanto,nofoisomenteestacidadequesofreuumagrandetransformaoVoltemcabanaevejam.

  • Esteseragoraonovolaremqueviverscomat