8751611 Pim Viii Remeter

Download 8751611 Pim Viii Remeter

Post on 17-Jul-2015

105 views

Category:

Documents

1 download

TRANSCRIPT

UNIP INTERATIVA Projeto Integrado Multidisciplinar Cursos Superiores de TecnologiaPREJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR VIIIUnidade: Plo Vitria da Conquista-BA 2008UNIP INTERATIVA Projeto Integrado Multidisciplinar Cursos Superiores de TecnologiaPROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR VIIINome do aluno: Osmar Alves de Oliveira RA 0710992 Curso: Tecnologia em Gesto de Pequenas e Mdias Empresas Semestre: 3 Unidade: Plo Vitria da Conquista-BA 20082ResumoDescrio sumria das atividades desenvolvidas na Coml. de Gneros Alimentcios Irmos Sousa Ltda., sediada em Vitria da Conquista-BA., nas reas de Gerenciamento de Servios (conceitos de gesto de recursos tecnolgicos, humanos e financeiros, marketing e fidelizao, em prestao de servios, planejamento, organizao e controle no gerenciamento da qualidade, promoo, vendas e ps vendas, negociaes, cadeia de suprimentos e logstica. Gesto Empresarial (detalhamento da inter-relao disciplinar no mbito da empresa e discusso do fator humano na performance gerencial). Empreendedorismo e Estratgia de Negcios (Entendimento e descrio do conceito de Estratgia de Negcios e sua forma de utilizao, a atuao da empresa no campo do empreendedorismo, a estratgia utilizada e o posicionamento competitivo da empresa no mercado em que atua). Sumrio Introduo (objetivo, metodologia, histrico da empresa); Denominao e forma de constituio; Dados e fatos relevantes, da origem da organizao; Natureza e ramo de atuao; Informaes sobre o porte da empresa; Nmero de funcionrios; Principais produtos/servios; Principais fornecedores, principais insumos, matrias primas e servios por eles fornecidos; Principais mercados e segmentos desses mercados e onde se encontra o cliente-alvo. Principais concorrentes da organizao e aspectos relevantes de cada um. Organograma Desenvolvimento - Disciplinas contempladas (Gerenciamento de Servios, Gesto Empresarial, Empreendedorismo e Estratgia de Negcios). 3Concluso.Introduo Objetivo - o objetivo do presente trabalho o de inserir o aluno no contexto das modernas tcnicas de gesto empresarial, do ponto de vista prtico, em consonncia com o aprendizado ministrado nas tele-aulas e livros-textos do curso de gesto. Metodologia - entrevista com o principal gestor a fim de expor o objetivo do trabalho; exame dos documentos de constituio da sociedade; anlise da estrutura organizacional; coleta de informaes; acompanhamento e observao sobre as prticas administrativas adotadas na organizao. Histrico da Empresa (denominao, forma de constituio e fatos relevantes) - Coml. de Gneros Alimentcios Irmos Sousa Ltda., sociedade constituda por cotas de responsabilidade limitada, em 2001, com capital prprio, inscrita no CNPJ sob o n 04.837.387/0001-96. O seu idealizador e fundador, Ananias Viriato de Sousa (conhecido no meio empresarial como Nani), inspirado pela sua vocao empreendedora, renunciou s suas atividades de agro-pecuarista uma de suas paixes para criar a empresa objeto deste trabalho, a fim de inserir seus quatro filhos no mundo dos negcios. A sua experincia no ramo tem sido fundamental para o sucesso do empreendimento. Por se tratar de uma pessoa simptica, carismtica, atenciosa e respeitada, ele desenvolve com eficcia o marketing de relacionamento, haja vista a marca DiNani ser reconhecida no mercado como sinnimo de qualidade e bom atendimento. Natureza e ramo de atuao fabricao de produtos de padaria/confeitaria, comercializao de gneros variados, tpicos do ramo de supermercado, e a prestao de servios de assados e lanchonete. Porte a empresa considerada de mdio porte; Nmero de funcionrios 47 Principais produtos Produtos manipulados: Pes; Salgados; 4 Biscoitos; Tortas;Produtos comercializados (revenda): Achcolatads; Leite e derivados; Enlatados/embutidos; Bebidas em geral; Servios de assados e lanchonete.Principais fornecedores e principais produtos vinculados Bimbo do Brasil Ltda. pes de forma; Bumge Alimentos S.A. gordura vegetal, farinha, mistura, etc.; Califrnia Dist. Bebidas Ltda. bebidas frias Chocolates Garoto S.A. bombons e achocolatados; Coop. Central M. Laticnios Ltda. Leite e derivados; Frateli Vita Bebidas S.A. bebidas frias e quentes; Itabon Distribuidora de Alimentos Ltda. sorvetes e picols; Lder Distribuidora de Alimentos Ltda. variedades; Marilan Alimentos S.A. biscoitos; Martins com. Serv. Distribuio S.A. variedades Moinho de Sergipe farinha de trigo; Nestl do Brsil Ltda. doces e chocolates Norsa Refrigerantes Ltda. refrigerantes Perdigo Agroindustrial frios derivados de carne Pontual Dist. Alimentos Ltda. variedades Sadia S.A. frios derivados de carne Souza Cruz S.A. cigarros.Principais mercados e principais segmentos desses mercados e onde se encontra o cliente-alvo; Mercado de padaria, no segmento de pes, por ser o carro-chefe que atrai o cliente para o consumo de outros produtos. Seu pblico-alvo est na vizinhana; 5Mercado de confeitaria, no segmento tortas e salgados, por despertar interesse pelas iguarias. Seu pblico-alvo est bem prximo/ pedidos por encomenda, at mesmo via telefone, o que caracteriza uma vantagem competitiva; Mercado de sorvetes, doces e achocolatados - variedade e sabor fascinam a clientela. Seu pblico-alvo est nas proximidades do estabelecimento. Principais concorrentes da organizao e aspectos relevantes de cada um Bom Preo Bahia Supermercado Ltda., apesar de ter preos bem competitivos, fica um pouco distante e o atendimento no se iguala ao da empresa analisada. Supermercados Rondelli Ltda. tem uma poltica de preos regular, porm no segmento padaria e confeitaria no compete altura da empresa analisada, em termos de qualidade e flexibilidade no atendimento; Organograma a estrutura organizacional da empresa apresenta na Gerncia Geral o patriarca da organizao (Ananias Viriato de Sousa) e, abaixo, os nveis gerncias de Pruduo, Administrao e Pessoal, comandados, respectivamente, por Mrcia, Andr e Rosngela. Mais abaixo os lderes de produo e logstica, conforme esquematizado na figura 1.0.Fig. 1.0 Disciplinas Contempladas 6Gerenciamento de Servios Gesto de recursos tecnolgicos a empresa possui um sistema de informaes eficiente, entretanto est em busca de uma nova verso, mais moderna, a fim de otimizar ainda mais os seus controles internos; Recursos financeiros a empresa tem sido eficiente na administrao do seu capital de giro. Ciente de que, em momentos de crise, o sistema financeiro reduz e limita a concesso de crdito, ela adota uma postura cautelosa de manter a sua reserva que lhe oferea maior poder de barganha. Recursos humanos - algumas medidas tem sido adotadas no que diz respeito gesto de recursos humanos, como criar um canal permanente de comunicao, adotar uma gesto mais participativa, melhoria do ambiente fsico e melhoria do clima organizacional. Porm, percebo que algo ainda precisa ser trabalhado nessa rea Marketing de servios a empresa tem plena conscincia de que o seu sucesso, no mercado, vai depender da sua capacidade em desenvolver boas relaes com a sua clientela. Portanto, na rea de marketing de relacionamento o principal gestor da organizao desenvolve um notvel trabalho que produz efeitos rpidos e satisfatrios. O retorno desse trabalho a satisfao e a fidelizao de seus clientes. Venda e ps-venda a empresa est atenta a esse processo, ciente de que eventual descuido poder implicar perda de clientes, por mau atendimento e/ou m qualidade dos produtos. Eventuais reclamaes so conduzidas com a maior seriedade possvel e o cliente tem uma resposta imediata. Negociao, cadeia de suprimento, distribuio e logstica informaes, na empresa, passou o fluxo de materiais erecentemente por uma total reviso. As compras soefetuadas levando-se em considerao a necessidade dos produtos, com base no perfil e preferncia da sua clientela, priorizando aqueles produtos que tenham boa rotatividade. A idia disponibilizar para o cliente o produto certo, no tempo certo, na quantidade certa e no menor custo possvel. Essa idia tem sido difundida entre todos os elementos que compem a cadeia de suprimento, por ser uma prtica salutar no desenvolvimento dos negcios.O servio de reposio e verificao do prazo de validade tem sido executado de forma eficiente. Agindo assim, a empresa tem evitado desperdcios por obsolescncia e imobilizao do seu capital de giro. Gesto Empresarial a inter-relao disciplinar, dentro da organizao, se processo nos moldes de equipes auto-gerenciveis, ou seja, seus membros assumem a responsabilidade pela 7atuao cotidiana da equipe. Esse sistema efetivamente faz aumentar a produtividade, pois h mais participao e argumentao conjunta para encontrar as melhores solues para os problemas surgidos. Quando a equipe, assim formada, recebe o sinal verde da gerncia ela se posiciona altura dos seus desafios e tem trazido grandes contribuies para o xito da empresa. Fator humano no desempenho da gesto a empresa reconhece o talento humano como fator diferencial. A pessoa talentosa uma pessoa especial. Pelo fato de a empresa operar diuturnamente, inclusive nos sbados, domingos e feriados, ainda no foi possvel colocar em prtica um programa que visa desenvolver o fator humano, na empresa, no sentido de aprimorar o conhecimento, desenvolver a habilidade e valorizar a competncia. Empreendedorismo e Estratgia de Negcios o conceito de UEN Unidade Estratgica de Negcios utilizado por grandes organizaes no meio comercial. Como exemplo temos o Banco do Brasil, que criou em sua estrutura organizacional diversas unidades autnomas para desenvolver o seu negcio nas diversas reas de atuao. Atravs dessas Unidades as empresas podero alcanar os objetivos como: incremento no faturamento, interagir melhor com as oportunidades mercadolgicas, melhorar a qualidade de suas atividades e ter um clima competitivo mais harmonioso. A empresa analisada no foi contemplada com a criao dessas Unidades. A empresa atua de forma a evidenciar o empreendedorismo, sempre.! Ora ela busca a reforma de fornos no sentido de servir melhor sua clientela, ora ela adquire fornos mais modernos, ora ela pensa em investir na sua sede. Buscar oportunidades o seu lema. Embora parea meio contraditrio, a empresa analisada atualmente se enquadra melhor na estratgia de manuteno, face o cenrio econmico no ser to favorvel a certos investimentos. O posicionamento competitivo da empresa, no mercado, se justifica pela qualidade dos seus produtos, a qualidade e flexibilidade do atendimento (na semana, nos sbados, domingos e feriados at 21 horas), na poltica de relacionamento amigvel com a clientela, atravs do marketing de relacionamento.. Concluso Conclumos que a empresa analisada se situa no contexto das organizaes viveis, do ponto de vista tico, moral, econmico e financeiro. Detm elevado padro de 8confiana junto aos seus fornecedores e clientes e necessita apenas adotar alguns ajustes em suas prticas administrativas, para obter resultados mais alvissareiros. Osmar Alves de Oliveira RA 0710992. Gesto de Pequenas e Mdias Empresas Plo Vitria da Conquista Bahia9