20130808_br_metro sao paulo

36
V DE TOMATE 0,86 0,6 0,47 0,55 0,37 0,26 0,03 Variação mensal da inflação, em % 6 de junho início dos protestos pela redução das tarifas Julho queda de 27% no preço do tomate FONTE: IBGE JAN FEV MAR A Polícia acha luvas no carro de Marcelo Piloto diz que avisou TAM sobre riscos Para delegado, esse é mais um indício de que garoto matou a família PÁG. 06 Testemunhas do acidente de 2007 começaram a ser ouvidas PÁG. 05 RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR Tomate e protestos zeram a inflação Sempre ele. Queda da cesta básica, puxada pela baixa de preço do tomate, e manifestações, que seguraram as tarifas de transporte, fazem IPCA fechar julho em 0,03%, a menor taxa em três anos PÁG. 15 www.readmetro.com | [email protected] | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro ENTRE ROBÔS E MONSTROS GUILLERMO DEL TORO FALA DO PRAZER DE QUEBRAR TUDO EM ‘CÍRCULO DE FOGO’ PÁG. 22 MÍN: 14°C MÁX: 28°C SÃO PAULO Quinta-feira, 8 de agosto de 2013 Edição nº 1.604, ano 7 RUIM PARA OS DOIS Santos e Corinthians ficam no empate por 1 a 1 PÁG. 32 Para ministra, compartilhar dados do TSE é inaceitável Cármen Lúcia, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, se irrita com convênio que repassaria informações de eleitores à Serasa PÁG. 13 Santista Léo e corintiano Romarinho RICARDO NOGUEIRA/UOL/FOLHAPRESS

Upload: metro-brazil

Post on 12-Mar-2016

236 views

Category:

Documents


13 download

DESCRIPTION

 

TRANSCRIPT

Page 1: 20130808_br_metro sao paulo

V DE TOMATE0,86

0,6

0,470,55

0,37

0,26

0,03

Variação mensal da inflação, em %

6 de junhoinício dos protestos

pela redução das tarifas

Julhoqueda de 27% no preço do tomate

FONTE: IBGEJAN FEV MAR ABRABR MAI JUN JUL

Polícia acha luvas no carro de Marcelo

Piloto diz que avisou TAM sobre riscos

Para delegado, esse é mais um indício de que garoto matou a família PÁG. 06

Testemunhas do acidente de 2007 começaram a ser ouvidas PÁG. 05

RECI

CLE

A IN

FORM

AÇÃO

: PAS

SE

ESTE

JORN

AL P

ARA

OUT

RO LE

ITO

R

Tomate e protestos zeram a inflaçãoSempre ele. Queda da cesta básica, puxada pela baixa de preço do tomate, e manifestações, que seguraram as tarifas de transporte, fazem IPCA fechar julho em 0,03%, a menor taxa em três anos PÁG. 15

www.readmetro.com | [email protected] | www.facebook.com/metrojornal | @jornal_metro

ENTRE ROBÔSE MONSTROSGUILLERMO DEL TORO FALA DO PRAZER DE QUEBRAR TUDO EM ‘CÍRCULO DE FOGO’ PÁG. 22

MÍN: 14°C MÁX: 28°C

SÃO PAULO Quinta-feira,8 de agosto de 2013Edição nº 1.604, ano 7

sunny

hazy

snow rain partly sunny

cloudy sleet thunder part sunny/showers

showers

thunder showers

windy

RUIM PARA OS DOIS Santos e Corinthians ficam no empate por 1 a 1 PÁG. 32

Para ministra, compartilhar dados do TSE é inaceitávelCármen Lúcia, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, se irrita com convênio que repassaria informações de eleitores à Serasa PÁG. 13

Santista Léo e corintiano Romarinho

RICARDO NOGUEIRA/UOL/FOLHAPRESS

Page 2: 20130808_br_metro sao paulo
Page 3: 20130808_br_metro sao paulo
Page 4: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |04| {FOCO}

1FOCO

O jornal Metro circula em países e tem alcance diário superior a milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre, ABC, Santos e Campinas, somando mais de mil exemplares diários.

Editado e distribuído por Metro Jornal S/A. Endereço: rua Tabapuã, , º andar, Itaim, CEP -, São Paulo, SP. Tel.: -. O jornal Metro é impresso na Plural Editora e Gráfica Ltda.

EXPEDIENTEMetro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini (MTB: .). Editor Chefe: Luiz Rivoiro (MTB: .). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Tecnologia e Operações: Luiz Mendes Junior.Gerente Executivo: Ricardo Adamo. Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor-Executivo de Arte: Vitor Iwasso.

Metro São Paulo. Editores-Executivos: Ariel Kostman e Lara De Novelli (MTB: .). Editor de Arte: Tiago Galvão. Gerentes Comerciais: Tânia Biagio e Elizabeth Silva.

FALE COM A REDAÇÃ[email protected]/-

COMERCIAL: /-

Filiado ao

A prefeitura inaugura na segunda-feira o terceiro e último trecho da faixa de ônibus do corredor Norte--Sul. A nova via destinada aos coletivos será implan-tada nas avenidas Wa-shington Luís, Interlagos e Teotônio Vilela, desde a avenida Roberto Marinho até a Atlântica.

A faixa deve funcio-nar das 6h às 22h - mes-mo horário dos outros dois trechos do corredor, que ficam nas avenidas Tiradentes, na zona nor-te, e 23 de Maio, na zona sul. Nessas avenidas, as fai-xas exclusivas foram inau-guradas na última segun-da-feira e no 29 de julho, respectivamente.

Por enquanto, motoris-tas que invadem o corre-dor Norte-Sul ainda não estão sendo multas. As au-

tuações só começam a ser aplicadas a partir do dia 19 de agosto.

Até lá, os fiscais da CET (Companhia de Engenha-

ria de Tráfego) e da SP-trans, empresa que ad-ministra o serviço de transporte público na ca-pital, vão apenas orientar

os motoristas. A multa para quem in-

vade a faixa à direita é de R$ 53,20, mais três pontos na carteira.

TrânsitoNo terceiro dia de funcio-namento da faixa de ôni-bus no corredor Norte-Sul, a avenida 23 de Maio teve trânsito tranquilo ontem, após dois dias seguidos re-gistrando as maiores filas da cidade.

Para aliviar o trânsito na 23, a CET adotou um plano B, com desvios e reprogra-mação de semáforos.

Transporte. Novo trecho também vai funcionar de segunda a sexta, das 6h às 22h, nas avenidas Washington Luís, Interlagos e Teotônio Vilela. Com operação especial, CET conseguiu reduzir congestionamentos na 23 de Maio

Faixa do corredor Norte-Sul será estendida na segunda

A chegada de uma frente fria deve mudar o clima no final de semana.

Hoje, o dia continua com sol e temperaturas altas. Se-gundo a meteorologia, será o 12o dia seguido sem chuva na cidade. Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Mete-rologia), a máxima fica em torno dos 28oC, e a mínima deve ser de 14oC.

Amanhã, o dia já ama-nhece mais nublado, mas as temperaturas não mudam.

No sábado, a previsão é de vento forte, com possibi-lidade de garoa. As tempe-raturas caem. Os termôme-tros devem ficar entre 14oC e 23oC. No domingo, esfria ainda mais. A mínima deve ser de 11oC, e a máxima não passa dos 19oC. METRO

Tempo vira e temperatura cai no final de semana

Paulistano aproveita sol no Ibirapuera | RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS

As calçadas da ruas da Con-solação, da rua Maria Antô-nia, da região da 25 de Mar-ço, do Mercado Municipal e do parque Ibirapuera vão passar por uma grande re-forma nos próximos meses.

Esses locais, que abran-gem 43 km², farão parte do conceito de “rotas aces-síveis”, que devem ficar prontos até julho de 2014. Outros trechos, de aproxi-madamente 47 km², estão sendo estudados para rece-berem as obras.

A avenida Paulista será usada como exemplo para a reforma. As calçadas terão interligação com transporte público. Serão instalados se-máforos sonoros e rampas de acesso a imóveis. Tam-bém será colocado piso de orientação para cegos.

Segundo a prefeitura, após as reformas pedestres e pessoas com deficiência conseguirão se locomover de forma segura e confor-tável pelos cerca de 90 km² de passeios que serão total-mente reformulados.

O recurso para as obras é de R$ 19,5 milhões. O Minis-tério do Turismo repassou o valor à prefeitura e exige que as rotas escolhidas pas-sem por pontos de interesse público, como museus e tea-tros, entre outros. METRO

Obras. Consolação terá calçada revitalizada

Diagnóstico

Dengue e pneumonia

Exames realizados no hospital Sírio-Libanês

confirmaram que o senador José Sarney (PMDB) enfrenta um quadro de dengue e

pneumonia bacteriana. O ex-presidente está internado desde o dia

1º de agosto.

100 kmé a extensão de faixas exclusivas de ônibus implantadas neste ano. Até o fim de 2013, a CET pretende entregar mais 120 km.

MÁRCIOALVES METRO SÃO PAULO

90 km2é a extensão de calçadas que a prefeitura promete revitalizar até julho do ano que vem.

ÚLTIMO TRECHO DO CORREDOR NORTE-SULÚLTIMO TRECHO DO CORREDOR NORTE-SULAV.

ROBERTO MARIN

HO

MARGINAL P

INHEIROS

Santo Amaro

Cidade AdemarAdemar

Cidade Dutra

AV. TEOTÔN IO VILEL

A

REPRESA DE GUARAPIRANGA

AV. WASHINGTON LUÍS AV. INTERLAGO

S

BAIRROCENTRO

SENTIDO CENTROdas 6h às 22hSENTIDO BAIRROdas 6h às 22h

O novo trecho abrange as avenidas Washington Luís, Interlagos e Teotônio Vilela, desde a altura da av. Roberto Marinho até a av. Atlântica

Dólar + 0,65%

(R$ 2,31)

Bovespa + 0,05% (47.446 pts)

Euro + 0,57%

(R$ 3,06)

Selic (8,50%)

Salário mínimo(R$ 678)

Cotações

Page 5: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com {FOCO} |05|◊◊

A Justiça começou a ouvir ontem as testemunhas de acusação no processo que apura a responsabilidade sobre o acidente do voo JJ 3054, da TAM, em 17 de ju-lho de 2007, que resultou na morte de 199 pessoas.

Os réus são a ex-diretora da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) Denise Abreu, o então vice-presidente de ope-rações da TAM Alberto Fajer-man e Marco Aurélio dos San-tos de Miranda, que ocupava o posto de diretor de seguran-ça de voo da empresa.

Uma das testemunhas, o piloto José Eduardo Bros-co, disse que alertou Marco Aurélio dos Santos sobre os problemas na pista de Con-gonhas em dias de chuva.

Segundo Brosco, após enfrentar dificuldades du-rante um pouso em Con-gonhas um dia antes do acidente, ele entregou um relatório apontando para o risco de aquaplanagem.

Antes do piloto, a desem-bargadora Cecília Marcondes afirmou que a Anac enviou um estudo, sem validade téc-nica, como se fosse um cer-tificado internacional garan-tindo a segurança das pistas.

A desembargadora re-latou que solicitou à Anac, em fevereiro de 2007, uma tabela indicando a extensão da pista e qual tipo de aero-nave poderia pousar nela. Posteriormente, descobriu--se que o documento envia-do pela Anac não possuía

validade técnica. Hoje, a Justiça irá ouvir

mais duas testemunhas de acusação. Em novembro, se-rão seis testemunhas de de-fesa. Outras 15 irão prestar depoimento em dezembro, no Rio. Não há prazo para o fim do julgamento.

Acidente O voo 3054, vindo de Por-to Alegre (RS), chegou a São Paulo por volta das 18h40. A aeronave iniciou o pouso em Congonhas, sob chuva. Com um dos reversos (sistema de freios) desativado, os pilo-tos não conseguiram parar o Airbus, que atravessou a pista e bateu em um prédio de cargas da TAM, na aveni-da Washington Luís. METRO

Tragédia. Testemunha diz que alertou diretor de segurança da TAM sobre o risco de acidentes em Congonhas em dias de chuva

Parentes acompanham julgamento | MAURICIO CAMARGO/BRAZIL PHOTO PRESS/FOLHAPRESS

Piloto diz que alertou sobre problema na pista A empresa que realizava o

serviço de empréstimo de bicicletas em áreas ane-xas a 10 estações do me-trô até o dia 2 de agosto, afirmou ontem que rom-peu o contrato, por falta de segurança.

Segundo a FGTV Produ-ções, em 20 dias foram 39 furtos de bicicletas. A em-presa diz que tentou mo-dernizar os espaços e desen-volver um sistema contra roubos, mas a ideia não foi aprovada pelo Metrô.

De acordo com a FGTV, o plano era implantar o mes-mo serviço utilizado em outras cidades do Estado, como São Caetano e Cam-pinas, e fora do país, como Barcelona, na Espanha.

O Metrô reabriu os bici-cletários na última segun-da-feira, mas apenas pa-ra guardar as bicicletas. Em comunicado, o Metrôl afirma que, em 30 dias, apresentará uma propos-ta definitiva de funciona-mento. METRO

Metrô. Bicicletário é furtado 39 vezes em 20 dias

Page 6: 20130808_br_metro sao paulo

O QUE APOLÍCIA DIZ

LOCAL

LUVAS: perícia encontrou um par de luvas no banco de trás do veículo. As peças foram mandadas para análise, que vai mostrar se havia vestígios de pólvora

As vítimas e Marcelo foram mortos com tiros na cabeça

Pistola .40 foi encontrada na mão do garoto, um indício de suicídio

Não foram achados sinais de arrombamento na casa e nenhum móvel foi revirado

Câmera mostrou o menino saindo do carro da mãe em frente à escola

CRIME NABRASILÂNDIA Qual seria a motivação dos

assassinatos?

Por que os tiros não foram ouvidos por vizinhos ou mesmo pelas vítimas em tempo de uma reação?

Por que após matar os parentes o menino pegou o carro da mãe e o estacionou em frente da escola onde estudava?

Por que o menino levou um revólver calibre 32, de propriedade da mãe, paraa escola?

Para a polícia, o crime foi premeditado. Um menino de 13 anos seria capaz de cuidar de tantos detalhes para consumar os assassinatos?

Exames toxicológicos deverão mostrar se as vítimas foram dopadas antes de serem mortas.

Exame de concentração de potássio irá determinar em que momento cada uma das vítimas foi morta.

DÚVIDAS

FALTA DE PÓLVORA NA MÃO DO MENINO: o mecanismo de detonação da .40 pode funcionar sem deixar vestígio de pólvora na mão do atirador

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |06| {FOCO}

Um par de luvas foi encon-trado pela perícia no ban-co de trás do carro que, se-gundo a polícia, o estudante Marcelo Pesseghini, de 13 anos, usou para ir à escola após matar os pais, a avó e a tia. O acessório foi enviado para a perícia que analisa-rá se há resíduos de pólvora.

O exame feito na mão do menino - que para a polícia se suicidou após matar os pa-rentes - não encontrou resí-duos de pólvora. No entanto, de acordo com especialistas, pistolas .40 - usada no crime - não costumam deixar resí-duos após o disparo.

O delegado Itagiba Fran-co disse não foram encontra-das marcas da presença de outra pessoa na casa, além das cinco vítimas, o que re-força a tese de que Marcer-lo agiu sozinho. Parentes do adolescente questionam a investigação policial e afir-mam que ele é inocente.

A PM Andréia Pesseghi-ni, de 36 anos, o sargento da Rota Luís Marcelo Pesse-ghini, de 40 anos, a mãe da PM, Benedita de Oliveira Bo-vo, de 67 anos, a tia, Berna-dete Oliveira da Silva, de 55

anos, e Marcelo foram en-contrados mortos em duas casas da família que ficam no mesmo terreno. O crime ocorreu na madrugada de segunda-feira, na Vila Bra-silândia, na zona norte.

A perícia confirmou on-tem a ordem das execuções. O primeiro a ser morto foi o pai, que dormia na sala. Em seguida, a mãe foi as-sassinada no mesmo local da casa. A suspeita é de que ela tenha ouvido o tiro, saí-do do quarto, e sido execu-tada pelo filho. Depois fo-ram mortas a avó e a tia, que dormiam na outra ca-sa. Um vídeo de uma câme-ra de segurança próxima à escola onde Marcelo estuda-va mostra o garoto chegan-do com o carro da mãe.

Ele chega à 1h15 de se-gunda, sai do veículo às 6h20 e vai para o colégio. Segundo a polícia, ele vol-

tou para casa de carona com o pai de um amigo e se sui-cidou após pouco depois de chegar em casa.

Em depoimento, o me-lhor amigo de Marcelo dis-se que o colega afirmou que iria matar os pais e se tor-nar matador de aluguel.

O comandante do bata-lhão da PM, onde a mãe do garoto trabalhava, o coro-nel Wagner Dimas, afirmou em entrevista à “Rádio Ban-deirantes” que ela havia de-nunciado colegas policiais por envolvimento com rou-bo a caixas eletrônicos. Ele disse não “estar convenci-do” da tese policial.

A direção do colégio on-de Marcelo estudava, infor-mou que dará apoio psicoló-gico para os demais alunos. As aulas foram suspensas e voltam segunda. Em no-ta, a escola informou que a mãe do garoto afirmou, em 2006, que ele tinha expecta-tiva de vida até os 18 anos porque sofria de uma doen-ça degenerativa.

Crime. Acessório pode explicar o motivo de não ter sido encontrada pólvora na mão do menino. Laudos serão concluídos em 30 dias

Polícia acha luvas em carro usado por suspeito de chacina

“Não houve ninguém de fora na casa.”

DELEGADO ITAGIBA FRANCO

HENRIQUEBEIRANGÊ METRO SÃO PAULO

Levantamento feito pelo sindicato da categoria reve-la que, a cada mês, cerca de 200 taxistas são vítimas de assaltantes na cidade.

Os profissionais estão al-terando suas rotinas para tentar escapar da violência, principalmente durante a madrugada.

Os motoristas têm evita-do pegar corridas para a pe-riferia, onde o policiamen-to é insuficiente, segundo informaram alguns taxistas ao Bom Dia São Paulo.

Outra tática adotada é só circular por ruas movimen-tadas e evitar ficar parado no ponto. METRO

Violência. 200 taxistas são assaltados por mês

Um menino de 10 anos, fi-lho de um policial militar, se suicidou na noite de an-teontem, após discutir com os irmãos, na Vila Brasilân-dia, na zona norte.

De acordo com a Polí-cia Civil, ele teria discutido com os dois irmãos e ligado para o pai, que disse que re-solveria o problema quan-do chegasse em casa. Mais tarde, o policial chamou a atenção dos três, que foram para o quarto.

Instantes depois, o meni-no foi até o quarto do pai, pegou a arma na jaqueta de-le e atirou contra a própria cabeça.

O caso foi registrado como suicídio consumado no 13o

DP, na Casa Verde. Será ins-taurado um inquérito no 28o

DP, na Freguesia do Ó. METRO

SP. Filho de PM se mata após briga com irmãos

Um homem de 43 anos, sus-peito de estuprar uma den-tista e uma recepcionista em um consultório no Tatuapé, na zona leste, foi preso an-teontem. Uma das vítimas reconheceu o suspeito.

O criminoso estava fo-ragido do hospital psiquiá-

trico de Franco da Rocha desde janeiro. Ele cumpria pena de 18 anos e oito me-ses por três estupros.

Segundo a polícia, ele ad-mitiu ter assaltado vários consultórios, mas negou os estupros. O crime aconteceu no dia 25 de julho. METRO

Tatuapé. Homem é preso por estuprar 2 mulheres

Page 7: 20130808_br_metro sao paulo
Page 8: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |08| {FOCO}

O governo formalizou a reestruturação do Denarc (Departamento Estadual de Repressão e Repressão ao Narcotráfico), restringin-do a atuação dos policiais à capital. A medida foi publi-cada ontem no “Diário Ofi-cial”. As mudanças aconte-cem três semanas depois de uma operação do MP (Minis-tério Público) que prendeu sete policiais civis, acusados de envolvimento com o trá-fico de drogas. Outros seis foram detidos dias depois.

A partir de agora, agen-tes do Denarc poderão atuar em outras regiões do Estado apenas em casos excepcio-nais, e autorizados pela cú-pula da Segurança Pública.

Também está prevista a criação de um departamen-to de contra-inteligência. Ele será responsável pelo aprofundamento das inves-tigações e de impedir o va-zamento de informações.

Ontem, o Tribunal de Jus-tiça revogou a prisão tem-porária do delegado Fábio do Amaral Alcântara. Oito agentes continuam presos.

De acordo com as inves-tigações, os policiais deti-dos teriam recebido R$ 500 mil por ano como propi-na para evitar a prisão dos criminosos.

Entre as provas levanta-das pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Cri-me Organizado, do MP de Campinas, estão conver-sas telefônicas entre os po-liciais e criminosos ligados à Wanderson de Lima, o Andinho.

Condenado a 400 anos, ele é acusado de comandar o tráfico na região de Cam-pinas de dentro da peniten-ciária de segurança máxima de Presidente Venceslau.

METRO

Segurança. Policiais só irão atuar fora da capital com autorização. Novo setor será criado para impedir vazamento de informações

Denarc é reestruturado após prisões

Prefeitura e sede do governo têm protestosO governo estadual e a pre-feitura voltaram a ser alvo de manifestações ontem. No Palácio dos Bandeiran-tes, na zona sul, os manifes-tantes mantiveram acam-pamento pelo quarto dia seguido, em protesto contra o governador Geraldo Alck-min (PSDB).

Com barracas de cam-ping e cartazes, jovens pro-

testam desde a madruga-da de sábado no chamado “Ocupa Alckmin”.

O ato, convocado por re-des sociais na internet, pede a saída do governador e co-bra esclarecimentos sobre um suposto cartel nas lici-tações para compra de trens do metrô e da CPTM.

Na sede da prefeitura, no viaduto do Chá, cerca

de 200 pessoas fizeram um protesto para que os direi-tos dos portadores de ne-cessidades especiais sejam cumpridos pela prefeitura.

Com um carro de som, os manifestantes reclama-vam da falta de acessibili-dade na cidade de São Paulo e exigiram providências da administração municipal.

METRO

500 milé o valor em reais que os policiais teriam recebido, por ano, como propina cobrada de traficantes.

Para mapear as dificuldades individuais dos alunos da rede estadual, a Secretaria da Educação vai aplicar exa-mes de matemática e portu-guês para estudantes do 5o ano do ensino fundamental ao 3o do ensino médio, na segunda quinzena de agos-to. METRO

Rede estadual. SP vai avaliar 3,2 milhões

Fiscais da lei antifumo já aplicaram 2,3 mil multasO Estado de São Paulo apli-ca, em média, 1,6 multa por dia a estabelecimentos que descumprem a lei antifu-mo, que completou quatro anos ontem.

De lá para cá, foram 2.345 autuações em quase 1 milhão de inspeções, se-gundo levantamento da Se-

cretaria de Saúde. Do total, 60% das multas foram apli-cadas a bares, lanchonetes e restaurantes.

A Baixada Santista lide-ra o ranking de multas, com 313 em 53.513 vistorias (0,58%). Em seguida aparece a região do Alto Tietê, com 716 multas em 173.352 lo-

cais inspecionados (0,41%).A multa por descumpri-

mento da lei antifumo cus-ta ao estabelecimento a par-tir de R$ 968,50. Este valor dobra em caso de reincidên-cia. Na terceira vez, a casa é interditada por 48 horas e, na quarta, fechada por 30 dias. METRO

A USP (Universidade de São Paulo) firmou ontem um acordo de três anos com o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educa-cionais) para participar, de forma experimental, do Ena-de (Exame Nacional Desem-penho dos Estudantes).

Nesta fase de experiência, a participação dos estudan-

tes no exame será voluntá-ria. Os resultados não vão ser divulgados e o desempenho na avaliação não terá conse-quências na vida acadêmica ou profissional do estudante.

Segundo a USP, os cur-sos que participam da edi-ção deste ano são das áreas de ciências biológicas e agrá-rias. METRO

Educação. USP vai participar do Enade

Acampamento noPalácio dos Bandeirantes

MAR

CELO

BRA

MM

ER/F

OLH

APRE

SS

DANILO VERPA/FOLHAPRESS

Protesto na frente da prefeitura

Page 9: 20130808_br_metro sao paulo
Page 10: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |10| {BRASIL}

O delegado titular da DH (De-legacia de Homicídios), Ri-valdo Barbosa, e o promotor Homero Freitas, pretendem fazer uma reconstituição do trajeto que o pedreiro Ama-rildo de Souza fez de sua casa até a sede da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) da Roci-nha, no Rio de Janeiro, no dia 14 de julho.

Ontem, cerca de 50 agen-tes da DH realizaram uma busca no Sítio dos Maca-cos, em um trecho de ma-ta no alto da comunidade da zona sul. Segundo o de-legado Rivaldo Barbosa, na-da foi encontrado. Parentes de Amarildo teriam recebi-do informações de que o cor-po dele teria sido enterrado às margens de uma represa, em um local de difícil aces-

so. O pedreiro teria sido con-fundido com um trafican-te local. A DH ainda planeja organizar outras buscas na comunidade.

“Nós ainda estamos tra-balhando com duas hipóte-ses: se o crime foi praticado por policiais militares ou tra-ficantes”, disse Barbosa.

Cerca de 30 pessoas já prestaram depoimento sobre o caso. O filho mais velho da vítima, Anderson Gomes, de 21 anos, disse não ter dúvi-

das da culpa dos policiais mi-litares na morte do pai.

O novo comandante da PM, coronel Luís Castros, confirmou que a Correge-doria da Polícia Militar es-tá investigando as circuns-tâncias do desaparecimento do pedreiro. Caso seja com-provado o envolvimento de policiais militares, medidas jurídicas serão tomadas.

Na manhã do último sába-do, agentes fizeram uma pe-rícia na sede da UPP. O resul-tado do exame ainda não foi divulgado. Os investigadores tambéquerem descobrir por que os aparelhos de GPS dos carros da UPP e duas câmeras de segurança da comunidade não estavam funcionando no dia do desaparecimento de Amarildo. METRO RIO

Rocinha. Pedreiro está desaparecido desde o dia 14 de julho. Delegado suspeita que crime foi praticado por PMs ou traficantes

Cerca de 50 agentes participaram da busca pelo corpo de Amarildo | TÂNIA RÊGO/ABR

Delegado quer reconstituir trajeto de Amarildo até UPP

A mulher acusada de seques-trar um bebê de apenas 13 dias no Recreio dos Bandei-rantes, no Rio de Janeiro, con-fessou ter assassinado a mãe dele. Michele Vieira de Melo, de 24 anos, foi encontrada an-teontem em casa, em Campo Grande, com o bebê.

Ela assumiu o sequestro de Jenifer Oliveira, mas havia ne-gado a participação no assas-sinato de Diana Oliveira Silva. Para o delegado da Divisão de Homicídios, Fabio Cardoso, Michele agiu sozinha e pre-meditou o crime. Na residên-cia dela, a polícia encontrou testes de gravidez e outros do-cumentos que mostram que ela queria ser mãe. Nas redes sociais, Michele dizia estar grávida há oito meses.

O pai, Francisco de Assis, e a criança vão passar por teste de DNA para comprovar a pa-ternidade. Jenifer passa bem. Ela vai ficar sob custódia do Conselho Tutelar até sair o resultado do exame de DNA.

METRO RIO

Rio. Mulher que roubou bebê simulava gravidez

“Só os policiais sabem onde está meu pai. Tenho certeza que foram eles que fizeram isso.”

ANDERSON GOMES, FILHO DE AMARILDO

Page 11: 20130808_br_metro sao paulo
Page 12: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |12| {BRASIL}

MERCADANTE AGORA QUER O LUGAR DE MAN-TEGA. Diante da decisão da presidenta Dilma em manter Gleisi Hoffmann na Casa Civil, só para não dar o braço a torcer à oposição, o ministro Aloi-zio Mercadante (Educa-ção) já fala a aliados que deve assumir a Fazen-da, onde Guido Mante-ga se segura como pode. No Planalto, há consenso de que Mantega enfrenta “desgaste natural” e não terá condições de perma-necer por muito tempo à frente do ministério.

RELAÇÃO AZEDOU. O ex--presidente Lula não gosta da idéia de Mercadante na Fazenda. Prefere o ex-pre-sidente do Banco Central Henrique Meirelles.

O RETORNO. Também foi cotado para a Fazenda o economista Otaviano Ca-nuto, que trabalhou com Antonio Palocci no mi-nistério, em 2003.

EM CAMPANHA. Candida-ta ao governo do Paraná, Gleisi Hoffmann convidou os trinta deputados do Es-tado para jantar ontem no Piantella, em Brasília.

TSE NO ‘CAMELÓDROMO’. O episódio do acordo entre o Serasa e o Tribunal Supe-rior Eleitoral, para repasse de informações cadastrais de 141 milhões de brasilei-ros, mostra a face “oficial” do Brasil “paralelo”, que viceja sem freio há anos: venda de dados sigilosos nas ruas do Rio e São Pau-lo até por R$ 30.

PENSANDO BEM... ...o Oba-ma deve estar horroriza-do com a “invasão de pri-vacidade” dos eleitores brasileiros.

LENDAS BRASILEIRAS. Em visita à cidade mineira, conhecida pelo misterio-so morador, Dilma elo-giou o “ET de Varginha”, dizendo que o “respeita-va”. Foi coerente: se con-sulta com Lula, respeita Mantega e jura que a in-flação vai cair.

QUEM AVISA... O gover-nador Geraldo Alckmin (PSDB) foi informado por setores da Inteligência paulista de que agentes penitenciários preparam greve na próxima sema-na, abrindo espaço para badernas dos bandidos do PCC.

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS WWW.CLAUDIOHUMBERTO.COM.BR

PODER SEM PUDOR

Árbitro da elegância

Luiz Inácio, o metalúrgico, melhorou de vida. Agora veste Armani e dá lições de elegância. Em Buenos Aires, no dia da posse do falecido presidente argen-tino Nestor Kirchner, Lula saía do hotel quando cru-zou com o assessor de im-

prensa, Ricardo Kotsho:- Você vai assim!?... – in-dagou o presidente, com cara de nojo.- Como ‘assim’? – retrucou Kotsho.- ...de sapato preto e cin-to marrom!? – completou Lula, indignado.

“EU NEM SEI O QUE

ACONTECEU.”MINISTRA CARMEN LÚCIA, PRESIDENTE DO TSE, SOBRE O REPASSE DE DADOS

A SERASA

Política

Geraldo Alckmin| MAURÍCIO AUGUSTO RUMMENS / FOTOARENA

CLÁUDIO [email protected]

Ministro agora quer contratar médicos militares e cubanosA adesão de apenas 938 mé-dicos ao programa Mais Médicos levou o governo a buscar alternativas pa-ra evitar que a rede de saú-de cidades do interior fique desassistida.

O ministro da Saúde, Ale-xandre Padilha, foi ao Sena-do negociar a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que permite a médicos mili-

tares atuarem no SUS (Siste-ma Único de Saúde) durante a folga ou nos fins de semana. O texto foi aprovado em dois turnos por unanimidade.

Caso a PEC seja aprovada pela Câmara, 6 mil milita-res que trabalham 20 horas semanais nos quartéis pode-rão fazer plantões ou traba-lhar meio período no SUS.

Em outra frente, o gover-

no admitiu reabrir a discus-são para contratar médicos de Cuba. O governo cubano ofereceu 6 mil profissionais. Como o programa só acei-ta inscrições individuais, a oferta em bloco foi rejeita-da num primeiro momento. Os brasileiros que ainda qui-serem participar do progra-ma precisam se inscrever até hoje. METRO BRASÍLIA

Padilha assumiu as negociaçõespara atrair médicos | ELZA FIÚZA/ABR

Page 13: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com {BRASIL} |12|◊◊

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |12| {BRASIL} SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013

www.readmetro.com {BRASIL} |13|◊◊

A ministra Cármen Lúcia, presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), disse on-tem que o convênio firma-do entre o tribunal e a em-presa Serasa para repassar dados cadastrais de 141 mi-lhões de eleitores é inacei-tável. O acordo foi firmado em julho, mas o TSE afir-ma que nenhuma informa-ção foi repassada até ago-ra porque o acordo não foi efetivado.

“Compartilhamento de informações nós não aceita-mos de jeito nenhum, nem para fins judiciais, às vezes, que não sejam explicados. Mas, realmente, isso não é aceitável”, disse Cármen Lú-cia. no intervalo da sessão do Supremo Tribunal Fede-ral (STF) nesta quarta.

A assinatura do acordo foi divulgada pelo jornal “O Estado de S.Paulo”. O con-vênio prevê o repasse do nome do eleitor, número e situação da inscrição eleito-

ral, além de eventuais óbi-tos, nome da mãe e data de nascimento.

Segundo a ministra Cár-men Lúcia, as negociações para o acordo com a Sera-sa começaram na gestão da corregedora Nancy Andri-ghi e foram concluídas no mês passado, já sob a res-ponsabilidade da atual cor-regedora, Laurita Vaz.

“Considerando que hou-ve analises, pelo menos é o que me diz a corregedo-ra, que teria sido examina-do (...) é melhor que isso se-ja levado a plenário para que inclusive a população soubesse o que aconteceu, o que é isso, quais as conse-quências, para evitar outro tipo de situação como esta”, disse.

A assessoria do tribunal informou que o convênio será analisado pela corre-gedora e, depois, votado no plenário em um prazo ain-da não definido. METRO

Sigilo. Convênio que prevê fornecimento de informações de eleitores irrita presidente de tribunal e deve ser canceladoMinistra Cármen Lúcia, presidente do Tribunal Superior Eleitoral | ROBERTO JAYME/UOL/FOLHAPRESS

TSE diz que não enviou dados à Serasa

Um ônibus despencou de um viaduto conhecido co-mo Tobogã, em Itaguaí, no Rio de Janeiro, no final da tarde de ontem. Segundo a PM (Polícia Militar), pelo menos setes pessoas morre-ram e 30 ficaram feridas.

A queda foi de aproxima-damente 25 metros. O mo-torista do ônibus está en-

tre os mortos. As causas do acidente ainda estão sendo apuradas.

O acidente lembra o ocor-rido na avenida Brasil, tam-bém no Rio de Janeiro, em abril, quando um ônibus despencou do Viaduto Briga-deiro Trompowski, próximo à Ilha do Governador. Nove pessoas morreram. METRO

Rio. Ônibus despenca de viaduto e deixa 7 mortos

Ônibus despencou | BLOG POLÍTICA DE ITAGUAÍ/REPRODUÇÃO

Page 14: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |14| }

Receita libera hoje consulta ao 3º lote de IRA Receita Federal libera ho-je, a partir das 9h, a consul-ta ao terceiro lote de res-tituições do Imposto de Renda de 2013 (ano-calen-dário 2012). Segundo o Fis-co, será liberada, também, a consulta a lotes residuais dos anos de 2012, 2011, 2010, 2009 e 2008.

Serão creditadas restitui-ções para 1.139.810 contri-buintes, totalizando o valor de R$ 1,4 bilhão. Para sa-ber se teve a restituição li-berada, o contribuinte pode acessar o site da Receita Fe-

deral (www.receita.fazenda.gov.br) ou ligar para o Recei-tafone, no número 146.

Quem possui uma dívi-da no cheque especial ou no cartão de crédito pode ser um bom momento para amortizá-la ou quitá-la, prin-cipalmente no atual mo-mento de alta das taxas de juros. Segundo Aline Rabelo, coordenadora do Investma-nia, o endividado pode an-tecipar parcelas de financia-mentos, com descontos.

“Mas se você não está en-dividado, não perca a opor-

tunidade de investir, seja pa-ra proteger o seu dinheiro da inflação ou para aumentar seu capital de reserva e rea-lizar aquele sonho de con-sumo tão almejado, como uma viagem ou a aquisição de algum bem”, orienta Ali-ne Rabelo. Para quem não for utilizar o recurso no cur-to prazo, a executiva da In-vestmania recomenda inves-timentos no Tesouro Direto, os ETFs ou as ações de com-panhias que apresentam his-tórico de bons pagamentos de dividendos. METRO

Leão devolve. Fisco depositará R$ 1,4 bilhão no dia 15 de agosto. Restituição do imposto pode ser oportunidade de pagar dívidas

A General Motors do Bra-sil anunciou o recall de 12.235 veículos do modelo Sonic 2013, fabricados en-tre 26 de abril de 2012 e 1º de maio de 2013 por proble-mas na tubulação de com-bustíveis. Os veículos afeta-dos são os de numeração de chassi dentro do intervalo: DS500001 a DS625578.

Os proprietários devem comparecer a uma concessio-nária da marca a partir do dia 15 de agosto. A GM disponibi-liza o telefone 0800 702 4200 e o site www.chevrolet.com.br para mais informações e agendamento prévio. METRO

Carros têm problemas na tubulaçãode combustíveis | DIVULGAÇÃO

Carro. GM faz recall de 12,2 mil veículos Sonic

A MRV Engenharia foi con-denada a pagar uma mul-ta de R$ 6,72 milhões por manter trabalhadores em condições análogas à escra-vidão. A decisão foi proferi-da pela 1ª Vara do Trabalho em Americana. A empresa vai recorrer da decisão.

Uma fiscalização do Mi-nistério Público do Traba-lho encontrou, em 2011, empregados em condições degradantes no empreendi-mento Beach Park, em Ame-ricana (SP). A obra recebia verbas do programa Minha Casa, Minha Vida. METRO

Construção. MRV é condenada por trabalho escravo

FIQUE ATENTO A consulta ao terceiro lote de restituições doIR (Imposto de Renda) foi liberada hoje

Confira o calendário de pagamentos da Receita neste ano:

1º LOTE

2º LOTE

3º LOTE

4º LOTE

5º LOTE

6º LOTE

7º LOTEAcesse www.receita.fazenda.gov.br. Na aba Cidadão, clique em Restituição e Compensação. Procure Consulta Restituição e Situação da Declaração IRPF. Na página, digite seu CPF e o código indicado na imagem.

COMO CONSULTAR?

15 de agostoé a data prevista para

o pagamento

1,4milhãode contribuintes

serão beneficiados

R$ 1,4 bilhãoé quanto a Receita vai pagar

17 DE JUNHO

15 DE JULHO

15 DE AGOSTO

16 DE SETEMBRO

15 DE OUTUBRO

18 DE NOVEMBRO

16 DE DEZEMBRO

Page 15: 20130808_br_metro sao paulo

O brasileiro teve um alívio no bolso em julho. A infla-ção medida pelo IPCA (Ín-dice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) re-cuou de 0,26% em junho para 0,03% no mês passa-do, a menor taxa desde ju-lho de 2010 (0,01%).

Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Es-tatística), a desaceleração foi puxada por dois grupos de peso na renda das famílias: alimentos e os transportes.

O maior impacto foi a queda no preço das passa-gens de ônibus, após as ma-nifestações que tomaram as ruas do país. As tarifas fi-caram 3,32% mais baratas, contribuindo para a que-da de 0,66% do grupo trans-portes. Também caíram as tarifas dos ônibus inter-municipais (-1,69%), trem

(-4,13%) e metrô (-4,97%).Além disso, os preços dos

alimentos também tiveram forte impacto no indicador. Após a alta de 0,04% em ju-nho, o grupo registrou que-da de 0,33%, que não ocorria desde julho de 2011. O to-mate, o vilão da inflação du-rante meses, liderou a queda (-27,25%), seguido por cebo-la (-10,9%) e cenoura (-5,04%).

Após a divulgação do in-dicador, a presidente Dil-ma Rousseff ressaltou que o IPCA está em um dos níveis

mais baixos para o período. “A inflação está completa-mente sob controle”, disse.

Em 12 meses até julho, a inflação avançou 6,27%, ante os 6,7% em junho. Com isso, voltou a ficar abaixo do teto da meta do governo, de 6,5%.

Isso não significa que o Banco Central vai afrouxar o atual ciclo de aperto mone-tário. A desaceleração em ju-lho já era esperada e a taxa em 12 meses é considerada elevada pelos economistas. As projeções apontam pa-

ra um aumento da Selic dos atuais 8,5% para 9,25% ao ano no final de 2013.

Para o professor de eco-nomia da Universidade Pres-biteriana Mackenzie, Pedro Raffy, o segundo semestre de 2013 será marcado por uma alta dos preços menos inten-sa do que o primeiro semes-tre. Mas a preocupação é a alta do dólar, que deve pres-sionar os preços dos bens de consumo como eletrônicos, principalmente em novem-bro e dezembro.

“O repasse deverá ocor-rer caso a cotação do dólar continue no patamar atual, o que se mostra como o ce-nário mais provável”, com-pleta. Ontem, a moeda nor-te-americana subiu 0,65%, para R$ 2,3139 na venda, maior patamar em mais de quatro anos. METRO

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com {ECONOMIA} |15|◊◊

Custo de vida. Redução de tarifas de transportes após protestos nas ruas leva IPCA ao menor patamar em três anos. Alimentos apresentam queda de 0,33% nos preços em julho

Ônibus e tomate derrubam inflação

“Fizeram um estardalhaço, que perdemos o controle, mas os dados não apontam nesse sentido.” PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF

UM MÊS DE TRÉGUAVARIAÇÃO EM JULHO, EM %

TETODA META

POR REGIÃO

POR GRUPOS

RIO DE JANEIRO

PORTO ALEGRE

BELO HORIZONTE RECIFE SÃO

PAULODISTRITO FEDERAL

BELÉM FORTALEZA SALVADOR CURITIBA GOIÂNIA NACIONAL

-0,16 0,1 0,05 0 0,06 -0,12

0,06 0,19 -0,19 0,48 -0,23 0,03

ALIMENTOS E BEBIDAS

HABITAÇÃO

ARTIGOS DE RESIDÊNCIA

VESTUÁRIO

TRANSPORTES

SAÚDE E CUIDADOS PESSOAIS

DESPESAS PESSOAIS

EDUCAÇÃO

COMUNICAÇÃO

-0,33

-0,39

-0,66

0,57

0,28

0,34

1,13

0,11

0,20

DESTAQUES DE QU

EDADESTAQU

ES DE ALTA

TOMATE >> -27,25

ÔNIBUS >> -3,32

ALUGUEL >> 0,83

EMPREGADO DOMÉSTICO

>> 1,13

DE VOLTA À META Variação em 12 meses, em %

FONTE:IBGE

2,9%

4,7%

6,5%

8,3%

JULJUNMAIABRMARFEVJANDEZNOVOUTSETAGOJUL

SÃO DISTRITO

2012 2013

5,2 5,24 5,28 5,45 5,535,84

6,15 6,31

6,59

6,49

6,5 6,7

6,27

Page 16: 20130808_br_metro sao paulo
Page 17: 20130808_br_metro sao paulo
Page 18: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |18| {MUNDO}

Fogo fecha aeroporto de Nairóbi, no QuêniaUm incêndio na área de desembarque internacional manteve o aeroporto de Nairóbi, capital do Quênia, fechado por horas. As autoridades descartaram que a causa tenha sido um atentado. | STRINGER/REUTERS

O presidente americano, Barack Obama, cancelou uma reunião que teria com seu homólogo russo, Vla-dimir Putin, no mês que vem, em Moscou. A deci-são reflete a crise entre os dois países, impulsionada após a concessão, pela Rús-sia, de asilo temporário a Edward Snowden.

“A decisão decepcionan-te da Rússia é um fator que consideramos na avaliação atual da nossa relação bi-lateral”, informou a Casa Branca, em nota.

Snowden, um técnico em informática que pres-tava serviços à NSA (sigla em inglês para Agência Na-cional de Segurança), reve-lou ao mundo o programa de espionagem do governo americano. Ele fugiu para Hong Kong e, depois, para a Rússia, onde obteve asilo.

Na noite de terça-fei-ra, Obama já havia fala-do sobre a crise diplomá-tica com o governo de Putin. “Há momentos em que eles voltam ao pen-samento da Guerra Fria”, criticou o americano, no programa “The Tonight Show”, da NBC.

Obama manteve a agen-da para a cúpula do G-20,

que será realizada em São Petersburgo, em 5 e 6 de setembro. No lugar da ida a Moscou, entretanto, o líder dos EUA viajará à Suécia.

DesiguaisReagindo à medida nor-te-americana, o governo russo disse estar “decep-cionado”. Yuri Ushakov, conselheiro de Putin pa-ra as relações exteriores, afirmou que a decisão de-monstra a falta de capaci-dade dos EUA de se relacio-narem em bases iguais.

Segundo Ushakov, o convite para o encontro com o presidente russo continua em pé.

Em Washington, o pai de Edward Snowden disse acreditar que a Rússia não vai ceder às pressões do go-verno americano. METRO

Diplomacia. Líder americano disse que colega russo ‘voltou ao pensamento da Guerra Fria’. Casa Branca manteve agenda da cúpula do G-20

Os dois presidentes, em uma reunião em Los Cabos, no México, no ano passado | JASON REED/ARQUIVO/REUTERS

Asilo a Snowden faz Obama cancelar reunião com Putin

Iêmen frustra ataques da Al QaedaEm meio ao alerta ocidental contra ataques terroristas no Iêmen, o governo do país árabe informou ter frustra-do uma série de planos da Al Qaeda. A rede executaria as ações no último fim de semana de julho.

Segundo o governo ieme-nita, a Al Qaeda planejava tomar uma cidade ao sul do país e destruir uma central de gás e uma de petróleo.

O porta-voz Rajeh Badi disse que a descoberta da

trama levou os EUA a toma-rem as medidas de seguran-ça da última semana. Fontes de inteligência ocidentais e do país árabe trabalharam no caso.

Os EUA e o Reino Unido retiraram seus funcionários do Iêmen e recomendaram aos cidadãos comuns que deixem o país o mais bre-ve possível. Além disso, 19 embaixadas americanas no Oriente Médio seguem fe-chadas até sábado. METRO Passageiros chegam ao aeroporto da capital, Sanaa | KHALED ABDULLAH/REUTERS

Número de mortos em explosão chega a 10

As autoridades de Rosá-rio, na Argentina, buscam 11 desaparecidos em uma explosão em um edifício no centro da cidade. A ci-fra de mortos no aciden-te, provocado por um va-zamento de gás, chegou a 10. Ontem, a presidente Cristina Kirchner visitou o local da tragédia. METRO

Negociação para pôr fi m à crise política fracassa

O governo interino do Egi-to anunciou que a media-ção norte-americana para a crise política no país fracas-sou. A presidência culpou a Irmandade Muçulmana. Tanto liberais quanto islâ-micos (que pedem a vol-ta do mandatário deposto) convocaram protestos para hoje. METRO COM AGÊNCIAS

Egito Argentina

“Esse jogo de ‘bem, eu não vou à essa

reunião’, eu não acredito que o presidente Putin cederá a isso. Ele se manteve firme, e eu respeito a coragem.” LON SNOWDEN, PAI DO DELATOR

Page 19: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com {MUNDO} |19|◊◊

A ideia de comer insetos po-de parecer nojenta para mui-tas pessoas, mas já tem gen-te planejando um futuro no qual os bichos estejam inte-grados ao cardápio diário. Uma dessas mentes visioná-rias é a da designer industrial Katharina Unger. Ela criou um dispositivo que permite a criação doméstica de larvas de mosca para alimentação.

As larvas são colocadas em uma câmara na parte superior do aparelho, onde se desenvolvem em moscas adultas. Depois, vão para um compartimento maior, aca-salam e produzem novas lar-vas, que amadurecem e caem em um “pote de colheita”. Katharina falou ao Metro so-bre a invenção.

Os insetos são bons para a alimentação humana?Sim. Eles contêm grande quantidade de proteínas, aminoácidos e cálcio. Além disso, podem ser criados de forma sustentável. Alguns, como as larvas que usei no projeto, podem ser alimen-tados com resíduos bioló-gicos e têm, portanto, uma produção muito eficiente.

De onde surgiu a ideia da ‘fazenda doméstica’?Foi meu projeto de gra-

duação. Comecei a pes-quisar sobre agricultu-ra industrial em geral. Eu senti que só poderia fa-zer alguma coisa com fon-tes alternativas de ali-mentos, caso contrário, eu iria acabar contribuin-do para o atual sistema, disfuncional. Cheguei aos insetos e descobri que as larvas da mosca soldado negra atendiam aos meus propósitos.

E que gosto elas têm?Um pouco de carne, um pouco de nozes. Elas são mais consistentes por fora e macias por

dentro. Quando você as co-zinha, cheiram um pouco como batatas. Elas têm um gosto bom!

Alguma vez você já tentou servir um jantar com três pratos utilizando somen-te as larvas como fonte de proteína?Sim. Fiz um jantar que ti-nha sopa de larvas de entra-da, tortellini de larvas co-mo prato principal e larvas ao chocolate de sobremesa.

Já tentou colher outros insetos?Não. Minha pesquisa me le-vou à mosca soldado negra, devido ao seu ciclo de vida e outras vantagens. Nunca es-tudei a colheita com outros, mas já comi gafanhotos e grilos. METRO INTERNACIONAL

REPRODUÇÃO

KATHARINA UNGERDesigner industrial austríaca cria protótipo de fazenda doméstica para a produção de

larvas de mosca. Em entrevista ao Metro, ela garante que iguaria é saudável e deliciosa

INSETOS PARA O JANTAR?

Protótipo da Farm 432,criada por Unger

Page 20: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |20| {CULTURA}

2CULTURA

2CULTURA

Orson Welles

Filme de diretor é

encontradoPerdida desde 1970, a comédia pastelão “Too Much Johnson” (1938),

perdida desde 1970, foi encontrada em um

armazém em Pordenone, na Itália. Restaurado, o

filme será exibido em um festival no país em 9/10.

Mesmo antes de terminar as gravações de “House”, Hugh Laurie mostrava sempre que possível seus dotes mu-sicais em shows pontuais. Ele chegou inclusive a dar palhinhas na própria série, fosse na guitarra, no piano ou até cantando.

Livre do personagem Gregory House desde o ano passado e sem grandes pro-jetos no cinema, no teatro ou na TV, o britânico passou a se dedicar integralmente à música, principalmente à música americana. O resul-tado desse esforço é revela-do agora em seu segundo disco, “Didn’t it Rain”.

Se no primeiro álbum, “Let Them Talk” (2011), Lau-rie compôs a partir do uni-verso musical de Nova Or-leans, agora ele se inspira na empolgação da músi-ca do pós-Segunda Guer-ra Mundial revelada no rhythm & blues e no jazz.

Laurie mostra que está alinhado com o blues clás-

sico americano. O álbum começa com “Saint Louis Blues”, versão de uma famo-sa música de W. C. Handy datada de 1914. Outra re-ferência à moda antiga é a

música-título do disco, uma composição gospel de 1927.

Acompanhado novamen-te do produtor Joe Henry e da Copper Bottom Band, além da cantora guatemal-

teca Gaby Moreno, Lau-rie não se intimida em re-chear o álbum de clássicos, como no dueto que faz com Gaby em “Kiss of Fire” (tan-go originalmente cantado

por Louis Armstrong e Con-nie Francis em 1952). Outra boa sacada é a gravação de uma versão de respeito pa-ra a conhecida “Unchain My Heart”, de Ray Charles.

Mesmo com todas es-sas belas velharias, Lau-rie ainda tem olhos para nomes mais contemporâ-neos, como Alan Price of The Animals, do qual can-ta “Changes”, ou Dr. John, que, após ter participa-do ao lado do ator da fai-xa “After You’ve Gone”, no disco “Let Them Talk”, é representado agora com uma versão para a canção “Wild Honey”.

Lançamento. Em novo disco, ator e músico britânico Hugh Laurie explora raízes da música negra americana

Após anos de dedicação a “House”, Hugh Laurie agora só quer saber de música | DIVULGAÇÃO

Tem gringo no blues

PAULOBORGIA METRO SÃO PAULO

“DIDN’T IT RAIN”

HUGH LAURIEWARNER, R$ 34,90

Page 21: 20130808_br_metro sao paulo
Page 22: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |22| {CULTURA}

NEDEHRBAR METRO INTERNACIONAL

Primeiro longa de Guillher-mo del Toro desde “Hellboy 2” (2008), “Círculo de Fogo”, que estreia amanhã, mos-tra um mundo em que hu-manos vestem armaduras de enormes robôs ao melhor estilo Jaspion para enfren-tar ataques de kaijus, deno-minação em japonês para monstros gigantes à la God-zilla. O diretor mexicano co-menta seu fascínio em rela-ção ao gênero.

Como você faz para não cru-zar a linha entre o divertido e o realístico com tantas ce-nas de destruição urbana?Bem, por definição, filmes de kaiju são baseados em

um senso de diversão com-pletamente escapista. Quis fazer uso de um visual bem diferente da realidade. Pro-curei usar luzes supercolori-das para iluminar a chuva e dar a impressão de você es-tar vendo uma HQ em ação. E outra coisa que fiz muito conscientemente foi esvaziar as ruas durante os ataques e colocar todas as pessoas em refúgios. Tudo o que o kaiju pode fazer é destruir prédios e carros já que não há nin-guém ali.

Você viu “Homem de Aço”?Não. Não estava vendo mui-tos filmes porque estava fa-zendo um. As únicas vezes

em que fui ao cinema nos úl-timos anos foi para ver filmes que as minhas filhas queriam assistir. Ser pai é isso, é levar suas crianças para ver o filme do show do Justin Bieber.

Você quer fazer outro filme em outra língua ou é agora exclusivo de Hollywood? Eu adoraria. Produzo mui-tos filmes na América La-tina e na Espanha e, como diretor, adoraria fazer al-go do tipo, mas preciso en-contrar uma história ade-quada. Não é como se eu tivesse uma gaveta cheia de roteiros em espanhol e outra só com histórias em inglês (risos).

O que determina se uma história é mais bem contada em espanhol ou em inglês?Não dá para esperar que um filme tão peculiar quan-to “O Labirinto do Fauno” (2006) seja feito dentro de Hollywood. Ele teria que ser testado e remendado por executivos até a exaus-tão. Ao mesmo tempo, não dá para preparar um filme tão grandioso como “Círcu-lo de Fogo” no México. En-tão, dependendo do tipo de história, você precisa fazer uma escolha.

DIVULGAÇÃO

GUILLERMO DEL TORODiretor de ‘O Labirinto do Fauno’ faz homenagem à linhagem de fi lmes de monstros japoneses em

‘Círculo de Fogo’, aventura épica que chega amanhã aos cinemas recheada de efeitos especiais

‘QUIS FAZER UMA HQ EM AÇÃO’

Page 23: 20130808_br_metro sao paulo
Page 24: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |24| {CULTURA}

4Sonho Real. Inspirado no último grande baile da monarquia

Um travesseiro em cerâmica acomoda um sonho com porção de bacalhau. A coroa é feita de tomate e alho crocante.

5Ossos do Ofício. Em homenagem às mulheres de Jardim (MS)

As moradoras dessa comunidade esculpem os ossos de bois que levam o ragu de costela e creme de abóbora.

1Degustadores ansiosos. Qual

o próximo prato?Entre uma experiência e outra, intervenções mul-timídia são exibidas na longa mesa preta.

2Conflito. Inspirado na

Festa do DivinoImpressão de chocolate com mousse de chocola-te apimentado, doce de cupuaçu e crocante de Araçá.

3Tabuleiro Brasileiro.

Releitura de prato da época da escravidãoMousse de paçoca Amor, pipoca de tapioca, goia-bada embalada e uma “renda” de graviola. Tu-do é comestível no últi-mo prato da noite.

Abre amanhã a exposição ‘Como Penso Como’ que reúne gastronomia, design e cultura. O Metro degustou as obras e

conta como foi a experiência de comer ‘food design’PAULO BORGIA

Comida é1

32

45

Uma exposição sobre comida em que o visi-tante experimenta, li-teralmente, o concei-to. Assim é a exposição “Como Penso Como”, um projeto criado pe-la food designer Simo-ne Mattar que envol-ve história, cultura e gastronomia.

Um dos galpões do Sesc Pompeia foi usado para a instalação. Divi-dido em três setores, o espaço apresenta expe-riências sensoriais, his-tórias e – a melhor parte – um verdadeiro restau-rante, com uma gran-de mesa para 30 pes-soas e uma cozinha toda equipada.

A sessão é compos-ta por nove pratos, ca-da um com uma inspira-ção diferente, como “A Cabeça do Bispo”, inspi-rado no Movimento An-tropofágico de Oswald de Andrade e que apre-senta pequenas cabeças prateadas comestíveis, com o rosto do escritor, recheadas com mous-se de sardinha, repre-sentando um banquete indígena.

Antes de cada pra-to, um grupo de artistas faz pequenas interven-ções, seja com poesia ou música. O que poderia ser constrangedor aca-ba sendo uma agradável surpresa (que dá tem-po para os cozinheiros prepararem os pratos).

METRO

No Sesc Pompeia (r. Clélia, 93, tel.: 3871-7700). De ter. a sáb., das 10h às 20h; dom. e feriados, das 10h às 19h. De-gustações de qua. a sáb., às 18h e 21h; dom. e feriados, às 13h e 16h. R$ 50 (à venda apenas na bilheteria do Sesc Pompeia). Até 8/9.

Serviço

arte

Page 25: 20130808_br_metro sao paulo
Page 26: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |26| {VARIEDADES}

Seu regente Mercúrio ingressa em Leão, influência positiva para despertá-lo a novos conhecimen-tos. Sua comunicação estará acentuada.

Tende a esclarecer interesses em co-mum ao lado de pessoas que convive. O trabalho aponta ten-dências para trato com papéis importantes.

Horóscopo Está escrito nas estrelas www.estrelaguia.com.br

Os invasores

Cruzadas

Sudoku

Metro pergunta

Metro web

Siga o Metro no Twitter:

@jornal_metro

Você acha que o caso da chacina na zona norte já está realmente esclarecido?

Leitor fala

@thatycampos_Claro que não! Ainda tem muito a ser investigado!

@curitibazoomNão. Devido o histórico dos governan-tes brasileiros e a impossibilidade téc-nica e mecânica de um adolescente de 13 anos.

@alyssonkkNão está esclarecido, principalmente pelos atos falhos em declarações da PM, afirmando coisas sem apuração do fato.

Corredor norte-sulSou morador do bairro Jardim Mara-joara e trabalho na avenida Tiraden-tes, ou seja, uso o corredor norte/sul duas vezes por dia. Nos últimos dias, fiz esse trajeto de ônibus e de carro. No ônibus, é impossível até de conse-guir entrar às 6h. Fiquei mais de uma hora para conseguir entrar em um ônibus lotado. Perco três horas em lo-comoção para ir e voltar 14 km. Quan-do decidi ir de carro, graças a esta fai-xa de ônibus, fiquei uma hora a mais metido dentro do carro para conseguir atravessar o corredor. Até quando o governo acha que o povo vai aguentar essa situação? Quando medidas real-mente eficazes, como um projeto sério de linhas de metrô, vão ocorrer?ALBERTO SANS - SÃO PAULO, SP

Para falar com a redação: [email protected] também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

Conversas serão fundamentais para escla-recer mal entendidos diante de relações mais próximas. Valorize o romantismo na vida afetiva. 

Mercúrio ingressa em seu signo, o que deve tornar mais direta a sua comunicação com as pessoas. Seja cuidadoso com as palavras.

Atente-se a detalhes diante de nego-ciações que envolvam assinaturas ou papéis. Não exagere em críticas diante de suas relações.

Tendências para exercitar a sua fé e se dedicar a novos conhecimentos. Contatos à distância serão mais frequentes e estão favorecidos.  

Um foco em pesquisas ajuda-rá a identificar detalhes para evitar riscos de perdas em temas fi-nanceiros. Tenha moderações com finanças.

O diálogo e a paciência para escla-recer assuntos serão fundamentais com quem é mais próximo. Conversas favorecerão paqueras.

Ações prestativas sempre são bem-vin-das nos relacionamentos. Apenas atente-se para não intervir de-mais em assuntos das pessoas próximas.

Período para retomar contato com amizades e também estabelecer novas relações. Dedique-se a emails, telefonemas e mensagens aos amigos.

Atente-se para não se portar com indiferença a momentos especiais das pessoas que gosta. Época para por ideias em pratica no trabalho.

O momento é propenso para esclarecer assuntos do passado em suas relações mais importantes, sem se tomar por ressentimentos.

Correção

Diferentemente do que foi informado pela assessoria de imprensa e publicado na edição desta quarta-feira, 7, no Especial Dia dos Pais, o celular Motorola IronRock com internet 3G, que faz parte do portfólio da Nextel, tem preço a partir de R$ 899.

[email protected]

Economista com MBA em Finanças (USP), orientador de famílias e educador em empresas,é colunista da BANDNEWS FM e fundador da SOBREDinheiro. Diretor do site www.oplanodavirada.com.br, da EKNOWMIX Consultores Integrados e da TECHIS SA.

O DINHEIRO É SEU: VEJA LÁO QUE VAI FAZER COM ELE!Gaste tudo já! Hoje volto à questão do toma lá, dá cá na sua vida financeira, o eterno dilema de como direcionar seu dinheiro. De um lado, você deseja viver o presen-te de forma plena, gastando hoje mesmo tudo o que ga-nha, nivelando seu atual padrão de consumo pelo topo de suas possibilidades imediatas.

Por outro lado… Talvez convenha abrir mão de algu-mas despesas ou compras que seriam realizadas hoje, buscando enxugar gastos que agreguem menos para sua qualidade de vida. Assim se poupa e investe um pouco todos os meses e, mais à frente, se pode realizar sonhos mais caros e preciosos.

Mate a fome, mas preserve o bolso. Quem trabalha e almoça fora de casa, por exemplo, pode tentar praticar um interessante toma lá, dá cá, recorrendo à tradicional marmita. Digamos que uma pessoa coma fora no almo-ço todos os dias e gaste, em média, R$ 20,00 por refei-ção (algo “normal” para quem vive em grandes cidades). Considerando 20 dias trabalhados por mês, e portanto 20 refeições, serão R$ 400,00 mensais ou quase R$ 5 mil por ano empatados neste item do orçamento pessoal.

Em cena, a marmita! Se esta pessoa estiver disposta a levar uma marmita caseira duas vezes por semana, consideran-do que montar um prato bem servido não custa mais do que R$ 8,00, pode rolar um proveitoso toma lá, dá cá finan-ceiro. Trocam-se oito almoços fora ao longo de um mês, no valor de R$ 20,00 cada, por oito marmitas de R$ 8,00, eco-nomizando R$ 12,00 por refeição e R$ 96,00 por mês.

Champanhe, madame? Então, toma lá R$ 96,00 econo-mizados com almoço fora por mês, dá cá um jantarzi-nho bacaninha a cada 30 dias, ou até melhor: um jan-tar de rei todos os anos, no restaurante mais caro da cidade, com vinho fino incluso, ao custo de R$ 1.200,00 o casal. Que tal poder bancar uma “extravagância” des-tas sem sacrificar seu bolso? Não é para quem quer, é só para que sabe se planejar.

Firmeza. Admito que praticar o toma lá, dá cá em sua vida financeira não é assim tão intuitivo: a cada pe-quena decisão de gasto a pessoa terá de perseverar pa-ra evitar o gasto evitável. A partir daí, deverá ter a disciplina de investir o valor poupado. Afinal, sem dis-ciplina poupadora e perseverança investidora não se junta grana e não se colhe o verdadeiro benefício do toma lá, dá cá financeiro. Agora, lhe pergunto: o que na vida funciona sem disciplina e perseverança? Toma lá esforço, dá cá resultado!

Na ponta do lápis

Page 27: 20130808_br_metro sao paulo
Page 28: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |28| {ESPORTE} 3

ESPORTENada como um dia após o ou-tro. Dez meses depois de ser submetido a uma cirurgia em cada joelho, o nadador brasi-leiro Cesar Cielo disse ter vol-tado do Mundial de Esportes Aquáticos, disputado em Bar-celona, na Espanha, com a sensação de dever cumprido. Na competição, ele conquis-tou o tricampeonato nos 50m livre e o bi nos 50m borboleta.

Ele revelou ontem, em São Paulo, que tinha sérias dúvi-das do que ainda poderia fa-zer nas piscinas:

“Às vésperas do Mundial, busquei inspiração em dois atletas que viveram situações parecidas. Coloquei dois pôs-teres no meu quarto: um do [tenista] Rafael Nadal e outro de Ronaldo, o Fenômeno”,

contou o atleta, que foi bron-ze nos 50m livre nos Jogos Olímpicos de Londres, ano passado.

Com os dois ouros obti-dos na cidade catalã, Cie-lo afirmou que conviver com a dor foi a parte mais complicada.

“No dia a dia, precisei manter o controle mental para não desanimar na recu-peração”, afirmou. METRO

Volta por cima. Nadador voltou de Barcelona com dois ouros na bagagem

Cielo: pronto para qualquer desafio

“O Mundial serviu para mostrar que eu estava de volta e pronto para encarar qualquer desafio. Foi emocionante.” CESAR CIELO, NADADOR

Atletismo

AntidopingApós os casos de doping

dos corredores Tyson Gay, Asafa Powell e Sherone Simpson, membros da

Agência Mundial Antioping realizaram exames

em todos os atletas da delegação jamaicana,

inclusive em Usain Bolt (foto), antes do Mundial

Atletismo da Rússia.Cielo mostra as medalhas conquistadas no Mundial | MARCO AMBROSIO/FRAME/FOLHAPRESS

“TODOS URINAM NA PISCINA. É

ALGO NORMAL PARA TODOS.”

MICHAEL PHELPS, EX-NADADOR AMERICANO, MAIOR GANHADOR DE MEDALHAS EM OLIMPÍADAS COM 22

CONQUISTAS, AO SITE “TMZ”

Confissão

Page 29: 20130808_br_metro sao paulo
Page 30: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |30| {ESPORTE}

Um dia após o ex-treinador do São Paulo, Ney Franco, afirmar que Rogério Ceni “fritou” o meia Paulo Henri-que Ganso e o zagueiro Lú-cio no clube, o goleiro e ca-pitão tricolor deu a resposta:

“Não tenho muito para falar do Ney Franco, nem o momento acho que cabe muito. Mas se tivesse toda influência que ele acha que tenho, ele estaria no olho da rua há muito tempo. Não es-peraria se tivesse o poder de decisão”, disse o camisa 01 em Kashima, no Japão, onde o Tricolor perdeu para o Ka-shima Antlers por 3 a 2 (leia mais ao lado).

Em entrevista ao jornal “O Globo”, Franco criticou a influência de Ceni no am-biente tricolor. Segundo o técnico, que atualmente está

sem clube, se o goleiro não gosta de algum jogador, a tendência é que o atleta em questão seja “minado” refe-rindo-se a Ganso.

A polêmica entre o capi-tão e Ney Franco começou em outubro de 2012, duran-te o duelo contra a LDU de Loja (EQU), pela Copa Sul--Americana. Rogério Ce-ni criticou uma substitui-ção feita pelo então técnico, que falou para o goleiro ficar quieto. METRO

São Paulo. Goleiro e capitão diz que não esperaria para mandar ex-técnico embora

Rogério Ceni afirmou que não tem toda a influência que ex-técnico Ney Franco diz que ele tem | MASASHI HARA/GETTY IMAGES

Ceni rebate Ney Franco: ‘Estaria longe há tempos’

Time acredita em reaçãoA derrota para o Kashima Antlers (JAP) por 3 a 2, on-tem, em Kashima, no Ja-pão, deu ao São Paulo o vice-campeonato da Co-pa Suruga. Mas a melho-ra do time na etapa final empolgou o Tricolor para o Campeonato Brasileiro, onde o clube está na zona do rebaixamento.

“Isso mostrou que ten-de a melhorar”, disse Gan-so. Um dos destaques do time, o meia marcou um gol no duelo – o outro foi do atacante Aloisio.

A equipe deixou o 1º tempo perdendo por 2 a 0. Depois, empatouo

jogo, mas so-freu o gol da derrota nos acréscimos.

METRO

Agora vai

Ganso levou cinco pontos apósbater cabeça na trave

“Sou apenas um funcionário, não mando. Mas se eu tivesse condições, ele estaria longe há muito tempo.”ROGÉRIO CENI, GOLEIRO DO SÃO PAULO

INTERNACIONAL

SALGUEIRO-PE*

PALMEIRAS

ATLÉTICO-PR*

CRUZEIRO

FLAMENGO*

BOTAFOGO

ATLÉTICO-MG*

FLUMINENSE

GOIÁS*

NACIONAL-AM

VASCO*

21/8 às 21h5028/8 às 21h50

LUVERDENSE-MT

CORINTHIANS*

SANTOS

GRÊMIO*

*FAZEM O SEGUNDO JOGO EM CASA

QUARTAS DE FINAL ACONTECEM NOS DIAS 25/9 E 23/10

SEMIFINAIS ACONTECEM NOS DIAS 30/10 E 6/11

FINAIS ACONTECEM EM 20/11 E 27/11

21/8 às 19h3028/8 às 21h50

22/8 às 19h30 29/8 às 21h50

21/8 às 19h3028/8 às 21h50

21/8, às 21h5028/8 às 19h30

20/8 às 21h5029/8 às 21h50

22/8 às 21h5028/8 às 19h30

21/8 às 21h5028/8 às 21h50

IDA

VOLTA

CBF de� ne datas de jogos na Copa do BrasilA CBF divulgou ontem o calendário das fases finais da Copa do Brasil. Nacional-AM e Vasco abrem as oitavas de final no próximo dia 20, no Amazonas. Essa etapa acaba no dia 29. As quartas de final ocorrem entre os dias 25 de setembro e 23 de outubro, enquanto as semifinais estão agendadas para 30 de outubro e 6 de novembro. As finais serão nos dias 20 e 27 de novembro.

Na Alemanha

Bayern quer cinco títulosAtual vencedor da Liga dos Campeões, do Cam-peonato Alemão e da Co-pa da Alemanha, o Ba-yern de Munique quer mais na próxima tempo-rada: “Queremos conse-guir algo que não foi feito antes na Europa. Quere-mos ir atrás da tríplice co-roa de novo, e além disso queremos a Supercopa Eu-ropeia e a Copa do Mundo de Clubes”, disse o diretor esportivo Matthias Sam-mer. METRO

Na Rússia

Anzhi nega vendas em massaUm dos “novos ricos” do futebol, o Anzhi, da Rús-sia, negou que venderá to-dos os jogadores, entre eles, o atacante camaronês Eto’o e o meia Willian, ex--Corinthians e Shakthar: “O clube vai honrar todas as obrigações contratuais”, informou o clube. O ru-mor surgiu após a derro-ta para o Rostov por 1 a 0, sexta-feira, pelo Campeo-nato Russo. METRO

Em seu primeiro jogo como titular no Barcelona, Ney-mar desencantou. O camisa 11 abriu o caminho da vitó-ria catalã na goleada por 7 a 1 sobre a Seleção Tailande-sa, ontem, em Bancoc.

Aos 12 minutos do 1º tempo, Messi e Pedro fize-ram boa tabela pela direi-ta. Messi, então, cruzou pa-ra Fabregas, que rolou para Neymar. O ex-santista só te-ve o trabalho de empurrar para as redes.

Messi (dois), Pedro (três) e Alexis Sánchez completaram a goleada espanhola. Dangda descontou, de pênalti.

O desempenho do brasi-leiro empolgou o técnico Ge-rardo “Tata” Martino, que já projeta a dupla formada por Neymar e Messi.

“São dois jogadores que já se viu que podem se ajudar um ao outro. Um joga pelo la-do [Neymar], e o outro [Mes-si], no centro. É perfeito, não há problema de entendimen-to”, disse. METRO

Neymar abraça meia Cesca Fabregas após o gol | CHRIS MCGRATH/GETTY IMAGES

Na Tailândia. Neymar faz o primeiro gol pelo Barça

Page 31: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com {ESPORTE} |31|◊◊

Fora da vitória sobre o São Caetano, na terça-feira, o meia Valdivia vai entrar em campo contra o Paraná, no sábado, pela 14a rodada da Série B, no Pacaembu. Quem garantiu foi o técnico Gilson Kleina, ainda nos vestiários do Anacleto Campanella.

Um dos principais nomes do elenco palmeirense, o Mago segue uma programa-ção especial definida pela co-missão técnica, em conjunto com o departamento médi-co, para evitar lesões. Só nes-te ano, o jogador ficou afasta-do 114 dias.

“No sábado ele joga. Es-tamos monitorando o atle-ta e seguindo um planeja-mento. Não queremos que ele tenha outra lesão gra-ve. Dentro de algumas roda-

das, acredito numa sequên-cia maior”, disse Kleina.

Após a pausa para a Copa das Confederações, o chileno participou de seis partidas se-guidas, sua melhor sequên-cia no ano.

Copa do BrasilLíder isolado na Série B com 31 pontos e 9 a frente Fi-gueirense, 5º colocado, Gil-son Kleina espera “acumu-lar ainda mais gordura” para administrar a volta à elite e ainda defender o títu-lo da Copa do Brasil.

“Temos a experiência da Libertadores e vamos colocar a melhor equipe do momen-to. Vamos nos mobilizar para manter força na Série B e en-trar com muita força na Co-pa do Brasil, vamos priorizar

também”, falou o técnico.O Palmeiras encara o Atlé-

tico-PR pelas oitavas de final no próximo dia 21, no Pa-caembu O joga de volta será no dia 28, no Paraná.

Wesley pode sairO volante Wesley está na mi-ra do Atlético-MG. O Verdão recebeu uma proposta do Ga-lo, que quer o atleta de 26 anos por empréstimo.

Titular do Palmeiras, o jo-gador tem um dos maiores salários alviverdes: R$ 300 mil por mês. O alto valor é um dos fatores que favore-cem a negociação, além da possibilidade de visibilidade internacional caso jogue na Copa do Mundo de Clubes da Fifa, no Marrocos, com a equipe mineira. METRO

Zero bala. Poupado diante do São Caetano, na terça, Mago segue programação definida pela comissão técnica para prevenir lesões

De olho no relógio, Valdivia está confirmado para sábado | CESAR GRECO/FOTOARENA

Gilson Kleina já escala Valdivia contra o Paraná

Com gol de cabeça do golei-ro Lauro aos 47 minutos do 2º tempo, a Portuguesa arran-cou um empate por 1 a 1 com o Flamengo, ontem, em Brasí-lia. João Paulo abriu o placar para os rubro-negros cobran-do pênalti, aos 22 minutos da etapa final.

O resultado manteve a Lu-sa na zona de rebaixamento, com 9 pontos. METRO

Lusa. Goleiro salva equipe em Brasília

Lauro (à dir.) comemora gol de empate | BETO NOCITI/FUTURA PRESS

Page 32: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO PAULO, QUINTA-FEIRA, 8 DE AGOSTO DE 2013www.readmetro.com |32| {ESPORTE}

1Clima quente. Gil e Neilton

se estranhamO zagueiro Gil, do Ti-mão, e o atacante Neil-ton, do Peixe, iniciaram confusão aos 23 minutos do 2º tempo. A arbitra-gem acabou expulsando Paulo André e Willian José. METRO

2Provocação. Corintiano

lembra goleadaA derrota santista para o Barcelona por 8 a 0 não passou despercebida na Vila Belmiro. Um torce-dor alvinegro levou uma camisa do time catalão.

METRO

3Duelo na Vila. Motores do

meio-campoRenato Augusto e Arou-ca foram os motores do meio de campo de Corin-thians e Santos na Vila Belmiro. Atletas criaram jogadas, mas passaram em branco. METRO

1

2

3

1 . LUIZ FERNANDO MENEZES/FOTOARENA

2 . DAVI RIBEIRO/FOTOARENA3 . LUIZ FERNANDO MENEZES/

FOTOARENA

Cenas

O empate por 1 a 1 no clássi-co entre Santos e Corinthians não foi bom para ninguém. O Timão perdeu a chance de entrar no G-4 e o Peixe, de es-pantar de vez a crise que ron-da a Vila Belmiro.

O time da casa já en-trou em campo pressiona-do. Além dos 8 a 0 sofridos contra o Barcelona, a equi-pe foi hostilizada pela tor-cida, que atirou latas no ônibus do clube na chega-da ao estádio.

Para piorar, o Corin-thians abriu o placar aos 3 minutos: Danilo desviou escanteio cobrado por Ro-marinho. A bola sobrou para o zagueiro Paulo An-dré que, de cabeça, abriu o marcador.

Apesar de pressionar, o Peixe trocava passes no meio de campo, mas não conseguia escapar da mar-cação corintiana. Cícero e Montillo arriscaram al-guns chutes, mas sem peri-go para meta de Cássio.

Com espaço para contra--atacar, o Timão teve duas

boas chances para ampliar, mas Fábio Santos e Romari-nho desperdiçaram.

Na segunda etapa, Pato entrou no lugar de Guer-rero, pelo lado do Corin-thians, e Leandrinho, na vaga de Alison, pelo San-tos. O jogo recomeçou com mais velocidade e

aos 10 minutos, Willian José recebeu lançamento de Montillo e empatou a partida.

O clima esquentou após pequena confusão e o árbi-tro expulsou Willian José e Paulo André. Cansados, os times pouco produziram depois disso na Vila. METRO

Clássico. Com gols de Paulo André, pelo Corinthians, e Willian José, pelo Santos, resultado foi ruim para as duas equipes. Os dois artilheiros do jogo acabaram expulsos

Empate não ajuda ninguém na Vila

Aranha; Cicinho (Galhardo), Edu Dracena , Durval e

Léo (Mena); Arouca, Alison (Leandrinho), Cícero e Montillo; Neilton e Willian José . Técnico: Claudinei Oliveira

Cássio; Edenílson , Gil, Paulo André e Fábio

Santos; Ralf, Guilherme, Romarinho (Ibson), Danilo (Douglas ) e Renato Augusto; Guerrero (Alexandre Pato). Técnico: Tite

11

• Gols. Paulo André aos 3 minutos do 1º tempo e Willian José aos 10 minutos do 2º tempo.

• Arbritagem. Marcelo Aparecido de Souza

SANTOS

CORINTHIANS

Brasileirão 12ª rodada

24 DE JULHO

0 X 1SÃO PAULO INTERNACIONAL

ONTEM

1 X 1VITÓRIA FLUMINENSE

1 X 2CRICIÚMA CRUZEIRO

1 X 1FLAMENGO PORTUGUESA

1 X 0ATLÉTICO-PR BAHIA

2 X 1GOIÁS NÁUTICO

2 X 2ATLÉTICO-MG BOTAFOGO

1 X 1SANTOS CORINTHIANS

CLASSIFICAÇÃOSÉRIE A

P V GP SG1º CRUZEIRO 24 7 25 15

2º BOTAFOGO 24 7 20 8

3º CORITIBA 20 5 17 5

4º VITÓRIA 19 5 17 4

5º ATLÉTICO-PR 19 5 21 3

6º INTERNACIONAL 19 5 19 3

7º BAHIA 19 5 13 2

8º CORINTHIANS 18 4 11 5

9º GRÊMIO 16 4 12 1

10º GOIÁS 16 4 11 -5

11º FLUMINENSE 14 4 15 -2

12º VASCO 14 4 17 -4

13º FLAMENGO 14 3 13 0

14º SANTOS 13 3 13 2

15º PONTE PRETA 11 3 13 -3

16º ATLÉTICO-MG 11 3 11 -7

17º CRICIÚMA 11 3 14 -8

18º SÃO PAULO 9 2 11 -3

19º PORTUGUESA 9 1 13 -6

20º NÁUTICO 7 2 8 -10

Classificados para a Libertadores Rebaixados para a Série B

HOJE

21h

XVASCO PONTE PRETA

21h

XGRÊMIO CORITIBA

O volante Arouca admitiu que a goleada sofrida para o Barcelona, por 8 a 0, aba-lou a equipe, que ontem não conseguiu passar pelo Corinthians na Vila Belmi-ro. Mas o camisa 5 afirmou que a equipe não pode ficar desanimada.

“Temos um jogo muito di-fícil com o Cruzeiro [domin-go, no Mineirão]. Passamos por uma situação que ficamos muito abalamos, sentimos muito esses 8 a 0, mas temos de levantar a cabeça”, disse.

Zinho na áreaEx-meia de Flamengo e Palmeiras, Zinho foi ofi-cializado ontem como no-vo gerente de futebol re-munerado do Peixe. Ele substitui Nei Pandolfo no cargo e inicia os traba-lhos no clube na próxima segunda-feira.

No ano passado, Zinho atuou como diretor de fu-tebol do Flamengo por se-te meses durante a ges-tão de Patrícia Amorim na presidência. METRO

Um dos destaques do Ti-mão na vitória por 2 a 0 sobre o Criciúma, no do-mingo, quando anotou um belo gol, o meia Renato Augusto afirmou que nem sempre o Corinthians vai jogar bem.

“Nem sempre dá para jogar 100% e dar espetácu-lo. Agora é ter tranquilida-de. A gente tem uma se-quência grande de jogos e vamos ver o que tem pela frente”, disse o camisa 8, que foi novamente titular.

Já o volante Ralf lamen-tou a falta de pontaria do time no 1º tempo: “A gente teve mais chance de finali-zar, dava para ampliar no 1º tempo. Tínhamos tudo para sair com os três pon-tos hoje.”

O lateral Fábio Santos disse que a equipe foi pe-nalizada por ter diminuí-do o ritmo no 2º tempo: “Se a gente tivesse man-tido o padrão dos últimos jogos, nós teríamos venci-do.” METRO

8.120mil pagantes compareceram à Vila Belmiro ontem, na primeira partida do Peixe após o retorno da Espanha. O clássico alvinegro gerou uma renda de R$ 231.351,00 aos cofres do clube da Baixada Santista.

‘Temos de levantar a cabeça’, afirma Arouca

Renato Augusto: ‘Nem sempre vamos dar show’

Corintiano Guerrero se enrosca com o capitão do Santos Edu Dracena

LUIZ FERNANDO MENEZES/FOTOARENA

Page 33: 20130808_br_metro sao paulo

SÃO

PAU

LO - Q

UIN

TA-FEIR

A, 8 D

E AG

OSTO

DE 2013

Page 34: 20130808_br_metro sao paulo
Page 35: 20130808_br_metro sao paulo
Page 36: 20130808_br_metro sao paulo