2 pré história

Download 2 pré história

Post on 28-Jun-2015

7.336 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. PR-HISTRIAe as artes visuais</li></ul> <p> 2. ARTE RUPESTRE 3. Um dos perodos maisfascinantesdahistriahumana a Pr-Histria.Esse perodono foiregistradopor nenhumdocumento escrito, pois exatamente a poca anterior escrita. Tudo o quesabemos dos homens queviveram nesse tempo oresultado da pesquisa deantroplogos, historiadores edos estudos da modernacincia arqueolgica, quereconstituram a cultura dohomem da Idade da Pedra. 4. PALEOLTICO A principal caracterstica dos desenhos daIdade da Pedra Lascada o naturalismo. Ohomem pintava os seres, um animal, porexemplo, do modo como o via de umadeterminada perspectiva, reproduzindo anatureza tal qual sua vista captava. O homem deste perodo era nmade. Os homens do Paleoltico Superiorrealizaram tambm trabalhos em escultura. 5. primeiros homindeos; caa e coleta; instrumentos de pedra epedra lascada, madeira eossos: facas, machados.PALEOLTICO INFERIOR 6. instrumentos de marfim,ossos, madeira e pedra:machado, arco e flecha,lanador de dardos, anzole linha; e desenvolvimento dapintura e da escultura.PALEOLTICO SUPERIOR 7. ALTAMIRA, ESPANHAFormas com volume, bastante naturais. 8. Cavernas pouco acessveis.Rituais mgicos atravs do desenho. 9. Vnus de Laussel, Marquay, na Dordonha francesa. 10. Relevo adaptado na pedra. 11. ESCULTURAS DE ANIMAIS 12. ESCULTURAS DE DIVERSAS VNUS 13. instrumentos de pedra polida,enxada e tear; controle do fogo; incio do cultivo dos campose criao de animais; artesanato: cermica e tecidos; pinturas geometrizadas; construo de pedra; instituio da famlia; primeiros arquitetos do mundo.NEOLTICO 14. CERMICA NEOLTICANota-se a preocupao com o ornamento, no apenas com a utilidade do objeto. 15. Representao social. 16. Ideia de movimento atravs da pintura. Simplificao das formas. 17. Primeira escrita pictogrfica. 18. aproximadamente 5.000 a 3.500 a.C. aparecimento de metalurgia (cobre bronze e ferro); aparecimento das cidades; inveno da roda; inveno da escrita; arado de bois.IDADE DOS METAIS 19. Chapu cnicoouro, Alemanha ou Suia, sc. X-VIII aC 20. Sepultura da Necrpole de Varna, o Punhal de cobre.primeiro ouro trabalhado do mundo. 21. ARQUITETURA Final do perodoneoltico, incio daIdade do Bronze; Construesemblocos de pedras; Sistema de alavancaspararealizarasconstrues. 22. Caverna de Menga, Antequera, Mlaga. 23. MENIRES Pedras gigantescravadas verticalmenteno solo em fileiras; deram origem scolunas. Mais tardepercebeu-se que,usando trs elementos,era possvel construir.Assim nasceu o dlmen(Breto dol = mesa, men= pedra), em forma demesa, formado por duascolunas que apoiavamuma arquitrave.Menir dos Almendres, vora, Portugal. 24. Alinhamento de menires de Carnac Morbihan, Bretanha,Frana. 25. DLMENS Corredor que possibilitao acesso a uma tumba; A cmara dolmnicaera construda comgrandes pedrasverticais que sustentamuma grande lajehorizontal de cobertura.Anta de S. Geraldo, Portugal. 26. Dlmen de Chan de Arquin, Pennsula de Morrazo, Pontivedra. 27. Dlmen de Creu dem Cobertella. Roses, Gerona. 28. CROMLECH Cromeleque, oucromlech, o conjuntode diversos meniresdispostos em um ouvrios crculos, emelipses, emrectngulos, emsemicrculo ou aindaestruturas maiscomplexas como ocromeleque dosAlmendres. Cromeleque dos Almendres. 29. Cromlech duplo de Er Lannic Morbihan, Bretanha, Frana. 30. Patrimnio Mundial da UNESCO, Stonehenge, Reino Unido. 31. algumas rochassoprovenientesde umapedreira no Pas de Gales,a 260 km do sul daInglaterra; provavelmente, pessoasusaram troncos de rvorescomo rodas para conseguirtransportar as pedras; Aproximadamente 600homens puxaram ouempurraramas rochasdurante todo o trajeto.ROBERT IXER, DA UNIVERSITY OF LEICESTER, E RICHARD BEVINS, DO NATIONALMUSEUM OF WALES - 2012. 32. NURANGUES So edificaesem pedras,sem nenhumaargamassa eem forma decone truncado. 33. Dun Carlowaybroch, Isle of Lewuis, Outer Hebrides 34. Losanurague, Sardenha 35. ARTE RUPESTRE BRASILEIRA No Brasil, as artes Na regio de sorupestres so deRaimundo Nonato,diferentes pocas: no pertence ao estado dePiau, os clculosPiau, h cerca de 400mostram mais ou stios arqueolgicos.menos 32 mil anos: na Em 1995, foi criado oBahia tem cerca de 8Parque Nacional damil anos e, em Gois, Serra da Capivara e,o desenhos so de posteriormente, essapouco mais de 2 mil regio foi tombada comanos. patrimnio cultural dahumanidade. 36. Stio : Xique-Xique I - Carnaba dos Dantas - Serid - RN 37. Stio : Xique-Xique I - Carnaba dos Dantas - Serid - RN 38. Stio : Toca do Salitre - Serra da Capivara - PI 39. Stio : Toca da Entrada do Baixo da Vaca - Serra da Capivara -PI 40. Nicho Policrmico - Toca do Boqueiro da Pedra Furada - Serra da Capivara - PI 41. Stio : Toca do Morcego - Serra da Capivara - PI 42. Stio : Furna do Caboclo - Serid - RN 43. PINTURA NAS CAVERNAS PICHAESPR-HISTRIA E A ARTE 44. Mscara ritual do Alasca, representando um demnio da montanha comedor dehomens, com o rosto manchado de sangue. / Mscara ritual da Nova Guin. Usada pormembros de uma sociedade secreta. Londres, Museu Britnico. 45. "Les Demoiselles dAvignon", Pablo Picasso, 1907. 46. Tarsila do Amaral: O Touro, 1928 e A Negra, 1923. 47. CAIU EM PROVA(ENEM/2007) A pintura rupestre ao lado, que um patrimnio cultural brasileiro, expressa:a) o conflito entre os povos indgenas e os europeus durante o processo de colonizao do Brasil.b)a organizao social e poltica de um povo indgena e a hierarquia entre seus membros.c) aspectos da vida cotidiana de grupos que viveram durante a chamada pr-histria do Brasil.d) os rituais que envolvem sacrifcios de grandes dinossauros atualmente extintos.e) a constante guerra entre diferentes grupos paleondios da Amrica durante o perodo Pintura rupestre da Toca do Paja colonial.PI. Internet: . 48. Toca do Salitre - Piau Arte Urbana. Foto: Diego SinghDisponvel em: http://www.fumdham.org.br. Acesso em: 27 jul. 2010 Disponvel em: http://www.diaadia.pr.gov.br. Acesso em: 27 jul. 2010.(ENEM/2011) O grafite contemporneo, considerado em alguns momentoscomo uma arte marginal, tem sido comparado s pinturas murais de vriaspocas e s escritas pr-histricas. Observando as imagens apresentadas, possvel reconhecer elementos comuns entre os tipos de pinturasmurais, tais como:a) a preferncia por tintas naturais, em razo de seu efeito esttico.b) a inovao na tcnica de pintura, rompendo com modelosestabelecidos.c) o registro do pensamento e das crenas das sociedades em vriaspocas.d) a repetio dos temas e a restrio de uso pelas classes dominantes.e) o uso exclusivista da arte para atender aos interesses da elite.</p>