1zse 5492-154 pt rev 4 - library.e.abb.com .– os ponteiros de arraste mostram a posição máxima

Download 1ZSE 5492-154 pt Rev 4 - library.e.abb.com .– Os ponteiros de arraste mostram a posição máxima

Post on 09-Jan-2019

218 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Comutadores de derivao em carga tipo UZManual do Usurio

1ZSE 5492-154 pt, Rev. 4

Instruo original

As informaes fornecidas neste documento tm o intuito de ser gerais, sem abranger todas as aplicaes possveis. Para qualquer aplicao especfica no includa, consulte diretamente a ABB ou seu representante autorizado.

A ABB no oferece garantias nem representao, nem assume nenhuma responsabilidade pela exatido das informaes contidas neste documento nem pelo uso destas informaes. Todas as informaes deste documento esto sujeitas a alteraes sem aviso prvio.

Este documento no deve ser copiado sem a autorizao por escrito da ABB e, como tal, seu contedo no pode ser divulgado a terceiros ou ser usado para qualquer fim no autorizado. As infraes sero punidas.

Declarao do fabricante

O fabricante ABB AB Components SE-771 80 LUDVIKA Sucia

Declara por meio deste que

os produtos Comutadores de derivao em carga tipos UZE e UZF com mecanismos de acionamento por motor, tipo BUF 3

atendem s seguintes exigncias:

Por projeto, a mquina, considerada como um componente de um transformador de potncia preen-chido com leo mineral, est em conformidade com as exigncias da

Diretriz de Maquinrio (Machinery Directive) 89/392/EEC (91/368/EEC e 93/44/EEC alteradas) e 93/68/EEC (marcao) e desde que a instalao e a conexo eltrica sejam realizadas corretamente pelo fabricante do transformador (ou seja, em conformidade com nossas Instrues de Instalao). e

Diretriz EMC 89/336/EEC relativa s caractersticas intrnsecas de nveis de emisso e imunidade e

DiretrizdeBaixaVoltagem(LowVoltageDirective)73/23/EEC(modificadapelaDiretriz93/68/EEC)relativa ao motor incorporado e ao equipamento nos circuitos de controle.

Certificado de Incorporao:

As mquinas acima no devem ser colocadas em servio at que o maquinrio ao qual foram in-corporadas tenha sido declarado como estando em conformidade com a Diretriz de Maquinrio.

Data 2013-02-15

Assinado por .........................................................................

Hans Linder

Ttulo Gerente de comutadores de derivao, Componentes da unidade de grupo de produto local

4 Manual do usurio do UZ' | 1ZSE 5492-154 pt, Rev. 4

IntroduoA srie UZ de comutadores de derivao em carga fabricados pela ABB foi desenvolvida ao longo de vrios anos para oferecer confiabilidade mxima. O projeto simples e robusto oferece uma vida til igual vida til do transformador. A manuteno necessria para uma operao sem problemas mnima. As nicas peas que requerem manuteno so os contatos que podem precisar de substituio durante a vida til, o leo isolante e o mecanismo acionado por motor.

O projeto permite acesso rpido a todas as partes, facilitando e simplificando a inspeo e a manuteno.

O tipo de comutador de derivao em carga UZE/UZF colocado em um tanque preenchido com leo, separado do tanque do transformador. O mecanismo acionado por motor acoplado no lado do tanque do comutador de derivao.

Avisos de seguranaOs avisos e as notas seguintes so usados neste manual:

AVISO

AVISO indica uma situao iminentemente perigosa que, se no evitada, resultar em morte ou leso grave. Essa palavra de sinalizao deve ser limitada s situaes mais extremas.

AVISO tambm indica uma situao potencialmente perigosa, que, se no evitada, poder resultar em morte ou leso grave.

ATENO

ATENO indica uma situao potencialmente perigosa, que, se no evitada, poder resultar em leso menor ou moderada. Tambm pode ser usado para alertar quanto a praticas no seguras.

ATENO tambm pode indicar riscos somente de danos materiais

Precaues de segurana

AVISO

As pessoas que operam e inspecionam o comutador de derivao devem possuir conhecimentos slidos sobre o equipamento e devem estar cientes dos riscos indicados neste manual.

As pessoas que realizam conexes eltricas no mecanismo de acionamento por motor devem possuir certificao.

AVISO

Pequenas quantidades de gases explosivos podem ser liberadas dos dispositivos de respirao (respirador dessecador ou respirador de uma via). necessrio assegurar que no existam chamas, superfcies quentes ou fagulhas nas vizinhanas imediatas dos dispositivos de respirao.

AVISO

O tanque do comutador de derivao preenchido com leo. As tampas s podem ser abertas por um especialista e depois que o transformador estiver fora de servio e o comutador de derivao for drenado.

AVISO

A cobertura para acesso aos condutores no topo do tanque UZF s pode ser aberta aps drenar o tanque principal do transformador.

ATENO

Aps um disparo de um dispositivo supervisor, um especialista deve realizar uma inspeo. O comutador de derivao deve ser drenado, aberto e cuidadosamente investigado antes de o transformador ser reenergizado.

1ZSE 5492-154 pt, Rev. 4 | Manual do usurio do UZ' 5

Operao

AVISO

A manivela no deve ser inserida durante a operao eltrica.

AVISO

Se o comutador de derivao no estiver na posio correta e a manivela estiver puxada para fora, o mecanismo acionado por motor ser acionado e ir para a posio exata se a alimentao estiver ligada.

AVISO

Se houver falha da fonte de alimentao durante a operao, a operao ser concluda quando a energia retornar.

O indicador de posio mostra a posio real do comutador.

Os ponteiros de arraste mostram a posio mxima e mnima de derivao entre as quais o comutador de derivao tem operado desde a ltima reinicializao.

O indicador de comutao em andamento mostra VERMELHO durante a operao e BRANCO quando o comutador de derivao est na posio.

Para reinicializar a parada de emergncia, gire o boto no sentido horrio.

A chave REMOTA/LOCAL. Na posio LOCAL, o comutador de derivao pode ser operado pela chave ELEVAR/ABAIXAR. Na posio LOCAL, a operao remota no pode ser realizada. Na posio REMOTA, o comutador operado da sala de controle ou por um regulador de voltagem. A operao local no possvel na posio remota.

Em caso de falha na fonte de alimentao do mecanismo acionado por motor, possvel acionar manualmente o comutador. Coloque a manivela no eixo. Gire na direo desejada segundo a placa de informaes acima do eixo. 20voltasparaumaoperaocompleta.Continueagirarat que o indicador de comutao em andamento mostre branco. Quando a manivela inserida, impossvel realizar qualquer operao eltrica.

Termostato para aquecedor extra (opcional). Recomendamos ajustar para +5C.

Hidrstato para aquecedor extra (opcional). Recomendamos ajustar para aproximadamente 60%.

Sada (opcional) com protetor de falha de aterramento.

Normalmente o comutador de derivao controlado por um regulador de tenso e no necessrio operar manualmente o comutador de derivao e o mecanismo acionado por motor.

Programa de manuteno

ATENO

Para manter a alta confiabilidade do comutador de derivao importante que as s inspees e os recondicionamentos sejam realizados no intervalo declarado na placa de especificaes.

A manuteno do comutador de derivao consiste em trs etapas principais:

Inspeo, realizada pela equipe do local uma vez por ano (veja abaixo).

Recondicionamento, realizado por um especialista nos intervalos indicados na placa de especificaes

Substituio dos contatos realizada por um especialista. A necessidade ou no de substituio determinada durante o recondicionamento.

Um especialista um engenheiro de servio da ABB ou uma pessoa autorizada treinada pela ABB para trabalhos de manuteno nos comutadores de derivao UZ.

6 Manual do usurio do UZ' | 1ZSE 5492-154 pt, Rev. 4

Procedimento

AVISO

A verificao do respirador e o nvel de leo deve ser realizada ao nvel do solo porque o transformador est energizado.

1. Verificao do respirador

AVISO

Os respiradores e o tubo do conservador podem conter gases explosivos. No pode haver chamas expostas, superfcies quentes ou fagulhas presentes ao se remover o respirador.

Se o conservador de leo tiver um respirador dessecante, e mais da metade do dessecante tiver mudado de cor, ele dever ser seco ou substitudo. Veja a seguir quanto secagem. O dessecante geralmente comea a mudar de cor na parte inferior do respirador. Se ele mudar de cor na parte superior do respirador, h uma fuga nas conexes com o conservador. Localize a fuga e vede-a.

Se o respirador tiver um coletor de leo, verifique o leo.

Para substituir o dessecante, faa o seguinte: Desmonte o respirador e esvazie o agente. Substitua por dessecante novo. Alternativamente, seque

o dessecante antigo colocando-o em uma rede e no forno, com temperatura de cerca de +100 oC (+212 oF), at que ele mude de cor novamente.

Encha o respirador com dessecante. Limpe as roscas e aplique fita de vedao. Remonte o respirador.

2. Verificao do nvel do leoA +20 C (68 F), o leo enchido at o nvel onde o ponteiro do indicador de nvel de leo esteja a meio caminho entre MIN. e MAX.

Para temperaturas diferentes de +20 C (68 F), faa o seguinte: Para cada aumento de temperatura de 10C (18F),

ajuste o nvel de leo para cima um dcimo da escala do indicador do nvel de leo.

Para cada reduo de temperatura de 10C (18F), ajuste o nvel de leo para baixo um dcimo da escala do indicador do nvel de leo.

Inspeo

ATENO

necessrio obter aprovao do engenheiro responsvel no local para inspeo e operao do comutador de derivao.

recomendvel inspecionar o comutador de derivao uma vez por ano. Isso se refere principalmente ao mecanismo acionado por motor e inspeo visual dentro do gabinete do BUF 3 para verificar se no existe nenh