1o disciplina - orcamento publico

Download 1o Disciplina - Orcamento Publico

Post on 02-Jan-2016

246 views

Category:

Documents

54 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Referncias

    ABNT. NBR 6022: informao e documentao: artigo em publicao peridica cientfica impressa: apresentao. Rio de Janeiro, 2003. 5 p.

    ABNT. NBR 6023: informao e documentao: elaborao: referncias. Rio de Janeiro, 2002. 24 p.

    ABNT. NBR 14724: informao e documentao: trabalhos acadmicos: apresentao. Rio de Janeiro, 2002. 6 p.

    COMARELLA, Rafaela Lunardi. Educao superior a distncia: evaso discente. Florianpolis, 2009. 125 f. Dissertao (Mestrado em Engenharia e Gesto do Conhecimento) Centro Tecnolgico, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianpolis, 2009.

    DAL MOLIN, Beatriz Helena et al. Mapa referencial para construo de material didtico para o Programa e-Tec Brasil. Florianpolis: UFSC, 2008. 73 p.

    SOBRENOME, Nome. Ttulo do livro. Cidade: Editora, ano.

    SOBRENOME, Nome. Ttulo do artigo: complemento. Nome da Revista, Cidade, v. X, n. X, p. XX-XX, ms ano.

    SOBRENOME, Nome. Ttulo do trabalho publicado. In: NOME DO CONGRESSO. Nmero, ano, cidade onde se realizou o Congresso. Anais ou Proceedings ou Resumos... Local de publicao: Editora: data de publicao. Volume, se houver. Pginas inicial e final do trabalho.

    AUTOR. Ttulo. Informaes complementares (Coordenao, desenvolvida por, apresenta..., quando houver etc...). Disponvel em: . Acesso em: dia ms ano.

    Oramento PblicoCarlos Alberto de vila

    2012Curitiba-PR

    PARAN

  • Catalogao na fonte pela Biblioteca do Instituto Federal de Educao, Cincia e Tecnologia - Paran

    INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAO, CINCIA E TECNOLOGIA - PARAN - EDUCAO A DISTNCIAEste Caderno foi elaborado pelo Instituto Federal do Paran para o Sistema Escola Tcnica Aberta do Brasil - e-Tec Brasil.

    Presidncia da Repblica Federativa do Brasil

    Ministrio da Educao

    Secretaria de Educao a Distncia

    Prof. Irineu Mario ColomboReitor

    Prof. Joelson JukChefe de Gabinete

    Prof. Ezequiel WestphalPr-Reitoria de Ensino - PROENS

    Prof. Gilmar Jos Ferreira dos SantosPr-Reitoria de Administrao - PROAD

    Prof. Silvestre LabiakPr-Reitoria de Extenso, Pesquisa e Inovao - PROEPI

    Neide AlvesPr-Reitoria de Gesto de Pessoas e Assuntos Estudantis - PROGEPE

    Bruno Pereira FaracoPr-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional - PROPLAN

    Prof. Jos Carlos CiccarinoDiretor Geral do Cmpus EaD

    Prof. Marcelo Camilo PedraDiretor de Planejamento e Administrao do Cmpus EaD

    Prof. Mrcia Freire Rocha Cordeiro MachadoDiretora de Ensino, Pesquisa e Extenso do Cmpus EaD

    Prof. Cristina Maria AyrozaAssessora de Ensino, Pesquisa e Extenso DEPE/EaD

    Prof. Mrcia Denise Gomes Machado CarliniCoordenadora de Ensino Mdio e Tcnico do Cmpus EaD

    Prof. Elaine ArantesCoordenadora do Curso

    Adriana Valore de Sousa BelloMayara Machado Gomes FariaFrancklin de S LimaKtia Regina Vasconcelos FerreiraAssistncia Pedaggica

    Prof. Ester dos Santos OliveiraProf. Sheila Cristina MocellinProf. Vanessa dos Santos StanqueviskiReviso Editorial

    Eduardo Artigas AntoniacomiDiagramao

    e-Tec/MECProjeto Grfico

  • e-Tec Brasil3

    Apresentao e-Tec Brasil

    Prezado estudante,

    Bem-vindo ao e-Tec Brasil!

    Voc faz parte de uma rede nacional pblica de ensino, a Escola Tcnica

    Aberta do Brasil, instituda pelo Decreto n 6.301, de 12 de dezembro 2007,

    com o objetivo de democratizar o acesso ao ensino tcnico pblico, na

    modalidade a distncia. O programa resultado de uma parceria entre o

    Ministrio da Educao, por meio das Secretarias de Educao a Distncia

    (SEED) e de Educao Profissional e Tecnolgica (SETEC), as universidades e

    escolas tcnicas estaduais e federais.

    A educao a distncia no nosso pas, de dimenses continentais e grande

    diversidade regional e cultural, longe de distanciar, aproxima as pessoas ao

    garantir acesso educao de qualidade, e promover o fortalecimento da

    formao de jovens moradores de regies distantes, geograficamente ou

    economicamente, dos grandes centros.

    O e-Tec Brasil leva os cursos tcnicos a locais distantes das instituies de

    ensino e para a periferia das grandes cidades, incentivando os jovens a

    concluir o ensino mdio. Os cursos so ofertados pelas instituies pblicas

    de ensino e o atendimento ao estudante realizado em escolas-polo

    integrantes das redes pblicas municipais e estaduais.

    O Ministrio da Educao, as instituies pblicas de ensino tcnico, seus

    servidores tcnicos e professores acreditam que uma educao profissional

    qualificada integradora do ensino mdio e educao tcnica, capaz

    de promover o cidado com capacidades para produzir, mas tambm com

    autonomia diante das diferentes dimenses da realidade: cultural, social,

    familiar, esportiva, poltica e tica.

    Ns acreditamos em voc!

    Desejamos sucesso na sua formao profissional!

    Ministrio da Educao

    Janeiro de 2010

    Nosso contato

    etecbrasil@mec.gov.br

  • e-Tec Brasil5

    Indicao de cones

    Os cones so elementos grficos utilizados para ampliar as formas de

    linguagem e facilitar a organizao e a leitura hipertextual.

    Ateno: indica pontos de maior relevncia no texto.

    Saiba mais: oferece novas informaes que enriquecem o assunto ou curiosidades e notcias recentes relacionadas ao

    tema estudado.

    Glossrio: indica a definio de um termo, palavra ou expresso utilizada no texto.

    Mdias integradas: sempre que se desejar que os estudantes desenvolvam atividades empregando diferentes mdias: vdeos,

    filmes, jornais, ambiente AVEA e outras.

    Atividades de aprendizagem: apresenta atividades em diferentes nveis de aprendizagem para que o estudante possa

    realiz-las e conferir o seu domnio do tema estudado.

  • e-Tec Brasil

    Sumrio

    Palavra do professor-autor 9

    Aula 1 - Introduo administrao pblica 111.1 Conceitos Bsicos - Administrao Pblica 11

    1.2 Ferramenta de gesto 13

    Aula 2 - Noes sobre oramento 152.1 Conceituando oramento 16

    2.2 Planejamento 17

    Aula 3 - Oramento Pblico 21

    Aula 4 - Oramento pblico - instrumento de gesto 254.1 Oramento pblico como instrumento de gesto 25

    Aula 5 - Tipos de oramento 295.1 Oramento tradicional 29

    5.2 Oramento base zero 30

    5.3 Oramento-Programa 30

    Aula 6 - Oramento participativo 336.1 Oramento participativo no Brasil 33

    Aula 7 - Classificao do oramento pblico 377.1 Classificao oramentria prevista em lei 37

    7.2 PPA - Plano Plurianual 38

    Aula 8 - Lei de Diretrizes Oramentrias 418.1 LDO - Lei de Diretrizes Oramentrias 41

    Aula 9 - LOA - Lei Oramentria Anual 459.1 LOA - Lei Oramentria Anual 45

    Aula 10 - Receita Pblica 4910.1 Conceitos de receita pblica 49

    Aula 11 - Classificao da receita pblica 5311.1 Receita e Ingresso 53

    Aula 12 - Receitas oramentrias 5712.1 Categorias econmicas 57

  • Aula 13 - Outras classificaes da receita oramentria 6313.1 Classificao por grupos 63

    13.2 Classificao quanto coercitividade 64

    13.3 Classificao quanto afetao do Patrimnio 64

    Aula 14 - Outras classificaes da receita 6714.1 Classificao da receita por natureza: 67

    14.2 Classificao da receita por fontes de recursos 69

    14.3 Classificao da Receita por Identificador de Resultado Primrio 72

    14.4 Classificao das Receitas do Oramento da Seguridade Social 73

    Aula 15 - Estgios da receita pblica 7515.1 Estgios (etapas ou fases) da receita pblica 75

    Aula 16 - Despesa pblica 7916.1 Conceitos de despesa pblica 79

    16.2 Classificao da despesa pblica 80

    Aula 17 - Categorias econmicas da despesa oramentria 8317.1 Despesas correntes 83

    17.2 Despesas de capital 84

    17.3 Grupo de Natureza da Despesa (GND) 85

    Aula 18 - Outras caractersticas da despesa 8718.1 Modalidade de aplicao 87

    18.2 Elemento de despesa 89

    18.3 Classificao institucional 92

    18.4 Classificao funcional da despesa 92

    Aula 19 - Crditos adicionais e estgios da despesa 9519.1 Crditos adicionais 95

    19.2 Estgios da despesa 97

    Aula 20 - Princpios e ciclo oramentrio 10120.1 Princpios oramentrios 101

    20.2 Ciclo oramentrio 104

    Referncias 109

    Atividades autoinstrutivas 111

    Currculo do professor-autor 125

    e-Tec Brasil

  • e-Tec Brasil9Palavra do professor-autor

    Palavra do professor-autor

    Prezado Aluno

    Durante a preparao deste material, procurei cuidadosamente adequ-lo

    s necessidades da proposta pedaggica do curso. Busquei destacar em

    cada aula informaes que no ponto de vista do gestor pblico, acredito

    serem importantes. A construo deste material foi desenvolvida aliando as

    situaes de aplicabilidade prtica ao contexto do Gestor Pblico, de acordo

    a minha experincia profissional e nos trabalhos que desenvolvi nesta rea.

    O objetivo deste livro proporcionar condies de facilitar a sua compreenso

    do contexto no qual a gesto pblica est inserida. importante ressaltar, que

    os textos so bsicos, se considerarmos o universo de assuntos pertinentes

    a esta rea. Portanto a complementao de estudos deve ser sua meta

    diria para que consiga associar suas experincias pessoais e profissionais ao

    contedo ministrado e assim possa ter um crescimento satisfatrio.

    Se, por qualquer motivo voc achar importante trazer outras informaes

    que no foram destacadas neste livro, que venham a contribuir com

    a melhoria das nossas aulas, no deixe de sugerir. muito importante a

    sua participao. Atualmente uma das ferramentas de grande valia do

    meio do conhecimento a troca de experincias, portanto dilogo, com

    os colegas de sala, professores, tutores e pessoas do seu meio profissional

    vital para o se