1 aula eps

Download 1 aula eps

Post on 07-Jun-2015

882 views

Category:

Education

4 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Aula 3

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. Educao para SadeSade Pblica, Educao para Sade e o meio ambiente de trabalhoDefinies bsicas envolvidas na esfera da sade coletiva</li></ul> <p> 2. Organizao curricularTST A matriz curricular do curso de Segurana doTrabalho foiconfeccionada de acordo com a caracterizao da rea deSade.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 3. Competncias doTST identificar os determinantes e condicionantes do processo sade doena; identificar a estrutura e organizao do sistema de sade vigente; identificar funes e responsabilidades dos membros da equipe de trabalho; planejar e organizar o trabalho na perspectiva do atendimento integral e de qualidade; realizar trabalho em equipe, correlacionando conhecimentos de vrias disciplinas ou cincias, tendo em vista o carterinterdisciplinar da rea; aplicar normas de biossegurana; aplicar princpios e normas de higiene e sade pessoal e ambientais; interpretar e aplicar legislao referente aos direitos do consumidor/usurio; identificar e aplicar princpios e normas de conservao de recursos no- renovveis e de preservao do meio ambiente; aplicar princpios ergonmicos na realizao do trabalho; avaliar riscos de iatrogenias, ao executar procedimentos tcnicos; interpretar e aplicar normas do exerccio profissional e princpios ticos que regem a conduta do profissional de sade; identificar e avaliar rotinas, protocolos de trabalho, instalaes e equipamentos; operar equipamentos prprios do campo de atuao, zelando pela sua manuteno; registrar ocorrncias e servios prestados de acordo com exigncias do campo de atuao; informar o cliente/paciente, o sistema de sade e outros profissionais sobre servios prestados; orientar clientes/pacientes a assumirem, com autonomia, a prpria sade; coletar e organizar dados relativos ao campo de atuao; utilizar recursos e ferramentas de informtica especfica da rea; realizar primeiros socorros em situaes de emergncia.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 4. Competncias do tcnico em SeguranadoTrabalho Cabe ao tcnico em Segurana doTrabalho promover aconscientizao coletiva na busca de resultados na rea esaber vender que a preveno da integridade fsica e dasade das pessoas no ambiente de trabalho tarefa detodos, no s dele. Dentro dos modernos conceitos de gesto, esse profissionalatua como consultor de segurana, orientando eaconselhando sobre a forma de agir para garantir a prtica deatividades seguras.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 5. Competncias do tcnico em SeguranadoTrabalho A capacidade de promover reunies, realizar palestras etreinamentos e de criar estratgias para informar aostrabalhadores sobre os prejuzos que os acidentes detrabalho causam, e que a sua ao ou omisso so condiesvalorizadas neste processohttp://tstbiosseguranca.es.tl/ 6. Papel do tcnico emSegurana doTrabalhohttp://tstbiosseguranca.es.tl/ 7. Sade Pblica A expresso sade pblica pode dar margem a muitasdiscusses quanto a sua definio, campo de aplicao eeventual correspondncia com noes veiculadas, muitas vezes,de modo equivalente, tais como: sade coletiva, medicinasocial, medicina preventiva, medicina comunitria, higienismo esanitarismo. Em geral, a conotao veiculada pela instncia da sade pblicacostuma se referir a formas de agenciamento poltico egovernamental (programas, servios e instituies) no sentidode dirigir intervenes voltadas s denominadas necessidadessociais de sade.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 8. Sade Pblica Podem-se identificar pelo menos 5 conotaes diferentes em que aexpresso sade pblica empregada: I - o termo pblica equivale ao setor pblico, governamental; II -pode incluir a participao da comunidade organizada, o pblico; III -identifica-se aos servios dirigidos dimenso coletiva(saneamento, por exemplo); IV -acrescenta ao anterior servios pessoais dirigidos a gruposvulnerveis (por exemplo, Programas de Sade Materno Infantil); V -refere-se a problemas de elevada ocorrncia e(ou) ameaadoreshttp://tstbiosseguranca.es.tl/ 9. Introduo Atualmente, apesar de a sade no mais ser consideradaapenas com a inexistncia de doenas, ainda podemosperceber, em diversas situaes, que a prtica dos serviosvolta-se prioritariamente para uma atuao curativa, sem apreocupao de esclarecer suas causas. O processo de sade e doena so manifestaes das formasde viver em sociedade, e no um acaso no destino daspessoas. O processo sade-doena decorre da qualidade de vida dapopulao (trabalhador).http://tstbiosseguranca.es.tl/ 10. Fatores diretamente relacionados com asade Como se vive em sociedade: Classe ou grupo social Cultura Raa Gerao GneroA Sade direito de todos e dever do Estado, garantido mediantepoliticas sociais e econmicas que visem reduo do risco dedoenas e de outros agravos e ao acesso universal e igualitrio saes e servios para a sua promoo, proteo e recuperao"http://tstbiosseguranca.es.tl/ 11. Sade para todos no ano 2000; OMS 1977 Equidade a condio de igualdade de oportunidade para o uso derecursos existentes. Com o objetivo de diminuir asconsequncias negativas associadas ao adoecimento,diferenciando o atendimento conforme sua complexidade. Aes intersetoriais articulao entre os diferentes setores que executam polticaspblicas para planejamento conjunto dos problemas dapopulao.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 12. III Conferncia Internacional de Promooda Sade 1991; Sundsvall-Sucia Caracterizao do que vem a ser ambientes saudveis. Aquele de: Riscos de acidente; Contaminao; Esforo Fsico inadequado Exposio a situaes de discriminao; Violncia Injustiahttp://tstbiosseguranca.es.tl/ 13. O Nvel de sade de uma populaodepende da ao de diversos setores. Populao alvo: aquela populao queesperamos atingir com as aes de sade. Solues tecnocrticas: so solues tcnicasplanejadas de forma burocrtica em gabinetes,sem muitas vezes considerar a realidade sentidapela populao.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 14. Sade coletiva Pode ser interpretado como o conjunto de prticas ehabilidades para o acompanhamento, controle e resoluodos problemas de sade da populao. Ocorre em dois mbitos: Coletivo: aquisio de conhecimento e de priorizao dosproblemas, para orientar a interveno. Especificidade da interveno, estar preparado para o cuidar Iniquidade: so as diferenas sociais injustas e inaceitveis.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 15. Competncia tcnica o conjunto de conhecimentos e habilidades relacionadas sprticas do tcnico em seu ambiente de trabalho. Treinamento adequando; Capacidade de implementar mudanas; Sujeito/Profissional ativo Postura criativa Postura participativahttp://tstbiosseguranca.es.tl/ 16. Esferas da Sade ColetivaDefinies Bsicas envolvidas nas esferas da sade coletivahttp://tstbiosseguranca.es.tl/ 17. Sade Coletiva Esfera 1:O estado de sade da populao ou condies de sade de grupospopulacionais especficos e tendncias gerais do ponto de vistaepidemiolgico, demogrfico, scio-econmico e cultural;http://tstbiosseguranca.es.tl/ 18. Sade Coletiva Esfera 2:Os servios de sade, enquanto instituies de diferentes nveis decomplexidade (do posto de sade ao hospital especializado),abrangendo o estudo do processo de trabalho em sade, aformao e implementao de polticas de sade, bem como aavaliao de planos, programas e tecnologias utilizada na ateno sade;http://tstbiosseguranca.es.tl/ 19. Sade Coletiva Esfera 3:O saber sobre a sade, incluindo investigaes histricas,sociolgicas, antropolgicas e epistemolgicas sobre a produode conhecimentos nesse campo e sobre as relaes entre o sabercientfico e as concepes e prticas populares de sade,influenciadas pelas tradies, crenas e cultura de modo geral.http://tstbiosseguranca.es.tl/ 20. Dr.Jefferson de Oliveirahttp://tstbiosseguranca.es.tl/</p>