090205 Manual Elaboracao PPA Municipios

Download 090205 Manual Elaboracao PPA Municipios

Post on 03-Aug-2015

112 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<p>Ari Vainer Joslia Albuquerque Sol Garson</p> <p>Manual de ElaboraoO passo a passo da Elaborao do PPA para municpios2 edio</p> <p>Ministrio do Planejamento, Oramento e Gesto Banco Nacional de Desenvolvimento Econmico e Social</p> <p>O passo a passo da Elaborao do PPA para municpios</p> <p>SumrioPrefcio ............................................................................................................................................... 5 Apresentao da 2 Edio ............................................................................................................... 7 Apresentao da 1 Edio ............................................................................................................... 9 Prefcio da 1 Edio ...................................................................................................................... 1 1 Apresentao dos Autores da 2 Edio ....................................................................................... 1 3 INTRODUO .............................................................................................................................. 1 7 I.1. Consideraes preliminares ............................................................................................ 1 7 I.2. Legislao ......................................................................................................................... 1 8 I.3. Objetivos ........................................................................................................................... 1 9 I.4. O Ciclo de Gesto do Plano Plurianual ........................................................................ 2 0 I.5. Plano Plurianual - Elementos Essenciais ..................................................................... 2 1 II. ROTEIRO DE ELABORAO DO PLANO PLURIANUAL ................................... 2 3 II.1.Contedo do PPA ............................................................................................................ 2 4 II.2.Etapas da Elaborao do PPA ....................................................................................... 2 5 II.3.Base Estratgica ............................................................................................................... 2 8 II.3.1. A Cidade Situao Atual X Futuro Desejado ................................................... 2 8 II.3.2. Planejamento Territorial Integrado ................................................................... 2 9 II.3.3. Levantamento das aes setoriais ....................................................................... 3 0 II.3.4. Participao popular ............................................................................................. 3 0 II.3.5. Condicionantes do Planejamento - Restries Oramentrias e Financeiras .... 3 0 II.3.6. Orientao Estratgica - Definio de Macroobjetivos ................................... 3 1 II.4.Elaborao de Programas ............................................................................................... 3 1 II.4.1. Consideraes preliminares ................................................................................. 3 1 II.4.2. Levantamento das aes - Programas Finalsticos .......................................... 3 3 II.4.3. Definio dos programas setoriais pelos rgos/entidades .............................. 3 7 II.4.4. Validao de Programas ........................................................................................ 3 8 II.4.5. Planejamento e Responsabilidade Fiscal - A Integrao do PPA com a LOA .... 3 9 Anexo I - Projeo de Receitas ................................................................................................ 4 1 1. Consideraes Gerais .......................................................................................................... 4 3 2. As Modalidades de Receitas Oramentrias .................................................................... 4 5 2.1. Receitas Correntes .......................................................................................................... 4 6 2.1.1. Receitas de impostos diretamente arrecadados e de transferncias constitucionais .......................................................................................................... 4 6 2.1.2. Receitas de Taxas e de Contribuies de Melhoria ............................................ 5 0 2.1.3. Receita de Contribuies ....................................................................................... 5 0</p> <p>3</p> <p>Plano Plurianual - Manual de Elaborao 2.1.4. Receitas Patrimoniais ............................................................................................ 5 1 2.1.5. Receita Agropecuria/Industrial/de Servios ....................................................... 5 1 2.1.6. Transferncias Correntes ...................................................................................... 5 1 2.1.7. Outras Receitas Correntes ..................................................................................... 5 1 2.2. Receitas de Capital ......................................................................................................... 5 2 Anexo II - Restries ao Planejamento Oramentrio ................................................... 5 3 1. Consideraes Gerais ......................................................................................................... 5 5 2. Obrigaes Legais .............................................................................................................. 5 6 2.1. Vinculao de recursos manuteno do ensino fundamental ............................ 5 6 2.2. Vinculao de recursos sade ................................................................................. 5 7 2.3. Limite de despesas com o Poder Legislativo Municipal ...................................... 5 7 2.4. Outras Despesas Com Recursos Vinculados/ Convnios ....................................... 5 8 2.5. Servio da dvida ........................................................................................................ 5 8 2.6. Despesas de Pessoal ................................................................................................... 5 8 3. Restries Oramentrias Alternativas de Ao ........................................................ 6 0 Anexo III - Elaborao de Programas, Modelos de Formulrios .............................................. 6 7 Anexo IV - Projeto de Lei e Anexos do Projeto de Lei - Modelo .......................................... 7 5 Anexo V - Municpio de Feliz-Cidade, Elaborao de Programas ............................................ 8 5 Anexo VI - Municpio de Feliz-Cidade, Projeto de Lei e Anexo ao Projeto de Lei ........... 195</p> <p>4</p> <p>O passo a passo da Elaborao do PPA para municpios</p> <p>Prefcio Desde 2003, quando o Estado retomou a importante tarefa de pensar o futuro, recolocando o planejamento em novas bases, a tarefa de elaborar um Plano Plurianual PPA ganhou centralidade, pois o instrumento com o qual se decide quais so os investimentos prioritrios para um projeto de desenvolvimento. O debate para a elaborao do PPA evidencia questes fundamentais, como: Qual o conjunto de polticas mais adequado para estimular os diversos setores da produo; Quais as melhores polticas para gerar trabalho, emprego e renda; Quais so as aes necessrias para reduzir as desigualdades regionais; Quais os projetos de desenvolvimento e infra-estrutura que vo receber prioridade e recursos; Quais so os ramos da pesquisa cientfica e tecnolgica fundamentais para o crescimento do pas; Quais so as polticas e programas sociais necessrios para o desenvolvimento humano da populao, a incluso social e a melhor distribuio da renda entre os brasileiros.</p> <p>O projeto de um Brasil de todos, materializado no PPA para o perodo 20042007 fruto de um planejamento democrtico do Pas propiciado pelo debate do Governo Federal com os governos estaduais e municipais e as organizaes da sociedade. Para que se combine planejamento nacional com desenvolvimento regional necessrio que essa prtica seja replicada no mbito municipal, pois no local que as relaes entre o Estado e a sociedade organizada vo se estabelecer. Essa obra que o BNDES tem o orgulho de patrocinar poderia receber outro ttulo: Manual de Futuro. Pois o municpio que abraar com criatividade esse passo a passo da elaborao do seu PPA estar preparando um futuro coletivo de maior transparncia, sustentabilidade e riqueza. O desenvolvimento local ganhou enorme relevncia nos ltimos anos, em especial a promoo de organizaes sociais e arranjos produtivos locais. Conceitos como planejamento participativo tambm ganharam novas dimenses e possibilidades, especialmente com o alargamento democrtico dos espaos de organizao e manifestao da sociedade civil. As novas tecnologias de informao e comunicao propiciam inovaes como o governo eletrnico, a incluso digital e a formao de redes5</p> <p>Plano Plurianual - Manual de Elaborao</p> <p>inteligentes. Essas redes de inteligncia coletiva so essenciais para a promoo de novos saltos no desenvolvimento institucional, econmico e cultural no Brasil. No por acaso que a mobilizao e a capacitao de tcnicos de governo de todos os municpios da Federao para a elaborao de seus Planos Plurianuais resulta na formao de uma Rede Nacional de Planejamento e Gesto Pblica. A CAIXA se integra Rede com seus tcnicos, prestando apoio em todo territrio nacional, com o propsito de auxiliar o gestor pblico na formulao e implementao de polticas pblicas voltadas para o desenvolvimento econmico e social. O BNDES amplia o acesso a suas linhas de financiamento e produz conhecimento sobre projetos locais cruciais para a sustentabilidade da Rede. Fazemos votos de que essa nova mobilizao pelo desenvolvimento aprofunde e amplie os horizontes de nosso federalismo fiscal, contribuindo para a modernizao institucional e operativa da vida republicana brasileira. Este Manual de Futuro representa um ingrediente fundamental para o sucesso dessa receita de democracia e progresso com incluso social e reduo das desigualdades regionais. Guido Mantega Presidente do BNDES Jorge Mattoso Presidente da Caixa Econmica Federal</p> <p>6</p> <p>O passo a passo da Elaborao do PPA para municpios</p> <p>Apresentao da 2 Edio Nos ltimos anos, a gesto das finanas pblicas brasileiras vem se pautando por um ambiente crescente de mudana cultural no direcionamento do gasto pblico, no qual a responsabilidade fiscal d a tnica ao gestor pblico na conduo das polticas. A apreenso com o nvel de endividamento do ente pblico conduz a um novo pensar sobre a qualidade dos gastos nas polticas pblicas governamentais, levando a uma preocupao crescente do gestor para a promoo de uma melhoria na composio das despesas oramentrias. Em um ambiente de restrio oramentria e crescentes demandas sociais, cabe uma reflexo sobre qual o melhor direcionamento dos recursos oramentrios para que se possa otimizar o gasto pblico. Diante deste cenrio, destaca-se a necessidade de se trabalhar de forma mais intensa em um maior ordenamento das polticas pblicas, notadamente no nvel municipal. Uma das solues para se conduzir essa questo est no planejamento de mdio e longo prazo das aes de governo. Tendo em vista as limitaes oramentrias, o planejamento funciona como uma ferramenta indutora na conduo e implementao de aes com vistas ao alcance de determinados objetivos em um prazo previamente estipulado. Dentro do ordenamento jurdico brasileiro, o Plano Plurianual - PPA, regido pelo art. 165, inciso I da Constituio Federal e normas complementares, o instrumento normativo para que os entes municipais materializem o planejamento de seus programas e aes governamentais. Com o intuito de criar as condies para a formao da Rede Nacional de Planejamento e Gesto Pblica, propondo uma forte articulao entre a Unio, os Estados e Municpios, o Governo Federal est promovendo o projeto de Mobilizao e Capacitao para Elaborao dos Planos Plurianuais Municipais, com a transmisso por videoconferncia para todo o Brasil. Este projeto, implementado em parceria com os Governos Estaduais e com as associaes de municpios de carter nacional, visa criar as condies necessrias para o cumprimento da exigncia da Lei de Responsabilidade Fiscal - LRF (Lei N 101/2000), que determina que em 2005 os municpios devero elaborar Planos Plurianuais, repetindo o movimento que houve em relao aos Estados no ano de 2003. Para o Governo Federal representa uma excelente oportunidade, j que a partir da Lei do PPA 2004-2007, se disps a firmar compromissos, com Estados, Distrito Federal e Municpios, agrupados por sub-regies, na forma de Pactos de Concertamento. tambm uma oportunidade para contribuir7</p> <p>Plano Plurianual - Manual de Elaborao</p> <p>para melhoria da gesto dos municpios, considerando a transparncia, a eficincia e a orientao para resultados. O objetivo do Governo Federal intensificar a articulao entre os entes federados, no que se refere definio de prioridades, s complementaridades no processo alocativo, bem como s possibilidades de otimizar o gasto pblico por meio de uma gesto compartilhada tripartite, ouvida tambm a sociedade. tambm de melhorar a gesto pblica e a qualidade do gasto, utilizando-se do planejamento participativo como alavanca para uma nova forma de articular uma parte do gasto dos trs entes federativos e trazer a sociedade local para um compartilhamento de responsabilidades na gesto e nos resultados do gasto pactuados a partir de um projeto de desenvolvimento sustentvel do territrio.</p> <p>Paulo Bernardo Silva Ministro de Estado do Planejamento, Oramento e Gesto</p> <p>8</p> <p>O passo a passo da Elaborao do PPA para municpios</p> <p>Apresentao da 1 Edio A Lei de Responsabilidade Fiscal traz uma mudana institucional e cultural no trato com o dinheiro pblico, dinheiro da sociedade. Estamos gerando uma ruptura na histria poltico-administrativa do Pas. Estamos introduzindo a restrio oramentria na legislao brasileira. A sociedade no tolera mais conviver com administradores irresponsveis e hoje est cada vez mais consciente de que quem paga a conta do mau uso do dinheiro pblico o cidado, o contribuinte. A irresponsabilidade praticada hoje, em qualquer nvel de governo, resultar amanh em mais impostos, menos investimentos ou mais inflao, que o mais perverso dos impostos pois incide sobre os mais pobres. O governo no fabrica dinheiro. Esta afirmao pode parecer bvia para alguns, mas no para aqueles que administram contas pblicas gastando mais do que arrecadam. Deixando dvidas para seus sucessores e assumindo compromissos que sabem, de antemo, no podero honrar. este tipo de postura, danosa para o Pas, que coibida pela Lei de Responsabilidade Fiscal. A deciso de aumentar gastos, independentemente de seu mrito, precisa estar acompanhada de uma fonte de financiamento. A Lei refora os princpios da Federao. Governantes de Estados e Municpios no tero que prestar contas de seus atos ao governo federal, mas ao seu respectivo Legislativo, ou seja, comunidade que os elegeu. Tudo isso ser feito de forma simplificada...</p>