07 azul 2015 p2 reg - .2º dia caderno 7 2015 azul *azul25dom1* 2ª aplicaÇÃo. lc - 2º dia |...

Download 07 AZUL 2015 P2 REG - .2º DIA CADERNO 7 2015 AZUL *AZUL25dom1* 2ª APLICAÇÃO. LC - 2º dia | Caderno

Post on 08-Nov-2018

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • A COR DA CAPA DO SEU CADERNO DE QUESTES AZUL. MARQUE-A EM SEU CARTO-RESPOSTA.

    PROVA DE REDAO E DE LINGUAGENS, CDIGOS E SUAS TECNOLOGIASPROVA DE MATEMTICA E SUAS TECNOLOGIAS

    No saio de dentro de mim nem pra pescar.

    LEIA ATENTAMENTE AS INSTRUES SEGUINTES:

    1. Este CADERNO DE QUESTES contm a Proposta de Redao e 90 questes numeradas de 91 a 180, dispostas da seguinte maneira:

    a) as questes de nmero 91 a 135 so relativas rea de Linguagens, Cdigos e suas Tecnologias;

    b) as questes de nmero 136 a 180 so relativas rea de Matemtica e suas Tecnologias.

    ATENO: as questes de 91 a 95 so relativas lngua estrangeira. Voc dever responder apenas s questes relativas lngua estrangeira (ingls ou espanhol) escolhida no ato de sua inscrio.

    2. e o seu CADERNO DE QUESTES contm a quantidade de questes e se essas questes esto na ordem mencionada na instruo anterior. Caso o caderno esteja incompleto, tenha defeito ou apresente qualquer divergncia, comunique ao aplicador da sala para que ele tome as providncias cabveis.

    3. Para cada uma das questes objetivas, so apresentadas 5 opes. Apenas uma responde corretamente questo.

    4. O tempo disponvel para estas provas de cinco horas e trinta minutos.

    5. CARTO-RESPOSTA.Os rascunhos e as marcaes assinaladas no CADERNO DE QUESTES no sero considerados na avaliao.

    6. Somente sero corrigidas as redaes transcritas na FOLHA DE REDAO.

    7. Quando terminar as provas, acene para chamar o aplicador e entregue este CADERNO DE QUESTES e o CARTO-RESPOSTA/FOLHA DE REDAO.

    8. Voc poder deixar o local de prova somente aps decorridas duas horas do incio da aplicao e poder levar seu

    prova nos 30 minutos que antecedem o trmino das provas.

    EXAME NACIONAL DO ENSINO MDIO

    ATENO: transcreva no espao apropriado do seu CARTO-RESPOSTA,

    Ministrioda Educao

    2 DIACADERNO

    7AZUL2015

    *AZUL25dom1*

    2 APLICAO

  • LC - 2 dia | Caderno 7 - AZUL - Pgina 2

    2015*AZUL25dom2*

    PROPOSTA DE REDAOA partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construdos ao longo

    de sua formao, redija texto dissertativo-argumentativo em modalidade escrita formal da lngua portuguesa sobre o tema O histrico desafio de se valorizar o professor, apresentando proposta de interveno que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

    TEXTO I

    ideia de frequentar um curso de qualidade, que dava uma excelente cultura geral e preparo adequado para exercer

    da mulher que lecionava era bem aceita e apontada s moas como exemplo de honestidade e ideal a ser seguido. O mesmo acontecia com o professor. A famlia

    considerao e estes detinham um prestgio social que estava em claro desacordo com a remunerao salarial percebida. Eles desfrutavam um prestgio advindo do saber, e no do poder aquisitivo. ALMEIDA, J. S. D. Mulher e educao: a paixo pelo possvel. So Paulo: Unesp, 1998 (adaptado).

    TEXTO II

    Disponvel em: http://www.sinpro-rs.org.br. Acesso em: 26 jun. 2015 (adaptado).

    TEXTO III

    temos a impresso que a imagem social e a condio econmica dos professores se encontram num estado de

    docente continua a revelar facetas atrativas. evidente que h uma perda de prestgio, associada alterao do papel tradicional dos professores no meio local: os professores do ensino primrio j no so, ao lado dos procos, os nicos agentes culturais nas aldeias e vilas da provncia; os professores do ensino secundrio j no pertencem elite social das cidades.

    NVOA, A. O passado e o presente dos professores. In NVOA, A. (Ed.). . Porto: Porto Editora, 1995 (adaptado).

    TEXTO IV

    Disponvel em: http://www.sinprodf.org.br. Acesso em: 26 jun.2015.

    INSTRUES:O rascunho da redao deve ser feito no espao apropriado.

    A redao que apresentar cpia dos textos da Proposta de Redao ou do Caderno de Questes ter o nmero de linhas copiadas desconsiderado para efeito de correo.

    Receber nota zero, em qualquer das situaes expressas a seguir, a redao que:tiver at 7 (sete) linhas escritfugir ao tema ou que no atender ao tipo dissertativo-argumentativo.apresentar proposta de interveno que desrespeite os direitos humanos.apresentar parte do texto deliberadamente desconectada do tema proposto.

  • LC - 2 dia | Caderno 7 - AZUL - Pgina 3

    2015 *AZUL25dom3*

    LINGUAGENS, CDIGOS E SUAS TECNOLOGIASQuestes de 91 a 135Questes de 91 a 95 (opo ingls)

    QUESTO 91

    Disponvel em: www.barhampc.kentparishes.gov.uk. Acesso em: 31 jul. 2012.

    Uma campanha pode ter por objetivo conscientizar a populao sobre determinada questo social.Na campanha realizada no Reino Unido, a frase A third

    foi utilizada para enfatizar o(a)

    A desigualdade social.B escassez de plantaes.C reeducao alimentar.D desperdcio de comida.E custo dos alimentos.

    QUESTO 92

    36 hours in Buenos Aires

    Contemporary Argentine history is a roller coaster of

    operas. But through all the highs and lows, one thing has remained constant: Buenos Airess graceful elegance and cosmopolitan cool. This attractive city continues to draw food lovers, design buffs and party people with its riotous night life, fashion-forward styling and a favorable exchange rate. Even with the uncertain economy, the creative energy and enterprising spirit of Porteos, as residents are called, prevail just look to the growing ranks of art spaces, boutiques, restaurants and hotels.

    SINGER, P. Disponvel em: www.nytimes.com. Acesso em: 30 jul. 2012.

    Nesse artigo de jornal, Buenos Aires apresentada como a capital argentina, que

    A foi objeto de novelas televisivas baseadas em sua vida noturna e artstica.

    B manteve sua elegncia e esprito cosmopolita, apesar das crises econmicas.

    C teve sua energia e aspecto empreendedor ofuscados pela incerteza da economia.

    Destvel, com repercusso na arte.

    E parou de atrair apreciadores da gastronomia, devido ao alto valor de sua moeda.

    QUESTO 93

    Horse or cowPrior to taking retirement and selling off his land, a

    farmer needed to get rid of all the animals he owned, so he decided to call on every house in his village. At houses where the man was the boss, he gave a horse; at houses where the woman was the boss, he gave a dairy cow.

    Approaching one cottage, he saw a couple gardening and called out, Whos the boss around here?

    I am, said the man.The farmer said: I have a black horse and a brown

    horse. Which one would you like?The man thought for a minute and said, The black one.No, no, get the brown one, said his wife.The farmer said, Heres your cow.

    TIBBALLS, G. The book of senior jokes. Great Britain: Michael OMara, 2009 (adaptado).

    O texto relata o caso de um fazendeiro prestes a se aposentar e vender sua fazenda. O aspecto cmico desse texto provm daA constatao pelo fazendeiro da razo de sua

    aposentadoria.B opinio dos vizinhos referente forma de se livrar dos

    animais.C percepo do fazendeiro quanto relao de poder

    entre o casal.D agressividade da esposa relacionada a um

    questionamento inocente.E indeciso dos cnjuges quanto melhor escolha a

    ser feita no momento.

  • LC - 2 dia | Caderno 7 - AZUL - Pgina 4

    2015*AZUL25dom4*

    QUESTO 94First Footing

    when public clocks would chime to signal the start of the new year , neighbours would visit one anothers houses to wish each other a good new year. This visiting was

    house was a tall, dark and handsome man perhaps as a reward to the woman who traditionally had spent the previous day scrubbing her house (another Hogmanay ritual). Women or red heads, however, were always

    be warm and safe, and shortbread or black bun (a type of fruit cake) to symbolise that the household would never go hungry that year.

    First-footing has faded in recent years, particularly with the growth of the major street celebrations in Edinburgh and Glasgow, although not the Scots love of a good party, of which there are plenty on the night!

    Disponvel em: www.visitscotland.com. Acesso em: 23 nov. 2011.

    A partir da leitura do texto sobre a comemorao do Ano-novo na Esccia, observa-se que, com o tempo, aspectos da cultura de um povo podem serA passados para outros povos.B substitudos por outras prticas.C reforados pelas novas geraes.D valorizados pelas tradies locais.E representados por festas populares.

    QUESTO 95

    Annual Greenhouse Gas Emissions by Sector

    Industrialprocesses

    Waste disposaland treatment

    Transportation fuels

    Land use andbiomass burning

    Residential, commercial,and other sources

    Fossil fuel retrieval,processing, and distribution

    Agriculturalby-products

    Power stations16.8%

    14.0%

    12.5%

    21.3%

    10.0%

    10.3%11.3%

    3.4%

    Disponvel em: www.globalwarming.org. Acesso em: 31 jul. 2012 (adaptado).

    A emisso de gases txicos na atmosfera traz diversas consequncias para nosso planeta. De acordo com o

    Global warming is an international issue, observa-se queA as queimadas poluem um pouco mais do que os

    combustveis usados nos meios de transporte.B as residncias e comrcios so os menores emissores

    de gases de efeito estufa na atmosfera.C o processo de tratamento de gua contribui para a

    emisso de gases poluentes no planeta.D os combustveis utilizados nos meios de transportes

    poluem mais do que as indstrias.E os maiores emissores de gases de efeito estufa na

    atmosfera so as usinas eltricas.

    LINGUAGENS, CDIGOS E SUAS TECNOLOGIASQuestes de 91 a 135Questes de 91 a 95 (opo espanhol)

    QUESTO 91Desde luego que para quienes continuamos

    escribiendo en quechua, en aymara o en las lenguas amaznicas,